Sabujo eslovaco
Eslovaquia FCI 244 - Farejadores de médio porte

Sabujo eslovaco

Famoso por seu extraordinário senso de direção, que é considerada a melhor das raças caninas.

conteúdo

História

Tem origens remotas e completamente desconhecidas: seu reconhecimento oficial data de depois da Segunda Guerra Mundial, mas a raça já existia há séculos.

Embora não haja registros históricos, Acredita-se que o Slovenský Kopov tenha existido na Europa central por muitas centenas de anos e tenha sido descendente de outras raças locais, incluindo o Sabujo-austríaco-preto-e-castanho e o Braco-polonês.

Não amplamente mantido para qualquer outro propósito além da caça, o Sabujo eslovaco aprimorou suas habilidades de caça ao longo dos séculos e é respeitado na Eslováquia por sua capacidade de rastreamento e resistência. Apesar de seu histórico comprovado no campo, raramente visto internacionalmente. curiosamente, quando visto internacionalmente, às vezes é chamado “Cachorro da floresta negra”, um nome completamente errado, ja que ele Sabujo eslovaco não é agora, e nunca foi, nativo da região da Floresta Negra.

Como muitas outras raças de cães da época, a população da Sabujo eslovaco diminuiu drasticamente durante o período das Guerras Mundiais. É atribuído a um eslovaco chamado Caracol Koloman tendo trazido a raça da beira da extinção neste momento, estabelecendo programas de reprodução bem sucedidos em todo o país.

Oficialmente aceita como raça na década de 1870, o primeiro clube da raça Sabujo eslovaco foi formado recentemente em 1988, na capital de bratislava. O Sabujo eslovaco é tão popular em seu local de nascimento que foi considerada a raça nacional da Eslováquia.

Foto: Slovakian Hound during dog’s show in Racibórz,Poland por Pleple2000, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Características físicas

Sempre preto com marcas de fogo, o Sabujo eslovaco têm ossos sólidos, apesar de sua estatura relativamente pequena. O corpo tem a forma de um retângulo alongado. Seus olhos refletem vivacidade e coragem. São escuros e amendoados. As orelhas são de comprimento médio, arredondado na ponta e achatado contra a cabeça. Este cão é notável por sua consistência em seguir uma trilha legal ou trilha por horas, dando a voz sem hesitação. Eles também se distinguem por sua mordida, então eles são usados ​​em seu país natal para caçar javalis e outros carnívoros.

Ele é dotado de um temperamento vivo. Seu senso de direção é extraordinariamente bem desenvolvido.

Cabelo é 2-5 cm de comprimento, espessura média, bem mentindo, densa. Mais nas costas, pescoço e cauda. O subpêlo é denso, especialmente durante os meses de inverno; No entanto, também não deve estar ausente no verão.

TAMANHO E PESO :

Machos 45-50 cm

Fêmeas 40-45 cm

Peso: 15-20 kg

Caráter e habilidades

Este caçador determinado deve ser tenaz na estrada e valente ao enfrentar os animais que caça., como javali e veado. Eles têm excelentes habilidades olfativas e rastrearão meticulosamente um perfume de volta à fonte. Um animal independente que fica feliz em trabalhar com o mínimo de interação humana, o Sabujo eslovaco precisa de pouca direção. Apesar disso, eles são obedientes, e eles ficarão felizes em seguir seus planos mestre quando necessário.

O Sabujo eslovaco é um bom cão de guarda, como ele está continuamente alerta e observador. Isso, junto com o fato de que eles se tornam dedicados a seus proprietários, significa que muitas vezes são protetores, e podem ser usados ​​com sucesso como cães de guarda, tornando-se potencialmente agressivo se a situação exigir. Latir pode ser um problema e é uma reclamação comum de muitos proprietários. Latidos excessivos podem ser evitados, garantindo que o Sabujo eslovaco não são exercitados de forma suficiente e têm muitas atividades e empregos para preencher o seu dia.

Deus o abençoe

O Sabujo eslovaco é um cachorro muito resistente. No país de origem o dono tem cachorro, raramente dos, que não mora em um canil, mas em contato com o mestre de manhã à noite, frequentemente usado como um cão de propósito geral, cuidando da casa e também do gado, e claro, caçando. É adaptado à vida ao ar livre e tem uma constituição de ferro.

Cuidado e manutenção

O Sabujo eslovaco é um cachorro muito resistente, nenhum problema particular de higiene. Cabelo curto, quando ele voltar da caça será o mais feliz do mundo se lhe der a pincelada necessária para uma limpeza superficial ao nível dos espinhos, preso entre as almofadas, carrapatos possivelmente ainda não fisgados.

Ele rapidamente se acostumará a vir até você para essa limpeza porque está procurando contato com seu mestre.

Qualidades

É um cachorro de fazenda, o cão de fazenda por excelência. Os bandidos simplesmente fazem isso. Os bons são capazes de dar voz, assumir a liderança gritando ou latindo diretamente para qualquer estranho antes de aparecer. Um bom Sabujo eslovaco deve dar voz instantaneamente. Não depois de dez minutos (Embora, dependendo das condições…). O cheiro de Sabujo eslovaco é excelente, tão bom quanto o dos melhores Hounds, mas seu estilo de caça o leva a falar apenas no momento, e claro olhando.

O Sabujo eslovaco é um motor de busca, um localizador de caça. O instinto de caça está entre os melhores cães, realmente muito desenvolvido, fora do comum como em alguns podencos e alguns representantes de raças primitivas.

Cachorro de fazenda, você não precisa ver o animal, o javali para latir depois, como alguns cães apontadores que só latem à vista, ou para o barulho. Com experiência, dependendo das origens, começará a latir depois de se virar para se certificar de que o animal está a dez metros de distância, ou mais. Depois de disparar a casca, ela aumentará o zoom muito rapidamente, mas sempre com cuidado, sempre ficando seguro. O Sabujo eslovaco não é um especialista corajoso e ousado como algumas raças de Terrier alemão de caça ou apontando cachorros, que são inevitavelmente feridos com frequência. Com ele, usado em sua especificidade, teoricamente, não há necessidade de colete de javali, porque ele sabe como lidar com ataques. Alguns nunca se machucam, se usado corretamente, sozinho ou em casal.

O Sabujo eslovaco é um cachorro que é fácil começar com o javali. Porque está em sua natureza, latir, e o único animal que não foge automaticamente, mas vai ao encontro é o javali. Se você está acostumado a caçar em caças onde javalis são raros, mas veados são numerosos, você gostará de guiar facilmente seus animais por meia hora ou mais, mas assim que você notar que há um javali na área, vai deixar este animal muito evasivo para ir e fazer o que foi projetado para fazer.

Um bom Sabujo eslovaco, sozinho ou em casal, raramente capturado por um javali. Caso contrário, em equipes de cães, ele se torna um cão vulnerável como qualquer outro porque sua paixão é terrível, e ali, melhor equipá-lo com um colete…

Classificações do “Sabujo eslovaco”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Sabujo eslovaco” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Imagens do “Sabujo eslovaco”

Fotos:

1 – SLOVENSKÝ KOPOV Rantafejs Cezary Av Fileddy MyDOG, Nordens största hundevenemang: www.mydog.se por Feira Sueca da Suécia, CC POR 2.0, via Wikimedia Commons
2 – A female Slovakian Hound. por Canárias, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons
3 – Slovakian Hound during dog’s show in Racibórz,Poland por Pleple2000, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons
4 – Slovakian Hound during dog’s show in Racibórz,Poland por Pleple2000, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons
5 – Slovakian Hound during dogs show in Katowice, Poland por Lilly M, CC BY-SA 2.5, via Wikimedia Commons
6 – Chien courant slovaque sur fond blanc por Desaix83, do trabalho das Canárias, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Vídeos do “Sabujo eslovaco”

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 244
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
  • UKCScenthounds

Padrão da raça FCI “Sabujo eslovaco”

FCI Padrão No. 244 / 19.08.1996 / E
SLOVAK HOUND(Slovenský Kopov)
TRADUCCION : Federação Mexicana de Canófila, A.C..
ORIGEM : Eslováquia.
DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO : 16.04.1963.

UTILIZAÇÃO :

Sabujos. Esta raça é caracterizada por continuar a latir em uma trilha quente (recentes) ou uma trilha constante por horas. Também se caracteriza pela sua agudeza e por isso é utilizado no seu local de origem especialmente para a caça de javalis e animais predadores..

CLASSIFICAÇÃO FCI :

  • Grupo 6 Sabujos, cães rastreadores (exceto Lebreles) e raças afins.
  • Seção 1.2 Farejadores de médio porte.

Com trabalho julgamento.

OLHAR GERAL :

Eles são sempre de uma cor : preto com marcações de 'fogo'. Estrutura corporal bastante leve; No entanto, tem um esqueleto forte. Forma de corpo retangular alongada.

TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO :

É de natureza espirituosa. Sentido de orientação excepcionalmente desenvolvido.

CABEÇA

REGIÃO CRANIANA :

  • Crânio : Saliente no topo; sua forma é quadrada e alongada; arcos superciliares e sulco frontal são notáveis; protuberância occipital é mal marcada. Os eixos longitudinais do focinho e do crânio são paralelos.
  • Links de depressão (Stop) : Cerca de 45 °.

REGIÃO FACIAL :

  • Trufa : Sempre preto, relativamente grande, moderadamente pontudo; janelas moderadamente abertas.
  • Focinho : Cana do nariz em linha reta, correspondendo ao crânio longo e não muito largo.
  • Lábios : Eles não estão pendurados; eles estão juntos, magro, com um canto visivelmente aberto.
  • Mandíbulas / Dentes : regularmente, empresa; mordida completa bem desenvolvida.
  • Olhos : Escuro, um pouco profundo. Sua expressão denota vivacidade e animosidade. Pálpebras são sempre pretas; abertura de olho em forma de amêndoa.
  • Orelhas : Inserido um pouco acima da linha dos olhos, deitado nas laterais da cabeça, arredondado em suas extremidades, médio longo.

PESCOÇO :

Bem inserido, transportado em um ângulo de aproximadamente 135 °, bastante curto, musculoso e sem pele solta.

CORPO

  • Voltar : Em linha reta, médio longo.
  • Lombo de porco : Não muito longo, muito largo, firme e musculoso.
  • Alcatra : Não muito tempo, largura média, arredondado.
  • No peito : Peitoril de janela largo e bem preenchido. Médio profundo, de largura adequada e relativamente longa.
  • No peito : Costelas arredondadas, colocadas oblícuamente.
  • Ventre e flancos : Moderadamente retraído.

CAUDA :

Conjunto bastante baixo, um pouco abaixo da linha de fundo; de força adequada; afinando para a ponta; chega até a articulação tíbio-tarsal; em repouso é carregado pendurado; na excitação, ele é curvado para cima na forma de uma foice em um ângulo de 150.

MEMBROS

MEMBROS ANTERIORES :

  • Escápula e braço : Bastante curto, bem desenvolvida e muscular. Ângulo do ombro de aproximadamente 110 °.
  • Antebraço : Colocado verticalmente, Delgado.
  • Articulação do carpo : Curto.
  • Metacarpo : Não muito tempo, um pouco inclinado.
  • Pés anteriores: Oval, dedos bem arqueados; unhas sempre pretas e fortes; almofadas escuras, bem desenvolvido.

MEMBROS POSTERIORES :

  • Coxa : Moderadamente largo e longo, muscular.
  • Perna : Ampla, de comprimento adequado e com bons músculos.
  • Articulação do pé-quente : Localizado aproximadamente a uma altura de 15 cm; moderadamente largo. O ângulo da articulação tíbio-tarsal é de aproximadamente 150 °.
  • Metatarso : Aproximadamente 8 cm de comprimento; moderadamente inclinado para a frente; Sem esporas.
  • Pés de volta : Oval, dedos juntos e bem arqueados; almofadas bem desenvolvidas, preto.

MOVIMENTO :

Animado e equilibrado.

