Branco e laranja francês
Francia FCI 316 - Farejadores de grande porte

Branco e laranja francês

É uma raça muito incomum, praticamente desconhecido fora da França.

Conteúdo

O Branco e laranja francês é um cão olfativo competente de origem francesa. Foi desenvolvida especificamente para caça em grandes rebanhos e hoje esta raça é adquirida exclusivamente para caça.. Apesar de suas fabulosas habilidades de trabalho, pode ser encontrado muito raramente, não apenas em países europeus, mas também em sua França natal.

História do Branco e laranja francês

O Branco e laranja francês é um dos três “Sabujos franceses“, juntamente com o Tricolor francês e o Branco e preto francês. Todos esses cães são cães olfativos que caçam em grandes rebanhos e ouvem um caçador para se orientarem..

É uma raça de criação recente; entre seus antepassados é, sem dúvida, o Billy, mas não sabemos exatamente quais cães foram usados em sua seleção. Dos três cães franceses, o Branco e laranja francês é um dos mais raros.

Características físicas FBranco e laranja francês

O Branco e laranja francês é um cão francês distinto que dá uma impressão rústica. Seus olhos são grandes., marrom e escuro. Localizado ligeiramente abaixo da linha do olho, seus ouvidos são flexíveis, Bem, ligeiramente parafusado e chegar à ponta do nariz. Suas caminhadas são fáceis, adota um galope leve e sustentado.

Seu cabelo é curto e fino, limão branco ou branco-laranja, desde que a laranja não seja muito escura, tendendo a vermelho.

TAMANHO:

Altura à Cruz: 62 - 70 cm. Com 2 tolerância de cm para tamanho máximo.
Peso: Um 30 Kg.

Caráter e habilidades Branco e laranja francês

A única função de Branco e laranja francês está caçando, por isso é difícil generalizar sobre seus padrões de comportamento e temperamento em um ambiente doméstico. No entanto, não é necessário sugerir que um espécime socializado pode se tornar um animal de estimação bem-educado e familiar. Como a maioria dos cães de caça são amigáveis com as crianças e gostam de fazer parte de suas atividades emocionantes. Este cachorro é provavelmente muito enérgico e brincalhão para ser um companheiro adequado para uma criança.

O Branco e laranja francês tende a ficar um pouco distante e reservado na presença de estranhos. No entanto, ele nunca mostrará agressividade aberta, a menos que suspeite que algo ou alguém ameace sua família. Alguns desses cães são vigilantes o suficiente para realizar tarefas de vigilância. Esta raça sociável e carinhosa será um terrível guardião, que ele prefere saudar um intruso abanando o rabo do que recorrer às ações necessárias.

A agressividade canina é considerada um grande defeito no temperamento dos cães, que foram desenvolvidos para caça de rebanho. Por esta razão, membros com o menor indício dessa característica indesejável são imediatamente excluídos do programa de reprodução. O Branco e laranja francês é conhecido por sua tolerância excepcional em relação a outros caninos. Apesar de sua natureza excessivamente pacífica, também requer socialização precoce a este respeito. Vale lembrar que a raça tem um impulso muito poderoso para caçar e matar outras espécies de animais., especialmente gatos vadios. Você pode se dar bem com animais de estimação individuais se tiver sido criado com eles desde seu filhote.

Saúde do Branco e laranja francês

Os problemas mais comuns para a raça incluem:

– displasia do quadril canino;
– displasia do cotovelo;
– problemas nos olhos;
– sarna demodex;
– infecções de pele;
– alergias de pele;
– infecções crônicas de ouvido;
– ataxia de cão de caça.

Cuidados com o Branco e laranja francês

O Branco e laranja francês Necessita de uma quantidade insignificante de manutenção. A escovação regular será suficiente para manter sua pelagem curta e graciosa em condições razoavelmente boas..

As orelhas desta raça são altamente suscetíveis a irritações e infecções, portanto, seu exame sistemático e limpeza devem se tornar uma parte essencial das rotinas de cuidado.

Treinamento de hoBranco e laranja francês

O treinamento do Branco e laranja francês representa um desafio considerável. A raça é um caçador nato e requer treinamento básico em tudo o que diz respeito às suas funções originais de caça.. Infelizmente, sua persistência na busca por presas se transforma em teimosia no treinamento. Além disso, não consegue se concentrar na mesma tarefa chata por muito tempo e se irrita facilmente com suas múltiplas repetições.

A melhor estratégia de treinamento para este cão deve incluir recompensas abundantes na forma de elogios e guloseimas saborosas.. O reforço negativo não funciona com Branco e laranja francês e deve ser evitado a todo custo.

Exercício com o Branco e laranja francês

O Branco e laranja francês é um cão de caça atlético e robusto, adapta-se facilmente a atividades físicas extremamente extenuantes. No mínimo, deve ser tomada em uma caminhada rápida de 45 minutos por dia. Você deve sempre usar uma coleira quando estiver fora, pois é muito difícil ligar de volta depois que você foi atraído por alguma trilha interessante.

O Branco e laranja francês se comporta calmo e relaxado, uma vez que os requisitos de exercício foram totalmente atendidos. Tenha em mente que um cão pouco exercitado irá gradualmente desenvolver problemas comportamentais tão desagradáveis quanto latidos contínuos, hiperatividade interna ou destruição. Esta raça é mais adequada para a vida suburbana em uma casa com um quintal grande e seguro.

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 316
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.1: Farejadores de grande porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.1: Farejadores de grande porte.
  • UKCScenthounds
  • Sociedade Canina Central

Padrão FCI da raça Branco e laranja francês

Padrão FCI da raça Branco e laranja francês
TRADUCCÍON: Senhorita. IRIS Carrillo. Idioma oficial: FR.

ORIGEN: França.

FECHA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO OFICIAL V.LFOI: 01.02.1982.

UTILIZAÇÃO: Sabujos.

CLASAPLICAÇÃO FCI:

Grupo 6: Cães do tipo hound, farejadores e raças assemelhadas

Seção 1.1: Farejadores de grande porte. Com prova de trabalho.

APARSEGURO GERAL: Este é um distinto cachorro francês, dando uma impressão de rusticidade.

CASEMA: É muito grande e não muito longo.

GION CRAEAL:

  • Cenfurecido: Levemente abombado; protrusão occipital mal marcada. As sobrancelhas não são proeminentes.
  • Ddepressão naso-frontal (Stop): Está bem marcado.

GION FACELEL:

  • Nariz: É bem desenvolvido. Sua cor é preta ou marrom – Orange.
  • Focinho: O comprimento do focinho é quase igual ao do crânio.
  • Bduendes: Bastante marcado e dá ao focinho um aspecto bastante quadrado.

OJOS: Grande, marrom e escuro.

OREJAS: Inserido ligeiramente abaixo do plano da linha do olho. São flexíveis, Bem, ligeiramente torto e chega a dois dedos do nariz.

COMELLO: Em linha reta, bastante longo e tem uma ligeira barbela.

COMERPO

  • Espalda: Amplo e reto.
  • Lombo de porco: Geralmente é convexo.
  • Gsemelhança: Arredondado, mas não afundou.
  • Peco: Ampla. Costelas arredondadas.
  • flancos: Bem sólido.

COLA: Longo.

EXTREMIDADES

MEMBROS ANTERIORES:

  • Aaparência geral: Forte e grande.
  • Ombro: Oblíquo e bem musculoso.
  • Pemé anterior: Pés de lebre.

MEMBROS POSTERIORES

  • Coxas: Bem musculoso.
  • COrvejón: Ocorre perto do solo e é ligeiramente dobrado.
  • Pés de volta: Pés de lebre.

MOVIMENTO: Bem solto. O galope é leve e constante.

PIEL: Branco, com manchas amarelas ou laranja. O paladar pode ser amarelo. O escroto é branco ou amarelo.

MANTO

Pelo: Cetim y fino.

Codor: Branco – limão ou branco e laranja, desde que o laranja não seja muito escuro (puxando vermelho).

TAMÃO:

Altura para a cruz: 62 - 70 cm. Com 2 tolerância de cm para tamanho máximo.

FALTAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

• Ponte nasal estreita ou muito longa.
• Prognatismo superior o inferior.
• Olhos claros.
• Cauda dobrada ou inclinada para um lado.
• Despigmentação parcial do nariz.
• Revestimento de uma cor diferente da estabelecida pelo padrão, cabelo particularmente preto ou ruivo.

FALTCOMO DESQUALIFICADORES:

  • Agressividade ou extrema timidez.
  • Qualquer cão mostrando sinais claros de anormalidades físicas ou comportamentais.

N.B.:

• Os machos devem ter dois testículos de aparência normal totalmente descidos para o escroto..
• Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

Foto: pata de animal

Branco e preto francês
Francia FCI 219 - Farejadores de grande porte

Branco e preto francês

Dos três Sabujos franceses, o Branco e preto francês, é o mais conhecido.

Conteúdo

O Branco e preto francês é um cão olfativo competente de origem francesa. Foi desenvolvida especificamente para caça em grandes rebanhos e hoje esta raça é adquirida exclusivamente para caça.. Apesar de suas fabulosas habilidades de trabalho, pode ser encontrado muito raramente, não apenas em países europeus, mas também em sua França natal.

História

Antes da revolução francesa, caçar com grandes matilhas era um dos entretenimentos favoritos da nobreza francesa. Além disso, também ofereceu a oportunidade de estabelecer relações comerciais e resolver questões políticas e econômicas globais. Infelizmente, o desaparecimento da classe alta francesa durante tempos de turbulência política também significou o desaparecimento de numerosas variedades de cães farejadores. Após a derrota de Napoleão, o poder monárquico foi reconstruído e a caça aos cães recuperou sua popularidade. Graças aos avanços tecnológicos no tráfego marítimo, A criação de cães tornou-se uma tarefa muito menos difícil e muitos cães britânicos foram enviados para a França durante o período de 1815 e 1900.

A verdadeira ancestralidade do French Hound provavelmente nunca será descoberta, pois a maioria dos primeiros criadores não se preocupou em manter nenhum registro de reprodução. No entanto, pode-se afirmar com bastante certeza que a raça foi criada pela mistura de raças vivas e agora extintas de cães franceses e ingleses. O Saintongeois, Gascão Saintongeois e Poitevin (cão) foram os principais ancestrais do Branco e preto francês. É comumente acreditado que outras raças foram usadas de forma bastante limitada em seu programa de reprodução..

O Sabujo francês foi mantido exclusivamente para a caça em grandes rebanhos. Sua maior pedreira eram grandes animais selvagens, como veados, o lobo e o javali. Um grupo de vários cães detectou o rastro de cheiro de um desses mamíferos e o perseguiu, latindo alto para que o caçador pudesse ir atrás deles. Dependendo do tipo de animal perseguido, os cães deveriam encurralá-lo ou matá-lo imediatamente.

