Malamute-do-alasca
Estados Unidos FCI 243 . Cães Nórdicos de Trenó

Malamute-do-alasca

O Malamute-do-alasca Ele tem uma reputação de ser teimoso e difícil de treinar entre as pessoas fazem não sei.

Conteúdo

Alaska História Malamute

Também chamado Alaskan Malamute. É nativo para o cão Arctic, e uma das mais antigas raças dentro cães de trenó.

É um cão com uma aparência forte, forte, com boa musculatura. Ele é capaz de transportar um peso significativo (até 20 kg) para dezenas de quilómetros. Esta é uma raça muito antiga, desde as primeiras corridas de cães de trenó.

Criado por uma tribo de Inuit chamada mahlemiut. O significado da palavra mahle É desconhecido, Mas sabe-se que mouse significa “cidade de”. Mahlemiut como Mahle pessoas, portanto, podem ser interpretadas. Seguindo a fonética inglesa, dicção é então transformada em MALAMUTE.

A área habitada pelo povo do MALAMUTE foram os bancos de Kotzebue Sound, um território entre dois grandes rios: o Kobuk e o Noatak. Homens e mulheres da tribo mahlemiut (MALAMUTE) Eles foram altamente valorizada entre outros tribos Inuit por sua coragem, seu orgulho e sua habilidade na caça e pesca.

    Estes cães eram famosos pela sua beleza e características de força e resistência, eles fizeram deles elementos ideais para fotografar.

Eles foram, em geral, maior e mais poderoso do que os outros cães nórdicos, com semelhante em aparência para o Lobo e grande e macio caudas transportadas na parte de trás. Testemunhas contemporâneas contá-la entre 1870 e 1880 aproximadamente, o caribu, por razões inexplicadas, Eles mudaram suas rotas de migração usuais e tirar o tribos Malamute uma importante fonte de subsistência.

Nestas condições famílias já não podiam manter grupos de cães treinados para mais do que dois ou três cópias: testemunhos do tempo falando sobre homens, mulheres e crianças até mesmo ajudaram seus cães para puxar os trenós. Assim a população começou a declinar e a forma como eles correram para seus cães.

Sua capacidade de transporte de cargas pesadas que é revelado quando ele é escolhido para expedições ao Círculo Polar Ártico, como os dois que colocou o Almirante Byrd. Eles também foram utilizados como um resgate de cão ferido na II Guerra Mundial.

Sua presença, sempre com o head-up, Ele dá algum aspecto impressionante que, No entanto, Não é incompatível com uma personagem muito simpática e brincalhão com seus proprietários, Embora ele dá a impressão de ser um cão muito grave qualquer um que não sabe nenhuma raça.

As características físicas do Malamute-do-alasca

Ele tem duas camadas pelo: um externo, grossa e áspera, e uma sensação interna oleosa e lanoso, e é mais longo na área do pescoço e ombros, na parte de trás e a cauda. Sua Cor É predominantemente cinza, mas cores que vão do branco ao areia avermelhada permitido.

A cauda é bem coberta e carregada sobre as costas; tem a aparência de um arbusto de penas que balança.

O Malamute fica ereto nas patas e incorpora o orgulho e a grande alegria do movimento com sua postura de cabeça ereta e olhos radiantes e alertas., interesse e curiosidade. A cabeça dele é larga. As orelhas são triangulares e eretas quando a atenção é chamada. O focinho é maciço e afunila apenas ligeiramente da base ao nariz. Não é pontudo, nem longo, nem curto e grosso. … O Malamute deve ter ossos pesados ​​e pernas poderosas, boas pernas, um peito profundo, ombros poderosos e todas as outras condições físicas de que você precisa para fazer seu trabalho com eficiência. Seu movimento deve ser suave, harmonioso, incansável e totalmente eficiente. Ele não foi criado como um cão de trenó de corrida para competições de velocidade.

Em contraste com outras raças, Quando se molhar não é drasticamente reduzido seu tamanho.

Existem diferentes cores no Malamute-do-alasca, Preto com branco, café, avermelhada e recentemente encontrada uma cor branca Malamute. A história desta cor é igual da Husky siberiano; eles são brancos para camuflar na neve e, assim, ser capaz de capturar presas.

Qual é o tamanho de um Malamute do Alasca?

Os malamutes têm uma altura na cernelha de 64 cm nos machos e 59 centímetros nas fêmeas. O peso está entre 34 e 38 kg.

Quanto tempo pode viver um Malamute do Alasca?

Sua expectativa de vida é mais do que 12 anos.

Caráter e habilidades Malamute-do-alasca

É um cão de trenó com origens antigas, pouco mudou desde a sua origem Lobo. Isso não significa que ele é agressivo. Enquanto sua aparência e orgulho podem impressionar o observador externo, É um animal lúdico (Quando você está convidado a fazê-lo), fiéis ao seu mestre e um grande instinto protetor com crianças.

É um cão fora, Ela ama o ar livre e tem o prazer de viver ao ar livre; Se bloqueia-lo depois de uma cerca, É muito provável que encontrar a maneira de escapar, porque gosta de liberdade e não perder a chance de ir em busca de uma aventura ou uma carreira.

Timidez geralmente não é um bom sinal., mas felizmente, parece ser uma característica muito rara nesta corrida e se ocorrer pode ser devido a causas fora de genética animal e tendo sido produzido por um proprietário que não deu uma boa socialização, mantê-lo trancado e carentes de estímulos psíquicos, interação com o mesmo tipo e um contato humano muito limitado. Se detectar, Ele deve ser monitorado e fornecer treinamento superar o problema, que caso contrário seu comportamento pode tornar-se imprevisível e, portanto, perigosas.

Por outro lado, dada a forma de partilha de vida nômade e esquimó tudo, não é uma corrida de proteção, mas pode ser uma boa Alerta do cão, Ele irá notificar o proprietário que ele vê algo estranho, com o som tão particular emite, É uma combinação entre o uivo e casca.

    Não é um cão de guarda e defesa do que por natureza tendem a ser amigável com os seres humanos.

Como resultado da sua antiga vida, É um cão com forte instinto de rebanho e hierarquia, o que resulta em frequentes ataques com outros animais.. Além disso, os machos são muito territoriais e competitivas entre si, assim não é aconselhável para acomodá-los juntos. As fêmeas podem ser mais fáceis de treinar e melhor adaptado para viver em casas. Esta corrida como o ser humano empresa, tem enormes doses de lealdade, amor e vontade de trabalhar, O que faz um bom cão doméstico.

Ele é carinhoso com crianças, mesmo com estranhos, e ele ama para acompanhá-los em todos os lados. Devido ao seu caráter independente tem fama de ser teimoso e difícil de treinar entre as pessoas que não sabem. No entanto, Existem Malamutes campeões que trabalham com obediência cega.

Eles são sensíveis, carinhoso e brincalhão, mas eles sabem se para proteger eficazmente. Com uma boa formação e socialização são cães equilibradas, fisicamente e psicologicamente, porque eles têm bom potencial para aprender porque eles são rápidos para aprender e reflexos agudos.

Mixagens populares

Misturas de Malamute-do-alasca com outras raças de cães são comuns na cena do cão de trenó. Muitos mushers eles tentam melhorar o desempenho de seus cães. Indivíduos que, do ponto de vista dos condutores, não apresentam um desempenho ideal contra o trenó, eles às vezes ficam no abrigo ou são oferecidos como cães de companhia.

Cuidados, saúde e doenças

De quanto cuidado um Malamute do Alasca precisa?

O Malamute-do-alasca precisa de escovação regular, pelo menos semanalmente, do casaco. Mudança de casaco, duas vezes ao ano, é particularmente intensivo. Então sua casa, seu carro e suas roupas estarão cheios de seus longos cabelos, mesmo que escovem diariamente. Mas o principal esforço para seu cuidado se deve à sua natureza de cão de trenó.

Existe uma doença típica do Malamute do Alasca?

O Malamute-do-alasca é uma raça de cachorro muito saudável, contanto que não seja criado de forma extrema, que felizmente foi visto muito pouco até agora: cães muito pesados ​​com pernas muito curtas.

Qual comida é melhor para um Malamute do Alasca?

O Malamute-do-alasca costuma ser um comedor exigente. O mushers eles têm receitas secretas com guloseimas para fornecer aos cães energia suficiente antes das corridas. Como a maioria dos cães, gosta de osso de boi carnudo e carne fresca.

Atividades

O Malamute-do-alasca tem que trabalhar. Isso normalmente significa seu uso como um cão de trenó.. Uma atitude como a de um cão de fazenda ou de família não seria apropriada para a espécie.

Considerações antes da compra

Onde você pode comprar um Malamute do Alasca?

Se você estiver interessado em um Malamute-do-alasca, a primeira coisa a fazer é visitar algumas corridas de cães de trenó. Então você deve verificar se deseja passar pelo menos os próximos dez anos uma vida comum, desportivo e intensivo com estes cães e também tendo as condições objetivas para isso. Em seguida, você deve obter informações de um criador local que seja afiliado a um clube de cães de trenó.. Se tudo correr bem, você terá uma experiência maravilhosa.

Criação e manutenção

É um malamute do Alasca bom para mim?

O Malamute-do-alasca um cão não é para principiantes. Você exige muito da sua atitude, decorrente de seu destino como um cão de trenó original. Todas as vidas de seus cuidadores, sua família humana deve se ajustar às suas necessidades. O verdadeiro MALAMUTE precisa do desafio para o trenó física e mentalmente. Aqui estão várias possibilidades de substituição, mesmo sem neve. Vemos uma espécie de trenó sobre rodas como um triciclo ou um carro de treinamento com quatro pneus. Especialmente para Malamutes, competições de arrasto são organizadas, que são aceitos pelos cães com muita alegria e total comprometimento. Especialmente o esporte de trenó puxado por cães tem algo muito especial. Dirigindo com o trenó do MALAMUTE através de uma paisagem de neve no inverno é uma das maiores experiências de todas.

Também permite que você experimente uma profunda unidade entre homem-cão e a natureza de uma forma que, de outra forma, dificilmente seria possível.. Claro que também é bom para sua saúde.

Ao viajar, é melhor levar o MALAMUTE em uma caixa de transporte de alumínio. O Malamute não é um cachorro para um apartamento. Uma casa com um “jardim” deve ser um espaço ideal para esta raça.

O MALAMUTE é uma das poucas raças de cães que podem ser mantidas em matilha em um canil sem nenhum problema. Mas este canil deve ser bem protegido. Não é isso Malamutes são um perigo para o meio ambiente, mas eles são reis de fuga e eles cavam bem e com gosto. Você mal pode acreditar, através dos quais pequenos buracos esses cães pesados ​​podem escapar.

Para o malamutes eles gostam de dormir ao ar livre e se aninhar com a cabeça debaixo do rabo durante a maior tempestade de neve. O Jardim, onde o Malamutes, não deve ser considerado como um jardim ornamental, para colocar de uma maneira legal. O malamutes exigem que todo o estilo de vida esteja em sintonia com esta associação.