PELE :

De marrom escuro a preto, pegada, sem dobras de pele soltas.

PELES

CABELO : De 2 – 5 cm de comprimento, moderadamente difícil, colado e denso. É mais comprido nas costas, pescoço e cauda. Densa penugem interna, especialmente nos meses de inverno, embora sua presença não deva faltar durante o verão.

COR :

Preto com marcações de castanho a mogno nos membros.

TAMANHO E PESO :

Altura à Cruz : Nos machos : 45 – 50 cm. em mulheres : 40 – 45 cm Peso : 15 – 20 kg.

FALHAS :

Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

• figura grosseira, rechonchudo ou gordinho.
• Cabeça muito pesada.
• lábios pendentes.
• Mordida incompleta.
• Progantismo superior o inferior.
• Olhos claros, pálpebras frouxas, pálpebras muito apertadas.
• orelhas muito claras, pontudo.
• Pele flácida no pescoço.
• Costas muito fracas.
• Peito achatado (deficiência severa).
• Cauda visivelmente longa, também transportado em repouso acima da linha posterior.
• Posição defeituosa dos membros.
• pés fracos.
• Pelagem muito curta, essa é a Lanilla interna; cabelo muito comprido, ondulado.
• Cor diferente do preto, manchas brancas, delineamento indistinto de manchas "bronzeadas".
• Tamanho excessivo.

PROPORÇÕES IMPORTANTES (TIPO IDEAL)

  • Peso 16 kg
  • Altura na cernelha nos machos 46 cm
  • Altura na cernelha nas fêmeas 43 cm
  • Comprimento total da cabeça 22 cm
  • Comprimento do focinho 9 cm
  • Comprimento do crânio 13 cm
  • Largura do crânio 10,5 cm
  • Largura do peito 16,5 cm
  • Altura do peito 22 cm
  • Profundidade do peito 31,5 cm
  • Comprimento do corpo 55 cm
  • Circunferência do tórax atrás da última costela livre 54 cm
  • Angulações dos membros : Ângulo entre a escápula e o braço 110 °
  • Ângulo entre braço e antebraço 140 °
  • Ângulo entre quadril e coxa 130 °
  • Ângulo entre coxa e perna 130 °
  • Ângulo da articulação tíbio-tarsal 145 °

Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

OBS.. : Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Nomes alternativos:

    1. Black Forest Hound, Slovak Hound (Inglês).
    2. (slovenský kopov en slovaque) (Francês).
    3. Slowakische Schwarzwildbracke (Alemão).
    4. Cão da floresta (Português).
    5. Cazador eslovaco (español).

Sabujo de Schwyz
Suiza FCI 59 . Farejadores de médio porte

Sabujo de Schwyz

O Schwyz Hound é uma raça muito viva e enérgica que requer uma quantidade significativa de exercícios diários.

conteúdo

História

O Sabujo de Schwyz tem origens antigas, os detalhes são um pouco confusos embora. Os cães deste tipo estão representados em mosaicos que datam da era romana helvética e os primeiros exemplares da raça foram muito procurados na Itália durante o século XV e depois pelos franceses no século XVIII..

Acredita-se que o Sabujo de Schwyz foi influenciado pelos cães franceses trazidos para a Suíça por mercenários viajantes e acabou se tornando uma das cinco variedades de “Sabujo Suíço”. Mais especificamente, o Sabujo de Schwyz é uma das quatro raças às vezes referidas – as outras variedades são:

O primeiro padrão de raça para o Sabujo de Schwyz foi estabelecido em 1882 e revisado em 1909. A raça foi aceita pela FCI com o nome de Schweizer Laufhund em 2001.

Características físicas

É um cão com altura média na cernelha. A estrutura do seu corpo indica força e tenacidade. A sua cabeça fina com focinho comprido e orelhas compridas conferem-lhe uma expressão de nobreza.

Tamanho: Machos: 49-59 cm. Fêmeas: 47-57 cm.

Cor: Branco com manchas laranja ou formato de "sela" laranja, às vezes com salpicos de laranja; um casaco laranja é permitido.

Caráter e habilidades

O Sabujo de Schwyz eles são uma raça amigável que pode se dar bem em um ambiente familiar, desde que seus requisitos de exercício sejam consistentes. Estes cães se dão bem com outros cães e também podem ser gentis com crianças. Basta ter cuidado com gatos e outros animais domésticos, porque esses cães têm fortes instintos de caça – criar animais de estimação juntos e trabalhar na socialização precoce ajudará. Você também deve garantir que seu cão faça bastante exercício físico e mental para evitar o tipo de tédio que pode levar a um comportamento destrutivo..

O Sabujo de Schwyz eles são uma raça muito viva e enérgica que requer uma quantidade significativa de exercícios diários. Esses cães precisam de pelo menos uma hora de exercícios moderados a vigorosos por dia e também vão gostar de ter tempo para correr em um quintal cercado. Esta raça também pode ser uma boa candidata para esportes caninos, se você está procurando oportunidades de fazer algum exercício extra.

Treinamento

O Sabujo de Schwyz tem fortes instintos de caça que podem ser desenvolvidos e controlados por meio do treinamento. Esses cães são treinados para caçar em matilhas, então eles são um pouco independentes por natureza e podem ser teimosos às vezes. Manter as sessões de treinamento curtas e oferecer muitas recompensas em alimentos ajudará a garantir o sucesso do treinamento., além disso, você deve manter uma mão firme e consistente na liderança desta raça. A socialização precoce também é importante para esta raça.

Classificações do “Sabujo de Schwyz”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Sabujo de Schwyz” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vídeos do “Sabujo de Schwyz”

Willie de Schwyzer Laufhund 2
Willie de Schwyzer Laufhund

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 59
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
  • UKCScenthounds

Padrão da raça FCI “Sabujo de Schwyz”

Padrão Schwyz Hound FCI
UTILIZAÇÃO : É um pequeno cão de caça que caça lebres, Veados, raposas e às vezes javalis. Ele é um caçador independente, caçando com uma casca. Procure e encurrale sua presa com grande segurança, mesmo em terrenos difíceis.

CLASSIFICAÇÃO FCI :

  • Grupo 6 Sabujos,Farejadores de Rastro de Sangue (exceto Lebreles) e raças afins.
  • Seção 1.2 Farejadores de médio porte.

Com prova de trabalho.

BREVE RESUMO HISTÓRICO : O cão suíço tem uma origem muito antiga. A sua existência na Suíça desde a época romana é comprovada graças a um mosaico descoberto em Avanches que representa cães de caça cujas características coincidem com as variedades de sabujo suíço.. No século 15 era apreciado pelos fãs italianos e no século 18 pelos franceses por sua extraordinária capacidade de caçar a lebre.. Sua criação local original foi certamente influenciada por pequenos cães de caça franceses trazidos para a Suíça por mercenários.. No ano 1882 Definir um padrão para cada uma das cinco variedades existentes do sabujo suíço. Em 1909 Esses padrões foram revisados, confirmando o desaparecimento total do Thurgau Hound. O 22 em Janeiro de 1933 estabelecido um padrão uniforme para o 4 variedades de Sabujo Suíço. O intervalo original do tipo de Sabujo de Jura St. Hubert agora desapareceu.

OLHAR GERAL : É um cão com altura média na cernelha. A estrutura do seu corpo indica força e tenacidade. A sua cabeça fina com focinho comprido e orelhas compridas conferem-lhe uma expressão de nobreza.

Existem quatro variedades de Sabujo Suíço :

  • Sabujo de Berna
  • Sabujo de Jura
  • Sabujo de Lucerna
  • Sabujo de Schwyz

PROPORÇÕES IMPORTANTES :
• Comprimento do corpo : Altura na cernelha = aprox. 1.15 : 1.
• Altura na cernelha : profundidade do peito = aprox. 2 : 1.
• Comprimento do focinho : comprimento do crânio = aprox.. 1 : 1.

TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO : Animado e apaixonado pela caça. Sensível, gerenciável e fiel.

CABEÇA

REGIÃO CRANIANA :

  • Crânio : Longo, limitar, Delgado, nobre. Crânio protuberante, protrusão occipital visível. A direção do eixo longitudinal do crânio e do focinho mostra uma ligeira divergência. Sem sulco frontal, sem dobras ou rugas.
  • Links de depressão (Stop) : Não muito desenvolvido.

REGIÃO FACIAL :

  • Trufa : Totalmente preto, bem desenvolvido; narinas bem abertas.
  • Focinho : Nobre desenvolvido, limitar ; não é quadrado ou pontudo ; o focinho é reto ou ligeiramente convexo.
  • Lábios : Moderadamente desenvolvido, os lábios superiores cobrem perfeitamente o maxilar inferior ; canto ligeiramente aberto.
  • Mandíbulas / Dentes : Mandíbula poderosa. Mordedura em tesoura poderosa, regular e completa, ou seja, os incisivos superiores se sobrepõem aos inferiores sem deixar espaço entre eles e os dentes são implantados verticalmente na maxila. Mordida em torquês permitida. A falta de um ou dois PM1 ou PM2 é aceitável (pré-molares 1 ou 2) . M3 não são levados em consideração (molares).
  • Bochechas : Solto, arcadas supraciliares não salientes.
  • Olhos : Eles são mais ou menos castanhos claros ou escuros dependendo da cor da pelagem ; eles são de tamanho médio e ligeiramente ovais. As bordas das pálpebras são bem pigmentadas. As pálpebras são bem aderentes. A expressão é doce.
  • Orelhas : Colocado abaixo da linha dos olhos, na parte posterior da região craniana e nunca implantado em sua largura máxima. Seu comprimento deve atingir pelo menos a ponta do nariz. O pavilhão não é proeminente. As orelhas são finas. Isso os derruba, dobrado e torcido ; eles são arredondados na parte inferior e têm uma pelagem fina e macia.

PESCOÇO : Longo, elegante, com boa musculatura ; a pele da garganta está solta, sem formar barbelas perceptíveis.

CORPO

  • Top de linha : O pescoço., parte traseira, a garupa e a cauda formam uma linha harmoniosa e nobre.
  • Cruz : Pouco forte, aplicação de pescoço grátis e elegante.
  • Voltar : Firme e direto. : Muscular e ligeiramente arqueado.
  • Alcatra : Alongada, alonga harmoniosamente a linha posterior e desce suavemente. Não é mais alto que a cruz. A crista ilíaca não é muito proeminente.
  • No peito : Mais profundo do que largo, bem descido, alcança as pontas dos cotovelos. Caixa torácica alongada com costelas ligeiramente arqueadas.
  • Linha inferior e barriga : Barriga ligeiramente retraída para trás ; flancos completos.

CAUDA : Inserido na extensão da garupa. É de comprimento médio e afunila em direção à ponta ; no seu final tem uma ligeira inclinação para cima ; nobre. Em geral fica pendurado em repouso e ao caminhar com calma, sem mostrar uma curva importante ; quando atento ou em ação usa-o sobre a linha das costas , mas nunca descansando nele ou enrolado. Está bem coberto de pelos, mas não tem uma forma de pico.

MEMBROS
MEMBROS ANTERIORES :

  • Como um todo. : Eles são bem musculosos, magro e não pesado na aparência. Vistos de frente, são paralelos e de lado parecem verticais ; seus ossos são fortes com os pés apontados para a frente.
  • Ombro : Ombros oblíquos longos, intimamente ligado à caixa torácica. A angulação ideal da articulação escapulo-umeral é de aproximadamente 100 °.
  • Braço : Um pouco mais longo que a omoplata, colocado obliquamente, intimamente ligado ao peito. A musculatura dele esta bem.
  • Cotovelos : Naturalmente colado ao lado.
  • Antebraço : Em linha reta, forte, Delgado.
  • Carpo : Strong, metacarpo largo : Relativamente curto; visto a partir da frente é sobre a linha perpendicular do antebraço; visto de lado é ligeiramente inclinado.
  • Pés dianteiros : Arredondado, com dedos compactos ; almofadas duras e ásperas ; unhas fortes cuja cor depende da cor da pelagem.

