Deter um homem para fotografar cães vivos em um barranco em Tenerife

Biceche ravina

A policia Civil encontrou uma dúzia de corpos de animais no fundo de um penhasco em Tenerife

A Guarda Civil prendeu um homem que atirou vários cães ao vivo em um barranco em Tenerife, conforme relatado, na terça-feira, o Instituto armado.

A prisão veio na sequência de uma denúncia feita por um grupo ambiental que encontrei no desfiladeiro de Biceche, em Arona, corpos de uma dúzia de cães em estado de decomposição, disse em um comunicado, a Guardia Civil.

Funcionários inspeccionados os cães e usando um leitor de microchip localizado a pessoa que apareceu para ser registrado como um proprietário de dois deles.

Uma vez localizado, Ele acusou como o suposto autor de um crime de abuso de animal, eles tomaram a sua declaração e deixaram livre da obrigação de comparecer perante a autoridade judicial, quando necessário.

Nessa audiência o suposto autor reconheceu ter Descartado dois dos cães, ao vivo, na parte inferior do barranco.

EFE

0 0 voto
Classifique a entrada

Partilhar é preocupar-se!!

Inscrever-se
Notificar de
hóspede

Este site usa Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados comentário é processado.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
ações
0
Amaria seus pensamentos, por favor comente.x