O Malamute-do-alasca pode ser bem treinado por um dono de cachorro experiente. É preciso aceitar o desafio, até amor, de lutar mentalmente com esses cães primitivos e autoconfiantes. Eles aceitarão de bom grado seus mestres e cuidadores, será leal a eles, mas devem ter qualidades de liderança combinadas com muita mente canina. Você tem que se comprometer totalmente com a experiência de ter um MALAMUTE. Não é um cão para pessoas sem profunda experiência canina.

fotos Alaskan Malamute

vídeos Alaskan Malamute

Classificações do "Malamute-do-alasca"

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão "Malamute-do-alasca" você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

Adaptação ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ Cão amigável

Avaliado 1 fora de 5
1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Precisa de exercício ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade social ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Casa ⓘ

Avaliado 1 fora de 5
1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Sanita ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Cascas ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Saúde ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ Territorial

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

Avaliado 1 fora de 5
1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Inteligência ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Versatilidade ⓘ

Avaliado 2 fora de 5
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vigilância ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Alegria ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI:
  • Grupo :
  • Seção : . .

Federações:

  • FCI – Grupo 5: Seção: 1 Cães Nórdicos de Trenó
  • AKC – Trabalho Toy
  • ANKC – Grupo 6 – (Utilitário)
  • CKC – Grupo 3 – (Cães trabalhadores)
  • KC – Trabalho
  • NZKC – Utilitário Toy
  • UKC – Raças do norte

Padrão da raça FCI "Malamute-do-alasca"

Origem:
E SE, Estados Unidos

Data de publicação do padrão original válido:
14.08.1996

Uso:

Cão de trenó



Aparência geral:

O Malamute do Alasca é uma das raças mais antigas de cães de trenó. Este é um cachorro poderoso, solidamente construído, peito profundo e corpo forte e musculoso. Seus membros estão bem posicionados quando em pé e sua atitude mostra grande energia. A cabeça a leva alto, com um porte altivo; o olhar, sempre alerta, expressa interesse e curiosidade. A cabeça é grande; as orelhas são triangulares e ficam eretas quando o cão está atento. O focinho é compacto e sua largura, da raiz à trufa, diminui apenas ligeiramente. Não é longo, ou cortantes, mas também não está truncado. O pelage é densa; o pelo da pelagem externa é grosso e de comprimento suficiente para proteger a pelagem interna que é lanosa.
Esta raça existe em cores diferentes. Marcas faciais são uma característica distintiva. Estes consistem em uma espécie de tampa que cobre a cabeça. O rosto, ou é completamente branco, ou tem uma faixa e / ou uma máscara. A cauda transportada nas costas tem a aparência de uma pluma ondulante. O cabelo dela é abundante.

O Malamute é dotado de um esqueleto forte e seus membros não apresentam nenhum defeito. Pés são bons, o peito é profundo e os ombros são poderosos.

Possui todas as outras estruturas físicas necessárias que lhe permitem realizar sua tarefa com eficácia. Seus movimentos são fluidos, equilibrado, incansável e totalmente eficiente. Este cão não foi projetado para competir com outros puxando o trenó em corridas de velocidade, seu valor está em sua força e resistência. Qualquer recurso individual, incluindo temperamento, que interfere na realização deste propósito, deve ser considerada como a mais grave das ofensas.

PROPORÇÕES IMPORTANTES: A altura do peito corresponde aproximadamente a metade da altura na cernelha; o ponto mais baixo do tórax fica exatamente atrás do antebraço. O comprimento do corpo, tirado da ponta do ombro até a ponta da nádega, excede a altura na cernelha.



Comportamento / temperamento:

O Malamute é um cão carinhoso, amigável e nenhum cachorro do dono. Ele é um companheiro leal e dedicado, disposto a jogar quando encorajado, mas geralmente impressiona com a dignidade como um adulto.

Cabeça:

É amplo e profundo, mas não é grosso ou pesado e deve ser proporcional ao tamanho do cão. A expressão é doce e indica uma disposição afetuosa.

Região craniana:
  • Crânio: Largo e moderadamente arredondado entre as orelhas. Estreitando e gradualmente achatando na parte superior, perto dos olhos; é redondo na região das bochechas, que são bastante planos. Um ligeiro sulco pode ser visto entre os olhos. A linha superior do crânio e a linha superior do focinho formam quase uma linha reta.
  • Nasofrontal depression (Stop): Leve.

Região facial:

  • Trufa: Em todas as cores da pele, exceto para o vermelho, É preto, bem como os lábios e a borda das pálpebras.
    Castanho é permitido em cães com pêlo vermelho. O nariz "e neve" é aceito, que é marcado por uma faixa mais leve.
  • Focinho: É grande e massivo, em relação ao tamanho do crânio. Sua largura e profundidade diminuem muito pouco desde a junção com o crânio até o nariz..
  • Lábios: Eles são apertados.
  • Mandíbulas / Dentes: Ambas as mandíbulas são largas e têm dentes fortes. Os incisivos formam uma mordedura em tesoura. Tanto o prognatismo superior quanto o inferior constituem uma falha.

OLHOS: Eles estão dispostos obliquamente no crânio. São castanhos, amendoado e médio. Olhos azuis constituem uma falta eliminatória.

ORELHAS: Médias, embora pequeno em relação ao crânio. Eles são de forma triangular e ligeiramente arredondados na extremidade.. Implantação bem separada, estão localizados nas bordas externas da parte de trás do crânio, alinhado com o canto superior do olho, pela qual, quando as orelhas estão em pé, parece se afastar do crânio. Quando eles estão de pé, orelhas apontam ligeiramente para frente, mas quando o cachorro trabalha, às vezes eles se dobram e grudam no crânio. Orelhas de implantação alta são uma falha.

Pescoço:

Eles estão dispostos obliquamente no crânio. São castanhos, amendoado e médio. Olhos azuis constituem uma falta eliminatória.

Corpo:

É compacto na construção, mas não é excessivamente curto. Não deve estar acima do peso, e a estrutura óssea é proporcional ao tamanho.

  • Voltar: Em linha reta; desce com uma ligeira inclinação para os quadris. Lombo de porco: Sólido e bem musculoso. Um longo lombo que pode enfraquecer
    as costas constituem uma falta.
  • No peito: Bem desenvolvido.

Cola:

Inserção mediana seguindo a linha da coluna. O cachorro carrega nas costas quando está em repouso. Não se inclina contra a linha superior, nem se torce em uma curva fechada nas costas, bem como não é coberto de pêlos curtos como a cauda da raposa. A cauda do Malamute é muito espessa e tem o aspecto de uma pluma ondulada..

Extremidades

MEMBROS ANTERIORES: Eles são musculosos e de ossatura forte. Visto de frente, vão direto para os metacarpos.

Ombro: Eles são moderadamente oblíquos.

Metacarpo: Visto de perfil, eles são pequenos, sólido e ligeiramente oblíquo.

Pés anteriores: Os pés são do tipo "raquete de neve", fechado e grosso com almofadas de ouvido bem acolchoadas para uma aparência firme e compacta. Eles são grandes e os dedos dos pés estão juntos e bem arqueados. Cabelo protetor cresce entre os dedos. As almofadas são duras e grossas. As unhas são curtas e fortes.

MEMBROS POSTERIORES: Eles devem ser largos. Visto de trás, ambos quando o cachorro está de pé, como quando em ação, deve estar perfeitamente alinhado com os membros anteriores. Visto de trás, o cachorro não é muito estreito, não muito largo. Os ergôs dos membros posteriores são indesejáveis ​​e devem ser removidos logo após o nascimento dos filhotes.

Coxa: Deve ser bem musculoso.Joelho: Sua angulação é moderada.

Jarretes: Sua junta é moderadamente dobrada e bem rebaixada.

Pés de volta: Os pés são do tipo "raquete de neve", fechado e grosso com almofadas de ouvido bem acolchoadas para uma aparência firme e compacta. Eles são grandes e os dedos dos pés estão juntos e bem arqueados. Cabelo protetor cresce entre os dedos. As almofadas são duras e grossas. As unhas são curtas e fortes.

Movimento:

É solto, fluido, equilibrado e poderoso. O Malamute é ágil, levando em consideração seu peso e tamanho. Visualizacões de perfil, os membros posteriores produzem um forte impulso que é transmitido aos membros anteriores por meio de uma região lombar bem musculada. Este impulso recebido pelos membros anteriores produz um movimento prolongado e sustentado. Vistos de frente ou de trás, os membros se movem em linha reta e não estão muito próximos., não muito longe. Durante a corrida rápida, membros tendem a convergir para o centro de gravidade do corpo. Um passo duro, ou qualquer movimento que não seja completamente eficaz e incansável deve ser penalizado.

Manto

Cabelo: A camada externa dos cabelos é espessa e áspera, nunca muito, nem macio. O subpêlo dos cabelos é denso, de 2,5 - 5 cm (1-2 dentro) de espessura. Também é oleoso e lanoso. Comprimento do cabelo é variável, ambos no revestimento externo áspero, como na camada interna. O cabelo varia de relativamente curto a médio nas partes laterais do corpo; seu comprimento aumenta ao redor dos ombros e pescoço, nas costas e na garupa, bem como as calças e a pluma. De um modo geral, o Malamute tem cabelo mais curto e menos denso durante os meses de verão. Nas exposições, esta raça deve ser apresentada no estado natural. O aliciamento só é permitido para dar aos pés uma aparência limpa.

Cor: As cores usuais variam, de cinza claro a tons intermediários, de preto a vermelho. A combinação de cores na camada interna dos fios é aceita, na cara (arcos supraciliares, orelhas, lábios, nariz) e entre as áreas brancas e pigmentadas. A única cor sólida aceita é o branco. Esta é sempre a cor predominante nas partes inferiores do tronco, uma parte dos membros, os pés e uma parte das marcas faciais. Uma faixa branca na testa, um colar, o ambos, bem como uma pequena mancha na nuca, eles chamam a atenção e são admitidos. O casaco do Malamute é estendido como um cobertor; uma cor irregular espalhando-se por todo o corpo ou na forma de respingos assimétricos não deve ser permitida.



Tamanho e peso:

Esta raça tem uma variedade natural de tamanhos.

Para o trabalho, os tamanhos desejados são: 63,5 cm (25 polegadas) altura na cernelha para um peso de 38 kg (85 Português libras) nos machos, e nas fêmeas 58,5 cm (23 polegadas) altura na cernelha para um peso de 34 kg (75 Português libras). No entanto, as considerações de tamanho não devem ser mais importantes do que o tipo, as proporções, movimento e tudo o que diz respeito à função. Se durante o julgamento alguns cães forem do mesmo tipo, proporções e função, Aquele que estiver mais próximo do tamanho desejado será selecionado para poder realizar trabalhos pesados.

IMPORTANTE: Ao julgar o Malamute, o que deve prevalecer sobre qualquer outra consideração é sua função como um cão de trenó usado para transportar cargas pesadas. A severidade da penalidade dependerá do quanto a amostra se desvia da descrição do Malamute ideal e da extensão em que um defeito específico afeta a capacidade de trabalho.. Os membros do Malamute devem mostrar uma força incomum e uma grande força propulsora.. Qualquer sinal de imperfeição nos membros ou pés, dianteiro ou traseiro, ou quando o cachorro está de pé, ou quando em ação, deve ser considerado uma ofensa séria. Dadas essas pré-condições, as falhas seriam as seguintes: pés esmagados, jarretes de vaca, metacarpos defeituosos, ombros retos, falta de angulação, movimento rígido (ou qualquer movimento que não esteja equilibrado, enérgico e uniforme), falta de substância, peito que não é profundo o suficiente, corpo grosso ou de ossatura leve e proporções gerais medíocres.