MEMBROS POSTERIORES :

  • Como um todo. : Eles têm músculos fortes e estão em uma relação equilibrada com os membros anteriores ; visto por trás, os membros posteriores são verticais e paralelos.
  • Coxa : Longo e oblíquo, poderoso embora seus músculos sejam finos. A angulação da articulação do quadril é de aproximadamente 100 °.
  • Joelho : Sem desvios internos ou externos. Angulação da articulação fêmoro-tibial de aproximadamente 120 °.
  • Perna : Relativamente longo, músculos e tendões finos e visíveis sob a pele.
  • Hock : Angulação da articulação tibio-tarsal de aproximadamente 130 °.
  • Metatarso : Bem curto, colocado verticalmente e paralelo. Sem esporas, exceto nos países, em que a amputação não é permitida por lei.
  • Pés traseiros : Arredondado, com dedos compactos, almofadas duras e ásperas ; unhas fortes cuja cor depende da cor da pelagem.

MOVIMENTO : Está desdobrado, regular, harmonioso e com bom escopo. Apresenta bom impulso dos membros posteriores. Dirija os membros paralelos e retos. A cruz se move suavemente e regularmente para cima e para baixo, as costas permanecem retas e a cabeça e o pescoço balançam ligeiramente de um lado para o outro.

PELE : Bem, flexível, bem aderente, cuja cor varia em cada uma das quatro variedades.

• Bernese Hound : A pele é preta sob o cabelo preto e marmorizado branco-escuro sob o cabelo branco.
• Jura hound : Ela é preta sob o cabelo preto e mais clara sob o cabelo castanho.
• Lucerne Hound : Ela é preta sob o cabelo preto e mais clara sob o cabelo manchado de azul..
• Schwyz Hound : É cinza escuro sob o cabelo laranja e marmorizado branco-escuro sob o cabelo branco..

PELES

CABELO : É curto, suave, espesso, muito bom na cabeça e orelhas.

COR :

• Bernese Hound : Branco com manchas pretas ou uma mancha preta em forma de 'sela'. Cor bronzeada de pálido a intenso sobre os olhos, bochechas, na parte interna das orelhas e ao redor do ânus. Às vezes é muito levemente respingado (salpicos pretos).

• Jura hound : Bronzeado com capa preta, às vezes com nuances de preto ou preto com bronzeado sobre os olhos, bochechas, ao redor do ânus e nas extremidades ; às vezes com uma pequena mancha branca no peito ; esta mancha pode ser respingada (salpicos pretos ou cinza).

• Lucerne Hound : Chamado de azul, com uma mistura de cabelos pretos e brancos, intensamente salpicado, com manchas pretas ou uma mancha em forma de "sela" ; cor bronzeada de pálido a intenso sobre os olhos, bochechas, sobre o peito., ao redor do ânus e nas extremidades ; uma capa preta é permitida.

• Schwyz Hound : Branco com manchas laranja ou formato de "sela" laranja, às vezes com salpicos de laranja ; um casaco laranja é permitido.

TAMANHO E PESO :Altura à Cruz : Machos : 49-59 cm.Hembras : 47-57 cm Sem tolerância.

FALHAS : Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

• Aparência áspera, vulgar, estrutura corporal fraca.
• Proporções discordantes entre o comprimento do corpo, a altura da cernelha e a altura do peito.
• Crânio muito largo, muito convexo ou muito plano.
• Stop muito marcado.
• Focinho muito curto ou muito longo, muito quadrado ou pontudo.
• Canal nasal côncavo.
• Faltam mais de dois pré-molares PM1 ou PM2. Los M3 (molares 3) não são levados em consideração.
• Lábios grossos.
• Olhos claros, expressão aguda, pálpebras não aderentes.
• Orelhas muito curtas ou achatadas, grosso ou muito alto.
• pescoço muito curto.
• Dewlap muito marcado.
• Sela ou costas arqueadas (carpa de volta).
• Garupa muito inclinada ou muito curta.
• A caixa torácica não é suficientemente profunda, muito plano ou em forma de barril.
• Barriga retraída, flancos caídos.
• Cauda com inserção deficiente, carregado muito alto, muito curvado, encorvada, cauda muito grossa ou em forma de ponta.
• Extremidades com ossos que são muito finas ou em má posição.
• Ombros muito inclinados, braço muito curto.
• Articulações do carpo fracas.
• Angulações insuficientes dos membros posteriores ; membros em forma de vaca ou barril.
• Esporas nos membros posteriores, exceto em países onde a amputação não é permitido por lei.
• Pelagem áspera, Não suave.
• Falhas na cor e marcações.

  1. Sabujo de Berna : Muitos respingos de preto no branco. Castanho ou branco na parte externa das orelhas.
  2. Sabujo de Jura : Cor uniforme. Mancha branca perceptível ou mancha muito salpicada no peito.
  3. Sabujo de Lucerna : Falta de respingo "azul". Bronzeado na parte externa das orelhas.
  4. Sabujo de Schwyz : Muitos respingos de laranja no branco. Cor uniforme. Branco na parte externa das orelhas.

• Comportamento ligeiramente temeroso ou agressivo.

FALHAS ELIMINATÓRIAS

• Cão excessivamente medroso ou agressivo.
• Aspecto geral atípico da raça.
• Nariz completamente despigmentado.
• Prognatismo superior o inferior, arcade incisivo desviou.
• Ectropión, entrópio (mesmo se tivesse sido operado).
• cauda de chifre, threaded, nodosa o de gancho.
• Tamanho acima ou abaixo da tolerância.

Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
OBS.. : Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Variedades de “Sabujos Suíços”

As quatro variedades de cães suíços têm suas próprias características de caça específicas:

– O Sabujo de Berna, com sua linda garganta (“o uivador do Jura”), exigindo, usado principalmente para lebres;
– O “Sabujo de Jura“, um excelente recuperador
– O Sabujo de Lucerna, remanescente de Pequeno azul da Gasconha, ele é um cão ativo e apaixonado que caça veados muito bem;
– O “Sabujo de Schwyz”, menos difundido fora da Suíça, é reservado para coelhos e lebres.

Sabujo de Lucerna
Suiza FCI 59 . Farejadores de médio porte

Sabujo de Lucerna

O Lucerne Hound é um cão animado, mas gentil e dócil. Muito apegado ao seu mestre.

conteúdo

História

A raça foi originalmente criada na área de Lucerna, Suíça. Já na aparência, está intimamente relacionado ao cão Cão-de-santo-humberto. Pode-se supor que o Pequeno azul da Gasconha também pode ter desempenhado um papel no desenvolvimento da raça: Casaco colorido marcante com padrão pontilhado sugere isso. É um dos quatro cães suíços, que foram combinados pela FCI sob um único padrão de raça, mas eles são julgados separadamente nas exposições. As outras variedades da raça são:

Características físicas

Altura na cernelha até 59 cm.
As orelhas estão bem para trás, muito grande, pesado, dobrou e virou.
Cabelo: Curta, grosso e grosso, pele de raposa
Cor: Blue, de uma combinação de cabelos pretos e brancos, muito manchado, com manchas pretas ou uma cadeira preta.

Caráter e habilidades

O Sabujo de Lucerna é um cão cheio de energia, mas gentil e dócil. Muito apegado ao seu mestre.

Como todos os cães Sabujos Suíços, esta raça também é relativamente pequena. Isso se deve em parte ao fato de que as condições ambientais nas montanhas, onde nasceram esses cachorros, eles são extremamente difíceis, então animais com baixa necessidade de energia sobreviveram melhor do que cães maiores. O Sabujo de Lucerna usado para uma grande variedade de caça, de javalis a veados e lebres. Embora a pelagem densa proteja o cão do frio e goste de viver ao ar livre, procure conforto; portanto ele se sente confortável na cidade, mas precisa de muita atividade e bastante exercício. Existe uma raça quase idêntica com pernas mais curtas – o Pequeno Sabujo de Lucerna. É adequado como cão de trabalho, caça e companhia.

Classificações do “Sabujo de Lucerna”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Sabujo de Lucerna” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vídeos do “Sabujo de Lucerna”

chiens courant lucernois entrainement 2
chiens courant lucernois entrainement 1

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 59
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
  • UKCScenthounds

Padrão da raça FCI “Sabujo de Lucerna”

Padrão Lucerne Hound FCI
UTILIZAÇÃO : É um pequeno cão de caça que caça lebres, Veados, raposas e às vezes javalis. Ele é um caçador independente, caçando com uma casca. Procure e encurrale sua presa com grande segurança, mesmo em terrenos difíceis.

CLASSIFICAÇÃO FCI :

  • Grupo 6 Sabujos,Farejadores de Rastro de Sangue (exceto Lebreles) e raças afins.
  • Seção 1.2 Farejadores de médio porte.

Com prova de trabalho.

BREVE RESUMO HISTÓRICO : O cão suíço tem uma origem muito antiga. A sua existência na Suíça desde a época romana é comprovada graças a um mosaico descoberto em Avanches que representa cães de caça cujas características coincidem com as variedades de sabujo suíço.. No século 15 era apreciado pelos fãs italianos e no século 18 pelos franceses por sua extraordinária capacidade de caçar a lebre.. Sua criação local original foi certamente influenciada por pequenos cães de caça franceses trazidos para a Suíça por mercenários.. No ano 1882 Definir um padrão para cada uma das cinco variedades existentes do sabujo suíço. Em 1909 Esses padrões foram revisados, confirmando o desaparecimento total do Thurgau Hound. O 22 em Janeiro de 1933 estabelecido um padrão uniforme para o 4 variedades de Sabujo Suíço. O intervalo original do tipo de Sabujo de Jura St. Hubert agora desapareceu.

OLHAR GERAL : É um cão com altura média na cernelha. A estrutura do seu corpo indica força e tenacidade. A sua cabeça fina com focinho comprido e orelhas compridas conferem-lhe uma expressão de nobreza.

Existem quatro variedades de Sabujo Suíço :

  • Sabujo de Berna
  • Sabujo de Jura
  • Sabujo de Lucerna
  • Sabujo de Schwyz

PROPORÇÕES IMPORTANTES :
• Comprimento do corpo : Altura na cernelha = aprox. 1.15 : 1.
• Altura na cernelha : profundidade do peito = aprox. 2 : 1.
• Comprimento do focinho : comprimento do crânio = aprox.. 1 : 1.

TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO : Animado e apaixonado pela caça. Sensível, gerenciável e fiel.

CABEÇA

REGIÃO CRANIANA :

  • Crânio : Longo, limitar, Delgado, nobre. Crânio protuberante, protrusão occipital visível. A direção do eixo longitudinal do crânio e do focinho mostra uma ligeira divergência. Sem sulco frontal, sem dobras ou rugas.
  • Links de depressão (Stop) : Não muito desenvolvido.

REGIÃO FACIAL :

  • Trufa : Totalmente preto, bem desenvolvido; narinas bem abertas.
  • Focinho : Nobre desenvolvido, limitar ; não é quadrado ou pontudo ; o focinho é reto ou ligeiramente convexo.
  • Lábios : Moderadamente desenvolvido, os lábios superiores cobrem perfeitamente o maxilar inferior ; canto ligeiramente aberto.
  • Mandíbulas / Dentes : Mandíbula poderosa. Mordedura em tesoura poderosa, regular e completa, ou seja, os incisivos superiores se sobrepõem aos inferiores sem deixar espaço entre eles e os dentes são implantados verticalmente na maxila. Mordida em torquês permitida. A falta de um ou dois PM1 ou PM2 é aceitável (pré-molares 1 ou 2) . M3 não são levados em consideração (molares).
  • Bochechas : Solto, arcadas supraciliares não salientes.
  • Olhos : Eles são mais ou menos castanhos claros ou escuros dependendo da cor da pelagem ; eles são de tamanho médio e ligeiramente ovais. As bordas das pálpebras são bem pigmentadas. As pálpebras são bem aderentes. A expressão é doce.
  • Orelhas : Colocado abaixo da linha dos olhos, na parte posterior da região craniana e nunca implantado em sua largura máxima. Seu comprimento deve atingir pelo menos a ponta do nariz. O pavilhão não é proeminente. As orelhas são finas. Isso os derruba, dobrado e torcido ; eles são arredondados na parte inferior e têm uma pelagem fina e macia.