O número de espécimes desta raça de cão diminuiu drasticamente após duas guerras mundiais. Os entusiastas da caça franceses conseguiram salvá-la, embora muitas raças francesas únicas tenham sido perdidas para o mundo durante esses tempos terríveis. Em 1957, o cão francês foi totalmente reconhecido pela Fédération Cynologique Internationale (FCI). No entanto, O reconhecimento da FCI dificilmente aumentou a consciência internacional deste cão, então não ganhou a apreciação de caçadores de outros países. Além disso, atualmente, sua criação e, portanto, sua população são sustentadas exclusivamente pela comunidade de caça francesa. Em geral, o futuro de Branco e preto francês você terá um seguro razoável, desde que haja fãs de caça de cães em sua terra natal.

Características físicas Branco e preto francês

O Branco e preto francês é um cão grande, distinto e bem equilibrado. Seus olhos escuros lhe dão uma aparência inteligente e confiante. Muito grande ao nascer, sua cauda é portada bem alta.
Esses cães são altamente valorizados em muitas tripulações de veados por suas qualidades: finura de nariz, inscrição, gravidade, garganta. cão amigável, perto do homem; fácil no canil.
Tem o cabelo curto, bastante forte e próximo.

COR : A pelagem deve ser preta e branca com uma pelagem preta mais ou menos extensa ou manchas, que pode mostrar manchas pretas ou azuladas, ou mesmo pequenas marcas de bronzeado, mas estes apenas nos membros. Uma mancha bronzeada pálida sobre cada olho, bem como um bronzeado claro nas bochechas, sob os olhos, sob as orelhas e na base da cauda. O “marca de veado” na coxa é bastante comum.

TAMANHO :
Machos: 65 - 72 cm
Fêmeas: 62 - 68 cm

Personagem e habilidades Branco e preto francês

A única função de Branco e preto francês está caçando, tornando difícil fazer uma generalização sobre seus padrões de comportamento e temperamento em um ambiente doméstico. No entanto, não é necessário sugerir que um espécime socializado pode se tornar um animal de estimação bem-educado e familiar. Como a maioria dos cães de caça, ele é gentil com as crianças e gosta de participar de suas atividades exuberantes. Este cachorro é provavelmente muito enérgico e brincalhão para ser um companheiro adequado para uma criança.

O Branco e preto francês tende a ficar um pouco distante e reservado na presença de estranhos. No entanto, ele nunca mostrará agressividade aberta, a menos que suspeite que algo ou alguém ameace sua família. Alguns desses cães são vigilantes o suficiente para realizar tarefas de vigilância. Esta raça sociável e carinhosa será um terrível guardião, que ele prefere saudar um intruso abanando o rabo do que recorrer às ações necessárias.

A agressividade canina é considerada um grande defeito no temperamento dos cães, que foram desenvolvidos para caça de rebanho. Por esta razão, membros com o menor indício dessa característica indesejável são imediatamente excluídos do programa de reprodução. O Branco e preto francês é conhecido por sua tolerância excepcional em relação a outros caninos. Apesar de sua natureza excessivamente pacífica, também requer socialização precoce a este respeito. Vale lembrar que a raça tem um impulso muito poderoso para caçar e matar outras espécies de animais., especialmente gatos vadios. Você pode se dar bem com animais de estimação individuais se tiver sido criado com eles desde seu filhote.

Saúde do Branco e preto francês

Os problemas mais comuns para a raça incluem:

– displasia do quadril canino;
– displasia do cotovelo;
– problemas nos olhos;
– sarna demodex;
– infecções de pele;
– alergias de pele;
– infecções crônicas de ouvido;
– ataxia de cão de caça.

Cuidando do Branco e preto francês

O Branco e preto francês Necessita de uma quantidade insignificante de manutenção. A escovação regular será suficiente para manter sua pelagem curta e graciosa em condições razoavelmente boas..

As orelhas desta raça são altamente suscetíveis a irritações e infecções, portanto, seu exame sistemático e limpeza devem se tornar uma parte essencial das rotinas de cuidado.

Treinamento do Branco e preto francês

Educação de Branco e preto francês representa um desafio considerável. A raça é um caçador natural e requer um treinamento bastante básico em tudo o que diz respeito às suas funções originais de caça.. Infelizmente, sua persistência na busca por presas se transforma em teimosia no treinamento. Além disso, não consegue se concentrar na mesma tarefa chata por muito tempo e se irrita facilmente com suas múltiplas repetições.

A melhor estratégia de treinamento para este cão deve incluir recompensas abundantes na forma de elogios e guloseimas saborosas.. O reforço negativo não funciona com Branco e preto francês e deve ser evitado a todo custo.

Exercício com o Branco e preto francês

O Branco e preto francês é um cão de caça atlético e robusto, adapta-se facilmente a atividades físicas extremamente extenuantes. No mínimo, deve ser feito em uma caminhada rápida diária de 45 minutos. Você deve sempre usar uma coleira enquanto estiver fora, pois é muito difícil ligar de volta depois que você foi atraído por alguma trilha interessante.

O Branco e preto francês se comporta calmo e relaxado, uma vez que os requisitos de exercício foram totalmente atendidos. Deve-se ter em mente que um cão mal exercitado desenvolverá gradualmente problemas de comportamento desagradáveis ​​como latidos contínuos, hiperatividade interna ou destruição. Esta raça é mais adequada para a vida suburbana em uma casa com um quintal grande e seguro.

Vídeos do Branco e preto francês

Chien Français Blanc et Noir ?? Everything Dog Breeds ??
Cachorro Francês Branco e Preto & Vídeo de informações sobre cachorros – Vídeos de animais

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 220
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.1: Farejadores de grande porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.1: Farejadores de grande porte.
  • Sociedade Canina Central

FCI raça Branco e preto francês padrão

FCI raça Branco e preto francês padrão
TRADUCCÍON: Senhorita. IRIS Carrillo. Idioma oficial: FR.

REvisão técnica: Miguel Angel Martinez.

ORIGEN: França

FECHA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO OFICIAL V.LFOI: 04.11.2008.

UTILIZAÇÃO: Hound para caça grande em pacote.

CLASAPLICAÇÃO FCI:

Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas.

Seção 1.1 Farejadores de grande porte. Com prova de trabalho.

BREVE RESUMO HISTÓRICO: O francês Black and White Hound evoluiu a partir do Saintonge Hound, cujas origens são desconhecidas. Não ter uma conexão com Saint Hubert, este é provavelmente um antecessor distante dos famosos cães brancos "greffier" do século 16. Seu surgimento foi em meados do século 19. O tipo de cão de hoje foi influenciado pelo cruzamento com o Poitevin e o Gascon Saintongeois. Seu primeiro padrão data de 1957. Atualmente a raça tem aproximadamente 2000 cópias, representando de 300 / 400 nascimentos por ano.

O texto do ano 2007 foi escrito por M. Pierre Astié, Presidente do “Club du Chien d´ordre” e sua comissão em colaboração com o Sr.. Raymond Triquet.

APARSEGURO GERAL: É um cão de carga distinto, mas de constituição forte, o que dá uma impressão de equilíbrio.

PROPORCIONES IMPORTANTE:

O focinho é longo em comparação com o crânio.

O comprimento do corpo desde a ponta dos ombros até a ponta do ísquio é igual à altura na cernelha..

COMPORTAMIENTO / TEMPERAMENTO:

Esses cães são altamente valorizados por muitos caçadores de cervos pelas seguintes qualidades: sulfato fino, diligência, seriedade e garganta. É um cachorro muito amigável, apegado ao ser humano e fácil de manusear.

CASEMA: É bastante grande e bastante longo; está em harmonia com o todo, nunca é pesado, nem comum, mas com porte expressivo e elegante.

GION CRAEAL:

  • Cenfurecido: É ligeiramente volumoso e bastante estreito, mas sem exagero. A protrusão occipital é suficientemente aparente para evitar que o crânio pareça muito plano. Os arcos supraciliares podem ser um pouco proeminentes.
  • Nasofrontal depression (Stop): Ligeiramente marcado.

GION FACELEL:

  • Trufa: Está preto e as janelas estão abertas.
  • Caña nasal: bastante longo em comparação com o crânio, a ponte nasal pode ser ligeiramente arqueada.
  • Bduendes: Os lábios são ligeiramente quadrados, o lábio superior mal cobre o lábio inferior.

OJOS: Eles são escuros; o visual é inteligente e confiante.

OREJAS: Eles são inseridos no plano da linha do olho e são ligeiramente virados. De preferência atingem o nascimento do nariz ou dois dedos dele.

COMELLO: É bastante longo e grosso e às vezes tem uma leve barbela.

COMERPO

  • Espalda: É bastante longo e bem acentuado. Lombo de porco: Musculoso e bem inserido.
  • Gsemelhança: Ligeiramente inclinado.
  • Peco: É mais alto do que largo e atinge pelo menos as pontas dos cotovelos. As costelas são longas e moderadamente arredondadas.
  • Barriga: Levemente levantado.

COLA: Bastante grosso na base com um rolamento relativamente alto.

EXTREMIDADES

MEMBROS ANTERIORES: Alinhado com o corpo, forte e razoavelmente plano.

  • Hombros: Eles são longos, fino e oblíquo.
  • Cotovelos: Eles são pedagogos para o corpo.
  • Antebraço: Encanado.
  • Metacarpo: Ligeiramente inclinado visto de perfil.
  • Pés anteriores: Alongado, magro e resistente.

MEMBROS POSTERIORES: Paralelos, vistos de atrás.

  • Coxas: Eles são longos e musculosos o suficiente.
  • COrvejón: Fica perto do chão. É amplo, sólido e ligeiramente inclinado.
  • Pemé mais tarde: Eles são bastante alongados, mas fino e resistente.

MOVIMENTO: Fluido. Passo preferido: ágil com galope estendido.

PIEL: Ela é branca sob o cabelo branco e preta sob o cabelo preto. Às vezes apresenta manchas subcutâneas de cor azul ou menos escura na barriga e na parte interna das coxas..

MANTO

Pelo: É plano, muito forte e apertado.

Codor: Deve ser preto e branco, com um cobertor ou com manchas pretas mais ou menos disseminadas. Pode apresentar manchas pretas ou azuis e até na cor castanha., mas o último apenas nos membros. Também tem uma mancha pálida sobre cada olho, bem como bronzeado claro nas bochechas, sob os olhos, sob as orelhas e no início da cauda. É comum ver a "marca do veado" na coxa.

TAMÃO:

Machos: 65 cm para 72 cm.

Fêmeas: 62 cm para 68 cm. tolerância + / – 1 cm.

FALTAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

FALTCOMO GRAVES:

  • Cabeça: Qualquer sinal de uma cruz de Foxhound Inglês na cabeça (crânio muito volumoso, focinho curto e não quadrado o suficiente no final quando visto de perfil)
  • Nariz: Ausência significativa de pigmentação.
  • Mandíbulas: Prognatismo ou enognatismo.
  • Olhos: muito claro na cor.
  • Orelhas: Curto e plano.
  • Duplo queixo: Excessivo.
  • Cor: Nas bochechas, preto estendendo-se aos lábios.

FALTCOMO DESQUALIFICADORES:

  • Agressividade ou extrema timidez.
  • Qualquer cão mostrando sinais claros de anormalidades físicas ou comportamentais.
    • Extremidades: fraco
    • Desvio severo dos membros.
  • Pés: rodada
  • Cor: Manto tricololor.