Falhas:

Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

FALHAS DE DESCALIFICANTES:

  • Agressividade ou extrema timidez.
  • Qualquer cão mostrando sinais claros de anormalidades físicas ou comportamentais.
  • Cão agressivo ou medroso.
  • Olhos azuis.


N.B.:
  • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
  • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

Fonte: F.C.I - Fédération Cynologique Internationale

Nomes alternativos

    1. Alaskan Malamute, Mal, Mally (Inglês).
    2. Malamute de l’Alaska (Francês).
    3. Alaskan Malamute (Alemão).
    4. Malamute-do-alasca (Português).
    5. Alaskan malamute (español).

Aksaray Malakli
Tuquía Não reconhecido pela FCI . vaqueiro

Aksaray Malakli

O Aksaray Malakli é um cachorro peculiar, acostumados a pensar e agir por si mesmo

Conteúdo

Historia qualificado Aksaray

Sheepdog de Turquia, foi desenvolvido na província de Aksaray, um da 81 províncias Turquia. A capital da província é a cidade de Aksaray, Daí o nome da raça. Enquanto seu nome é Aksaray, a raça se espalhou por toda a área que compreende as fronteiras das províncias vizinhas. Faz fronteira com as províncias de Konya o sul e oeste, Nigde sudeste, Nevsehir leste e Kirsehir para o norte.

É um cão vaqueiro. O gado tem sido a mais importante fonte de subsistência dos nativos durante séculos, em seguida, houve muitos rebanhos de ovelhas e gado em geral, e estes belos cães foram dedicados para os bandos de proteção e guarda juntamente com os seus proprietários, desde tempos imemoriais.

O Aksaray Malakli, "na região do nativa frequentemente era chamada"Pastor Anatólia”, por que chamá-lo de que não é por causa era Aksaray (Cidade) e seus arredores, no coração de Anatolia mas porque ser muito semelhante à raça Pastor Anatólia (conhecido como Karabash na área de), muitos criadores a vender aos agricultores interessados ​​em cópias de Pastor Anatólia, potenciais compradores disse que não era que a raça e Aksaray Malakli.

    I.e., por muitos anos você estava vendendo cães Aksaray Malakli Eles estão dizendo que eles eram da raça Pastor Anatólia.

Mas esse costume foi chegar a orelha e as coisas mudadas de todos, começaram a regulamentar os programas de reprodução e endurecido as exigências do anel de Visualizar, Uma vez que muitos criadores fazem reivindicações.

Essas reivindicações começaram a ser tidos em conta, especialmente desde que, mantendo alguma semelhança existem diferenças óbvias na cabeça e pés grandes Aksaray Malakli e pendurado lábios.

As características físicas Aksaray Malakli

Eles são cães grandes, volumosos, à primeira vista parece ser preguiçoso, mas na realidade eles são muito ágeis e rápidos. O macho medido 75 - 95 cm de altura a la cruz y las hembras de 53 a 66 cm. O peso deve ser proporcional à estrutura de tamanho e osso. Em geral, o peso varia de 20,5 a 31,75 kg. Os machos são geralmente maiores e mais pesados do que os ossos de fêmeas. 65 - 85 cm. O machos Eles avaliam a 70 - 120 kg e o fêmeas de 50 - 80 kg.

Sua peles Ele tem uma dupla camada. Como todos os cães desta região geográfica, eles precisam de uma pele que lhes permite resistir a temperaturas e climas extremos na área. O cores Eles admitiram vários: Trigo e Brown, Amarelo.

Caráter e habilidades

cão único, acostumados a pensar e agir por si mesmo, tem forte caráter. Ele não hesitou em atacar se ele vê parte de seu rebanho está em perigo (entre o rebanho ser família, crianças, Propiedades…). Isto é suspeitos com estranhos.

De acordo com fontes bibliográficas, e comentários em fóruns, É um muito cães territorial . Eles muitas vezes podem ser agressivos com outros cães, Isso pode ser o legado mais cruel do ser humano. Esta raça de cão foi usado quase, exclusivamente, para dogfighting Talvez seja essa a razão para seu cão fama "agressivo”.

Imágenes Aksaray Malaklısı

Vídeos Aksaray Malakli

Nomes alternativos:

    1. Central Anatolian shepherd, Aksaray Malaklısı, Turkish mastiff (Inglês).
    2. Aksaray Malaklisi, mastife turco, Malakli (Português).
    3. Mastiff d’Anatolie, Malaklı, Mastiff turc (Francês).
    4. Aksaray Malaklısı, Türk Mastifi (Türkischer Mastiff), Malaklı (Alemão).
    5. Mastín turco, Aksaray Malaklısı, Pastor de Anatolia Central (español).

Mastim Americano
Estados Unidos Não reconhecido pela FCI

Mastín Americano

O Mastim Americano Ele foi criado para ser um cão da família, eles atestam este caráter e temperamento

Conteúdo

História

O Mastim Americano "é um cão de raça que foi desenvolvida ao longo de muitos anos de reprodução seletiva por Fredericka Wagner de trote"Flying W Farms” (Canil dedicado à raça), em Piketon, Ohio, atrás 20 o 25 anos (a verdade é que me queimei cílios à procura de data exacta… e não ter dado a ela).

O objetivo foi desenvolver um cão que tinha o tamanho, temperamento, a prestação, e a aparência da raça Mastiff, mas com menos problemas de saúde e não perdeu tanta saliva como outras variedades de cão mastim, e que a expectativa de vida era maior.

Ler mais

Mudi
Hungría FCI 238 - Cães Pastores

Mudi

O Mudi é um cão de mestre único, e uma raça rara fora de sua nativa Hungria.

Conteúdo

História

O Mudi é o nome de uma raça canina de pastoreio cão raro, originalmente da Hungria.

De acordo com a documentação existente, algumas correntes sustentam que o Mudi foi formado em Hungria espontaneamente, entre os séculos XIX e XX.

Outros responder que o Pumi, o Puli e o Pastor croata, são parentes próximos de Mudi.

O que são, eles são seu ancestral e a forma em que ele existia, O que se sabe com certeza é que o Mudi, sobreviveu desta vez graças à valorização dos pastores que louvam sua capacidade inata no qual a protecção dos animais no que diz respeito.

No ano 1936 escreveu o primeiro padrão da raça, nomeando Mudi.

O livro genealógico está ainda em aberto, Isso significa que mais e mais cães deste tipo, eles vivem em sua terra natal, eles são incorporados os registros de reprodução.

O Mudi, "hoje é um"raça rara"existem poucas cópias em seu país natal", e fora da Hungria se hay…, muito poucos centímetros.

Em Hungria levar anos lutando para manter viva a corrida. Como foi o caso com muitas raças de pastores de cães, suas cópias tem diminuído o ritmo do avanço sócio-cultural.

Antes dos rebanhos de gado eram numerosos e pastores… cães, essencial, Esta situação mudou drasticamente de um tempo a esta parte e ao longo do caminho perdemos muitas raças caninas, especializando-se em trabalhar com gado.

Características físicas

Geralmente pesam entre 8 e 13 kg e medida entre 38 e 48 centímetros a Cruz.

O manto é meio ondulado ou Cacheado, com cabelo curto sobre o rosto e pernas. O cores aceites são pretos, Cinzas, Brown, Branco, Castanho e merle.

O Mudi pode ter a cauda curta nascimento ou nascimento com eles longas e cortá-los.

É um cão muito versátil, Você pode estar em um farm, Você pode caçar, exterminar os roedores, tornar guardião, cão efectivos e como cão boyero.

Embora seja uma raça muito menos popular que a Puli e o Komondor no seu país de origem, os proprietários sempre reconhecem sua superioridade devido ao seu talento versátil e sempre amigável e arranjo de trabalho.

  • Cabelo: varia por região. A cabeça e os membros estão cobertos de pêlos curtos, reto e liso. Em outras partes do corpo, há cabelos com comprimento entre e cm, densa, ondulado e brilhante. o subpêlo é organizado em espirais e listras.
  • Cor: preto ou branco brilhante, mas também existem mantos brancos com listras pretas ou pretos com listras brancas, com manchas de tamanho médio e distribuição uniforme.
  • Tamanho: 35 - 47 cm.

O cabelo do Mudi, Ao contrário de outras raças de cães, tem muito pigmento. Superfícies desprovidas de cabelo, Elas devem ser totalmente pretas, No entanto, as almofadas e unhas são cinza ardósia.

Caráter e habilidades

O Mudi é uma corrida muito ativa. Se você mora na cidade é necessário efectuar uma caminhada todos os dias para a etapa de luz, ou executar.

Além disso, Seria benéfico para a saúde têm uma área onde pode correr galopante no exterior, eles precisam de muito exercício para manter a sanos… e feliz.

Para o Mudi Ela gosta de jogar e todos os tipos de esportes no Excel Caninos como o Frisbee, por exemplo.

Também pode competir na agilidade, obediência, Rali da obediência, Schutzhund, Mostrar, Flyball, e controle. Ele tem forte instinto e capacidade de pastagem, com formação adequada, Ele também poderia competir em pastoreio ensaios.

Um Mudi pode viver em uma casa fazendo bastante exercício, mas sempre precisam de um amplo espaço para correr e jogar. Eles estão ativos e podem viver, perfeitamente, ao ar livre.

Sua expectativa de vida é em torno do 14 anos.

Saúde do cão Mudi

O Mudi é uma raça geralmente saudável, com uma expectativa de vida de 12 - 14 anos.

Os problemas de saúde observados no Mudi incluem Epilepsia, Quadril Displasia., catarata, Displasia do cotovelo e luxação patelar.

Se um criador disser que não precisa fazer esses testes porque nunca teve problemas com suas linhagens ou porque seus cães foram examinados ou se deu outra desculpa para economizar nos testes genéticos de seus cães., sair imediatamente.

criadores cuidadosas examinar seus cães produzindo para doenças genéticas e cópias aumento saudáveis ​​única e mais bonita, mas às vezes a mãe natureza tem outras idéias e um filhote de cachorro desenvolve uma dessas doenças, apesar de bons reprodutores práticas. Os avanços na medicina veterinária significam que, em muitos casos, os cães ainda podem viver uma boa vida. Se você vai ter um filhote, pergunte ao criador sobre a idade dos cães em suas linhas e qual foi a causa da morte.

Lembre-se que depois de receber um novo filhote em sua casa, tem o poder de protegê-lo de um dos problemas de saúde caninos mais comuns: a obesidade. Manter um Mudi com o peso certo é uma das maneiras mais fáceis de prolongar sua vida..

Cuidado do cão Mudi

A pelagem do Mudi solte a sujeira (e o cabelo, É claro) e não requer banhos freqüentes. Uma escovação semanal é geralmente tudo o que é necessário e a pelagem não precisa ser aparada.

Se seu Mudi é como a maioria, você vai gostar de nadar na piscina, um lago ou o oceano. Depois disso, lavado com água fresca para remover o cloro, algas ou sal e restaure o brilho do seu casaco.

O Mudi derramando seu casaco na primavera e não o recuperando completamente até o final do verão.