PESCOÇO : Longo, elegante, com boa musculatura ; a pele da garganta está solta, sem formar barbelas perceptíveis.

CORPO

  • Top de linha : O pescoço., parte traseira, a garupa e a cauda formam uma linha harmoniosa e nobre.
  • Cruz : Pouco forte, aplicação de pescoço grátis e elegante.
  • Voltar : Firme e direto. : Muscular e ligeiramente arqueado.
  • Alcatra : Alongada, alonga harmoniosamente a linha posterior e desce suavemente. Não é mais alto que a cruz. A crista ilíaca não é muito proeminente.
  • No peito : Mais profundo do que largo, bem descido, alcança as pontas dos cotovelos. Caixa torácica alongada com costelas ligeiramente arqueadas.
  • Linha inferior e barriga : Barriga ligeiramente retraída para trás ; flancos completos.

CAUDA : Inserido na extensão da garupa. É de comprimento médio e afunila em direção à ponta ; no seu final tem uma ligeira inclinação para cima ; nobre. Em geral fica pendurado em repouso e ao caminhar com calma, sem mostrar uma curva importante ; quando atento ou em ação usa-o sobre a linha das costas , mas nunca descansando nele ou enrolado. Está bem coberto de pelos, mas não tem uma forma de pico.

MEMBROS
MEMBROS ANTERIORES :

  • Como um todo. : Eles são bem musculosos, magro e não pesado na aparência. Vistos de frente, são paralelos e de lado parecem verticais ; seus ossos são fortes com os pés apontados para a frente.
  • Ombro : Ombros oblíquos longos, intimamente ligado à caixa torácica. A angulação ideal da articulação escapulo-umeral é de aproximadamente 100 °.
  • Braço : Um pouco mais longo que a omoplata, colocado obliquamente, intimamente ligado ao peito. A musculatura dele esta bem.
  • Cotovelos : Naturalmente colado ao lado.
  • Antebraço : Em linha reta, forte, Delgado.
  • Carpo : Strong, metacarpo largo : Relativamente curto; visto a partir da frente é sobre a linha perpendicular do antebraço; visto de lado é ligeiramente inclinado.
  • Pés dianteiros : Arredondado, com dedos compactos ; almofadas duras e ásperas ; unhas fortes cuja cor depende da cor da pelagem.

MEMBROS POSTERIORES :

  • Como um todo. : Eles têm músculos fortes e estão em uma relação equilibrada com os membros anteriores ; visto por trás, os membros posteriores são verticais e paralelos.
  • Coxa : Longo e oblíquo, poderoso embora seus músculos sejam finos. A angulação da articulação do quadril é de aproximadamente 100 °.
  • Joelho : Sem desvios internos ou externos. Angulação da articulação fêmoro-tibial de aproximadamente 120 °.
  • Perna : Relativamente longo, músculos e tendões finos e visíveis sob a pele.
  • Hock : Angulação da articulação tibio-tarsal de aproximadamente 130 °.
  • Metatarso : Bem curto, colocado verticalmente e paralelo. Sem esporas, exceto nos países, em que a amputação não é permitida por lei.
  • Pés traseiros : Arredondado, com dedos compactos, almofadas duras e ásperas ; unhas fortes cuja cor depende da cor da pelagem.

MOVIMENTO : Está desdobrado, regular, harmonioso e com bom escopo. Apresenta bom impulso dos membros posteriores. Dirija os membros paralelos e retos. A cruz se move suavemente e regularmente para cima e para baixo, as costas permanecem retas e a cabeça e o pescoço balançam ligeiramente de um lado para o outro.

PELE : Bem, flexível, bem aderente, cuja cor varia em cada uma das quatro variedades.

• Bernese Hound : A pele é preta sob o cabelo preto e marmorizado branco-escuro sob o cabelo branco.
• Jura hound : Ela é preta sob o cabelo preto e mais clara sob o cabelo castanho.
• Lucerne Hound : Ela é preta sob o cabelo preto e mais clara sob o cabelo manchado de azul..
• Schwyz Hound : É cinza escuro sob o cabelo laranja e marmorizado branco-escuro sob o cabelo branco..

PELES

CABELO : É curto, suave, espesso, muito bom na cabeça e orelhas.

COR :

• Bernese Hound : Branco com manchas pretas ou uma mancha preta em forma de 'sela'. Cor bronzeada de pálido a intenso sobre os olhos, bochechas, na parte interna das orelhas e ao redor do ânus. Às vezes é muito levemente respingado (salpicos pretos).

• Jura hound : Bronzeado com capa preta, às vezes com nuances de preto ou preto com bronzeado sobre os olhos, bochechas, ao redor do ânus e nas extremidades ; às vezes com uma pequena mancha branca no peito ; esta mancha pode ser respingada (salpicos pretos ou cinza).

• Lucerne Hound : Chamado de azul, com uma mistura de cabelos pretos e brancos, intensamente salpicado, com manchas pretas ou uma mancha em forma de "sela" ; cor bronzeada de pálido a intenso sobre os olhos, bochechas, sobre o peito., ao redor do ânus e nas extremidades ; uma capa preta é permitida.

• Schwyz Hound : Branco com manchas laranja ou formato de "sela" laranja, às vezes com salpicos de laranja ; um casaco laranja é permitido.

TAMANHO E PESO :Altura à Cruz : Machos : 49-59 cm.Hembras : 47-57 cm Sem tolerância.

FALHAS : Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

• Aparência áspera, vulgar, estrutura corporal fraca.
• Proporções discordantes entre o comprimento do corpo, a altura da cernelha e a altura do peito.
• Crânio muito largo, muito convexo ou muito plano.
• Stop muito marcado.
• Focinho muito curto ou muito longo, muito quadrado ou pontudo.
• Canal nasal côncavo.
• Faltam mais de dois pré-molares PM1 ou PM2. Los M3 (molares 3) não são levados em consideração.
• Lábios grossos.
• Olhos claros, expressão aguda, pálpebras não aderentes.
• Orelhas muito curtas ou achatadas, grosso ou muito alto.
• pescoço muito curto.
• Dewlap muito marcado.
• Sela ou costas arqueadas (carpa de volta).
• Garupa muito inclinada ou muito curta.
• A caixa torácica não é suficientemente profunda, muito plano ou em forma de barril.
• Barriga retraída, flancos caídos.
• Cauda com inserção deficiente, carregado muito alto, muito curvado, encorvada, cauda muito grossa ou em forma de ponta.
• Extremidades com ossos que são muito finas ou em má posição.
• Ombros muito inclinados, braço muito curto.
• Articulações do carpo fracas.
• Angulações insuficientes dos membros posteriores ; membros em forma de vaca ou barril.
• Esporas nos membros posteriores, exceto em países onde a amputação não é permitido por lei.
• Pelagem áspera, Não suave.
• Falhas na cor e marcações.

  1. Sabujo de Berna : Muitos respingos de preto no branco. Castanho ou branco na parte externa das orelhas.
  2. Sabujo de Jura : Cor uniforme. Mancha branca perceptível ou mancha muito salpicada no peito.
  3. Sabujo de Lucerna : Falta de respingo "azul". Bronzeado na parte externa das orelhas.
  4. Sabujo de Schwyz : Muitos respingos de laranja no branco. Cor uniforme. Branco na parte externa das orelhas.

• Comportamento ligeiramente temeroso ou agressivo.

FALHAS ELIMINATÓRIAS

• Cão excessivamente medroso ou agressivo.
• Aspecto geral atípico da raça.
• Nariz completamente despigmentado.
• Prognatismo superior o inferior, arcade incisivo desviou.
• Ectropión, entrópio (mesmo se tivesse sido operado).
• cauda de chifre, threaded, nodosa o de gancho.
• Tamanho acima ou abaixo da tolerância.

Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
OBS.. : Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Nomes alternativos:

    1. Lucerne Hound (Inglês).
    2. Courant lucernois (Francês).
    3. Blausprenkel (Alemão).
    4. Sabujo Lucerna (Português).
    5. Perro sabueso suizo de Lucerna (español).

Variedades de “Sabujos Suíços”

As quatro variedades de cães suíços têm suas próprias características de caça específicas:

– O Sabujo de Berna, com sua linda garganta (“o uivador do Jura”), exigindo, usado principalmente para lebres;
– O “Sabujo de Jura“, um excelente recuperador
– O “Sabujo de Lucerna”, remanescente de Pequeno azul da Gasconha, ele é um cão ativo e apaixonado que caça veados muito bem;
– O “Sabujo de Schwyz”, menos difundido fora da Suíça, é reservado para coelhos e lebres.

Sabujo de Berna
Suiza FCI 59 . Farejadores de médio porte

Sabujo de Berna

O Sabujo de Berna é usado principalmente para caçar lebre.

conteúdo

História

O Sabujo Suíço tem uma origem muito antiga. A sua existência na Suíça desde a época romana é verificada graças a um mosaico descoberto em Avanches que representa cães de caça cujas características coincidem com as variedades de. Sabujo Suíço. No século 15 era apreciado pelos fãs italianos e no século 18 pelos franceses por sua extraordinária capacidade de caçar a lebre.. Sua criação local original foi certamente influenciada por pequenos cães de caça franceses trazidos para a Suíça por mercenários.. No ano 1882 um padrão foi estabelecido para cada uma das cinco variedades existentes de Sabujo Suíço. Em 1909 Esses padrões foram revisados ​​confirmando o desaparecimento total do Sabujo de Thurgau. O 22 em Janeiro de 1933 estabelecido um padrão uniforme para o 4 variedades de Sabujo Suíço. A variedade original de Sabujo de Jura tipo St. Hubert desapareceu hoje.

Existem quatro variedades de Sabujo Suíço:

Foto: Bernese Hound during dogs show in Katowice, Poland por Lilly M, CC BY-SA 2.5, via Wikimedia Commons

Características físicas

No Sabujo de Berna a pelagem é branca com manchas pretas ou sela, às vezes ligeiramente manchado. Bege claro a escuro marca a parte superior dos olhos, bochechas, o lado interno das orelhas e ao redor do ânus.

▷ Peso do macho: 15 a 20 kg
▷ Peso fêmea: 15 a 20 kg
▷ O tamanho do macho: 49 a 59 cm
▷ Tamanho fêmea: 49 a 59 cm

Caráter e habilidades

O Sabujo de Berna ele está vivo e apaixonado. Sua sensibilidade é avaliada de forma tão positiva quanto sua facilidade de uso e seu apego ao adestrador de cães. Quando você segue uma pista, movimentos expansivos e fluidos são perceptíveis, bem como o bom empurrão dos posteriores. Você pode sentir força, resistência e temperamento, então seu nariz fino está intimamente ligado à pista.

O cheiro agudo é atípico para Sabujo de Berna, cuja paixão pela caça é tão incansável que o adestrador deve evitar que o cão exagere de antemão. Caso contrário, o cachorro persegue a presa até que ele mesmo a pegue. A pesquisa diligente é desejável, mas o cachorro, exceto quando usado no pacote, deve sempre permanecer nas mãos de seu guia.

Enquanto o Sabujo de Berna ele foi usado em sua terra natal principalmente como caçador de veados solitário, raposas e lebres; Caças a javalis com cães de caça também são realizadas no oeste da Suíça. Na França e na Itália, eles são mais propensos a continuar a ser usados ​​para a caça de rebanho de lebre, javali e veado.