N.B.:

  • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
  • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

Nomes alternativos:

    1. Chien Français Blanc et Noir (Inglês).
    2. Français blanc et noir (Francês).
    3. Français blanc et noir (Alemão).
    4. Français blanc et noir (Português).
    5. Sabueso francés blanco y negro (español).

Foto: https://www.centrale-canine.fr/le-chien-de-race/francais-blanc-et-noir

Tricolor francês
Francia FCI 219 - Farejadores de grande porte

Tricolor francês

O Tricolor francês é uma raça incomum e pouco conhecida fora da França.

Conteúdo

História Tricolor francês

A verdadeira ancestralidade de Sabujo francês provavelmente nunca será descoberto, pois a maioria dos primeiros criadores não se preocupou em manter nenhum registro de reprodução. No entanto, pode-se afirmar com certeza que a raça foi criada pela mistura de raças vivas e agora extintas de cães franceses e ingleses.

O Tricolor francês é uma espécie de criação recente (1957), provavelmente vem do cruzamento do Grande cão tricolor anglo-francês com o Poitevin (cão), o Billy e possivelmente o Grande azul da Gasconha. O padrão é do ano 1965.

O Tricolor francês foi mantido exclusivamente para a caça em grandes rebanhos. Sua maior pedreira eram grandes animais selvagens, como veados, o lobo e o javali. Um grupo de vários cães detectou o rastro de cheiro de um desses mamíferos e o perseguiu, latindo alto para que o caçador pudesse ir atrás deles. Dependendo do tipo de animal perseguido, os cães deveriam encurralá-lo ou matá-lo imediatamente.

O número de espécimes diminuiu drasticamente após duas guerras mundiais. Os entusiastas da caça franceses conseguiram salvá-la, embora muitas raças francesas únicas tenham sido perdidas para o mundo durante esses tempos terríveis.

No momento, sua criação e, portanto, sua população são sustentadas apenas pela comunidade francesa de caçadores.. Em geral, o futuro de Tricolor francês você terá um seguro razoável, desde que haja fãs de caça de cães em sua terra natal.

Características físicas Cão de caça tricolor francês

O Tricolor francês ele é um cão distinto, elegante, bem construído e musculoso. A cabeça não é muito imponente, mas bastante alongado; a protuberância occipital é marcada. Olhos são grandes e castanhos, às vezes com borda preta. O visual é inteligente. As orelhas são maiores do que as do Poitevin (cão), colocado ao nível dos olhos, um pouco para frente, não muito flexível; puxado para frente, é preferível que atinjam a base do focinho, mas é aceito que eles são dois dedos mais curtos. A fila é bem longa, carregada alta e graciosamente.

  • Cabelo: Curto e bem fino.
  • Cor: tricolor, com uma pelagem mais ou menos extensa. Tons de vermelho de preferência brilhantes, que pode alcançar o couro. Manchas escuras nos olhos e bochechas devem ser evitadas, e as manchas azuis ou castanhas nos membros e corpo.
  • Tamanho: 62 - 72 cm para o homem e 60 - 68 cm para feminino.
  • Peso: aprox.. 30 kg
  • Personagem e habilidades do Tricolor francês

    A única função do Tricolor francês está caçando, por isso é difícil fazer uma generalização sobre seus padrões de comportamento e temperamento em um ambiente doméstico. No entanto, não é necessário sugerir que um espécime socializado pode se tornar um animal de estimação de família educado e equilibrado. Como a maioria dos cães farejadores, ele é gentil com as crianças e gosta de participar de suas várias atividades.. Este cachorro é provavelmente muito enérgico e brincalhão para ser um companheiro adequado para uma criança.

    O Tricolor francês tende a ficar um pouco distante e reservado na presença de estranhos. No entanto, nunca mostrará agressividade aberta, a menos que suspeite que algo ou alguém ameace sua família. Alguns desses cães são vigilantes o suficiente para realizar tarefas de vigilância. Esta raça sociável e carinhosa será um terrível guardião, que ele prefere saudar um intruso abanando o rabo do que recorrer às ações necessárias.

    A agressividade canina é considerada um grande defeito no temperamento dos cães, que foram desenvolvidos para caça de rebanho. Por esta razão, membros com o menor indício dessa característica indesejável são imediatamente excluídos do programa de reprodução. O Tricolor francês é conhecido por sua tolerância excepcional em relação a outros caninos. Apesar de sua natureza excessivamente pacífica, também requer socialização precoce a este respeito. Vale lembrar que a raça tem um impulso muito poderoso para caçar e matar outras espécies de animais., especialmente gatos vadios. Você pode se dar bem com animais de estimação individuais se tiver sido criado com eles desde seu filhote.

    Saúde do Tricolor francês

    Os problemas mais comuns para a raça incluem:

    – displasia do quadril canino;
    – displasia do cotovelo;
    – problemas nos olhos;
    – sarna demodex;
    – infecções de pele;
    – alergias de pele;
    – infecções crônicas de ouvido;
    – ataxia de cão de caça.

    Cuidando do Tricolor francês

    O Tricolor francês Necessita de uma quantidade insignificante de manutenção. A escovação regular será suficiente para manter sua pelagem curta e graciosa em condições razoavelmente boas..

    As orelhas desta raça são altamente suscetíveis a irritação e infecção, portanto, seu exame sistemático e limpeza devem se tornar uma parte essencial das rotinas de cuidado. Para além disso, o mestre deve cortar os e-mails dele Tricolor francês pelo menos a cada dois meses.

    Treinamento do Tricolor francês

    O treinamento de Tricolor francês representa um desafio considerável. A raça é um caçador nato e requer treinamento básico em tudo o que diz respeito às suas funções originais de caça.. Infelizmente, sua persistência na busca por presas se transforma em teimosia no treinamento. Além disso, não consegue se concentrar na mesma tarefa chata por muito tempo e se irrita facilmente com suas múltiplas repetições.

    A melhor estratégia de treinamento para este cão deve incluir recompensas abundantes na forma de elogios e guloseimas saborosas.. O reforço negativo não funciona com Tricolor francês e deve ser evitado a todo custo.

    Exercício com o Tricolor francês

    O Tricolor francês é um cão de caça atlético e robusto, adapta-se facilmente a atividades físicas extremamente extenuantes. No mínimo, deve ser feito uma caminhada rápida de 45 minutos. Você deve sempre usar uma coleira quando estiver fora, pois é muito difícil ligar de volta depois que você foi atraído por alguma trilha interessante.

    O Tricolor francês se comporta calmo e relaxado, uma vez que os requisitos de exercício foram totalmente atendidos. Tenha em mente que um cão mal exercitado desenvolverá gradualmente problemas de comportamento desagradáveis, como latidos contínuos, hiperatividade interna ou destruição. Esta raça é mais adequada para a vida suburbana em uma casa com um quintal grande e seguro.

    Vídeos do Tricolor francês

    Chien Français Tricolore ?? Everything Dog Breeds ??Chien Français Tricolore ?? Everything Dog Breeds ??
    Französischer Laufhund – Mady- Vermittelt!!

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 219
    • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
    • Seção 1.1: Farejadores de grande porte. Com prova de trabalho.

    Federações:

    • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.1: Farejadores de grande porte.
    • Sociedade Canina Central

    FCI raça padrão Tricolor francês

    FCI raça padrão Tricolor francês
    TRADUCCÍON: IRIS Carrillo (Federação de canil de Porto Rico).

    ORIGEM: França.

    FECTENHA PUBLICAÇÃO DO PADRÃO OFICIAL VÁLIDO: 13.01.1965.

    UTILIZAÇÃO: Hound para caça grande em pacote.

    CLASAPLICAÇÃO FCI:

    Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas.

    Seção 1.1: Farejadores de grande porte. Com prova de trabalho.

    APARSEGURO GERAL: Ele é um cão de carga elegante, construção bastante forte e musculosa.

    CABEZA: Não é muito grande, mas sim bastante alongado. A protuberância occipital é marcada.

    GIOhN CRANIANA:

    Cenfurecido: É um pouco volumoso. A abóbada craniana é bastante desenvolvida.

    Ddepressão naso-frontal (Stop): Mais acentuado que o de Poitevin.

    GIOhN FACIAL:

    • Trufa: Está preto e as janelas estão abertas.
    • Caña nasal: É em linha reta, bastante longo e às vezes um pouco arqueado. Belfos: Eles são mais notáveis ​​do que os de Poitevin, i.e., com uma aparência ligeiramente quadrada.
    • Ojos: São grandes e castanhos. Às vezes, eles têm a cor preta ao redor. O visual é inteligente.
    • Obares: Eles são mais largos do que os de Poitevin. Eles estão no nível dos olhos. Eles são ligeiramente torcidos e não muito flexíveis. De preferência, eles alcançam o nariz da trufa ou a dois dedos dela.

    COMELLO: É muito tempo, bastante grosso e às vezes tem uma ligeira barbela.

    COMERPO

    • Espalda: É acentuado e bem inserido no corpo.
    • No peito: É longo e profundo. Alcança pelo menos a ponta do cotovelo. As costelas são longas e não muito planas.
    • Abdo(m)em: Não muito criado.

    COLA: É bastante longo. O cachorro o usa alto e graciosamente.

    EXTREMIDADES

    MEMBROS ANTERIORES: Eles estão bem posicionados. Eles são largos e retos.

    Ho(m)bros: Eles são longos e próximos ao peito.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Ancaso: Eles vêm na direção certa, em harmonia com os membros anteriores.
    • Coxas: Eles são longos e bastante musculosos.
    • Corvejón: É bastante largo e ligeiramente inclinado. Chega perto do chão.

    PIÉ: Fina.

    MOVIMENTO: É solto e ágil.

    PIEL: É muito bom.

    MANTO

    Pelo: É de cetim e bastante fino.

    Color: Tricolor, com cobertor mais ou menos estendido. A cor castanha é preferencialmente rosa ou cobre. O fogo carbonizado nas bochechas e lábios, bem como manchas azuis ou castanhas nos membros e no corpo não são desejáveis. Cabelo de "lobo" é aceito.

    TAMÃO E PESO:

    Alturpara a cruz: De 62 cm para 72 cm nos machos e 60 cm para 68 cm nas fêmeas.

    FALTAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    • Despigmentação no nariz em manchit
    • Prognatismo superior o inferio
    • Olhos limpos
    • Orelhas muito planas, inserção muito curta ou muito alta
    • Membros malformados ou muito finos
    • Jarretes muito retos
    • Pés grossos
    • Qualquer traço aparente de sangue inglês, especialmente no que diz respeito à cabeça Cor esfumaçada na cabeça que denota um cruzamento entre preto e branco e qualquer outra pelagem que não seja estabelecida pela norma.

    FALTAS DESQUALIFICANDO:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    N.B.:

    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    Nomes alternativos:

      1. Chien Français Tricolore (Inglês).
      2. Français tricolore (Francês).
      3. Französischer Dreifarbiger Laufhund(Alemão).
      4. français tricolore (Português).
      5. Sabueso francés tricolor (español).

    Foto: brit-petfood.com

    Field Spaniel
    Inglaterra FCI 123 . Cães Levantadores de Caça

    Field Spaniel

    O Field Spaniel Leva seu nome “field” de sua grande capacidade de trabalhar em campo aberto.