O resto são cuidados básicos. Apare as unhas a cada poucas semanas ou conforme necessário. Escove os dentes frequentemente – com um creme dental para animais aprovado pelo veterinário – para uma boa saúde geral e hálito fresco.

Classificações do "Mudi"

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão "Mudi" você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

Adaptação ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ Cão amigável

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

Avaliado 2 fora de 5
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade social ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Casa ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Sanita ⓘ

Avaliado 2 fora de 5
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Cascas ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Saúde ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ Territorial

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Inteligência ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Versatilidade ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vigilância ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Alegria ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Imagens do Mudi

Vídeos do "Mudi"

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI:Grupo 1 –> Cães de Pastor e Boiadeiros (exceto Boiadeiros Suíços)
    / Seção 1 –> de pastor. Sem prova de trabalho.
  • FCI 238
  • Federações:
    • FCI – Grupo 1 cães de pastoreio, Seção 1 Cães Pastores
    • AKC – Pastoreio
    • FSS
    • CKC – Grupo 7 – cães de pastoreio
    • UKC – cães de pastoreio

    Padrão da raça FCI "Mudi"

    FCIFCI - Mudi
    Mudi

    Nomes alternativos:

      1. Hungarian Mudi, Canis Ovilis Fenyesi (Inglês).
      2. Mudi (Francês).
      3. Mudi (Alemão).
      4. Mudi (Português).
      5. Mudi húngaro (español).

    Maneto
    España Não reconhecida pela FCI

    Maneto

    O Maneto É um cão de um único mestre, com isso será muito afetuoso, mas não pegajosa…

    Conteúdo

    História

    O Maneto É uma raça nativa do Sul da Andaluzia, das províncias de Cádiz e parte das aldeias vizinhas na província de Málaga com Cádiz, Embora sua maior concentração é encontrada no Campo de Gibraltar.

    Um dos seus antepassados é o Podenco andaluz, tem médias, possivelmente devido a uma mutação genética conhecida como basetismo ou nanismo, o que molda a característica para esta corrida.

    Como é o caso em quase todas as raças do cão nativo espanhol, Maneto É o nome com o qual é popularmente chamado por caçadores e pessoas que sabem nas províncias de Cádiz e Málaga, lugares onde esta variedade foi formada a partir da Podenco andaluz.

    Para saber mais sobre a raça: manetoslosbrujos

    Raças de cães: Maneto

    Características físicas

    O Maneto é um cachorro de corpo pequeno, pernas curtas, longuilíneo e muito compacto, os membros são curtos em relação ao comprimento do corpo. É forte estrutura, muscular e compacto.

    Vídeos de Maneto
    Sem título

    Podengo

    A pelagem é curta e suave, brilhante e compacto, abrange igualmente o corpo inteiro e apresenta o mesmo comprimento em todas as partes do corpo.. Eles podem ser Tan, que vai desde a faixa clara para a mais escura, como no gradiente. Ou branco e canela.

    Sua altura à Cruz é entre 30 e 35 cm (os machos e as fêmeas). Y, o peso, é de 9 - 11 Kg.

    O cão Maneto por causa de sua estrutura morfológica, Ele tem sido usado exclusivamente no jogo, em especial, o coelho. É especialmente adaptado para a montagem sob Mediterrâneo com patches Bramble, fluxos e desfiladeiros apertados.

    Uma das características do jogo, é a perseverança e a vontade de, ajuda a seu corpo, post que permite que você tenha acesso ao terreno complicado de arbustos baixos e grossos, área para que outros cães indígenas da Andaluzia, não poderia mesmo entrar… Por essa razão, Historicamente, Ele tem sido usado para a caça de coelhos.

    Também é muito bom ave Hunter, como perdiz e codorniz, como, também, para coletar os patos na água, É um grande colecionador em todas as áreas de montagem apertada, Enéias e arbustos, na água.

    Caráter e habilidades

    O Maneto É um cão de um único mestre, com isso ele vai ser muito carinhoso e procurou seu carinho e atenção mas não empalagar, como - também- é muito independente.

    Ele é um cão confiante, Moody, com um senso bem desenvolvido de "posse" O que faz ele ser altamente territoriais com outros cães, desde tenra idade.

    É necessário saber muito bem o Maneto e desenvolver um forte vínculo de confiança para ser capaz de avaliar a sua inteligência e coragem, tanto no trabalho de caça e em casa e no seu papel como cão de companhia.

    Você gostaria de viver em uma casa (será adaptada sem problemas), mas você sempre vai querer dar um passeio de país ser capaz de mostrar o seu instinto de caça.

    Imagens do Maneto

    Os vídeos de Maneto

    Federações:

    • RSCE – Grupo 5 Seção 7 (Provisoriamente reconhecido)

    Mastim napolitano
    Italia FCI 197 - Molosoides - Dogue

    Mastín Napolitano

    Apesar de sua aparência feroz, o Mastim napolitano É um cão equilibrado e amigo das crianças.

    Conteúdo

    História “Mastim napolitano”

    O Mastim napolitano, como todos os difusão, muito provavelmente desce do molosso Tibetano. De acordo com dados históricos pode ser encontrada sua comunidade Itália desde tempos muito antigos que poderiam colocar no segundo milênio antes de Cristo.

    Isso mostra que este arquiteto de Campânia (Região sul da Itália, na Costa do mar Tirreno, cuja capital é Nápoles) traz muita história sob sua correia.

    Todos os mastins europeus descendem o Mastim tibetano, o mais antigo representante das raças do cão.
    Provavelmente os primeiros mastiffs asiáticos foram executados na Grécia Índia por Alexandre, o grande, por volta do ano 300 A.C..

    Alguns historiadores afirmam que ele foi os gregos que eram conhecidos para os romanos, estes cães tão espetaculares, para vê-los é atingido e (para uma mudança) eles usaram em seus circos famosos como a luta de cães. O Mastim napolitano lutou com leões, ursos, Tigres, Ele foi também um cão de raça para a guerra.

    De acordo com o inglês cinophilia, Por outro lado, o Mastiff foi trazido à Grã-Bretanha (termo designado para a ilha da Grã-Bretanha antes que ocorreram as invasões germânicas) pelos fenícios no ano 500 -. C. a partir desse momento a divulgação seria ter iniciado pela Europa.

    Além de divergências quanto à difusão da raça você pode garantir, em seguida, que o “Mastim napolitano” viveu na Campânia por pelo menos dois mil anos, Embora sua primeira aparição oficial nos dados do cinophilia 1946 e seu padrão oficial foi aprovada no ano 1949.

    Durante o curso da Segunda Guerra Mundial, a corrida estava à beira da extinção, mas foi recuperada por um escritor e chamada cinólogo Piero Scanziani que, entre 1941 e 1980 Ele publicou uma dúzia de volumes de ficção e não-ficção, incluindo vários tratados de Cinología. Ele foi o responsável pela reconstrução do Mastim napolitano durante o período pós-guerra, e fê-lo de algumas cópias restantes.

    Características físicas

    O Mastim napolitano impressiona mesmo à distância com seu físico impressionante. Especialmente a cabeça enorme se destaca. É uma cabeça molossiana típica, mas ele tem lábios carnudos particularmente pronunciados. Sua expressão facial é fria e relaxada, sua impressão geral é impressionante. Sua pelagem é curta e lisa.

    A criação moderna deu a Mastim napolitano um excesso de pele solta, que beira a tortura dos jovens. Apenas por razões de bem-estar animal, é preciso garantir que a pele esteja esticada e que não haja muitas rugas e dobras. Apenas pequenas rugas devem ser permitidas na área do pescoço e na barbela.. Especialmente a cabeça levantou uma superabundância de pele e rugas nas últimas décadas., em parte tão extrema que os cães mal conseguem ver devido a todas as rugas. Além disso, rugas graves são um tesouro para infecções e coceira.

    De acordo com o norma oficial da raça dos machos de Mastim napolitano Eles devem ser mensurados de 66 - 72 cm na Cruz e seu peso é de 70 kg, os machos podem chegar facilmente até 90 kg, as fêmeas devem ser medidas em 60 - 68 cm. O peso dos homens do 60 - 70 Kg e as fêmeas de 50 - 60 kg.

    O cabeça é enorme e curto, o crânio arredondado e achatado entre as orelhas. Tem o focinho reto, uma trufa grande e lábios gorduras ele cair pesadamente.

    Tem a olhos bem separados e o acúmulo de pele parece eles foram oval em forma, mas na realidade são redondos. As orelhas são triangulares, inserção de média e alta.

    O corpo, em geral, É mais do que altos com a pescoço bem maciço e o Papa e o grupa amplo. A cauda é amputados dois terços do seu comprimento.

    O cores favoritas eles são o chumbo, o cinza e preto (às vezes com pequenas manchas brancas no peito e a ponta dos dedos), o gamo, mogno, o gamo e o veado.

    Todas as capas podem ser atigrados, mas a possibilidade de que um Mastim napolitano sair cor "tigrado" é um em um milhão.

    Observações

    Apesar de seu grande tamanho, não há necessidade de grandes espaços ser feliz, porque ele se move em breve. Embora, É importante definir um descontraído rotina caminhadas diárias para ajudá-lo a manter seus músculos enfraquecidos.

    Outra questão a destacar é que eles significativamente drool-worthy.

    Caráter e habilidades

    Apesar de seu aspecto ríspido e até mesmo feroz, o Mastim napolitano é um cão tranquilo, equilibrado, doce, fiéis, muito afetuoso com o mestre e amigo das crianças.

    Nunca se comporta agressivamente sem um motivo real, Mas se fosse para ter a resposta, Poderia ser terrível.

    Sua temperamento é Pacífico, mas podem se tornar agressivo caso seu proprietário não é capaz de educá-lo com sabedoria e responsabilidade.

    Devido à sua estrutura sólida que, seu movimento é pesado e desajeitado, mas aparência porque está consciente de seu tamanho e suficiente para vê-lo a interagir com as crianças para confirmar (desarma na delicadeza).

    Tem sido cão de guerra, combater o circo, polícia auxiliar, Arraste de trenó de cachorro, empresa e cão de defesa pessoal. Atualmente é o que você treina como guardiã das casas e fazendas e ele podem ser vistos mais como um cão de companhia.

    Na verdade, é mais um protetor de cão para companhia ou exposição. Do molosos promover o, Ele é o personagem mais silencioso.

    A Mastim napolitano educação séria é, por consequência, educado, um cachorro extremamente simples. Aqui e ali, o gordo é um pouco teimoso. Somente se for bom convencer e pedir ajuda, então ele fará tudo por seu dono ou zelador. Como membro da família, é extremamente adorável. Ele procura a proximidade de seus humanos e é um protetor confiável.

    Em caso de ameaça aguda para seus humanos, tentará manter o perigo longe deles encarando o atacante com seu corpo, mas não vai mais atacá-lo. Tudo isso silenciosamente. Latidos muito raramente. Seu temperamento calmo e sereno faz dele um companheiro leal e amigo da criança, quem perdoa tudo. Para estranhos, No entanto, está inicialmente esperando e assistindo. O Mastim napolitano ele é um cara legal e um cachorro fascinante.