Na Suíça, o Sabujo de Berna Eles são usados ​​principalmente para patentes e caça ao distrito. Na caça de patentes, três a seis caçadores geralmente formam um grupo de caça. Eles são distribuídos entre os diferentes postes e os cães são amarrados simultaneamente em um horário previamente combinado. Isso promove a busca independente de cada cão e também a busca de lebres ou veados como caçador solitário.. Para a caçada ter sucesso, o caçador deve saber qual caminho o jogo irá percorrer para poder atirar com uma espingarda a uma distância máxima de 30 m.
Durante uma caçada em terreno de caça, existem grandes grupos de até 30 caçadores. O líder da caça distribui os caçadores em diferentes posições, enquanto um caçador vai caçar com todos os cães, e finalmente segure todos os cães de uma vez. Aqui, o líder da caça deve saber como a caça foge e, por consequência, distribuir posições de caçadores. Durante a caça no campo de caça, a lebre, o cervo e às vezes também a raposa são alvejados a uma distância máxima de 30 m.

Fora da caça, o Sabujo de Berna ele é um membro da família legal e quieto. com quem você está intimamente ligado.

Classificações do “Sabujo de Berna”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Sabujo de Berna” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vídeos do “Sabujo de Berna”

Berner Laufhund
Berner Laufhund

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 59
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
  • UKCScenthounds

Padrão da raça FCI “Sabujo de Berna”

Padrão FCI da raça Bernese Hound
UTILIZAÇÃO : É um pequeno cão de caça que caça lebres, Veados, raposas e às vezes javalis. Ele é um caçador independente, caçando com uma casca. Procure e encurrale sua presa com grande segurança, mesmo em terrenos difíceis.

CLASSIFICAÇÃO FCI :

  • Grupo 6 Sabujos,Farejadores de Rastro de Sangue (exceto Lebreles) e raças afins.
  • Seção 1.2 Farejadores de médio porte.

Com prova de trabalho.

BREVE RESUMO HISTÓRICO : O cão suíço tem uma origem muito antiga. A sua existência na Suíça desde a época romana é comprovada graças a um mosaico descoberto em Avanches que representa cães de caça cujas características coincidem com as variedades de sabujo suíço.. No século 15 era apreciado pelos fãs italianos e no século 18 pelos franceses por sua extraordinária capacidade de caçar a lebre.. Sua criação local original foi certamente influenciada por pequenos cães de caça franceses trazidos para a Suíça por mercenários.. No ano 1882 Definir um padrão para cada uma das cinco variedades existentes do sabujo suíço. Em 1909 Esses padrões foram revisados, confirmando o desaparecimento total do Thurgau Hound. O 22 em Janeiro de 1933 estabelecido um padrão uniforme para o 4 variedades de Sabujo Suíço. O intervalo original do tipo de Sabujo de Jura St. Hubert agora desapareceu.

OLHAR GERAL : É um cão com altura média na cernelha. A estrutura do seu corpo indica força e tenacidade. A sua cabeça fina com focinho comprido e orelhas compridas conferem-lhe uma expressão de nobreza.

Existem quatro variedades de Sabujo Suíço :

  • Sabujo de Berna
  • Sabujo de Jura
  • Sabujo de Lucerna
  • Sabujo de Schwyz

PROPORÇÕES IMPORTANTES :
• Comprimento do corpo : Altura na cernelha = aprox. 1.15 : 1.
• Altura na cernelha : profundidade do peito = aprox. 2 : 1.
• Comprimento do focinho : comprimento do crânio = aprox.. 1 : 1.

TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO : Animado e apaixonado pela caça. Sensível, gerenciável e fiel.

CABEÇA

REGIÃO CRANIANA :

  • Crânio : Longo, limitar, Delgado, nobre. Crânio protuberante, protrusão occipital visível. A direção do eixo longitudinal do crânio e do focinho mostra uma ligeira divergência. Sem sulco frontal, sem dobras ou rugas.
  • Links de depressão (Stop) : Não muito desenvolvido.

REGIÃO FACIAL :

  • Trufa : Totalmente preto, bem desenvolvido; narinas bem abertas.
  • Focinho : Nobre desenvolvido, limitar ; não é quadrado ou pontudo ; o focinho é reto ou ligeiramente convexo.
  • Lábios : Moderadamente desenvolvido, os lábios superiores cobrem perfeitamente o maxilar inferior ; canto ligeiramente aberto.
  • Mandíbulas / Dentes : Mandíbula poderosa. Mordedura em tesoura poderosa, regular e completa, ou seja, os incisivos superiores se sobrepõem aos inferiores sem deixar espaço entre eles e os dentes são implantados verticalmente na maxila. Mordida em torquês permitida. A falta de um ou dois PM1 ou PM2 é aceitável (pré-molares 1 ou 2) . M3 não são levados em consideração (molares).
  • Bochechas : Solto, arcadas supraciliares não salientes.
  • Olhos : Eles são mais ou menos castanhos claros ou escuros dependendo da cor da pelagem ; eles são de tamanho médio e ligeiramente ovais. As bordas das pálpebras são bem pigmentadas. As pálpebras são bem aderentes. A expressão é doce.
  • Orelhas : Colocado abaixo da linha dos olhos, na parte posterior da região craniana e nunca implantado em sua largura máxima. Seu comprimento deve atingir pelo menos a ponta do nariz. O pavilhão não é proeminente. As orelhas são finas. Isso os derruba, dobrado e torcido ; eles são arredondados na parte inferior e têm uma pelagem fina e macia.

PESCOÇO : Longo, elegante, com boa musculatura ; a pele da garganta está solta, sem formar barbelas perceptíveis.

CORPO

  • Top de linha : O pescoço., parte traseira, a garupa e a cauda formam uma linha harmoniosa e nobre.
  • Cruz : Pouco forte, aplicação de pescoço grátis e elegante.
  • Voltar : Firme e direto. : Muscular e ligeiramente arqueado.
  • Alcatra : Alongada, alonga harmoniosamente a linha posterior e desce suavemente. Não é mais alto que a cruz. A crista ilíaca não é muito proeminente.
  • No peito : Mais profundo do que largo, bem descido, alcança as pontas dos cotovelos. Caixa torácica alongada com costelas ligeiramente arqueadas.
  • Linha inferior e barriga : Barriga ligeiramente retraída para trás ; flancos completos.

CAUDA : Inserido na extensão da garupa. É de comprimento médio e afunila em direção à ponta ; no seu final tem uma ligeira inclinação para cima ; nobre. Em geral fica pendurado em repouso e ao caminhar com calma, sem mostrar uma curva importante ; quando atento ou em ação usa-o sobre a linha das costas , mas nunca descansando nele ou enrolado. Está bem coberto de pelos, mas não tem uma forma de pico.

MEMBROS
MEMBROS ANTERIORES :

  • Como um todo. : Eles são bem musculosos, magro e não pesado na aparência. Vistos de frente, são paralelos e de lado parecem verticais ; seus ossos são fortes com os pés apontados para a frente.
  • Ombro : Ombros oblíquos longos, intimamente ligado à caixa torácica. A angulação ideal da articulação escapulo-umeral é de aproximadamente 100 °.
  • Braço : Um pouco mais longo que a omoplata, colocado obliquamente, intimamente ligado ao peito. A musculatura dele esta bem.
  • Cotovelos : Naturalmente colado ao lado.
  • Antebraço : Em linha reta, forte, Delgado.
  • Carpo : Strong, metacarpo largo : Relativamente curto; visto a partir da frente é sobre a linha perpendicular do antebraço; visto de lado é ligeiramente inclinado.
  • Pés dianteiros : Arredondado, com dedos compactos ; almofadas duras e ásperas ; unhas fortes cuja cor depende da cor da pelagem.

MEMBROS POSTERIORES :

  • Como um todo. : Eles têm músculos fortes e estão em uma relação equilibrada com os membros anteriores ; visto por trás, os membros posteriores são verticais e paralelos.
  • Coxa : Longo e oblíquo, poderoso embora seus músculos sejam finos. A angulação da articulação do quadril é de aproximadamente 100 °.
  • Joelho : Sem desvios internos ou externos. Angulação da articulação fêmoro-tibial de aproximadamente 120 °.
  • Perna : Relativamente longo, músculos e tendões finos e visíveis sob a pele.
  • Hock : Angulação da articulação tibio-tarsal de aproximadamente 130 °.
  • Metatarso : Bem curto, colocado verticalmente e paralelo. Sem esporas, exceto nos países, em que a amputação não é permitida por lei.
  • Pés traseiros : Arredondado, com dedos compactos, almofadas duras e ásperas ; unhas fortes cuja cor depende da cor da pelagem.

MOVIMENTO : Está desdobrado, regular, harmonioso e com bom escopo. Apresenta bom impulso dos membros posteriores. Dirija os membros paralelos e retos. A cruz se move suavemente e regularmente para cima e para baixo, as costas permanecem retas e a cabeça e o pescoço balançam ligeiramente de um lado para o outro.

PELE : Bem, flexível, bem aderente, cuja cor varia em cada uma das quatro variedades.

• Bernese Hound : A pele é preta sob o cabelo preto e marmorizado branco-escuro sob o cabelo branco.
• Jura hound : Ela é preta sob o cabelo preto e mais clara sob o cabelo castanho.
• Lucerne Hound : Ela é preta sob o cabelo preto e mais clara sob o cabelo manchado de azul..
• Schwyz Hound : É cinza escuro sob o cabelo laranja e marmorizado branco-escuro sob o cabelo branco..

PELES

CABELO : É curto, suave, espesso, muito bom na cabeça e orelhas.

COR :

• Bernese Hound : Branco com manchas pretas ou uma mancha preta em forma de 'sela'. Cor bronzeada de pálido a intenso sobre os olhos, bochechas, na parte interna das orelhas e ao redor do ânus. Às vezes é muito levemente respingado (salpicos pretos).

• Jura hound : Bronzeado com capa preta, às vezes com nuances de preto ou preto com bronzeado sobre os olhos, bochechas, ao redor do ânus e nas extremidades ; às vezes com uma pequena mancha branca no peito ; esta mancha pode ser respingada (salpicos pretos ou cinza).

• Lucerne Hound : Chamado de azul, com uma mistura de cabelos pretos e brancos, intensamente salpicado, com manchas pretas ou uma mancha em forma de "sela" ; cor bronzeada de pálido a intenso sobre os olhos, bochechas, sobre o peito., ao redor do ânus e nas extremidades ; uma capa preta é permitida.

• Schwyz Hound : Branco com manchas laranja ou formato de "sela" laranja, às vezes com salpicos de laranja ; um casaco laranja é permitido.

TAMANHO E PESO :Altura à Cruz : Machos : 49-59 cm.Hembras : 47-57 cm Sem tolerância.

FALHAS : Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

• Aparência áspera, vulgar, estrutura corporal fraca.
• Proporções discordantes entre o comprimento do corpo, a altura da cernelha e a altura do peito.
• Crânio muito largo, muito convexo ou muito plano.
• Stop muito marcado.
• Focinho muito curto ou muito longo, muito quadrado ou pontudo.
• Canal nasal côncavo.
• Faltam mais de dois pré-molares PM1 ou PM2. Los M3 (molares 3) não são levados em consideração.
• Lábios grossos.
• Olhos claros, expressão aguda, pálpebras não aderentes.
• Orelhas muito curtas ou achatadas, grosso ou muito alto.
• pescoço muito curto.
• Dewlap muito marcado.
• Sela ou costas arqueadas (carpa de volta).
• Garupa muito inclinada ou muito curta.
• A caixa torácica não é suficientemente profunda, muito plano ou em forma de barril.
• Barriga retraída, flancos caídos.
• Cauda com inserção deficiente, carregado muito alto, muito curvado, encorvada, cauda muito grossa ou em forma de ponta.
• Extremidades com ossos que são muito finas ou em má posição.
• Ombros muito inclinados, braço muito curto.
• Articulações do carpo fracas.
• Angulações insuficientes dos membros posteriores ; membros em forma de vaca ou barril.
• Esporas nos membros posteriores, exceto em países onde a amputação não é permitido por lei.
• Pelagem áspera, Não suave.
• Falhas na cor e marcações.