    Conteúdo

    História

    O Field Spaniel (Field) é um exemplo do que pode dar errado ao tentar criar cães esportivos pela aparência sem considerar seu uso no campo. Nos primeiros dias da raça, no século XVIII, o Spaniels foram definidos por seu tamanho, e foi considerado Field Spaniel a qualquer cachorro que pesasse mais do que 11 kg (25 libras). O Spaniels os menores eram conhecidos como “Cockers”, e ambos os tamanhos podem nascer na mesma ninhada. Sua pele costumava ser fígado, fígado e branco, Red, Vermelho e branco, amarelo ou preto e branco.

    O advento das exposições de cães em meados do século 19 motivou os criadores de cães a começar a considerar a aparência e a função.. O diferente era bom. Assim nasceu o “Spaniel Preto”. Isso foi bom, mas, infelizmente, os cães que eram longos e curtos – como o “Sussex Spaniel“- eles eram populares em exposições de cães na época. Os criadores começaram a cruzar Field Spaniel com “Sussex Spaniels“. Como o tamanho dos cachorros era tão diferente, os resultados foram desastrosos, convertendo para Field em um cão pesado e pouco atraente que mal conseguia se mover. Mesmo assim, cachorros de aparência exagerada vencidos em shows.

    Enfim, as pessoas voltaram a si e à moda de Field Spaniel finalizado. Os cães podem ter sido extintos, mas foram revitalizados após a Primeira Guerra Mundial por meio de cruzamentos com o “Springer spaniel inglês”, que eram mais adequados para o tamanho do Field Spaniel. Por meio de criação cuidadosa, sua utilidade como cães de caça foi restaurada, com a capacidade de cortar vegetação rasteira que era muito difícil para ele “Springer”, e a velocidade que o “Sussex” e o “Clumber“.

    A corrida ainda não foi salva. A Segunda Guerra Mundial acabou com a reprodução, e então apenas alguns cães bons foram deixados. Nos Estados Unidos, não houve Field Spaniel até a idade de 60. O Field Spaniel Society of America foi formado em 1978. Os cães permanecem pouco conhecidos hoje, mas eles não estão mais em perigo de extinção. O Field Spaniel fileiras 132 entre raças registadas pelo AKC.

    Características físicas

    O Field Spaniel está intimamente relacionado com o Cocker Spaniel e o “Springer spaniel inglês”. No início, as três raças foram separadas principalmente por tamanho. Com uma faixa de peso de 15 - 22 Kg, o Field Spaniel é maior que ele “Cocker” mas menor que o “Springer“. Além de caçar, compete em testes de campo e usa seu nariz excelente em testes de rastreamento. É uma raça rara, mas se você está procurando um caçador sólido, bem como um companheiro de família, o Field Spaniel é um daqueles que você deve considerar.

    Peso e tamanho:

    As fêmeas têm um tamanho aproximado de 43 cm, Enquanto os machos medem aproximadamente 45 cm. Seu peso aproximado varia de 18 – 25 kg.

    Caráter e habilidades

    O Field Spaniel tem as características típicas de Spaniel: sensibilidade, carinho por sua família e vontade de aprender. Com estranhos, está reservado, mesmo tímido se não for bem socializado, mas seus donos terão um lado brincalhão e travesso. Pode estar latindo quando feliz ou inquieto.

    Seu tamanho médio e caráter dócil podem torná-lo uma boa escolha para famílias com crianças.. Ele também se dá bem com animais de estimação, como gatos, se ele cresceu com eles. No entanto, pássaros de estimação podem precisar cuidar do seu rabo. Mesmo que eu não cace, o Field Spaniel ele aproveitará todas as oportunidades para caçar pássaros e fará o possível para ir atrás deles. A menos que você esteja em uma área sem tráfego, mantenha-o na coleira ou você vai perdê-lo na perseguição.

    O Field Spaniel é um cachorro que precisa de um emprego. Não é o tipo de cachorro que passa o dia comendo biscoitos. Faça uma caminhada diária com guia de pelo menos uma hora, leve-o para áreas seguras e sem trânsito, onde ele possa correr sem coleira e direcioná-lo para esportes caninos como agilidade, obediência, rali e rastejar.

    Educação

    O Field Spaniel é inteligente e aceita bem o treino. Como a maioria dos Spaniels, tem um temperamento suave e responde melhor às técnicas de reforço positivo, como os elogios, o jogo e as recompensas da comida. Tende a amadurecer lentamente, então você deve ser paciente e constante. No campo, ele tem uma tendência natural para explorar, que pode ser interrompido ensinando comandos como “Ven.”, “Espere” e “ficar”.

    Comece a treinar seu filhote no dia em que você o levar para casa. Mesmo com oito semanas de idade, é capaz de absorver tudo o que pode ser ensinado. Não espere que você tenha 6 meses para começar a treinar ou terá que lidar com um cão mais teimoso. Sim é possível, levá-lo a uma escola de cachorros quando ele estiver entre 10 e 12 semanas, e socializa.

    Saúde

    Todos os cães têm o potencial de desenvolver problemas de saúde genéticos, assim como todas as pessoas têm potencial para herdar doenças. Fuja de qualquer criador que não ofereça garantia de saúde para filhotes, para lhe dizer que a raça não tem problemas conhecidos ou para manter os cachorros isolados da parte principal da casa por motivos de saúde. Um criador de boa reputação será honesto e aberto sobre os problemas de saúde da raça e a incidência com que ocorrem.

    O Field Spaniel Eles têm algumas condições de saúde que podem ser motivo de preocupação, especialmente se você não for cauteloso com a seleção de criadores. Entre eles estão os Hipotireoidismo e problemas oculares como catarata, atrofia progressiva da retina e displasia retinal.

    Não compre um filhote de um criador que não possa fornecer a documentação escrita de que os pais foram dispensados ​​de problemas de saúde que afetam a raça.. Fazer os cães são “revistos pelo veterinário” não é um substituto para o teste genético de saúde.

    Criadores cuidadosos examinam seus cães reprodutores em busca de doenças genéticas e criam apenas os cães mais saudáveis ​​e de melhor aparência., mas às vezes a mãe natureza tem outras idéias. Um filhote pode desenvolver uma dessas doenças, apesar das boas práticas de criação. Avanços na medicina veterinária significam que, na maioria dos casos, cães ainda podem ter uma vida boa. Se você está comprando um cachorrinho, pergunte ao criador sobre a idade dos cães em suas linhas e quais são as causas de morte mais comuns.

    Lembre-se que depois de dar as boas-vindas a um novo cachorro em sua casa, você tem o poder de protegê-lo de um dos problemas de saúde mais comuns: a obesidade. Manter o cão com peso adequado é uma das maneiras mais fáceis de prolongar sua vida. Aproveite suas habilidades de prevenção para garantir um cão mais saudável para a vida.

    Limpeza

    O Field Spaniel tem apenas um casaco, i.e., não tem subpêlo. O cabelo sedoso é moderadamente longo e pode ser reto ou ligeiramente ondulado. A frente do peito, o ventre, a parte de trás das pernas e a parte traseira são franjadas como aquelas vistas em raças “Setter”.

    O casaco não é pesado e é fácil de manter. Você tem que escová-lo semanalmente e pentear suas franjas algumas vezes por semana, ou sempre que o cão estiver fora de casa ou tiver galhos ou outros detritos presos ao cabelo. Apare o cabelo entre as almofadas das patas e dentro das orelhas. Dê banho no cachorro apenas quando necessário; a escovagem regular deve mantê-lo bem limpo. O Field Spaniel eles mudam moderadamente.

    Se você planeja expor seu Field Spaniel, peça conselhos ao criador sobre como apresentar o cão em uma exposição canina. Você deve ter uma aparência natural, mas pode precisar de um pouco mais de limpeza de navalha, escovar tesouras e lâminas que um cão de companhia receberia.

    O resto são cuidados básicos. Apare as unhas conforme necessário, normalmente a cada poucas semanas. Sim para o seu Field Spaniel ele gosta de nadar - e mesmo que não goste- mantenha as orelhas caídas limpas e secas para evitar infecções bacterianas ou fúngicas. Escove os dentes com frequência para uma boa saúde geral e hálito fresco.

    Classificações do “Field Spaniel”

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Field Spaniel” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    Adaptação ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ Cão amigável

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade social ⓘ

    Avaliado 4 fora de 5
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Casa ⓘ

    Avaliado 4 fora de 5
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Sanita ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Cascas ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Saúde ⓘ

    Avaliado 4 fora de 5
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ Territorial

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Inteligência ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Versatilidade ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Vigilância ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Alegria ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Imagens do “Field Spaniel”

    Fotos:

    1 – Field Spaniel por Pedro, CC POR 2.0, via Wikimedia Commons
    2 – Um Grupp 8: FIELD SPANIEL, Winterbourne Itsy Bitsy Spider por Feira sueca
    3 – Meu cão, Lily, depois de desfrutar de uma travessura fedorenta por um pântano fétido perto de casa. que praga. Lily é uma Field Spaniel. por Jo-Anna Ghadban, CC POR 2.0, via Wikimedia Commons
    4 – Margarida – Field Spaniel por Pedro, CC POR 2.0, via Wikimedia Commons
    5 – Field Spaniel Em Liver Color por RishiBali, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons
    6 – Field Spaniel The Westminster Kennel Club 137ª exposição anual de todas as raças de fevereiro 11-12, 2013 Nova york, NY por Andrea Arden

    Vídeos do “Field Spaniel”

    Spaniel campo Molly
    Brincando com Jekku
    Valpelek campo Spaniel
    Campo Spaniel mordida saltos para a água

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 123
    • Grupo 8: – Cães levantadores e cobradores de caça e cães de água.
    • Seção 2: Cães Levantadores de Caça. Com prova de trabalho.

    Federações:

    • FCI – Grupo 8: Cães levantadores e cobradores de caça e cães de água – Seção 2: Cães Cobradores de Caça (Retrievers)
    • AKCSporting
    • ANKC Group 3 (Gundogs)
    • CKCSporting Dogs
    • KC – Cão de caça
    • NZKCGundog
    • UKCGun Dogs

    Padrão da raça FCI “Field Spaniel”

    FCI Padrão No. 123 / 27.05.2009 / E

    FIELD SPANIEL

    TRADUCCION : Lic. Oscar Valverde Calvo (Costa Rica), revisado por Dr. Paschoud y Jorge Nallem (Uruguai).

    ORIGEM : Grã-Bretanha.

    DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO : 26.03.2009.

    UTILIZAÇÃO :

    Cão de caça e cão de levantamento. Ideal para caça difícil ou como companheiro para moradores de áreas rurais. Não é um cão adequado para a cidade.

    CLASSIFICAÇÃO FCI :

    Grupo 8 Cães Cobradores de Caça (Retrievers), Cães Cobradores de Caça, cães de água.
    Seção 2 Cães Levantadores de Caça.
    Com prova de trabalho.

    OLHAR GERAL :

    Cão bem equilibrado e nobre. É um spaniel de pé, Esportes, desenvolvido para atividade e resistência.

    TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO : Extraordinariamente dócil, Ativo, sensível e independente.

    CABEÇA :

    Suas características dão a impressão de qualidade, caráter e nobreza.