    Não é um cão fácil de manter apenas por causa de sua força. Por sua natureza, tem muito poucas demandas. Uma caminhada diária, às vezes escovando o casaco, isso é tudo. Apenas comida é um certo desafio em termos de quantidade e qualidade. Você não precisa de um grande jardim, mas um jardim já é útil. Um pequeno apartamento no nono andar não seria adequado. O Mastim napolitano ele é um ótimo parceiro, mas não é um companheiro para os corredores, atletas de cães ou viciados em desempenho.

    Educação

    Deve-se lembrar que em um Mastim napolitano adulto, a linha é apenas um controle simbólico. Cão grande facilmente tem o poder de manobrar a outra extremidade da trela à vontade. Mas ele não quer, pelo menos se você gostou do básico de uma boa educação. O Mastim napolitano é muito fácil treinar. Apenas sua teimosia tem que ser quebrada aqui e ali com suavidade consistente. Ele quer seguir seu mestre e amante e faz isso com muita confiança. É um dever elementar de um proprietário de Mastim napolitano preste atenção a uma educação consistente já no filhote. Porque apenas a educação e não a trela tornam possíveis passeios maravilhosos na natureza, que junto com esse amigo calmo de quatro patas, eles se tornam um bálsamo para a alma de pessoas agitadas.

    Cuidados e saúde “Mastim napolitano”

    Cuidando de um Mastim napolitano raça saudável não é problemática. Escovar o casaco aqui e ali é o suficiente.

    Mau hábito de dobrar extremamente forte a cabeça e o corpo geralmente leva à inflamação crônica. Eles geralmente são uma fonte constante de coceira para cães.. Às vezes até dificulta a visão. Esses cães precisam de tempo e cuidados caros.

    Nutrição “Mastim napolitano”

    Você precisa de muita comida de alta qualidade. Ter uma tigela de alimentação elevada é útil para combater o risco de torcer o estômago. O peso deve sempre ser cuidadosamente considerado.

    Expectativa de vida “Mastim napolitano”

    Erros de reprodução custaram a este cão, anteriormente robusto, muitos anos de sua expectativa de vida. Antes de serem 12, hoje eles são mais propensos a ser 6 - 9 anos. No entanto, dados exatos não disponíveis.

    Compre um “Mastim napolitano”

    Comprando um Mastim napolitano deve ser de longo prazo e bem considerado. Você deve verificar cuidadosamente se possui todos os requisitos para poder passar muitos anos maravilhosos com esse amigo forte.. Financeiramente também a atitude é desafiadora. Se você está procurando um filhote de cachorro, você deve se certificar de que os cães não sejam muito grandes e enrugados. Você deve perguntar sobre os antepassados, sua aparência, suas doenças, sua idade. Para obter um Mastim napolitano caráter sólido, você deve apenas olhar diretamente para um criador sério. Por razões de bem-estar animal, você deve evitar comprar filhotes de pais com rugas graves. Um cãozinho Mastim napolitano de um bom criador custa cerca de 2.500 EUR.

    Classificações do "Mastim napolitano"

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão "Mastim napolitano" você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    Adaptação ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ Cão amigável

    Avaliado 1 fora de 5
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade social ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Casa ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Sanita ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    Avaliado 1 fora de 5
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Cascas ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Saúde ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ Territorial

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Inteligência ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Versatilidade ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Vigilância ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Alegria ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Imagens “Mastim napolitano”

    Vídeos “Mastim napolitano”

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI:
    • Grupo :
    • Seção : . .

    Federações:

    • FCI – Cães do tipo Pinscher e Schnauzer-Molossoide – Cães de Montanha e Boieiros Suiços. Seção 2.1 Molossóides, tipo dogo.
    • AKC – Cães trabalhando
    • ANKC – Grupo 6 (cães utilitários)
    • CKC – cães de trabalho
    • KC – cães de trabalho
    • NZKC – Cão utilitário
    • UKC – Cão de guarda

    Padrão da raça FCI "Mastim napolitano"

    Origem:
    Itália

    Data de publicação do padrão original válido:
    13.11.2015

    Uso:

    Proteção e vigilância.



    Aparência geral:

    Cachorro Grande, pesado e sólido com aparência de alto volume. O comprimento do tronco excede sua altura na cernelha.

    PROPORÇÕES IMPORTANTES: O comprimento do corpo é um 15% mais do que a altura na cernelha.

  • A proporção crânio-focinho é 2 - 1.
  • O comprimento da cabeça é aproximadamente 3,8 / 10 a altura na cernelha.
  • O pescoço é bastante curto.
  • A circunferência do peito é larga.


  • Comportamento / temperamento:

    Firme e leal, não é agressivo. Cão de guarda da propriedade e seus habitantes, sempre vigilantes, Inteligente, nobre e majestoso.

    Cabeça:

    Curto e maciço, com o crânio largo ao nível dos arcos zigomáticos. A pele é abundante e tem rugas e dobras, dos quais a parte mais pronunciada e característica do ângulo palpebral externo a descer ao ângulo labial. Os eixos longitudinais superiores do crânio e do focinho são paralelos.

    Região craniana:
    • Crânio: O crânio é largo e achatado, particularmente entre as orelhas, visto de frente, é ligeiramente convexo na frente. Os arcos zigomáticos são muito proeminentes, mas com músculos planos. As saliências dos ossos frontais são bem desenvolvidas; a ranhura da frente está marcada; crista occipital é pouco visível.
    • Stop: Bem definido.

    Região facial:

    • Trufa: Localizado no prolongamento da cavidade nasal, não deve sobressair da linha vertical anterior dos lábios; deve ser volumoso e as narinas grandes devem estar bem abertas. A cor é de acordo com a cor do casaco: preto para espécimes pretos, cinza escuro em cães de outras cores, e a castanha para cães marrons.
    • Focinho: Muito amplo e profundo; sua largura é aproximadamente igual ao comprimento. O comprimento deve ser igual a um terço do comprimento da cabeça. Os lados são paralelos para que, visto de frente, a forma do focinho é praticamente quadrada. A profundidade do focinho é aproximadamente o dobro do seu comprimento.
    • Lábios: carnudo, grosso e cheio. O lábio superior, visto de frente, forma um "V" invertido em seu ponto de junção. O perfil lateral inferior do focinho é determinado pelos lábios superiores, sua parte inferior é o canto dos lábios, com mucosa visível, localizado verticalmente a partir do canto externo do olho.
    • Mandíbulas / Dentes: Poderoso com mandíbulas fortes e arcadas dentárias que se unem perfeitamente. A mandíbula inferior deve ser bem desenvolvida em sua largura. Dentes brancos bem desenvolvidos, regularmente alinhados e completos em número. Bite em tesoura, isto é, os incisivos superiores se sobrepõem aos incisivos inferiores em contato próximo, implantado verticalmente nas mandíbulas; ou mordida em pinça, isto é, os incisivos superiores são unidos ponta a ponta com os incisivos inferiores. A borda externa dos incisivos superiores deve estar em contato próximo com a borda interna dos incisivos inferiores.. Uma mordida em tesoura invertida é tolerada.

    OLHOS: bem separado no mesmo nível frontal; forma bastante redonda, mas nunca saliente ou muito profundo. A cor da íris é geralmente mais escura que a cor do revestimento, exceto em tons de tons diluídos em que a cor dos olhos é mais clara. A pele nunca se dobra para interferir nos olhos.

    ORELHAS: Pequeno, em relação ao tamanho do cachorro, forma triangular, localizado acima do arco zigomático, plana e colada às bochechas. Orelhas são naturais.

    Pescoço:

    O perfil superior é levemente convexo. Porta-malas bastante curto e cônico, bom muscular. O perfil da parte inferior do pescoço é bem coberto de pêlos soltos que formam um queixo duplo bem separado, mas não exagerado. A mandíbula começa no nível da mandíbula inferior e não se estende abaixo do meio do pescoço..

    Corpo:

    O comprimento do tronco excede em 15% a altura na cernelha.

    • Top de linha: A linha superior das costas é reta. Cruz: É largo, longo e não muito proeminente.
    • Voltar: Largura e comprimento aproximadamente 1/3 a altura na cernelha. A região lombar muscular e bem desenvolvida em sua largura deve estar harmoniosamente conectada com as costas.
    • Lombo de porco: Largura, forte e musculoso. Os ossos do quadril são proeminentes quando atingem a linha lombar superior. No peito: Ampla, com músculos peitorais bem desenvolvidos. A caixa torácica é larga, com costelas longas e bem arqueadas. A circunferência do peito é larga. A ponta do esterno está no nível da ponta do ombro.

    Cola:

    É largo e grosso na raiz; forte, afilando levemente em direção à ponta. Seu comprimento atinge a articulação do jarrete. Em repouso, carrega-o pendurado e curvado na forma de um sabre, em ação levantada horizontalmente ou apenas ligeiramente acima da linha superior.

    Extremidades

    MEMBROS ANTERIORES:

    • Aparência geral: Membros anteriores, do chão até a ponta do cotovelo, visto de perfil e de frente, são verticais com uma estrutura óssea forte, proporcional ao tamanho do cão.
    • Ombro: Longo e bem inclinado, músculos estão bem desenvolvidos, longo e bem definido.
    • Braços: Bem angulado à omoplata e com significativa musculatura.
    • Cotovelos: Eles devem ser paralelos ao plano mediano do corpo, i.e., nem vire para dentro nem para fora.
    • Antebraço: Seu comprimento é quase igual ao comprimento do braço. Colocado em uma posição vertical perfeita. Estrutura óssea forte com músculos magros e bem desenvolvidos.
    • Carpo: Largura, magro e sem nós, segue a linha vertical do antebraço.
    • Metacarpo: Continua a linha vertical do antebraço. Angulação e comprimento moderado.
    • Pés anteriores: De forma redonda, grande, dedos bem arqueados e bem unidos. As almofadas são duras e bem pigmentadas. As unhas são fortes, cor curvada e escura.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Aparência geral: Eles devem ser poderosos e robustos, proporcional ao tamanho do cão e capaz de dar a propulsão necessária durante o movimento.
    • Coxa: Seu comprimento é 1/3 da altura à cruz e sua obliquidade é de cerca de 60 °. Amplo, com músculos grossos, proeminente e claramente marcado. Osso da coxa e osso do quadril (fêmur e coxal) eles formam um ângulo de 90 °.
    • Joelho: O ângulo femoro-tibial é de cerca de 110 ° -115 °.
    • Perna: O comprimento é ligeiramente menor que o da coxa e de uma obliquidade de 50 ° -55 °, com estrutura óssea forte e músculos bem visíveis.
    • Jarrete: A articulação tíbio-tarso forma um ângulo de 140 ° - 145 °.
    • Metatarso: Forte e magro, quase cilíndrico, perfeitamente reto e paralelo e bastante baixo.
    • Pés de volta: Menor que os anteriores, redondo com dedos bem unidos. Almofadas secas, duro e pigmentado. As unhas são fortes, cor curvada e escura.

    Movimento:

    Constitui uma característica típica da raça. Movimento é do tipo felino, como os passos de um leão. É lento e também se assemelha ao de um urso. A corrida é caracterizada por um forte empurrão por trás e uma boa extensão da frente. O cão raramente galopa; a marcha habitual é caminhar e correr. A ambição é tolerada.

    Manto

    PELE: Espessura, abundante e solto por todo o corpo, especialmente na cabeça, onde forma numerosas dobras e rugas, e na parte inferior do pescoço, onde forma uma barbela dupla. Nunca em abundância para interferir com a saúde e o bem-estar dos cães.

