Yorkshire Terrier
Gran Bretañaa FCI 86 . Terriers de companhia

Yorkshire Terrier

conteúdo

História

O Yorkshire Terrier, chamada Yorkie Para abreviar, vem do norte da Inglaterra e da Escócia. Aqui, serviu durante séculos como um cão versátil para casa e jardim. Seu território foi mais tarde os assentamentos de trabalhadores pobres, que foram construídos em massa com a industrialização. As casinhas eram pequenas, as condições eram apertadas. Não havia espaço para um cachorro grande. Os pequenos terriers se encaixavam perfeitamente aqui e serviram à aldeia por muitos anos como cães de guarda e caçadores. Mantendo ratos e camundongos fora, afastando uma marta ou raposa que queria atacar galinhas ou pombos, ocasionalmente matando um coelho; o Yorkie provou ser um ajudante útil. Diz-se até que o velho Yorkie foi para a toca do coelho para caçar. Apesar de sua aparência bastante delicada, o Yorkshire Terrier é um cachorro completo. Basicamente, é uma raça concisa com um temperamento às vezes teimoso e destemido. Ao mesmo tempo, tem servido como cachorro de colo por mais 150 anos.

Seu formulário atual como “Yorkshire Terrier” com cabelos muito longos e sedosos é o resultado de um show de criação dirigido. Além disso, seus ancestrais eram normalmente muito maiores do que os atuais ou mesmo os Toy Yorkies.

Em documentos antigos, mesmo 6 KG como o peso de um Yorkshire Terrier. Como os outros pequenos terriers das Ilhas Britânicas, o Yorkie em última análise, origina-se de um único grande pool de genes desses terriers dos primeiros assentamentos da classe trabalhadora. Somente por meio de separação artificial deliberada, i.e., a separação da ninhada, tornaram-se as muitas raças de terrier que são geneticamente separadas hoje. Já em 1873 o Yorkshire Terrier foi reconhecida como uma raça de cachorro pelo Kennel Club.

De acordo com registros, o Yorkshire Terrier foi a primeira raça mais popular nos Estados Unidos em 2002. Sua primeira aparição em uma exposição canina ocorreu em torno 1880, e imediatamente ele encontrou ampla aceitação no público. Ele atualmente ocupa o primeiro lugar em raças inglês, e é um dos cães de companhia mais difundidos em todo o mundo.

O Yorkshire Terrier É o produto da combinação de Terriers escoceses e ingleses, Isso ocorreu quando uma parte da população da Escócia foi deslocada devido à Revolução Industrial e se estabeleceram na Inglaterra. As corridas que levaram para o Yorkshire Terrier incluem o Junto ao mar Terrier, o Clydesdale Terrier ou Paisley Terrier (extinta raça). A influência escocês é dada pelo Terrier escocês, o West Highland White Terrier, os malteses, o Cairn Terrier e o Skye Terrier.

Características físicas

Como é um yorkshire terrier?

O Yorkshire Terrier é um cachorro anão. E ao mesmo tempo este cachorrinho é um verdadeiro terrier. Ele quer ser levado a sério como um cachorro e não como um acessório de um humano. O Yorkshire Terrier é o menor de todos os terriers. No entanto, seu tamanho não é exatamente definido pelo padrão. Como peso, padrão válido especifica até 3,2 kg.

Infelizmente, as pessoas tentam diminuir esse cachorro cada vez mais. Por conseguinte, um peso mínimo de 2,4 KG para criação, que deve ser confirmado por pesagem nos testes de aptidão da raça. Um peso menor que 2,4 kg para um cão adulto deve ser marcado como um filhote de tortura devido a problemas físicos e mentais que o acompanham. O plano natural de construção do cachorro, que já é extremamente flexível e poderoso, não funciona mais com um peso menor que 2,4 kg. Alguns criadores com intenção lucrativa suspenso mãe algumas semanas antes da entrega de alimentação para alcançar ninhadas menores. Esta desnutrição se traduz em problemas de ossos e articulações que sofrem na idade adulta.

Muitos criadores e amantes prestam muita atenção à pele do yorkie. Seu casaco não deve ser ondulado de acordo com o padrão, mas isso não deve ser levado muito a sério. No passado Yorkies eles também usavam pele ondulada. Que seja liso não tem origem histórica. Origina-se da imaginação da comunidade de criadores. Além disso, o comprimento do casaco é uma área problemática. Para muitos, pode não ser suficiente. No entanto, uma pelagem muito longa impede o cão de correr e ver. Para o bem do cão, não deve demorar muito. A pelagem deve ser brilhante e de textura fina e sedosa. Uma rica cor dourada é desejada.

É sempre recomendável para reprodução, machos e fêmeas de pesos semelhantes, Embora seja verdade que é aconselhável que o macho embora ligeiramente menor que a fêmea, naturalmente não é aconselhável para juntar-se uma fêmea de 1 kg com um macho de 3 kg, Uma vez que isso pode dar grandes bezerros que travam o desenvolvimento da fêmea.

Um pequeno exemplo da interseção entre Yorkshire Terrier, regido por peso, seria o seguinte:

  • Female: 1kg-2kg >> Macho: 1kg-1, 5kg
  • Female: 2kg-3kg >> Macho: 1kg-5 lbs
  • Female: 3kg-4kg >> Macho: 2kg-7 libras
  • Female: 4kg-7kg >> Macho: 3kg-6,5 kg

Quanto tempo pode viver um Yorkshire Terrier?