    REGIÃO CRANIANA :

    Crânio : Está bem moldado, região occipital bem definida, fino sob os olhos; uma espessura neste ponto dá a toda a cabeça uma aparência áspera. A região das pálpebras está ligeiramente levantada.

    Depressão fronto-nasal (Stop) : É moderado.

    REGIÃO FACIAL

    • Nariz : Bem desenvolvido, com as janelas abertas.
    • Focinho : Comprido e fino, mas não pontudo ou quadrado. Visto de perfil, apresenta uma curvatura que desce gradativamente do nariz à garganta.
    • Mandíbulas/Dentes : MANDÍBULAS fortes, com dentes saudáveis ​​e completos; mordedura em tesoura, ou seja, a face interna dos incisivos superiores está em contato com a face externa dos incisivos inferiores e colocada em ângulos retos com as mandíbulas.
    • Olhos : Totalmente aberto, mas em forma de amêndoa, com pálpebras bem aderentes, sem mostrar a conjuntiva ocular. Com expressão séria e gentil. Castanho escuro.
    • Orelhas : Moderadamente longo e largo, inseridos baixos e bem cobertos com longos pelos de penas.

      PESCOÇO :

      Longo, forte e musculoso, permitindo que o cão colete a presa sem esforço excessivo.

      CORPO :

      Região dorsal e renal : Strong, nivelado e musculoso.
      No peito : Peito profundo e bem desenvolvido. Costelas moderadamente saltadas. O comprimento da caixa torácica deve ser 2/3 do corpo.

      CAUDA :

      Anteriormente, o costume era amputar a cauda.
      Amputada : Amputado a um terço. Inserção baixa. Nunca transportado acima do nível da linha superior. Com boa franja, e ação animada.
      Sem amputar : Inserção baixa. Nunca transportado acima do nível da linha superior. Com boa franja, e ação animada. Deve atingir aproximadamente os garrones. De comprimento moderado em equilíbrio com o resto do cão.

      MEMBROS

      MEMBROS ANTERIORES : Os membros são de comprimento moderado e ossos retos e achatados..
      Ombro : Longo, oblíquo e bem para trás.

      MEMBROS POSTERIORES : Forte e musculoso.
      Joelhos : Moderadamente angulado.
      Jarretes : Eles devem ser bem descidos.

      PÉS : Compacto, rodada, não muito pequeno com patas fortes.

      MOVIMENTO :

      Passo largo, lento, com um grande impulso dado pelos membros posteriores. O passo curto e pesado é indesejável.

      PELES

      CABELO : Longo, suave; sua textura é sedosa e brilhante. Nunca crespo, curto ou duro. Denso e oferece proteção contra intempéries. Deve ser abundante e em forma de pena no peito, barriga e costas dos membros; No entanto, estes não devem existir abaixo das articulações tíbio-tarsais (jarretes).

      COR :

      Black, fígado ou ruão. Qualquer uma dessas cores com marcações de fogo. Em cães unicolor, branco ou ruão são permitidos no peito. A combinação de cores preto e branco ou fígado e branco não são aceitas..

      TAMANHO :

      Aproximadamente 18 '' (18 polegadas) para a região da cruz.
      Peso : Entre 18-25 kg (40-55 Português libras).

      FALHAS :

      Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

      Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

      OBS.. : Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

    Nomes alternativos:

      1. Field (Inglês).
      2. Field (Francês).
      3. Field (Alemão).
      4. Field (Português).
      5. Field, Spaniel de campo (español).

    Virginia foxhound
    Estados Unidos Cães de tamanho grande

    Black and Tan Virginia Foxhound

    Black and Tan Virginia Foxhounds são cães de caça com um excelente olfato

    Conteúdo

    História

    O Virginia foxhound, Acredita-se que ele descende de cães de caça introduzidas na América em 1650 por Robert Brooke.

    Estes cães foram os ancestrais das variedades de cães de caça americano.

    George Washington recebeu uma Fox-Hound francês como um presente da aristocracia francesa e esse cão ele atravessou um dos cães de caça criados pelo senhor Brooke que resultou na corrida Virginia foxhound, tal como a conhecemos hoje. Mais tarde, Foxhound irlandesa foram cruzados, também, com o Virginia foxhound para aumentar sua resistência e velocidade.

    Em 1966 o estado da Virgínia eleito Virginia foxhound como corrida oficial do estado da Virgínia. Esta corrida, junto com outras variedades de Foxhound-americano, Ele foi criado pela classe superior durante a época Colonial, principalmente para o propósito de Fox caça.

    Características físicas

    Enquanto o Virginia foxhound é semelhante ao seu equivalente em inglês, o Foxhound-inglês, a versão americana foi levantada para ser mais leve, maior e mais ágil.

    Sua aparência física, a característica mais distintiva é sua pelagem, Ele é preto e Tan sobre uma base branca, cabelo curto e um pouco grosso. São cães de tamanho grande, eles crescem a uma altura de 21 - 25 cm e pode pesar entre 30 e 35 Kg. Sua cabeça é longa, suas orelhas são grandes e cai no rosto. Os olhos são Hazel ou castanho, dando uma aparência amigável e inteligente em seu rosto.

    Caráter e habilidades

    Estes cães são fiéis e agradável por natureza, eles precisam de muito exercício para evitar o tédio, porque se eles serem cansar ou quando bloqueado por longos períodos de tempo podem se tornar bastante destrutivos, e quebra de mobiliário e passagem tudo em seu caminho. Eles exigem muita atenção durante o treinamento e precisam ser bem socializado.

    Estes cães têm um excelente sentido de cheiro e são mais rápidos que outros cães de caça quando eles perseguem suas presas.

    Enquanto se adaptar com facilidade, vida em um apartamento não fazer muito feliz, eles precisam de exercício e na sua ausência, é prováveis que carregar peso facilmente. Para além da necessidade de exercer, eles tendem a ser razoavelmente saudável e geralmente não são afetados por doenças genéticas do quadril e ossos, como acontece em outras raças. Sua expectativa de vida média é de cerca 10-12 anos.

    O Virginia foxhound, é uma bela raça para qualquer pessoa querendo um cão de temperamento gentil adoram ficar ativo com seus mestres.

    Tem a natureza suave de uma Coonhound preto e castanho e a personalidade forte de uma Sabujo.

    Vídeos Virginia foxhound

    • Cães de tamanho grande

    Fox terrier de pelo liso
    Gran Bretañaa FCI 12 - Terriers de médio e grande porte

    Não-caçadores que querem manter Fox Terrier como um cão puro companheiro, eles devem desviar seus instintos de caça inatos com os esportes e jogos de cães

    Conteúdo

    História

    O primeiro Fox terrier, que foram apresentados pela primeira vez em uma exposição de cães em inglês em meados do século XIX, eles eram cães quase brancos, especialmente adequado para caça à raposa. Devido à sua coragem, sua resistência e capacidade de rastrear e alcançar as raposas escondidas em sua toca, pequenos terriers logo encontraram muitos seguidores entre os amantes de cães e caça da Inglaterra. Graças ao seu físico, os cães intrépidos foram capazes de entrar nos tubos Fuchsbau mais estreito. O objetivo da criação para a caça à raposa também foi sempre o foco principal na seleção dos cães reprodutores certos e finalmente deu aos cães o nome de raça Fox Terrier. (Fox Fox, terre = Terra).

    Em 1876 o recém-fundado Fox Terrier Club introduziu o primeiro padrão de raça para o Fox Terrier. Hoje o FCI distingue duas variantes do Fox Terrier: o Fox terrier de pelo liso e o Fox terrier de pelo duro. Embora ambos os tipos de cães diferam apenas na estrutura de sua pelagem, são mantidos separadamente.

    No início, a variante de cabelos lisos do Fox terrier era muito mais popular que o Fox terrier de pelo duro. No entanto, isso mudou na década de 1920, quando um verdadeiro boom se desenvolveu em torno do Fox terrier de pelo duro e o cachorrinho “prático” tornou-se o novo “cão da moda” para as senhoras finas. Infelizmente, muitas vezes esquecia que o Fox Terrier foi originalmente criado como um cão de caça e que os animais ainda possuíam muita coragem, instinto de caça e uma certa nitidez.

    A falta de educação e atitudes inadequadas deram aos cães, que gostavam de cavar jardins e raramente evitavam brigar com outros cães, a reputação de ser agressivo e agressivo. Em meados do século passado, o número de inscrições no livro de criação, especialmente de Fox terrier de pelo duro, visivelmente diminuído. Hoje, duas vezes mais nascem Fox terrier de pelo liso que o Fox terrier de pelo duro. Hoje, o cão inglês tradicional em ambas as variantes pertence às raças de cães bastante raras.

    Características físicas

    O corpo de um Fox terrier de pelo liso é compacto e musculoso, construído para velocidade e agilidade. O cão tem um corpo curto, mas um rosto longo e elegante, com orelhas que se inclinam em direção às bochechas.. A altura desta raça não deve exceder 39 cm nos machos; um pouco menos em mulheres e seu peso varia de sete a oito quilogramas.

    A pelagem de um Fox terrier de pelo liso é curta, plana contra o corpo e densa. Normalmente, o cabelo cobre a barriga e também a parte interna das coxas. A cor da pelagem é predominantemente branca, com marcações em preto e castanho.

    Caráter e habilidades

    Com agilidade, o Fox Terrier cabelo liso está em seu elemento. O pequeno terrier vivaz adora se mover e usar sua cabeça fofa. Não é à toa que ele nunca se cansa de praticar esportes caninos como agilidade, obediência e flyball. Deitar no sofá e descansar é definitivamente uma coisa do passado para os proprietários de Fox terrier de pelo liso..

    Jogos diários de exercício e recuperação, correr juntos ou botas de caminhada, rodas ou cavalo, durante o qual o perseverante amigo de quatro patas pode acompanhá-lo, eles definitivamente deveriam estar no show com um Fox terrier de pelo liso.

    O Fox Terrier geralmente se dá muito bem com crianças, afinal eles compartilham sua necessidade de brincar e se exercitar. Famílias ativas que gostam de estar ao ar livre encontrarão um companheiro de brincadeira animado e um companheiro leal no English Terrier.

    Um companheiro valioso para caçadores e não caçadores

    Embora, como a maioria das raças de cães, hoje é mantido principalmente como cão de família e companheiro, o Fox Terrier ainda tem uma boa figura ao caçar. O cão de caça versátil pode ser usado para construir e vasculhar, para recuperar, pesquisar ou mesmo trabalhar na água. Seu desejo de trabalhar, sua coragem e vigilância fazem dele um companheiro de caça inestimável. Não-caçadores que querem manter o Fox Terrier como um cão de companhia puro, eles devem desviar seus instintos de caça inatos com os esportes e jogos de cães e, assim, oferecer-lhes uma ocupação alternativa adequada.