  1. Sabujo de Berna : Muitos respingos de preto no branco. Castanho ou branco na parte externa das orelhas.
  2. Sabujo de Jura : Cor uniforme. Mancha branca perceptível ou mancha muito salpicada no peito.
  3. Sabujo de Lucerna : Falta de respingo "azul". Bronzeado na parte externa das orelhas.
  4. Sabujo de Schwyz : Muitos respingos de laranja no branco. Cor uniforme. Branco na parte externa das orelhas.

• Comportamento ligeiramente temeroso ou agressivo.

FALHAS ELIMINATÓRIAS

• Cão excessivamente medroso ou agressivo.
• Aspecto geral atípico da raça.
• Nariz completamente despigmentado.
• Prognatismo superior o inferior, arcade incisivo desviou.
• Ectropión, entrópio (mesmo se tivesse sido operado).
• cauda de chifre, threaded, nodosa o de gancho.
• Tamanho acima ou abaixo da tolerância.

Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
OBS.. : Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Variedades de “Sabujos Suíços”

As quatro variedades de cães suíços têm suas próprias características de caça específicas:

– O Sabujo de Berna, com sua linda garganta (“o uivador do Jura”), exigindo, usado principalmente para lebres;
– O “Sabujo de Jura“, um excelente recuperador
– O Sabujo de Lucerna, remanescente de Pequeno azul da Gasconha, ele é um cão ativo e apaixonado que caça veados muito bem;
– O “Sabujo de Schwyz”, menos difundido fora da Suíça, é reservado para coelhos e lebres.

Braco-polonês
Polonia FCI 52 - Farejadores de médio porte

Braco-polonês

É bastante difundido na Polônia, enquanto fora deste país é considerada uma raça rara.

conteúdo

História

Originalmente da Polônia, país ao qual deve seu nome atual, o Braco-polonês é uma raça de cachorro muito velha, já que se acredita que apareceu no século 13, embora os primeiros registros escritos que o mencionam explicitamente datem do século XVII. Eles fazem parte do grupo “Farejadores de médio porte” e acredita-se que sejam o resultado do cruzamento entre as Cão-de-santo-humberto, Cães alemães e russos e raças polonesas locais. Nobres poloneses, fãs de festas de caça, eles foram criados e usados ​​especialmente para caça maior.

Desde meados do século 19, o Braco-polonês, que era muito popular naquela época, começou a aparecer em exposições de cães em seu país natal. Nesse momento, A Polônia estava sob ocupação russa, e a raça foi criada principalmente no território da atual Bielorrússia, que foi então anexado pela Rússia. Após 1918, Polônia recuperou sua independência, mas a criação do Braco-polonês continuou quase exclusivamente no leste do país.

Durante a II Guerra Mundial, devido às sucessivas invasões da Polônia pela Alemanha nazista e, em seguida, pela URSS, a raça viu sua população diminuir dramaticamente. Depois da guerra, Fronteiras polonesas foram redesenhadas; Polônia, ao perder os territórios que possuía no leste, perdeu o berço de Braco-polonês bem como todas as fazendas restantes. Nenhum criador apreendeu o território do “Novo” Polônia, e a raça se viu à beira da extinção.

Ela acabou sendo salva por um coronel polonês chamado Piotr Kartawik.. Em 1959, criou um canil dedicado a ele e reconstituiu o gado de 4 cães importados da Bielo-Rússia. O primeiro padrão do Braco-polonês foi escrito com base em indivíduos deste canil e publicado em 1964.

A raça foi oficialmente reconhecida pela Fédération Cynologique Internationale (FCI) dois anos mais tarde, em 1966. No entanto, o Braco-polonês não é reconhecido por nenhuma outra organização canina importante e, embora mais uma vez seja muito difundido na Polônia, ainda relativamente raro no resto do mundo.

Fotos: Cão polonês por Wikipédia

Características físicas

O Braco-polonês é um cão de caça de tamanho médio e um cão de companhia. Eles são musculosos, forte e compacta, com ossos poderosos e uma marcha massiva, mas sem a impressão de peso. Eles são mais adequados para resistência do que velocidade.

O chefe, bastante pesado e cinzelado, parece retangular quando visto de lado. O osso occipital é muito pronunciado. A linha da testa forma um ângulo obtuso com a do focinho, e a testa tem várias rugas.

O Braco-polonês tem uma mandíbula forte e longa com uma mordida regular. Os olhos são castanhos escuros e amendoados, com uma expressão suave, ligeiramente afundado e em forma de amêndoa. Os arcos superciliares são marcados. O focinho é alongado e truncado na ponta. Arredondado nas pontas, as orelhas são baixas, pendurado e bastante longo.

Ascensão baixa e ligeiramente curvada, a cauda é grossa e sua parte inferior possui pêlos mais longos. O peito é largo, amplo e proporcionalmente profundo.

O Braco-polonês tem uma camada dupla (cabelo e subpêlo) duração média. Esta camada confere uma excelente repelência à água e proteção contra o calor e as intempéries., especialmente porque o subpêlo é espesso. O cabelo é mais longo na coluna, na parte de trás das patas traseiras e na parte inferior da cauda; é mais curto e mais liso no focinho e orelhas.

É marrom na cabeça, as orelhas (exceto os lados do crânio), as pernas, região esternal e coxas, e preto ou cinza escuro no resto do corpo. A cor castanha pode variar do vermelho ao marrom, mas o tom canela é o mais procurado. Em qualquer caso., a separação entre as duas cores deve ser muito clara. Manchas brancas no peito são toleradas (até o focinho) e nas pontas das pernas e cauda.

ALTURA E PESO :

  • Altura à Cruz: Machos: 56-65 cm, Fêmeas: 55-60 cm.
  • Peso : Machos : 25-32 kg, Fêmeas : 20-26 kg.

    Caráter e habilidades

    O Braco-polonês ele é um cachorro carinhoso, protetor e muito inteligente. E ao contrário da maioria dos poloneses e outros cães de caça, que são notoriamente indisciplinados e não muito obedientes, eles não representam grandes problemas de treinamento. Este traço de caráter os torna igualmente apreciados por caçadores e famílias, como é o caso do seu vizinho, o Sabujo-austríaco-preto-e-castanho, uma raça rara, mas obediente e fácil de treinar que também é uma exceção. No entanto, o Braco-polonês tende a amadurecer um pouco mais lentamente do que outros cães, portanto, pode-se esperar que ele mantenha seu comportamento jovem em 2 o 3 anos de idade.

    Naturalmente calmo e amigável, eles são excelentes companheiros, leal tanto quanto possível, mostrando afeto não só para os adultos, mas também para cães mais jovens. Não é só amar, amigável e protetor com eles, mas ele também é muito paciente. Desta forma, pode-se criar uma grande cumplicidade entre o cão e a criança, já que este último aprende desde pequeno a respeitar o animal e suas necessidades. O Braco-polonês isto é, Por conseguinte, uma raça de cachorro adaptada para crianças, mesmo o muito pequeno.

    Fama de ser naturalmente vigilante e desconfiado de estranhos, sem ser agressivo, o cão polonês desenvolve instintos protetores com a idade, levando-o a defender ativamente aqueles ao seu redor, se eles são os mais fracos, o mais novo ou o mais velho. Enfrentando intrusos e armado com seu olfato infalível, Os cães poloneses são excelentes cães de guarda, protegendo sem falha seus mestres e suas propriedades, mesmo que eles não tenham sido criados para isso.

    Eles são animais sociáveis ​​e geralmente gostam da companhia de outros cães. Às vezes pode se tornar um latidor na sua presença, sem ser propenso a discutir com os colegas. A voz dele é poderosa, casos melodiosos, e permite que você se comunique com seu mestre enquanto caça. A voz é profunda no homem e bastante alta na mulher.

    A ele Braco-polonês adora grandes extensões e áreas arborizadas onde pode expressar totalmente seus instintos de caça. Nem um pouco adequado para morar em apartamento, e ele se sente muito mais confortável no campo do que na cidade.

    Desenvolvido para a caça e habitado em grandes espaços, deve ser percorrido por muito tempo e muito regularmente (em média duas ou três horas por dia), mesmo se você tiver acesso a um grande jardim. O ideal para ele é poder acompanhar um professor atuante durante seus exercícios.: pé, correr e outras saídas esportivas o farão feliz. Por outro lado, se não for pedido o suficiente, espere um latido longo e frequente, pretendia atrair atenção.

    Educação

    Uma raça obediente e inteligente, o Braco-polonês é relativamente fácil de treinar, já que ele é inteligente e bastante obediente. Eles têm uma boa memória e, como tal, facilmente retêm o que aprenderam, sem a necessidade de um grande número de repetições. No entanto, sua educação deve ser precoce e suficientemente equilibrada, misturando suavidade e firmeza. Ele é particularmente receptivo ao método de educação positiva, qual a melhor forma de educá-lo e fazê-lo obedecer.

    Por outro lado, Como pode demorar para atingir a maturidade mental (às vezes dois ou três anos), é importante ser paciente durante sua educação, especialmente se notarmos que você tende a perder a concentração facilmente.

    Último mas não menos importante, se o cão for usado como cão de caça, ensinar o cão a lembrar deve ser uma das prioridades em seu treinamento.

    Saúde e cuidados

    O Braco-polonês é uma raça de cão forte e resistente, que não apresenta nenhum risco significativo em termos de possível predisposição a certas doenças. Como a maioria das raças de cães mais velhas, tem saúde robusta e é muito menos suscetível a doenças genéticas que podem afetar raças mais novas.

    Apesar disto, devido ao seu grande tórax e alto nível de atividade, é bastante suscetível ao desenvolvimento da síndrome de dilatação-torção do estômago.

    Além disso, quanto de seu tempo é gasto ao ar livre, especialmente se forem usados ​​como cães de caça, são mais suscetíveis a parasitas (como carrapatos e pulgas) e infecções, bem como ferimentos e acidentes de caça.

    Último mas não menos importante, como acontece com qualquer cachorro com orelhas caídas, tenha cuidado com o risco de infecções de ouvido e inflamação.

    Cuidado e manutenção

    O Braco-polonês é fácil de cuidar porque sua pelagem é curta e reta. Escovar o pelo do seu cão uma vez por semana o mantém limpo e remove os pelos mortos, especialmente durante os períodos de queda. Como os períodos de derramamento não são muito consistentes, escovar a cada dois a três dias geralmente é suficiente.

    Porque seu lindo casaco impermeável não se suja facilmente, tomar banho raramente é necessário. Na verdade, na maioria dos casos, o casaco pode ser limpo com um pano úmido simples. Além disso, lavar seu cachorro tende a remover sebo, que tem muitas propriedades positivas, então só deve ser feito quando o casaco estiver realmente muito sujo.

    Além disso, você precisa verificar e manter as orelhas do seu cão regularmente, pois é muito propenso a infecções de ouvido caninas. Pode-se aproveitar a oportunidade para examinar seus olhos ao mesmo tempo.

    Olhando para suas garras, eles devem se desgastar naturalmente durante seus passeios. No entanto, Se não é assim, você deve cortar as garras do seu cachorro de vez em quando.

    Último mas não menos importante, quando ele volta da caça ou caminhada, é importante garantir que não haja carrapatos (a aplicação de um tratamento antiparasitário preventivo é fortemente recomendada) e quaisquer lesões que você possa ter sofrido durante a corrida.

    Preço de um Braco-polonês

    O preço de um cachorro Braco-polonês está entre 500 e 700 EUR.

    Imagens do “Braco-polonês”

    Fotos:

    1 – Cão polonês por Wikimedia
    2 – Polish Hound during dogs show in Katowice, Poland por Lilly M, CC BY-SA 2.5, via Wikimedia Commons
    3 – Cão polonês por Wikimedia
    4 – Cão polonês por https://pxhere.com/en/photo/1175414
    5 – Cão polonês por Wikimedia
    6 – Cão polonês por Wikimedia

    Vídeos do “Braco-polonês”

    POLISH HOUND THE OGAR POLSKI
    Mądry ogar polski

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 52
    • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
    • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

    Federações:

    • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.