    Cabelo: curto, duro e espesso, o mesmo comprimento em todo lugar. Comprimento uniforme de 1,5 cm máximo. Não deve mostrar nenhum traço de cabelo comprido.

    Cor: As cores cinza são preferidas, cinza chumbo e preto, embora também marrom, rosa avermelhada e avermelhada, que às vezes têm pequenas manchas brancas no peitoril e na ponta dos dedos. Todas as cores podem ser tigradas. Tons de avelã aceitos, gris suave e isabela.



    Tamanho e peso:

    Altura à Cruz:

    • Machos: 65-75 cm.
    • Fêmeas: 60-68 cm.

    Peso:

    • Machos: 60-70 kg.
    • Fêmeas: 50-60 kg.


    Falhas:

    Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALTAS GRAVES:

  • Tiro pronunciado.
  • Tamanho da cauda muito alto.
  • Tamanho maior ou menor do que os limites permitidos.
  • FALHAS DE DESCALIFICANTES:

  • Agressividade ou extrema timidez.
  • Qualquer cão mostrando sinais claros de anormalidades físicas ou comportamentais.
  • Convergência acentuada ou divergência dos eixos crânio-facial.
  • Linha superior de focinho côncavo ou convexo ou muito aquilino (nariz romano).
  • Despigmentação total do trua.
  • Prognatismo superior.
  • Entrópio / ectrópio.
  • Olhos gazeos, despigmentação total de ambas as bordas das pálpebras; estrabismo.
  • Ausência de rugas, vincos e queixo duplo.
  • Ausência de cola congênita ou artificial.
  • Extensas manchas brancas; marcas brancas na cabeça.


  • N.B.:
  • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
  • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para criação
  • TRADUCCION: Senhorita. Brigida Nestler. Idioma oficial: IN.

    Direção técnica: SR. Miguel Angel Martinez.

    Fonte: F.C.I - Fédération Cynologique Internationale

    Nomes alternativos:

      1. Mastino Napoletano Italian (Inglês).
      2. Mâtin de Naples, Napolitain (Francês).
      3. Neapolitanischer Mastiff (Alemão).
      4. Mastino napoletano, Neapolitan mastiff (Português).
      5. Mastín napolitano (español).

    Mastim Inglês
    Inglaterra FCI 264 - Molosoides - Dogue

    Mastín Inglés

    O Mastim Inglês Ele é extremamente leal e fiel à sua família.

    Conteúdo

    História

    O Mastim Inglês É uma raça de cão de grande tamanho tipo trote e origem inglesa.

    A história deste cão remonta ao ano de 55 -. c., momento quando as legiões invadiram a Grã-Bretanha e para a surpresa dele teve de enfrentar um inimigo que tinha dois assistentes curiosos, dois cães de impressionantes recursos.

    Um deles era forte e robusto corpo e membros, com uma cabeça grande e uma mandíbula curta mas poderosa.

    Esse cão é, possivelmente, o ancestral do Buldogue, e parte da corrente Bulmastife.

    O outro cão tinha dimensões que deram medo, mais um leão parecia como um cão. Este espécime era um descendente direto de mastins 'asiriobabilonios' que tinha viajado para a Inglaterra pelos fenícios cinco séculos antes da invasão romana.

    Antes deste beanpole, o 'Molóssia do Épiro' que os romanos trouxeram consigo seus cães de guerra, eles pareciam Chihuahuas…

    Que hora conquistou «Britannia», os romanos, eles expandiram seu exército com diversos exemplares de um desses cães gigantes e temerosos que chamou "Pugnaces Britannici" e eles usavam, principalmente em it mostra típico

    Eles enfrentaram estes cães com enormes bestas selvagens nas arenas dos circos, Lá eles foram envolvidos em combates sangrentos contra touros, ursos e outros cães. Também, eles foram usados como guardiões de rebanhos, guarda-costas, protetores e companheiros.

    Os ingleses Mastiff e mastim, descende diretamente desses cães.

    Um mastim veio para a América na placa da Mayflower, nome do navio que transportou os chamados "peregrinos" da Inglaterra (Reino Unido), da Costa do que é hoje os Estados Unidos da América, no ano 1620.

    Eles foram os primeiros colonos, na resolução sobre a costa de Massachusetts, formando o Colônia de Plymouth, e com eles o Mastiff Inglês.

    Existem provas documentais de que o Mastiff Inglês primeiro veio a América no Mayflower, mas a padronização da raça nos Estados Unidos não ocorreu até o final do século XIX.

    Até o final da Segunda Guerra Mundial, os mastiffs foram quase extintas na Inglaterra. No entanto, com o fluxo das importações dos Estados Unidos e Canadá, a corrida voltou a emergir e hoje sua existência não executa qualquer perigo na Inglaterra e ganhou muita popularidade na América do Norte.

    Características físicas

    Esta é uma corrida de composição poderosa, corpulento, crânio largo e o cabeça geralmente tem uma aparência quadrada.

    De tamanho Ele deve ser muito grande e dar a impressão de poder e força, visto de qualquer ângulo.. O corpo deve ser maciço com profundidade e largura grande, especialmente entre as patas anteriores, causa que estas são bem separadas. Enquanto nenhuma altura ou peso foram especificadas para esta corrida, a altura aproximada de 70 - 80 cm e peso de 80 kg para 90 kg.

    Seu cabelo é curto e colada ao corpo e cor pode variar, Enquanto seu focinho, nariz e orelhas, ao redor dos olhos é sempre pretos.

    Este é um cão grande que exige uma dieta correta e o exercício. Normalmente vivem em 10 - 12 anos.

    São possíveis cores diferentes, por exemplo, cor de areia, distribuídos, marrom ou cinza. Infelizmente, o ser humano tende a extremos e o mastim não foi poupado deste. Então, ele foi criado cada vez maior e mais pesado nas últimas décadas. Sua cabeça se tornou cada vez mais maciça e muitas dobras também foram feitas. Gigantes não podiam mais se reproduzir naturalmente, eles não podiam mais andar corretamente, sua expectativa de vida foi drasticamente reduzida.

    Caráter e habilidades

    A raça mastim é uma combinação da grandeza, dignidade, e coragem; calmo e afetuoso para seu proprietário, mas capaz de proteger.

    Ele é um cão bem-educado, mas você precisa suficiente campo para esticar seu corpo longo. É uma raça extremamente leal e, Embora não excessivamente mostra, Ele é fiel à sua família e é muito bom para crianças.

    No entanto, Ele pode ser muito ciumento para a proteção dos proprietários e deve ser manuseado com sensatez, post é excepcionalmente poderoso e pode ser difícil de controlar.

    Procura proximidade com seus humanos. É um protetor confiável para eles. Em caso de ameaça aguda para seus humanos, tentará manter o perigo longe deles encarando o atacante com seu corpo, mas não vai mais atacá-lo. Seu temperamento calmo e sereno faz dele um companheiro leal e amigo da criança, quem perdoa tudo. Dá-se muito bem com outros animais de estimação.

    Educação Mastim Inglês

    Lembre-se de que, em um mastim adulto, a alça é apenas simbolicamente um controle. O mastim tem facilmente o poder de manobrar o outro extremo da linha à vontade. Mas você não quer fazer isso, pelo menos se você gostou do básico de uma boa educação. O Mastiff é muito fácil de treinar. Apenas sua teimosia tem que ser quebrada aqui e aqui é necessária uma suavidade consistente. Ele quer seguir seu mestre e zelador e faz isso com muita confiabilidade. É um dever elementar do proprietário de um Mastim prestar atenção a uma educação consistente já existente no filhote.. Só isso, e não a cinta, possibilita passeios maravilhosos na natureza, que junto com esse amigo de quatro patas se torne um bálsamo para a alma de pessoas agitadas.

    Cuidados e saúde Mastim Inglês

    Cuidar de um mastim saudável não é um problema. Escovar o casaco uma vez por semana é suficiente.

    Doenças típicas

    Gigantismo com cópias de mais de 90 kg, às vezes até 120 kg, desequilibra todo o plano natural de criação de cães. Danos graves na marcha são apenas uma consequência, e a expectativa de vida também é bastante reduzida. Mau hábito de dobrar forte a cabeça e o corpo muitas vezes leva a inflamações crônicas. Como na maioria dos cães grandes, vemos displasia da anca ou cotovelo. As doenças oculares e cardíacas podem ocorrer com mais frequência nos mastins – a regra é sempre: o mais serio, quanto maior o risco.

    Nutrição / Alimentação

    Você precisa de muita comida de alta qualidade. Especialmente na fase de crescimento, você precisa de um plano de nutrição profissional. Ter uma tigela de alimentação na vertical é útil para combater o risco de torcer o estômago. Você deve sempre prestar muita atenção ao seu peso.

    Classificações do "Mastim Inglês"

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão "Mastim Inglês" você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    A expectativa de vida do Mastim Inglês

    Erros de reprodução, especialmente a tendência ao gigantismo, eles custaram esse cachorro, uma vez extremamente robusto, muitos anos de sua expectativa de vida. Antes de serem 12, Hoje são 7 – 9 anos.

    Compre um Mastim Inglês

    A compra de um mastim deve ser de longo prazo e bem considerada. Você deve verificar cuidadosamente se possui todos os requisitos para passar muitos anos maravilhosos com este gigante. Se você está procurando um filhote de cachorro, você deve prestar atenção especial para que os cães não sejam muito grandes. Devemos pensar nos antepassados, sua aparência, suas doenças, sua idade. Também para obter um Mastiff com um caráter estável, você deve apenas olhar diretamente para um criador sério. Por razões de bem-estar animal, deve-se abster-se de comprar filhotes de pais de mais de 90 kg. Ocasionalmente, há também um mastim no abrigo de animais. Os filhotes criados em condições graves custam cerca de 2000 EUR.

    Classificações do "Mastim Inglês"

    Adaptação ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ Cão amigável

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade social ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Casa ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Sanita ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Cascas ⓘ

    Avaliado 1 fora de 5
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Saúde ⓘ

    Avaliado 4 fora de 5
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ Territorial

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Inteligência ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Versatilidade ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Vigilância ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Alegria ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Imagens “Mastim Inglês”

    Vídeos “Mastim Inglês”

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI:
    • Grupo :
    • Seção : . .

    Federações:

    • FCI – Cães do tipo Pinscher e Schnauzer-Molossoide – Cães de Montanha e Boieiros Suiços. Seção 2.1 Molossóides, tipo dogo.
    • AKC – Cães trabalhando
    • ANKC – Grupo 6 (cães utilitários)
    • CKC – Grupo 3 – cães de trabalho
    • KC – cães de trabalho
    • NZKC – Cão utilitário
    • UKC – Cão de guarda

    Padrão da raça FCI "Mastim Inglês"

    Origem:
    Reino Unido

    Data de publicação do padrão original válido:
    13.10.2010

    Uso:

    Cão de defesa e guarda.



    Aparência geral:

    Vista de qualquer ângulo, o chefe, em seu contorno, parece bem quadrado. Largura é um recurso procurado e a largura do crânio é igual a dois terços do comprimento total da cabeça.

    O corpo, Largura, alto, construção longa e forte. Os membros estão bem separados e em harmonia. A musculatura é claramente desenhada.