    Educação do Fox terrier de pelo liso

    O Terrier tem uma reputação de ter uma mente própria – o Fox terrier de pelo liso não é exceção. Em caso de falta de orientação e descuido por parte dos seres humanos, amigo de quatro patas inteligente gosta de assumir o comando, normalmente não para o deleite de seus colegas de duas pernas. Uma educação consistente e precoce é essencial para uma coexistência harmoniosa com os Fox terrier. No entanto, se você levar o seu tempo, conhece as regras básicas mais importantes do treinamento de cães e, ao mesmo tempo, oferece ao seu cão exercício físico e mental suficiente, você terá poucos problemas com este pequeno pacote de energia. O Fox Terrier ele não é apenas inteligente, mas também muito dócil e orientado para as pessoas.

    Fox Terrier cabelos lisos saúde e cuidados

    Basicamente, o Fox Terriers eles são considerados cães muito robustos e saudáveis. Ocasionalmente ocorrem doenças oculares. Existe também uma certa predisposição para doenças neurológicas, como ataxia e mielopatia., o que pode levar à destruição da medula espinhal. Com educação responsável, uma dieta saudável, muito exercício e cuidados adequados para cada espécie, os riscos de uma possível doença podem, Felizmente, reduzir.

    O Fox terrier de pelo liso eles têm uma clara vantagem sobre seus parentes, o Fox terrier de pelo duro. Enquanto o Fox terrier de pelo duro precisa de um corte profissional, escovar regularmente é suficiente para preservar a bela pelagem do Fox terrier de pelo liso. No entanto, como fox terriers não gostam “ficar parado”, você deve acostumar seu cão a escovar já na fase do filhote.

    Nutrição baseada em necessidades e cuidados cuidadosos desempenham um papel importante na manutenção da saúde dos cães. Baseado em necessidades significa que a dieta deve ser adaptada à idade, peso e amplitude de movimento do cão. O Fox terrier Eles são cães extremamente esportivos e ativos e geralmente precisam de uma dieta de alta energia com muita carne e legumes de alta qualidade..

    Compre um Fox terrier de pelo liso

    Se você estiver interessado em um Fox terrier de pelo liso, as características desta raça devem primeiro ser cuidadosamente informadas. O Fox terrier de pelo liso eles são cães extremamente temperamentais e exigentes, que precisam de manuseio consistente. Um criador respeitável perguntará sobre suas idéias e objetivos de criação de cães e, Sim é necessário, irá aconselhá-lo a não comprar um fox terrier. Neste caso, não procure o próximo best-seller, mas reconsidere cuidadosamente seus motivos para comprar um Fox terrier.

    Somente um filhote de raça pura deve ser comprado de um criador respeitável, cujos cães foram testados para possíveis doenças hereditárias e outros critérios de adequação para a reprodução antes do uso.. Filhotes começam a ser vendidos o mais cedo possível entre a oitava e a décima semana de vida. O preço do filhote varia entre 850 e 1.500 euros e depende da aptidão desportiva e do valor genético dos pais.

    É importante que você conheça as necessidades exatas do seu cão e que esteja familiarizado com o valor nutricional de diferentes alimentos.; tanto uma deficiência quanto uma oferta excessiva de certas substâncias podem causar sérios problemas de saúde. Alternativamente, você pode alimentar seu Fox terrier com alimentos úmidos ou secos de alta qualidade. Convença-se da qualidade dos ingredientes processados ​​e evite aditivos prejudiciais à saúde, como açúcar ou estimulantes artificiais,. Você também deve evitar um teor de grãos muito alto nos alimentos.

    Comentários do Fox terrier de pelo liso

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Fox terrier de pelo liso” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    Adaptação ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ Cão amigável

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade social ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Casa ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Sanita ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Cascas ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Saúde ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ Territorial

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    Avaliado 1 fora de 5
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Inteligência ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Versatilidade ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Vigilância ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Alegria ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Imagens do Fox terrier de pelo liso

    Fotos:

    1 – Fox Terrier pelo liso por publicdomainpictures.net
    2 – Fox Terrier pelo liso por needpix.com
    3 – Fox Terrier pelo liso por https://pxhere.com/es/photo/738534
    4 – Vos Spits (nascido em março 2006) em ação por Piet ter Beek / Domínio público
    5 – Fox Terrier pelo liso por https://pxhere.com/es/photo/1617503
    6 – Fox Terrier liso de “Sterlet” Poland por Piotr Pietryka / CC BY-SA

    Vídeos do Fox terrier de pelo liso

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 12
    • Grupo 3: – Terriers
    • Seção 1: – Terriers de médio e grande porte. Teste de trabalho at-vontade.
  • Federações:
    • FCI – Terriers 1 Terriers de médio e grande porte.
    • KC – cães de trabalho
    • FCI padrão da raça Fox terrier de pelo liso

      FCI padrão da raça Fox terrier de pelo liso
      APARSEGURO GERAL: Cão ativo e feliz, onde ossos de boa substância e grande força física são combinados em um pacote compacto, nunca pesado ou áspero. Não deve ser pernudo ou com membros muito curtos, e deve levantar-se como um cavalo de caça com as costas curtas e capaz de cobrir muito terreno.

      TOMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: Ativo, movendo rápido, expressão vivaz, sempre à procura. Amigáveis, extrovertido e destemido. Amigáveis, extrovertido e destemido.

      CABEZA

      GIOhN CRANIANA:

      • Crânio: Plana e moderadamente estreita, ampla que diminui gradualmente em direção aos olhos.
      • Nasofrontal depression (Stop): Pequena parada aparente.

      GIOhN FACIAL:

      • Trufa: Neg
      • Focinho: mandíbulas, superior e inferior, eles são fortes e musculosos, inclinando-se ligeiramente abaixo dos olhos Esta parte da face anterior deve ser moderadamente moldada, para que não desça em linha reta como uma cunha.
      • Mandíbulas/Dentes: Maxilares fortes com perfeita, mordida em tesoura regular e completo, i.e., que a face interna dos incisivos superiores está em contato próximo com a face externa dos incisivos inferiores e com os dentes posicionados perpendicularmente à maxila.
      • Bochechas: Eles não devem ser extrovertidos.
      • Olhos: Escuro, moderadamente pequeno, o mais redondo possível, mas não proeminente. De expressão alerta e inteligente.
      • Orelhas: Pequeno e em forma “V”, cair para a frente perto do
      • bochechas e nunca nas laterais da cabeça. A dobra da orelha deve estar acima do nível do crânio. As orelhas devem ter espessura moderada.

      COMELLO: Nítido, musculoso e sem barbelas. De comprimento moderado e aumentando gradualmente em direção às escápulas.

      COMERPO

      Dorso: Curta, reto e firme, sem um pingo de fraqueza. Região renal: Poderoso, muito ligeiramente arqueado. No peito: Profundo sem ser largo.

      COLA: Anteriormente, o costume era amputar a cauda.

      A(m)poderiatHá sim: Inserção alta, ereto, sem curvar nas costas ou enrolado. De bom poder.

      Semn amputação: Inserção alta, ereto, sem curvar nas costas ou enrolado. O mais reto possível. Cauda de comprimento moderado para manter um bom equilíbrio com o resto do cão.

      EXTREMIDADES

      MEMBROS ANTERIORES:

      • Ombro: Costas longas e bem inclinadas, bem nas extremidades e bem definido na região da cruz.
      • Braço: Os membros devem parecer retos, vistos de qualquer ângulo, com pouco ou nenhum tornozelo em direção à frente. Ossos fortes.
      • Pés anteriores: Pequeno, rodada e compacto, com almofadas firmes e duras, e com dedos moderadamente arqueados, sem entrar ou sair.

      MEMBROS POSTERIORES:

      • Aparência geral: Forte e musculoso, sem muita angulação.
      • Coxas: Longo e poderoso
      • Joelhos: Boa angulação.
      • Metatarso: Jarretes bem abaixados
      • Pés de volta: Pequeno, rodada e compacto, com almofadas firmes e duras, e com dedos moderadamente arqueados, sem virar para dentro ou para fora

      MOVIMENTO: Os membros anteriores e posteriores foram transportados para a frente e paralelos. Os cotovelos se movem perpendicularmente ao corpo sem interferir no movimento, as articulações femoro-tíbio-patelares não devem ser viradas para dentro ou para fora e os jarretes não devem ser unidos. Boa potência de propulsão proveniente de membros traseiros muito flexíveis.

      MANTO

      Pelo: Suave, achatado, curto, disco rígido, denso e abundante. A barriga e as coxas devem estar cobertas de pelos.

      Color: Predomina o branco: o branco total, branco com manchas bronzeadas, manchas pretas e castanhas ou pretas. Manchas malhadas, vermelho ou cor de fígado são altamente indesejáveis.

      TAMÃO E PESO:

      Alturpara a cruz: Não exceder 39 cm nos machos; um pouco menos em mulheres.

      Pisso:

      Machos: 7,5 – 8 kg.

      Fêmeas: 7 – 7,5 kg.

      FALTAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

      FALTAS DESQUALIFICANDO:

      • Agressividade ou extrema timidez.
      • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

      N.B.:

      • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
      • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

      EleAs últimas alterações estão em negrito.

      TRADUCCION: Brigida Nestler / Versão original: (IN)

      Supervisão técnica: Miguel Angel Martinez.

      Última revisão: Jorge Nallem.

      Nomes alternativos:

        1. Fox Terrier, Smooth Fox Terrier, Foxie, SFT (Inglês).
        2. Fox-terrier à poil lisse (Francês).
        3. Glatthaar-Foxterrier, Foxterrier (Glatthaar) (Alemão).
        4. Fox terrier de pelo liso (Português).
        5. Fox terrier ratonero (español).

    Fox terrier de pelo duro
    Gran Bretañaa FCI 169 - Terriers de médio e grande porte

    Fox Terrier pelo de alambre

    O Fox terrier possui bravura incomparável e um caráter extremamente enérgico e ardente.

    Conteúdo

    História

    Os terriers formam um grande grupo de cães. Seu nome é derivado do latim “Terra” para a terra. Então eles eram cães para trabalhar em terra. A primeira evidência é dada pelos romanos antigos. Já na Idade Média, os terriers são descritos em detalhes. Sua terra natal é nas Ilhas Britânicas. Terriers existiam em todo o país. Nos estábulos eles mantinham vermes pequenos. Mesmo os grandes ratos não eram um problema para eles. As galinhas, pombos e coelhos os protegiam de marta e raposas. Para continuar perseguindo raposas, os terriers foram enviados para a trincheira. Eles deveriam tirar a raposa da toca. Todas essas tarefas exigiam comprometimento entusiástico, coragem especial, pensamento independente e acuidade predatória. Os Terriers eram os campeões mundiais na época “esporte” da mordida do rato. Eles não tinham medo e, com todas as fibras de seu ser, tentavam fazer o trabalho da melhor maneira possível..

    Ainda podemos experimentar todas essas qualidades em nossos terriers hoje.. Eles fazem o charme especial desses cães. Terriers vêm em todos os tamanhos, mas na maior parte são cães pequenos até o Yorkshire terrier de hoje em dia. Mas todos eles já estavam muito ocupados trabalhando com cães. A maioria dos terriers pequenos como esses Yorkie, o Westie ou a escocês eles moravam nos assentamentos estreitos da classe trabalhadora da indústria emergente na Inglaterra ou na Escócia. Apesar de sua aparência às vezes bastante delicada hoje, eles ainda são cães inteiros, ainda. Eles são representantes concisos com suas próprias cabeças e temperamento ousado. Grandes terriers como ele Airedale Terrier eles pertencem aos primeiros cães de serviço, que trabalhavam para a polícia, costumes ou exército em todo o mundo. Terriers pequenos e médios ainda estão em alta demanda como cães de caça, como o Parson Russel Terrier, o Fox Terrier ou o Terrier alemão de caça.