    Padrão da raça FCI “Braco-polonês”

    FCI Standard Polish Hound
    Conteúdo oculto

    Nomes alternativos:

      1. Ogar Polski, Polish (Ogar) Hound (Inglês).
      2. (ogar polski en polonais), podzary (Francês).
      3. (Ogar Polski) (Alemão).
      4. em polonês/polaco: Ogar Polski) (Português).
      5. Sabueso de Polonia (español).

Braco da Estíria de pelo duro
Austria FCI 62 - Farejadores de médio porte.

Braco da Estíria de pelo duro

Insensível ao clima e austero, que é especialmente útil em altas montanhas e florestas.

conteúdo

História

A corrida Braco da Estíria de pelo duro desenvolvido a partir do final do século 19. Já em 1870, um industrial de Styria, um estado no sudeste da Áustria, obteve uma ninhada interessante cruzando um “Cão-farejador-de-hanôver” com um Braco da Estíria de pelo duro. O objetivo era obter um cão de caça que combinasse as qualidades das duas raças ancestrais e herdasse uma pelagem que lhe permitisse resistir aos elementos..

O Braco da Estíria de pelo duro foi criado por um homem chamado Carl Peitinger. A raça foi oficialmente reconhecida em seu país de origem em 1889, e foi finalmente reconhecido pela Fédération Cynologique Internationale (FCI) 65 anos mais tarde, o 31 em agosto de 1954.

Foto: Styrian Wirehaired Hound, meio ano de idade, por Consulte a página de autor, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Características físicas

Braco da Estíria de pelo duro
Braco da Estíria de pelo duro

O Braco da Estíria de pelo duro eles são cães de tamanho médio com ossos sólidos; a expressão é austera, mas não significa. O crânio é ligeiramente abobadado, com um osso occipital bem desenvolvido. A parada está marcada. Os olhos são castanho. As orelhas, Não muito grande, são usados ​​planos contra as bochechas e cobertos com cabelos finos. A cauda é de comprimento médio, forte na base, com cabelo denso, nunca crespo, mas portado para cima em forma de foice; o fundo é como uma escova, mas sem fechadura.

Cabelo : Durado, nem peludo nem brilhante, disco rígido. Na cabeça, o cabelo é menor do que no corpo. Tem bigodes.
Cor: vermelho e amarelo pálido. A estrela branca no peito é permitida.
Tamanho: 47 a 53 cm para o homem e 45 a 51 cm para feminino.
Peso: aprox.. 18 kg.

Caráter e habilidades

O Braco da Estíria de pelo duro eles têm todas as qualidades de um cão de caça. Esses cachorros mostram grande entusiasmo, determinação e resistência quando se trata de forçar o jogo, dando voz. Em casa, o Braco da Estíria de pelo duro ele é muito próximo de seu mestre e é particularmente cauteloso com estranhos. Eles se dão muito bem com seus colegas, se eles estão acostumados com a presença de filhotes. Eles podem ser mais turbulentos com outros pequenos animais; seu instinto de caça ainda é muito forte.

A educação…

O Braco da Estíria de pelo duro tem um caráter forte e deve ser treinado cedo e com firmeza. Também é necessário que eles se socializem adequadamente e recebam treinamento em recuperação para evitar incidentes de todos os tipos.

Isso Styrian Hound não só usado para forçar o jogo da caça, dando a voz, em vez disso, ele é muitas vezes considerado um especialista em rastrear sangue em terreno montanhoso difícil. Isso o torna um companheiro de caça muito procurado..

Seu temperamento exclusivamente de caçador e predador o torna desaconselhável como animal de estimação.

No entanto são animais muito inteligentes, natureza alegre e amorosa, bem como uma sensibilidade incomum.

Cuidado e manutenção …

Necessita de exercício regular e a sua pelagem requer manutenção constante.

Classificações do “Braco da Estíria de pelo duro”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Braco da Estíria de pelo duro” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vídeos do “Braco da Estíria de pelo duro”

Cachorro de caça – Bráquete de pêlo metálico da Estíria ( Peintinger Bracke ) – um fantástico trailer de cão de caça

Jagdhund – Steirische Rauhhaarbracke (Peintinger Bracke) – a fantastic hunting dog!

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 62
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
  • UKCScenthounds

Padrão da raça FCI “Braco da Estíria de pelo duro”

FCI raça Styrian Hound padrão
TRADUCCION: Federação Mexicana de Canófila.
ORIGEM: Áustria.
DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO: 10.10.1995.
FUNÇÃO ZOOTÉCNICA DA RAÇA: O trabalho não é apenas sobre seu papel de cão de caça, mas também em puro trabalho de rastreamento em terreno difícil para motocicletas.
CLASSIFICAÇÃO FCI:
Grupo 6 Sabujos, Rastrear cães, exceto sighthounds) e raças afins
Seção 1.2 Cães de caça de tamanho médio
Com trabalho julgamento (teste prático para sabujo e rastreador).
BREVE RESUMO HISTÓRICO: Karl Peintiger, industrial, na Estíria começou em 1870 cruzando com a fêmea Hannover Tracker “Hela I” e um excepcional cão da Ístria com cabelo áspero e eminentemente caçador. Os melhores cães desta ninhada foram criados e a seleção continuou com eles.. Sua pelagem áspera confere resistência contra intempéries.
ASPECTO GERAL: É de tamanho médio, tem músculos fortes, e sua expressão é sombria, mas sem malícia.
TEMPERAMENTO E COMPORTAMENTO: Ele é um cão de caça forte e apaixonado, ladra sem interrupção durante a caça e expressa vontade e segurança durante a trilha.
CABEÇA
REGIÃO CRANIANA:
Crânio: Ligeiramente convexo, protuberância occipital bem desenvolvida.
Links de depressão (Stop): Marcado.
REGIÃO FACIAL:
Trufa: Black.
Focinho: Forte e reto.
Lábios: Não pendurar.
Mandíbulas / Dentes: Mordedura em tesoura forte. Você quer uma prótese total com 42 Peças dentárias; a falta de dois PM1 ou PM2 (pré-molares 1 ou 2) é tolerado; o M3 (molares 3) eles não são tidos em conta.
Olhos: Com íris marrom.
Orelhas: Não muito grande, achatado e colado, coberto com cabelo fino.
PESCOÇO: Strong, não muito longo.
CORPO
Voltar: Reto e largo.
Lombo de porco: Moderadamente criado.
Alcatra: Desce abruptamente.
No peito: É profundo e amplo.
CAUDA: Comprimento médio, forte em sua inserção, bem coberto com cabelo, nunca enrolado, mas portado ligeiramente em forma de foice; em sua face inferior tem cabelo em forma de escova, mas sem formar uma pena.
MEMBROS
MEMBROS ANTERIORES: Em linha reta, muscular, bem angulado.
Ombro: Colocação oblíqua.
MEMBROS POSTERIORES: Muscular, forte, bem angulado, vistos por trás eles parecem retos.
PÉS: Não excessivamente grande; dedos bem arqueados, intimamente ligados um ao outro; almofadas duras, não muito grande.
MOVIMENTO: Ele cobre o chão, elástico.
PELES
CABELO: Rude, sem hirsuto, opaco, disco rígido, tosco. O cabelo da cabeça é mais curto que o resto do corpo e forma um bigode.
COR: Vermelho e amarelado. Uma estrela branca é permitida no peitoril.
TAMANHO
Altura à Cruz: 45 – 53 cm
Machos : 47 – 53 cm
Fêmeas : 45 – 51 cm
FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima mencionados é considerado como falta, e a gravidade desta refere-se ao grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.
  • Cabeça muito estreita.
  • Orelhas com vincos ou muito pontiagudas.
  • Cauda muito curta, muito fino ou muito dobrado, isso forma penas.
  • Membros fracos.
  • Casaco muito longo, fina, cacheado ou macio.
  • Personagem tímido.
FALHAS ELIMINATÓRIAS:
    • Cão agressivo ou medroso.
    • Prognatismo superior ou inferior. Falta de mais de dois pré-molares (PM 1 ou PM 2).
    • Qualquer outra cor diferente da indicada na norma.
Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
NOTA: Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Nomes alternativos:

    1. Peintinger Bracke, Wirehair Styrian Mountain (Inglês).
    2. Brachet de Styrie à poil dur (Francês).
    3. Peintinger-Bracke, Steirische Rauhhaarige (Alemão).
    4. (em alemão: Steirische Rauhhaarbracke) (Português).
    5. Sabueso estirio de pelo áspero (español).

Sabujo-austríaco-preto-e-castanho
Austria FCI 63 - Farejadores de médio porte.

Sabueso austriaco negro y fuego

O Sabujo-austríaco-preto-e-castanho é muito emocional. Percepção humor de seu proprietário.

conteúdo

História

O Sabujo-austríaco-preto-e-castanho É uma raça de cão originários da Áustria. Acredita-se que ele é o verdadeiro descendente do original Sabujo celta, Embora não haja nenhuma história conhecida do Sabujo-austríaco-preto-e-castanho Depois de meados do século XIX. Esta queda histórica é devida uma vez que a reprodução não foi regulamentada.

O austríaco Black and Tan Hound, desde as suas origens, Ele foi usado para monitoramento ou rastreamento de animais feridos, comumente, em lugares de altitude significativa.

Características físicas

O Sabujo-austríaco-preto-e-castanho é um cão estrutura bem sólida e médias. Sua cabeça mostra um crânio largo e pouco pronunciada região occipital com stop bem marcado.

Ele tem olhos castanhos escuros brilhantes que transmitem uma aparência viva e alerta. As orelhas são de inserção alta e média, arredondado, não muito ampla e pendurar na bochecha. A cauda é longa e será fina sintonia em direção a ponta, leva sua queda mas ligeiramente curvo.

A pelagem do Sabujo-austríaco-preto-e-castanho É suave, suave ao toque, densa, curto (Uns poucos 2 cm de comprimento) e muito brilhante.

A coloração desta raça É muito importante uma vez que é seu toque de distinção, eles devem ser negros como uma base, com pequenos e bem definidos, fogo a gama de marcas leves de tawny pálido ao escuro. Duas marcas tawny acima dos olhos devem estar presentes.

Esta raça tem um cheiro de hipersensibilidade.

A altura na cernelha do Sabujo-austríaco-preto-e-castanho vontade de 48 56 cm. E seu peso é em torno de entre o 19 e 20 Kg.

Graças a sua excelente capacidade de trabalhar, altas montanhas e terras de planícies, o Sabujo-austríaco-preto-e-castanho ele é altamente considerado como um cão de caça e como um cão rastreador de sangue. Seu fino senso de cheiro permite que você pesquise em segurança (especialmente de lebres).

Caráter e habilidades

Está vivo, atencioso, reservado com estranhos, mas amigável e não apresenta qualquer traço da timidez.

Enquanto ele é usado para caça Hound (para o rastreamento), É um animal que se adapta bem a vida familiar, mas se nos comprometermos a ter um Sabujo-austríaco-preto-e-castanho, Temos de ser capazes de dar o animal suficiente para fazer você feliz.

Alguns bons passeios no campo mantiveram feliz, Além de (tal como acontece com todos os cães) uma boa caminhada diária.

É um cão muito emocional que percebido especialmente humor de seu proprietário.