    O tamanho éaltamente desejadomas sóse estiver no mesmo nível da qualidade de construçãoe a correção não é mantida. Altura e substância são dois pontos importantes se combinados corretamente. Grande, poderoso, bem construído.

    PROPORÇÕES IMPORTANTES: O comprimento do corpo, da ponta dos ombros até a ponta do ísquio, é maior que a altura na cernelha.



    Comportamento / temperamento:

    Combinação de nobreza e coragem. Vá com calma, carinhoso com seus donos, mas bom guardião.Geralmente indiferente a estranhos, timidez é inaceitável.

    Cabeça:

    ---

    Região craniana:
    • Crânio: O crânio é largo entre as orelhas. A testa é lisa, mas enruga quando o cão está atento.. As sombrancelhas (arcos supra-orbitais) são levemente elevados. Músculos temporais e masseteres são bem desenvolvidos. A seção transversal do crânio descreve um arco. Da área do meio entre os olhos, uma depressão pode ser traçada através do centro da testa e se estende até o meio do crânio., seguindo o eixo sagital.
    • Nasofrontal depression (Stop): Pare entre os olhos bem marcados, mas não abruptos.

    Região facial:

    • Trufa: Preto. O nariz, visto de frente, é amplo, oferecendo narinas bem abertas e uma visualização de perfil, é plano (não é apontado nem retirado).
    • Focinho: O focinho é curto, largura entre os olhos, permanecendo assim larga até o final do nariz.

    O focinho está truncado, i.e., corte em quadrado, sua face frontal forma um ângulo reto com a linha superior do focinho, tendo uma grande amplitude da borda anterior superior à mandíbula inferior. O comprimento do focinho é igual a um terço do comprimento total da cabeça. Circunferência do focinho, medido no ponto médio entre os olhos e o nariz, representa três quintos da cabeça, medido na frente das orelhas.Quando está em repouso, qualquer exagero de dobras ou excesso de pele é inaceitável em cães adultos.

    • Lábios: Os lábios são divergentes, formando um ângulo obtuso em relação ao septo nasal (Septo). Eles estão levemente pendurados para oferecer um perfil quadrado.
    • Mandíbulas / Dentes: A mandíbula inferior é larga até o fim. Caninos saudáveis, poderoso e bem separado.Incisivos nivelados (braçadeira de mordida, borda a borda) ou projeção mais baixa na frente das superiores (mordedura em tesoura reversa) mas nunca tanto que sejam visíveis com a boca fechada.
    • Bochechas: Masseter temporalis e músculos da face bem desenvolvidos.

    Olhos: Tamanho moderado, bem separado. olhos cor de avelã, o mais escuro possível. A conjuntiva não é visível.Altamente indesejáveis ​​são as pálpebras frouxas. Livre de problemas oculares óbvios.

    Orelhas: Pequeno, bem ao toque, bem separados um do outro.

    Alto nas laterais do crânio, sob a forma de prolongar o perfil superior transversal. Em repouso, são colocados planos adjacentes às bochechas.

    Pescoço:

    Perfil ligeiramente arqueado, comprimento médio, muito musculoso. Sua circunferência é menor em torno de2,5 - 5 cmda cabeça, medir na frente das orelhas.

    Corpo:

    • Top de linha: Nível.
    • Voltar: Amplo e musculoso.
    • Lombo de porco: Amplo e musculoso, plana e muito larga nas fêmeas, ligeiramente arqueado nos homens.
    • No peito: Largura do peito, profundo e bem descido na região esternal. Costelas bem arqueadas e bem arredondadas. Costelas falsas são longas e bem desenvolvidas na parte de trás do peito.
    • Linha inferior e barriga: Flancos fortemente reduzidos.

    Cola:

    Implantada alta, descendo para os jarretes ou um pouco mais baixo. Ampla no nascimento e afilando ao extremo. Trava em repouso, mas em ação forma uma curva, o fim se endireita; mas nunca é carregado nas costas.

    Extremidades

    MEMBROS ANTERIORES:

    • Aparência geral: Equilibrado e em harmonia com os membros posteriores.
    • Ombro: Eles são ligeiramente oblíquos, poderoso e muito musculoso.
    • Braço: Ligeiramente inclinado, pesado e musculoso. Cotovelos: Os cotovelos estão no eixo do corpo.
    • Antebraço: Membro forte, direitos colocados bem separados, ossos grandes.
    • Metacarpo: Eles estão prontos.
    • Pés anteriores: Grande, rodadae apertado. Dedos bem arqueados. Unhas pretas.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Aparência geral: Muito largo e musculoso.A força nos membros posteriores é de extrema importância, jarrete de vaca em cães adultos é inaceitável.
    • Pernas: Bem desenvolvido.
    • Metatarsos: Jarretes angulares, bem separados e sempre em harmonia tanto na estação como em movimento.
    • Pés de volta: Grande, rodadae apertado. Dedos bem arqueados. Unhas pretas.

    Movimento:

    Poderoso com fácil extensão dos membros. Empurre por trás, fluido, Direita, etapas que cobrem a superfície. A linha superior permanece nivelada durante o movimento. A tendência ao pasuqueo é indesejável. A correção absoluta é essencial.

    Manto

    Cabelo: Curto e plano no corpo.Mas áspero no pescoço e ombros.

    Cor: Griffon, Damasco, ou distribuídos. Em todos os casos, o focinho, orelhas e nariz devem ser pretose os olhos estão rodeados de pretoque se estende para cima.Cor branca excessiva no corpo é inaceitável, peito ou pés.



    Tamanho e peso:

    ----



    Falhas:

    Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.


    N.B.:
    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    As últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCION: Brigida Nestler / Versão original: (IN).

    Supervisão técnica: Miguel Angel Martinez

    Fonte: F.C.I - Fédération Cynologique Internationale

    Nomes alternativos:

      1. Mastiff, Old English Mastiff (Inglês).
      2. Old English Mastiff (Francês).
      3. Old English Mastiff (Alemão).
      4. Mastiff inglês, Mastim inglês, Canis molossus, С. mastivus gladiator, Mastife inglês (Português).
      5. Old English Mastiff (español).

    Mastim espanhol
    España FCI 91 - Molossóides . Montanha

    Mastim espanhol

    O Mastim espanhol, Ele é considerado a mais antiga raça espanhola.

    Conteúdo

    História

    O Mastim espanhol (também chamado Mastín español) é uma raça do tipo trote de cão de tamanho grande, originalmente de Espanha onde foi abundante em quase todo país e hoje é de um modo particular em León, Zamora, Astúrias e Cantábria. Uma das suas variedades é o Mastim dos Pirenéus.

    Este é um muito velho cão e como a outra transmissão, descendente de molossóide no Tibete (Mastim tibetano) Ele chegou à Europa através da Ásia menor.

    Teorias de raça argumentam que pelo menos quatro mil anos atrás pastores que habitavam a Península já usaram-os como cães de guarda de gado.

    Recursos naturais e o clima da Península Ibérica levaram para a transumância, razão pela qual, por muitos séculos o mastim espanhol tem desempenhado o papel de protetor dos rebanhos, especialmente dos efectivos das 'Ovelhas Merino' cuja história é muito ligada a esta raça de cão. Em alguns lugares é conhecido como "cão de merinero" para acompanhar as ovelhas de raça Merino.

    Mastim espanhol, Ele é considerado a mais antiga raça espanhola.

    O transhumant percorriam a real Leonesa Glens cruzando de norte a sul da Península Ibérica, e o mastim espanhol foi com eles defendendo o gado do ataque do Lobo, o cão além com sua natureza imponente, Ele estava com a proteção de seu culote abundante como carlancas ou carranclas, eles são uma espécie de metal grosso com Colares espetados.

    Vídeos do Mastim espanhol
    MASTIN ESPANHOL. UMA RAÇA NOBRE.
    Mastin Espanhol /Spanish filhotes de mastim no canil Tornado Erben

    No final do século XIX, com o desaparecimento gradual do pastoreio e transumância, Mastim espanhol começou a ser 'desnecessária', Se que lhe adiciono como a guerra civil espanhola e o conseqüente período de escassez e - também - o acentuado declínio do número de Lobos, como resultado, temos que esta raça de cão estava à beira da extinção.

    Durante este tempo sacrificaram muitas cópias de mastim espanhol, Alguns foram fragilizadas e outros tantos comprado por entusiastas que criadores, guiados mais por amor a raça do que pelo conhecimento, você iniciar um pais totalmente desorganizada.

    Após a derrocada, Felizmente, a recuperação da raça foi conseguida embora com grande dificuldade.

    O primeiro mastim espanhol padrão foi aprovado pela Federation Cynologique internationale no ano 1946, com base nas características das cópias de três índios do centro de Espanha, Estas amostras foram um tipo de luz, que permaneceu para a agricultura e também foram utilizados para a caça, eles estavam de bom tamanho, com pernas longas e seu peso era de cerca da 50 kg.

    Em 1981 adoptar uma nova norma cujo objetivo principal era recuperar o Mastiff muito maior que foi usado no gado de transhumant.

    Nesse mesmo ano (1981) foi fundada a Associação espanhola do cão mastim espanhol (AEPME) como clube oficial da raça.

    Características físicas

    É um cão de grande porte, braquicéfalo e mesomorfo. Bem proporcionado, muito poderoso e muscular. Grandes e pesados, com compacto esqueleto.

    Não há nenhum limites exatos das medidas, mas devem ser harmoniosos, no machos espera-se uma altura que não é inferior à 77 cm a Cruz e a fêmeas, não inferior a 72 cm. Estes são o mínimo essencial, mas sempre esperado maior altura.

    O cabeça é muito grande, tem uma relação de hocico cráneo de 6:4. Se olharmos a caveira de cima é um quadrado e uniforme.

    Ele tem olhos pequeno, em forma de amêndoa e avelã ou castanha a cores.

    Tem a orelhas triangular, média, plana e pingentes. As pernas são longas, reta e equipada com boa massa muscular.

    O cauda, inserido no meio de altitude é muito grossa, flexível e leva sua queda, à chegada a altura do Hock.

    Sua manto Esta espessura um cabelo grosso duro, semilargo e suave. O cores o cabelo mais apreciado são uniformes (ou sólidos), eles podem ser branco sujo, Griffon, avermelhado, Black, Lobo cinzento, Brown. Também são suportados na norma o atigrados ou manchados de vestes brancas.

    Observações

    Como é uma raça no processo de recuperação, é muito difícil encontrar cópias perfeitas (i.e., completamente ajustado ao padrão).

    Não é um cão adequado para iniciantes, mas poderia ser um desafio muito gratificante para qualquer entusiasta com o desejo de aumentar a longa história do cão e enorme potencial como um mastim espanhol.

    Caráter e habilidades

    Mastim espanhol é um cão de carácter rústico, amando, manso, nobre, grande firmeza e auto-confiante.

    Geralmente é calmo e afetuoso, Ele é muito fiel e dedicado aos seus mestres. Ele é - especialmente- adequado para crianças, para aqueles que sentem atração especial. Também, geralmente se dão bem com outros cães.

    Essencialmente, é um Guardião silencioso e equilibrado, mas pode ser muito assustador se eles percebidos perigo ao seu proprietário e propriedades.