    No passado, todos os terriers formavam um grande grupo de cães, eles eram especialmente adequados para as tarefas mencionadas aqui. Dependendo do campo de aplicação especial ou da superfície da terra, formou diferentes linhas regionais, que no entanto permaneceu conectado um ao outro. Somente a criação moderna de cães com pedigree criou raças de cães geneticamente separadas., como os conhecemos hoje. Assim, não menos que 34 corridas, principalmente nativo da Inglaterra, Irlanda, Escócia ou País de Gales. Só o Terrier alemão de caça vem da alemanha.

    Características físicas

    O Fox terrier de pelo duro ele é um cachorro ativo e feliz, pequeno volume no qual ossos de boa substância e grande força física são combinados, nunca pesado ou áspero. Sua estrutura apresenta um equilíbrio perfeito, particularmente no que diz respeito às proporções entre o crânio e o focinho, e da mesma maneira entre a altura na região cruzada e o comprimento do corpo, da ponta do ombro até a nádega, eles parecem mais ou menos o mesmo. É alto como um cavalo de caça que tem um dorso curto e é capaz de cobrir muito terreno.

    ALTURA E PESO:

    Altura para a região transversal: Não deve exceder 39 cm nos machos; as fêmeas são um pouco menores.
    O peso ideal de uma amostra desenvolvida é 8,25 para homens; para as fêmeas é um pouco menor.

    Caráter e habilidades

    Terriers têm uma natureza concisa, que distingue todos eles – com uma certa restrição também terrestres toroidais. São cães extraordinariamente temperamentais que nunca dizem não a nenhuma aventura.. Eles são animados, brilhante, conciso. Eles não evitam brigas. Os pequenos tendem a começar brigas com outros cães de qualquer tamanho devido ao seu excesso de confiança crônica.. Em geral, especialmente os pequenos tendem a se chamar imperadores. Este é um desafio para o professor ou cuidador. Como cães de caça de construção, eles são capazes de tomar suas próprias decisões, o que significa que eles gostam de ser teimosos e teimosos. Terriers podem rapidamente se tornar arrogantes se seus humanos não deixaram claro quem determina as regras da casa.

    Vídeos Fox terrier de pelo duroPolin (Fox terrier de pelo duro)
    O belo Fox Terrier pêlo duro. The amazing Wirehair Fox Terrier.Vídeo na mesa de luz por VideoLightBox.com v 1.11

    Eles são extremamente cooperativos e dóceis. É um grande prazer trabalhar com eles. Os terriers são fiéis aos humanos e são muito adequados como cães de família, se sua personalidade forte não é apenas respeitada, mas também apreciado e agiu. Terriers de caça são especialmente caracterizados por sua inteligência e coragem extraordinária. Eles até são capazes de procurar um javali, abaixe-o e depois latir sem se machucar. É claro que eles ainda vão para as tocas de raposa e texugo. Mesmo que os Yorkies sejam carregados no braço com arcos – e eles estão felizes em suportar – até o menor terrier é essencialmente um temerário e não um cão de caça. São pacotes de energia que amam e precisam de um desafio físico e mental.

    Atitude

    Manter um terrier não tem problemas. Eles não têm exigências em relação ao tamanho do apartamento. Somente a preparação é obrigatória. O maior desafio é o seu temperamento. Eles precisam de desafios físicos e mentais. Muitos são caçadores de muito sucesso. Como cão de companhia, eles são adequados para um amplo espectro. Quase todos os terriers são ótimos para vários esportes caninos. Como parceiro em execução, de um ciclista. Seu alto nível de aptidão física, sua saúde e disposição para trabalhar muitas vezes vigorosas representam um desafio e uma obrigação para seus senhores..

    Como a maioria dos terriers, eles têm um forte instinto de caça, deve ser mantido em uma trela na natureza. Os terriers são muito adequados como companheiros de brincadeira para crianças, Eles são projetados para qualquer tipo de diversão e são robustos o suficiente para brincar com crianças.. No entanto, as regras da casa devem estar corretas e o terrier deve conhecer seu papel na família. Mesmo os menores terriers não devem ter espaço para viver com excesso de confiança e tornarem-se professores da escola das crianças.

    Fox terrier de pelo duro Educação

    Os terriers típicos podem ser muito bem treinados e educados. O anúncio claro e a conseqüência são as palavras milagrosas aqui baseadas em um relacionamento respeitoso e amoroso com o mestre ou cuidador. Especialmente com pequenos terriers, a educação é um capítulo frequentemente subestimado. Embora sejam fofos e delicados, eles ainda são um terrier de verdade. Eles precisam de uma educação consistente a partir da idade do filhote. A maioria dos terriers pode ser treinada com base em uma boa educação para as mais diferentes tarefas.

    Cuidados e saúde Fox terrier de pelo duro

    Terriers geralmente são muito fáceis de cuidar. Além daqueles com cabelos curtos, a maioria dos terriers precisa de um corte de cabelo regular. Mas eles perdem relativamente pouco cabelo.

    A maioria dos terriers tem saúde robusta. Exceções a esta regra estão temporariamente na moda ou de raças externas, como Yorkie, o Westi ou o Bedlington Terrier, em cuja população a toxicose do cobre se espalhou excessivamente, uma doença que ataca o fígado. A tendência de diminuir com cópias inferiores a 3 kg, o que é particularmente notável no Yorkie, leva a danos que podem ser descritos como fomentar a tortura.

    Nutrição / Alimentação

    Nutrição não é problemática. No entanto, raças orientadas para aparências externas tendem a sofrer de alergias, o que pode tornar necessária uma dieta alimentar.

    Expectativa de vida do Fox terrier de pelo duro

    A expectativa de vida depende do tamanho dos cães. Os cães menores, mas não muito pequeno, ter uma expectativa de vida mais longa. Como uma regra, terriers desfrutam de uma vida longa como um cão, frequentemente acabado 15 anos. As linhas levantadas ao longo de gerações para o “beleza” e amostras especialmente extremamente pequenas, os chamados cães minis, Toy- o Xícara de chá, eles geralmente morrem muito mais cedo.

    Compre um Terrier

    É melhor comprar seu filhote localmente de um criador afiliado a um dos clubes de criação de terrier ou você pode procurar nos abrigos. Entre 1.000 e 1.500 euros devem ser planejados como custos.

    Avaliações sobre Fox terrier de pelo duro

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Fox terrier de pelo duro” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    Adaptação ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ Cão amigável

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade social ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Casa ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Sanita ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    Avaliado 2 fora de 5
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Cascas ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Saúde ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ Territorial

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    Avaliado 1 fora de 5
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Inteligência ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Versatilidade ⓘ

    Avaliado 3 fora de 5
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Vigilância ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Alegria ⓘ

    Avaliado 5 fora de 5
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Imagens Fox terrier de pelo duro

    Fotos:

    1 – Fox Terrier pelo alambre http://flickr.com/photo/[email protected]/8504670637
    2 – Um Fox Terrier de fio. por Faraó Hound / CC BY-SA
    3 – Fotografia de um Fox Terrier de fio sentado perto Walker Whited / CC BY-SA
    4 – wo Fox terriers de cabelos. Listado no Flickr como “Daisy e Gatsby” por Alicia Nijdam / CC POR
    5 – Fox Terrier de fio por https://www.flickr.com/photos/paulaloe/140805906/
    6 – Exposição de cães Fox Terrier Wire Racibórz por I, Lilly M / CC BY-SA

    Fox terrier de pelo duro Videos

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 169
    • Grupo 3: – Terriers
    • Seção 1: – Terriers de médio e grande porte. Teste de trabalho at-vontade.
  • Federações:
    • FCI – Terriers 1 Terriers de médio e grande porte.
    • AKC – Cães trabalhando
    • ANKC – Grupo 6 (cães utilitários)
    • CKC – Lista de diversos
    • KC – cães de trabalho
    • NZKC – Cão utilitário
    • UKC – Cão de guarda

    FCI Fox terrier de pelo duro Raça

    FCI Fox terrier de pelo duro Raça
    ASPECTO GERAL: Cão ativo e feliz, pequeno volume no qual ossos de boa substância e grande força física são combinados, nunca pesado ou áspero. Sua estrutura apresenta um equilíbrio perfeito, particularmente no que diz respeito às proporções entre o crânio e o focinho, e da mesma maneira entre a altura na região cruzada e o comprimento do corpo, da ponta do ombro até a nádega, eles parecem mais ou menos o mesmo. É alto como um cavalo de caça que tem um dorso curto e é capaz de cobrir muito terreno.

    TOMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: Cão alerta, movendo rápido, expressão vivaz, sempre na expectativa de qualquer provocação. Amigáveis, Extrovertido e destemido.

    CABEZA:

    GIOhN CRANIANA:

    Cenfurecido: A parte superior do crânio é quase plana, ligeiramente inclinada e sua largura diminui gradualmente em direção aos olhos.

    Ddepressão naso-frontal (stop): Luz.

    GIOhN FACIAL:

    • Trufa: Deve ser preto.
    • Hocico: Quase não há diferença entre o comprimento do crânio e o focinho. Se o focinho for visivelmente mais curto, a cabeça parece fraca e indefinida. O focinho diminui gradualmente dos olhos para o nariz e afunda um pouco na junção com a testa., mas sem colocar conchas ou abruptamente inclinando-se sob os olhos, onde deve estar cheio e bem modelado. As bochechas redondas e inchadas são indesejáveis.
    • Mandíbulas / Dentes: Maxilares fortes com perfeita, mordida em tesoura regular e completo, i.e., que a face interna dos incisivos superiores está em contato próximo com a face externa dos incisivos inferiores e com os dentes perpendiculares às mandíbulas. O desenvolvimento excessivo de ossos ou músculos das mandíbulas é indesejável e faz com que pareça desagradável.
    • Ojos: Escuro, que denotam vivacidade e inteligência, moderadamente pequeno e não deve ser saliente, mas sim o mais redondo possível. Colocados não muito distantes um do outro, não muito alto no crânio ou muito perto das orelhas. Os olhos de cores claras são muito indesejáveis.
    • Obares: Pequeno, sob a forma de “V”, de espessura moderada, elegantemente dobrado e caindo para a frente perto das bochechas. A dobra das orelhas bem acima do nível do crânio. Orelhas eretas, tulipa ou rosa são muito indesejáveis.

    COMELLO: Nítido, muscular, de comprimento moderado, sem papada; alarga para os ombros, apresentando uma curvatura elegante quando vista de lado.

    COMERPO:

    • Dorso: Curta, reto e forte, nenhum sinal de fraqueza.
    • Ele(m)o: Poderoso e ligeiramente arqueado. A região renal deve ser muito curta.
    • Peco: Profundo, costelas anteriores arqueadas moderadamente, as posteriores profundas e bem arqueadas.

    COLA: Anteriormente o costume época amputar a cauda.