Fotos “Sabujo-austríaco-preto-e-castanho”

Vídeos “Sabujo-austríaco-preto-e-castanho”

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 63
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
  • UKCScenthounds

Padrão da raça FCI “Sabujo-austríaco-preto-e-castanho”

FCI raça cão padrão austríaco preto e castanho
RADUÇÃO: Federação Canófila Mexicana a.c..
ORIGEM: Áustria.
DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO: 10.10.1995.
UTILIZAÇÃO: O austríaco Black and Tan Hound é um cão de caça geralmente considerado por suas aptidões especiais para trabalhos pesados ​​como farejador e como cão de caça., tanto no terreno montanhoso quanto nas planícies.
CLASSIFICAÇÃO FCI:
Grupo 6 Sabujos, cães rastreadores (exceto Lebreles) e raças afins
Seção 1.2 Cães tipo cão de porte médio
Com trabalho julgamento (teste prático para sabujo e rastreador).
BREVE RESUMO HISTÓRICO: O Black and Tan Hound austríaco é considerado um verdadeiro descendente do Celtic Hound. Tal como acontece com quase todas as raças de cães mais velhos, não há prova segura de sua origem até meados do século 19. Isso porque, até então, não havia um melhoramento regulamentado.
ASPECTO GERAL: É de tamanho médio. Sua estrutura corporal é forte, alongado e elástico.
TEMPERAMENTO E COMPORTAMENTO: Tem um cheiro bom. É um cão muito bom, especialmente na caça com a lebre. Ele rasteja com segurança e vontade e tem um caráter agradável.
CABEÇA
REGIÃO CRANIANA:
Crânio: Ampla, protrusão occipital rasa.
REGIÃO FACIAL:
Trufa: Preto.
Focinho: Strong, bengala nasal reta.
Lábios: bem desenvolvido, aderentes, totalmente pigmentado.
Mandíbulas / Dentes: Mordedura em tesoura poderosa. Você quer uma prótese total com 42 Peças dentárias; a total falta de dois PM1 ou PM2 (pré-molares 1 ou 2 ) é tolerado; o M3 (molares 3) eles não são tidos em conta.
Olhos: Límpidos, castanho escuro, sem vermelhidão no canto dos olhos.
Orelhas: Médias, não muito largo, inserção alta, arredondado em sua parte inferior; pendurar achatado.
PESCOÇO: Médio longo, muito forte; a presença de um queixo duplo não é desejável.
CORPO
Cruz: Bem marcado.
Voltar: Longo.
Lombo de porco: Levemente levantado.
Alcatra: Um pouco inclinado para baixo.
No peito: Largo e profundo.
CAUDA: Longo, afinando progressivamente em direção à ponta, um
pouco curvado; durante o descanso ele desgasta; em seu lado inferior
tem cabelo duro, mas o pincel não é muito áspero.
MEMBROS
MEMBROS ANTERIORES: Fortemente desenvolvido, em linha reta.Ombro: Colocado obliquamente, dotado de músculos fortes.
MEMBROS POSTERIORES: Boa angulação.
Coxas: Fina, moderadamente desenvolvido e longo.
PÉS: Strong, redondo e arqueado. Dedos juntos; unhas pretas duras; almofadas grandes e duras.
MOVIMENTO: Elegante, cobre o solo.
PELES
CABELO: Suave, bem ajustado, espesso, densa, elástico com um brilho aveludado. Comprimento aproximado de 2 cm.
COR: Preto com algumas manchas castanhas bem definidas de castanho claro a escuro. Duas marcas de fogo devem estar presentes sobre os olhos (quatro olhos = Vieräugl)
TAMANHO:
Altura à Cruz: 48 – 56 cm
Machos : 50 – 56 cm
Fêmeas : 48 – 54 cm
FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima mencionados é considerado como falta, e a gravidade desta refere-se ao grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.
    • Crânio muito estreito.
    • Focinho largo.
    • Orelhas enrugadas, muito pontudo, curto e fino.
    • Cauda muito curta, fina, ou muito curvado, sem cabelo grosso na parte inferior do rosto.
    • Membros fracos.
    • Personagem tímido.
FALHAS ELIMINATÓRIAS:
    • Cão agressivo ou medroso.
    • Prognatismo superior ou inferior. Falta de mais de dois pré-molares 1 ou 2.
    • Qualquer outra cor diferente da descrita.
    • Ausência de manchas de fogo perceptíveis sobre os olhos (quatro olhos).
Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
NOTA: Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Nomes alternativos:

    1. Bracke, Vieräugl (Inglês).
    2. Brachet autrichien noir et feu (Francês).
    3. Kärntner Bracke, Österreichische Glatthaarige Bracke (Alemão).
    4. (em alemão: brandlbracke) (Português).
    5. Austriaco negro y fuego (español).

Sabujo de Hygen
Noruega FCI 266 - Farejadores de médio porte

Sabujo de Hygen

Sua difusão é muito limitada, mesmo na Noruega; fora do país é praticamente desconhecido.

conteúdo

História

O Sabujo de Hygen originado na Noruega no século 19. Deve seu nome a seu criador Hans Fredrik Hygen, Eu queria um cão corajoso e robusto que pudesse caçar mesmo nos climas adversos do norte. Então ele decidiu cruzar cães suíços e alemães com cães locais. O Sabujo de Hygen teve uma história difícil, pois a raça quase desapareceu na década de 1970 sem a intervenção de alguns criadores apaixonados. Na década de 2000, esses criadores fizeram melhorias genéticas cruzando com os Sabujo finlandês. Hoje, o Sabujo de Hygen é bastante raro mesmo em sua terra natal.

Foto: Norwegian dog breed hygenhound. Tosstjønna’s Nala por Bjørn Konestabo, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Características físicas “Sabujo de Hygen”

O Sabujo de Hygen tem um andar robusto e sólido e um corpo inscrito em um triângulo. Médias, medido entre 50 e 58 cm se for um homem e entre 47 e 55 cm se for uma mulher com um peso de cerca de 22 kg por sexo, tamanho e idade.

O Hygen, como também é apelidado, se destaca por sua cabeça de comprimento e tamanho médio, que tem formato de cunha e largura marcada sem ser excessivamente pesado. O crânio é ligeiramente abobadado e o stop é acentuado. Os olhos expressam calma e seriedade. Eles são de tamanho médio e apresentam tons de marrom escuro. As orelhas são de comprimento e largura médios, afilado nas pontas e colocado em uma altura média. Caia enquanto espalha e não grude nas bochechas.

O Sabujo de Hygen eles têm pele áspera, reta, curto, brilhante e denso. O casaco está disponível em três cores: branco com marcações amarelo-vermelho / marrom ou preto e castanho, preto e castanho com manchas brancas ou vermelho-amarelo ou castanho-avermelhado com ou sem manchas brancas e carvão nas costas, fixação da cabeça e cauda.

Caráter e habilidades “Sabujo de Hygen”

O Sabujo de Hygen É uma raça ligada ao seu grupo social que é ao mesmo tempo protetora, Gentile, equilibrado e versátil. Embora se especializem em atividades de caça, nada os impede de serem adotados como animais de estimação, contanto que eles tenham o exercício, o cuidado e educação necessários. A pior punição tolerada é a inatividade. Ele também não gosta de ficar sozinho, apesar de sua natureza ligeiramente independente.. Para ser feliz, prefere espaços abertos em vez de fechados.

Classificações do “Sabujo de Hygen”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Sabujo de Hygen” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Vídeos do “Sabujo de Hygen”

Créditos de vídeo: Rolf the Horse Tree
Hygenhund Dog breed

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 266
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.
    • Padrão da raça FCI “Sabujo de Hygen”

      Padrão Hygen Hound FCI
      TRADUCCION: Federação Mexicana de Canófila, A.C..
      ORIGEM: Noruega.
      DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO: 09.08.1999.
      UTILIZAÇÃO: Sabujos.
      CLASSIFICAÇÃO FCI:
      Grupo 6 : Sabujos, rastreamento, exceto Lebreles).
      Seção 1.2 Farejadores de médio porte.
      Com trabalho julgamento.
      OLHAR GERAL: Médias, sólido e compacto, Retangular, com linha superior firme.
      CABEÇA: De tamanho médio e moderadamente largo, mas não pesado. De comprimento médio, algo em forma de cunha, mas não pontudo.
      REGIÃO CRANIANA:
      Crânio: Ligeiramente abobadado, ser visto de frente ou de lado. O osso occipital é quase invisível.
      Links de depressão (Stop): Marcado.
      REGIÃO FACIAL
      Trufa: Preto.
      Focinho: Limpo, largo e profundo, mais curto do que longo. Cana do nariz em linha reta. Vista lateral, a frente do focinho deve ser arredondada, não quadrado.
      Lábios: Limpar limpo, sem pendulosos, caindo uniformemente para o canto dos lábios.
      Mandíbulas / Dentes: Mordedura em tesoura.
      Bochechas: Limpo e achatado.
      Olhos: Marrom escuro, médias, não protuberante. Expressão séria e calma. A conjuntiva não é visível.
      Orelhas: Inserção do meio, nem largo nem longo, afinando e arredondado na ponta. Fino e liso, não estão colados nas bochechas, mas eles são um tanto separados. Eles são direcionados para a frente, não alcance mais da metade da distância para a trufa.
      PESCOÇO: De comprimento médio, forte, sem muita pele solta.
      CORPO
      Voltar: Reto e forte.
      Lombo de porco: Forte e musculoso.
      Alcatra: Longo, largo e ligeiramente arredondado.
      No peito: Largura média, longo, profundo e espaçoso em todo o seu comprimento. As últimas costelas devem ser particularmente bem desenvolvidas, dando ao tórax uma aparência de comprimento. A profundidade do peito corresponde a metade da altura na cernelha.
      Barriga: Muito pouco retraído.
      CAUDA: Em sua inserção segue a linha das costas. Forte em sua raiz, afinando em direção ao membro. É usado reto ou ligeiramente dobrado para cima; chega até os jarretes.
      MEMBROS
      MEMBROS ANTERIORES
      Como um todo.: Limpar limpo, sólido e tendinoso, mas não pesado.
      Ombro: Omoplatas oblíquas, articulação do ombro bem angulada.
      Cotovelos: Bem angulado.
      Metacarpo: Larguras, mais curto do que longo, ligeiramente inclinado.
      Pés dianteiros: Alto; dedos bem arqueados e juntos, direcionado para a frente. Almofadas firmes e fortes. Entre os dedos e as almofadas bem cobertas de pelos.
      MEMBROS POSTERIORES
      Coxa: Amplo e musculoso.
      Joelho: Bem angulado.
      Perna: Longo.
      Hock: Bem angulado, amplo e limpo.
      Metatarso: Curta, largo e ligeiramente oblíquo.
      Pés traseiros: Como a frente. Rams são permitidos, mas ergôs duplos são indesejáveis.
      MOVIMENTO: Livre, paralelo visto de frente ou de trás, com bom alcance. Em movimento, os membros traseiros não são fechados na forma de uma vaca e os membros dianteiros não executam um movimento circular lateral..
      PELES
      CABELO: Reto e de preferência bastante áspero ao toque, densa, brilhante e não muito curto. A parte de trás das coxas e a cauda podem ter pelos um pouco mais abundantes, mas sem exagero.
      COR:
      • Marrom avermelhado ou avermelhado, frequentemente sombreado de preto na cabeça, nas costas e na raiz da cauda, com ou sem manchas brancas.
      • Preto e Tan, geralmente combinado com manchas brancas.
      • Branco e manchado com manchas marrom-avermelhadas ou amarelo-avermelhadas, ou com manchas pretas e castanhas.
      • Todas essas cores diferentes devem ser claramente delineadas umas das outras.
      TAMANHO:
      • Altura à Cruz:
      Para os machos : 50-58 cm, altura ideal 54 cm.
      Para mulheres : 47-55 cm, altura ideal 51 cm.
      FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.
      FALHA ELIMINANTE
      • Agressividade.
      Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
      OBS..: Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

      Nomes alternativos:

        1. Hygenhund (Inglês).
        2. Hygen (Francês).
        3. Hygenbracke, Hygenlaufhund, Hygenhund (Alemão).
        4. (Em sueco: hygenhund) (Português).
        5. (En sueco: hygenhund) (español).

Utilização de cookies

Este web site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência de usuário. Se você continuar navegando você está dando seu consentimento para a aceitação dos cookies acima mencionados e a aceitação de nosso política de cookies, Clique no link para obter mais informações.cookies de plugin

ACEITAR
Aviso de cookies