    Estes cães são muito felizes vivendo ao ar livre, e especialmente dada a oportunidade para longo e silencioso anda, Isso será necessário se queremos que nossos Mastiff para ser feliz e equilibrada.

    Observações

    Como mencionado na seção "Histórico", as vicissitudes da recuperação da raça levou a que o caos - surgiu no início do mesmo, e todo este lapso na reprodução, Ele teve um efeito directo sobre o caráter do cão, É por esta razão que hoje que podemos encontrar cópias muito agressivo, e outros, Talvez mais tímido.

    Felizmente, o grande trabalho que efectua a Associação Espanhola de cão mastim espanhol, focada na seleção de reprodutores que ela é muito promissor, uma vez que bons resultados sendo, e ao longo do tempo o problema será eliminado.

    Imagens do mastim espanhol

    Vídeos do Mastim espanhol

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI:
    • Grupo :
    • Seção : . .

    Federações:

    • FCI – Cães do tipo Pinscher e Schnauzer-Molossoide – Cães de Montanha e Boieiros Suiços. Seção 2.2 Molossóides, tipo de montanha.
    • AKC – FSS
    • UKC – Cão de guarda

    Padrão da raça FCI "Mastim espanhol"

    Origem:
    Espanha

    Data de publicação do padrão original válido:
    26.05.1982

    Uso:

    Berçário e defesa. Esta raça está intimamente ligada à transumância e especialmente ao gado merino., que ele acompanhou já em tempos da Mesta, defendendo você do lobo e de outros predadores em todos os seus movimentos e lugares, prateleiras de grama em diferentes estações e zonas de localização. Atualmente acompanha numerosos rebanhos, tanto prateleiras quanto transumantes, desempenhando sua função ancestral. Também desempenha a função de guarda e defesa das fazendas, pessoas e propriedades em geral.



    Aparência geral:

    É um cão de grande porte, hipermétricas e de proporções médias. Estrutura sub-longitudinal. Bem proporcionado, muito poderoso e muscular. Esqueleto Compact. Cabeça e corpo grandes, com cabelos semi-longos. Proporcionalidade e harmonia funcional devem ser buscadas, estático e em movimento. Sua casca está rouca, sério e profundo, de grande intensidade, percebendo-se a uma distância considerável.

    PROPORÇÕES IMPORTANTES: Comprimento do corpo maior que a altura na cernelha. A relação entre o comprimento do crânio e o focinho deve ser 3/2



    Comportamento / temperamento:

    É um cachorro muito inteligente, não desprovido de beleza; sua expressão mostra as duas qualidades.

    Rústico, amando, manso e nobre, acaba por ser um cão muito firme contra vermes e estranhos, especialmente quando ele está defendendo fazendas ou gado. Em seu comportamento, observa-se que ele é um cão autoconfiante, medição de suas forças por estar ciente de seu enorme poder.

    Cabeça:

    Como um todo.: Grande, piramidal forte e de haste larga. O conjunto crânio-focinho, visto de cima, deve ser quadrado e uniforme, e sem uma diminuição muito acentuada entre a base do focinho e os templos. Linhas craniofaciais moderadamente divergentes.

    Região craniana:
    • Crânio : Largura, forte, perfil subconvexo. A largura do crânio deve ser igual ou superior ao seu comprimento. Seios frontais acentuados. Crista occipital marcada.
    • Nasofrontal depression (Stop): Macio, pouco nítidas.

    Região facial:

    • Trufa: Preto, molhado, grande e largo.
    • Focinho: Perfil reto. Visto de cima parece moderadamente retangular, diminuindo gradualmente em direção à trufa, mantendo uma largura visível. Em nenhum caso apontou.
    • Lábios: O superior deve cobrir amplamente o inferior ; o inferior com mucosa destacada forma um canto labial muito frouxo. As membranas mucosas devem ser pretas.
    • Mandíbulas / Dentes: Bite em tesoura. dente branco, forte e saudável. Presas grandes, afiada e formando boa presa. Molares fortes e poderosos. Incisivos bastante pequenos. Todos os pré-molares existem. Paladar preto, com sulcos muito marcados.
    • Olhos: Pequeno em relação ao crânio, de preferência escuro, Coradas de avelã, olho atento, nobre, dulce e inteligente, de grande severidade diante de um estranho. Pálpebras de pele grossa, Pigmentada em preto. A pálpebra inferior revela parte da conjuntiva.
    • Orelhas: Médio e quedas, forma triangular, plano, inserido acima da linha dos olhos. Em repouso cai e colado às bochechas, sem estar muito preso ao crânio. À atenção separada da face e parcialmente ereta no terço superior-posterior. Eles não devem ser amputados.

    Pescoço:

    Cone truncado, Largura, forte, musculado, flexível. Pele grossa e destacada. Queixo duplo amplamente desenvolvido.

    Corpo:

    • Como um todo.: Retangular. Forte e robusto, denotando grande poder, mas flexível e ágil.
    • Top de linha: Em linha reta, horizontal, mesmo em movimento. Cruz: Bem marcado.
    • Voltar: Poderoso, musculada.
    • Lombo de porco: Longo, amplo e poderoso, estreita quando atinge o ijar.
    • Alcatra: Largo e forte. Sua inclinação é de cerca de 45 ° em relação à horizontal. Elevação da garupa igual à elevação da cruz.
    • No peito: Largura, profundidade, musculoso e poderoso. A ponta do esterno marcada. Costelas com amplos espaços intercostais e arredondadas, não plano. A relação entre a cernelha e o perímetro torácico mínimo deve ser de aproximadamente 1/3.
    • Ventre e flancos: Barriga muito moderadamente dobrada; os flancos abaixaram e os flancos muito largos.

    Cola:

    • Como um todo.: Retangular. Forte e robusto, denotando grande poder, mas flexível e ágil.
    • Top de linha: Em linha reta, horizontal, mesmo em movimento. Cruz: Bem marcado.
    • Voltar: Poderoso, musculada.
    • Lombo de porco: Longo, amplo e poderoso, estreita quando atinge o ijar.
    • Alcatra: Largo e forte. Sua inclinação é de cerca de 45 ° em relação à horizontal. Elevação da garupa igual à elevação da cruz.
    • No peito: Largura, profundidade, musculoso e poderoso. A ponta do esterno marcada. Costelas com amplos espaços intercostais e arredondadas, não plano. A relação entre a cernelha e o perímetro torácico mínimo deve ser de aproximadamente 1/3.
    • Ventre e flancos: Barriga muito moderadamente dobrada; os flancos abaixaram e os flancos muito largos.


    Extremidades

    MEMBROS ANTERIORES:

    • Como um todo.: Perfeitamente a prumo, retas e paralelas vistas de frente. O comprimento do antebraço deve ser três vezes maior que o do metacarpo. Fortes ósseos com metacarpo poderoso.
    • Voltar: Oblíquo, muito musculoso. Mais longo que o antebraço. Ângulo escápulo-umeral próximo a 100 °.
    • Braço: Strong, comprimento semelhante à escápula.
    • Cotovelo: Bem preso ao peito. Ângulo úmero-radial próximo a 125 °.
    • Antebraço: Strong, osso perpendicular.
    • Metacarpo: Visto de lado com pouca inclinação. Está praticamente em continuação do antebraço; forte de osso.
    • Pés anteriores: GATO. Dedos apertados. Falanges fortes, alto e bem arqueado. Pregos e almofadas robustos e duros. Membrana interdigital moderada com cabelo.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Como um todo.: Poderoso, muscular. Visto de lado, angulações adequadas na forma de ângulos articulares largos. Postura correta, visto de trás e de perfil. Jarretes sem desvios. Eles devem ser capazes de facilmente impulsionar o cão, força e elegância.
    • Coxa: Forte e musculoso. Ângulo coxo-femoral próximo a 100 °.
    • Joelho: Ângulo femoro-tibial próximo a 120 ° Perna: Longo, osso muscular e forte. Jarrete: Ângulo aberto, perto de 130 °.
    • Metatarso: Bem marcado, com a clara apreciação do tendão. Presença ou não de esporas que podem ser simples ou duplas, admitir sua amputação.
    • Pés de volta: GATO. Ligeiramente oval.

    Movimento:

    A maneira preferencial é o trote, deve ser harmonioso, poderoso sem tendência à lateralidade. Sem ambiente.

    Manto

    • PELE: Elástico, espessura, abundante e rosado, com pigmentações mais escuras. Todas as membranas mucosas devem ser pretas.
    • Cabelo: Espessa, espessura, semilargo, suave, espalhados por todo o corpo para espaços interdigitais.

    Distinguem-se dois tipos de cabelos, uma de cobertura nas costas e outra de proteção nas costelas e flancos. Mais curtos nos membros e mais longos e mais sedosos na cauda.

    • Cor: Indeterminado, cores uniformes são mais apreciadas, Amarelo, leonados, Red, Black, filhotes e filhotes. Cores combinadas também são apreciadas, p. EJ. atigrados, picos e laços.


    Tamanho e peso:

    Não há limites de tamanho máximo, sendo apreciado dentro de proporções harmoniosas, os maiores espécimes.

    Altura à Cruz: Limites mínimos:

    • Machos 77cm
    • Fêmeas 72 cm.

    Esses elevadores de desejos são amplamente superados, sendo conveniente passar os machos 80 cm e as fêmeas 75 cm.



    Falhas:

    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    PEQUENAS FALTAS

    • Perfis de focinho transportados, sem excesso.
    • Bite em clipe; ausência de um pré-molar.
    • Linha dorso-lombar fraca, distorcido e ondulante durante a marcha.
    • Metacarpo, metatarsos e pés fracos, não em excesso.
    • Timidez, não muito acentuado.

    FALTAS GRAVES:

    • Aparência frágil ou linfática exagerada.
    • Focinho pontudo.
    • Moderado prognatismo superior.
    • Ausência de vários pré-molares ou caninos, se não devido a trauma.
    • Entropia excessiva ou ectrópio.
    • Amputação de orelha.
    • Cauda descansando na garupa.
    • Linha dorso-lombar em sela.
    • Altura na garupa, significativamente mais alta que a altura na cernelha.
    • Corte da cauda.
    • Membros errados: fraco ou desviantes.
    • Jarretes de vaca, durante a marcha ou na estação.
    • Braceos lateral durante a operação.
    • Cabelo ondulado, encaracolado ou excessivamente longo.
    • Caráter desequilibrado, timidez excessiva, covardia ou agressividade exagerada.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
    • Cão agressivo ou medroso.
    • Olhos claros acompanhados de trufa ou mucosa despigmentada.
    • Nariz de Split.
    • Qualquer grau de prognatismo inferior; prognatismo superior excessivo.
    • Olhos claros.


    N.B.:
    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    Fonte: F.C.I - Fédération Cynologique Internationale

    Nomes alternativos:

      1. Spanish mastiff, Mastín español de campo y trabajo, Mastín ganadero, Mastín Leonés, Mastín Extremeño (Inglês).
      2. Mastin Leones (Francês).
      3. Spanischer Mastiff, Mastín aus León (mastín leonés), Mastín der Extremadura (mastín extremeño), Mastín der Mancha (mastín manchego) (Alemão).
      4. Mastín español (Português).
      5. Mastín Leonés, mastín español de campo y trabajo, mastín ganadero (español).