    Amputada: Inserção alta. Ereto, sem enrolar nas costas ou torcer. Com boa potência e bom comprimento.

    Semn amputação: Inserção alta. Ereto, sem enrolar nas costas ou torcer. Com bom poder e bom comprimento para manter uma boa aparência de equilíbrio.

    EXTREMIDADES

    MEMBROS ANTERIORES: Visto de frente, os ombros inclinam-se bruscamente da junção do pescoço para as pontas dos ombros, o que deve ser bom; visto de lado, eles devem ser longos e bem inclinados obliquamente para trás. A região da cruz sempre bem definida. Peito profundo, não ampla. Visto de qualquer lugar, os membros devem ser heterossexuais, com boa estrutura óssea em toda sua extensão. Os cotovelos devem ser perpendiculares ao corpo, não atrapalhar o movimento e transportado em linha reta quando o cão está em movimento.

    MEMBROS POSTERIORES: Strong, muscular, sem muita angulação. A combinação de perna curta com joelho reto é altamente indesejável.

    • Coxas: Longo e poderoso.
    • Cajadoemll-: Boa angulação nas articulações femorais ou patelares, eles não devem ser entregues ou retirados.
    • Corvejones: Bem descido.
    • Metatarsos: Visto por trás, eles parecem retos e paralelos.
    • Pemisto é: Rodada, Compacto, com pequenas almofadas para os pés, forte e grosso; dedos moderadamente arqueados; sem entrar ou sair.

    ANDADURA / MOVIMENTO: Os membros anteriores e posteriores foram transportados para a frente e paralelos.

    Os cotovelos se movem perpendicularmente ao corpo sem interferir no movimento. Articulações femoro-tíbio-patelares (joelhos) eles não devem ser entregues ou retirados.

    Tem um bom poder de propulsão vindo de membros traseiros bem angulados.

    Pelo: Denso, textura rugosa, seu comprimento varia de 3/4 polegada (2 cm) nos ombros para 1 1/2 polegada (4 cm) na região da cruz; parte traseira, costelas e membros posteriores devem ter um subpêlo mais macio e mais curto. O cabelo nas costas e nos membros posteriores é mais duro do que nos flancos. O cabelo dos maxilares deve ser enrolado e longo o suficiente para dar uma aparência forte ao focinho.. Os cabelos dos membros devem ser grossos e crespos.

    Color: O branco com manchas pretas deve predominar, preto e leonado ou leonado. Manchas de cores tigradas, Red, fígado ou azul ardósia são indesejáveis.

    TALLA E PESO:

    Alturpara a região da cruz:

    Não deve exceder 39 cm (15 1/2 polegadas) nos machos; as fêmeas são um pouco menores.

    O peso ideal de uma amostra desenvolvida é 8,25 kg (18 Português libras) para homens; para as fêmeas é um pouco menor.

    FALTAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALTAS DESQUALIFICANDO:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    N.B.:

    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    EleAs últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCION: Lic. O. Valverde Calvo (Costa Rica) e Jorge Nallem (Uruguai).

    Nomes alternativos:

      1. Wire hair fox terrier, Wirehaired terrier, Fox terrier, Wire, WFT (Inglês).
      2. Fox-terrier à poil dur (Francês).
      3. Wirehaired terrier (Alemão).
      4. Fox terrier de pelo duro (Português).
      5. Wire hair fox terrier, Wirehaired terrier, Fox terrier (español).

    Cão de Fila de São Miguel
    Portugal FCI 340 - Molossóides - Dogue

    Fila de San Miguel

    O cão Cão de Fila de São Miguel É uma raça de cão Portugal, especificamente as ilhas dos Açores.

    Conteúdo

    História

    Com o assentamento do arquipélago dos Açores e o início da exploração das condições ideais das ilhas para a pecuária, a necessidade de cães nas ilhas para ajudar a dirigir e defender o gado logo se tornou aparente, datando do século XVI, a primeira referência à sua presença, particularmente na ilha de São Miguel. Esses animais são reconhecidos como precursores de Cão de Fila de São Miguel.

    Embora a existência de Cão de Fila de São Miguel, como uma raça individual, foi gravado desde o início do século 19, só em 1982 começou a ser registrado por António José Amaral com a colaboração de Maria de Fátima Machado Mendes Cabral, médico veterinário, a fim de criar um censo de seus rebanhos. O primeiro cão oficialmente registrado da raça foi o “Corisca”, um representante perfeito da sua raça.

    É também por iniciativa dessas mesmas duas pessoas que, em 1984, dois anos após o início do registro de pessoas, a primeira norma oficial é publicada. Em 1995 foi proposto à FCI (Federação Internacional de Cinologia) e a raça foi finalmente reconhecida em 2008.

    Origem:

    A raça conhecida hoje como Cão de Fila de São Miguel descendente de mastines e Alano trazido inicialmente para as ilhas dos Açores pelos primeiros colonos do continente. Mais tarde, e através do contato com outras pessoas que vieram e se estabeleceram nos Açores, o patrimônio genético da raça foi enriquecido por cruzamentos feitos com Mastim Inglês, bulldogs e Dogue-de-bordéus, até o culminar do surgimento da nova raça, com características morfológicas e temperamentais totalmente definidas.

    Além dos mencionados, outras raças podem fazer parte da linhagem Fila de San Miguel, como o Cão-de-santo-humberto, também conhecido como Bloodhound, e o Dogo Canário, uma raça espanhola das Ilhas Canárias, mas o link real – sim tem – entre essas raças e o Cão de Fila de São Miguel ainda não comprovado.

    Vídeo “Cão de Fila de São Miguel”Playing around 1Vídeo na mesa de luz por VideoLightBox.com v 1.11

    Características físicas

    O Cão de Fila de São Miguel Caracteriza-se por ser um animal de tamanho e características rústicos e caracteristicamente mais longo que alto.. A raça é de tamanho médio, muscular, mas sem a aparência pesada de outras pessoas.

    O focinho é bem proporcionado, aparentemente curto, mas esconde uma boca larga, com uma prótese total, capaz de uma mordida poderosa. A cabeça tem uma aparência sólida, largo e com as orelhas bem colocadas em cima, implantado em um pescoço forte que parte de um tronco sólido, com um amplo e profundo peito. As pernas são proporcionais ao corpo, sendo a frente, geralmente, ligeiramente separado.

    O casaco é forte, suave e densa, e sempre listrado, e pode ser tawny, cinza ou amarelo, com malha branca no peito. As pernas também podem ser brancas. A cauda é implantada alta, é grosso, comprimento médio e levemente curvado. É amputada na altura da segunda ou terceira vértebra, ou é naturalmente curto.

    • Cabelo: curto, suave, densa, com cabelos texturizados.
    • Cor: cabelo grisalho, areia carbonatada (cinza), amarelo com todos os tons desbotados; sempre estriado. Pode mostrar manchas brancas na testa ou do queixo ao peito, e manchas brancas no antepé, no final ou em todos os quatro.
    • Tamanho: machos, de 50 - 60 cm; fêmeas, de 48 - 58 cm.

    Caráter e habilidades

    Corrida de uma inteligência viva e nítida, com grande facilidade de aprendizado, a força do caráter do Cão de Fila de São Miguel, juntamente com uma desconfiança dos instintos estranhos de todos os guardiões por vocação, pode ser facilmente confundido com agressividade, mas esconde uma natureza gentil com aqueles com quem lida de perto, enquanto permanece um guardião tenaz e corajoso daqueles que o tratam. Sua lealdade à sua família humana é extrema.

    Com ênfase ainda maior, dada a natureza dominante da raça, a educação e a sociabilidade dos filhotes devem ser feitas desde o nascimento, gradualmente expondo os animais a novas situações e estímulos, a fim de melhorar o desenvolvimento de indivíduos equilibrados, capazes de viver com seres humanos e outros animais.

    Não é uma raça adequada para iniciantes, dada a sua natureza dominante, reforçada por sua força física e seu caráter fortemente independente e autônomo.

    Mesmo como animal de estimação, um Cão de Fila de São Miguel deve ter a oportunidade de ter uma tarefa para executar. O treinamento completo é sempre um meio simples e eficaz de fortalecer o relacionamento entre a família humana e o animal, enquanto fornece o exercício físico e mental necessário para o treinamento e desenvolvimento de um animal bem equilibrado.

    No entanto, dadas as características intrínsecas da raça, treinando uma cópia do Cão de Fila de São Miguel É uma tarefa que pode ser bastante difícil para alguém que tem pouca experiência com cães.. Sendo uma raça muito inteligente e dominante, não responderá bem ao uso da força. Socialização completa recomendada.

    O cão pastor pela tradição e excelência, sua aptidão natural para o gado pode, com o treinamento certo, pode ser canalizado para o cuidado de cavalos e outros pequenos ruminantes, como ovelhas e cabras. Quando não canalizado para pastagem, o Cão de Fila de São Miguel já demonstrou sua aptidão para a caça desportiva, como javali e veado.

    Seu temperamento forte e protetor também é valorizado como um cão de autodefesa..

    Saúde “Cão de Fila de São Miguel”

    Sendo uma raça rústica, Possui saúde robusta e não há registros até o momento para sugerir que exista alguma patologia à qual a raça seja propensa especificamente por razões genéticas.. A esperança média de vida desta raça é calculada em 12 anos.

    Limpeza “Cão de Fila de São Miguel”

    A mesma robustez que dá vigor à raça também a torna uma raça mal mantida em sentido estrito. Os cabelos curtos e duros podem ser escovados ocasionalmente e os banhos serão esporádicos.. A alimentação adequada e equilibrada dará aos filhotes em desenvolvimento o que eles precisam para se tornarem adultos saudáveis, e o mesmo regime será suficiente para garantir a saúde do adulto..

    Imagens do Cão de Fila de São Miguel

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI:Grupo 2 –> Cães do tipo Pinscher e Schnauzer, Molossóides, Cães de Montanha Suíços e Cães Boieiros. / Seção 2: Molossóides. 2.1 tipo dogue.
    • FCI 340
  • Federações:
    • FCI – Grupo 2: Cães do tipo Pinscher e Schnauzer, Molossóides, Cães de Montanha Suíços e Cães Boieiros. Seção 2: Molossóides. 2.1 tipo dogue.
  • Cão de Fila de São Miguel FCI standard
  • Nomes alternativos:

      1. Cão de fila de São Miguel, São Miguel cattle dog, São Miguel catch dog, Azores cattle dog, Azores cow dog (Inglês).
      2. fila de Saint Miguel (Francês).
      3. Cão Fila de São Miguel (Alemão).
      4. Fila de São Miguel, Cão das Vacas (Português).
      5. (español).

    Fonte:

    Wikipédia

    Fotos:

    1 – Cão Fila de São Miguel during International dog show in Rzeszów, Poland por Pleple2000 / CC BY-SA
    2 – Cão Fila de São Miguel during International dog show in Rzeszów, Polônia. por Pleple2000 / CC BY-SA
    3 – No Pico Queimado da Ribeira Grande, Filho e Mãe by A vida / CC BY-SA
    4 – Helsinque, Show do Vencedor do Finlandês 2015. por Tomasyna / CC BY-SA

    Snippets de código PHP Distribuído por : XYZScripts.com