A yorkie criado saudavelmente, ele tem uma saúde robusta e pode facilmente alcançar 15 anos e mais, e isso com uma boa condição física. As linhas levantadas ao longo de gerações para o “beleza” e especialmente os espécimes extremamente pequenos, os chamados minis, eles tendem a morrer muito mais cedo e são clientes regulares de veterinários durante sua vida. A longevidade de um Yorkshire Terrier menos peso, venda a retalho em 2 kg, tende a estar por perto 9 anos (eles são equivalentes a 63 anos humanos)

Caráter e habilidades

Quais são as características de um Yorkshire Terrier?

O Yorkshire Terrier é um cão cheio de energia, brilhante, às vezes lento. Nele bate o coração de um terrier. Por um lado, é o querido cachorrinho que gosta de ser acariciado e mimado., por outro lado, pode ser muito dominante.

Especialmente entre cães, o pequeno gosta de brincar desafiando-os, mesmo contra cães muito maiores. Ele os aborda com energia e ousadia e tende a se superestimar. Principalmente quando está protegido pelo nosso braço ou na cesta da bicicleta, parece especialmente forte e importante. Sua autoconfiança dobra.

Por outro lado, você tem que ter um olho alerta para mostrar este pequeno “governante do mundo” seus limites aqui e ali. O yorkie ele é muito inteligente e explora descaradamente sua aparência fofa, o que te faz gostar de ser subestimado, se você der a oportunidade. Seu instinto de caça o leva para sair com um brinquedo e às vezes também com um roedor de jardim.

O Yorkshire Terrier é perfeitamente adequado como um cão de família, se não apenas sua personalidade demonstrativa é respeitada, mas também é levado a sério e apreciado. Além disso, seu povo, incluindo crianças, você deve sempre respeitar que é um cão fisicamente pequeno que precisa de sua aposentadoria e de sua própria vida.

Alguns Yorkshire Terrier, eles tendem a ser muito medo quando se encontram uma nova pessoa, eles são muito tímidos em primeiro, mas logo perdeu o medo e tornar-se mais confiante e enérgico.

Cuidados, saúde e doenças

De quanto cuidado um yorkshire terrier precisa?

Uma das peculiaridades desta raça é que falta subpêlo., por isso não muda.. Por outro lado, o casaco precisa ser escovado e limpo regularmente, porque com seu cabelo comprido “pegar” tudo. Isso evita a formação de nós e emaranhados no cabelo.. Sim é possível, banho e shampoo devem ser evitados. Isso apenas prejudica as funções naturais da pele e promove alergias e irritações cutâneas.. Com o Yorkshire Terrier, o cabelo pode ser cortado com tesoura ou aparador.

Existe alguma doença típica da raça Yorkshire Terrier?

O Yorkshire Terrier são propensos a lesões na patela, como luxação. Várias doenças oculares também são comuns, como bronquite hereditária e linfangiectasia. Também é suscetível a alergias. Pêlos excessivamente longos que chegam ao chão também são um impedimento para o animal. Seu principal problema é que algumas pessoas gostam de se divertir com pequenos espécimes, com quem criadores sem escrúpulos fazem muito. O nanismo é um bebê da tortura, leva a sérios danos à saúde e à mente e reduz bastante sua expectativa de vida.

Qual comida é melhor para um Yorkshire Terrier?

Basicamente, dieta não é problemática. No entanto, o yorkie tendem a ter alergias, o que pode tornar necessária uma dieta alimentar. Aqui o comércio especializado oferece soluções eficazes.

Considerações antes da compra

Onde você pode comprar um Yorkshire Terrier?

Não mexa com criadores que oferecem espécimes especialmente pequenos, como minis, brinquedo o teacup Yorkie. É melhor comprar seu filhote localmente de um criador de renome que seja afiliado a um clube de criação da Yorkshire Terrier. Atenção: Existe uma grande oferta de Yorkies de fontes duvidosas! Por conseguinte, Recomendamos vivamente que não compre online.

Avaliações do Yorkshire Terrier

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Yorkshire Terrier” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

2.0 Avaliação
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

1.0 Avaliação
1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

5.0 Avaliação
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

1.0 Avaliação
1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

3.0 Avaliação
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

4.0 Avaliação
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 86
  • Grupo 3: – Terriers
  • Seção 4: – Terriers de companhia. Sem prova de trabalho.
  • Federações:
    • FCI – Grupo 3 – Seção 4 Terriers de companhia.
    • AKC – Grupo Brinquedo
    • ANKC – Grupo Brinquedo
    • CKC – Toy
    • KC – Grupo Brinquedo
    • NZKC – Grupo Brinquedo
    • UKC – Grupo Companheiro

    Padrão da raça FCI Yorkshire Terrier

    Padrão da raça FCI Yorkshire Terrier
    OLHAR GERAL: Cabelos longos, reto e uniforme pendente de cada lado do corpo com uma linha divisória que vai do nariz até a cauda. Muito compacto e elegante, seu rumo reto lhe confere um ar de importância.

    PROPORÇÕES IMPORTANTES: Linhas exteriores que dão a impressão de um corpo vigoroso e bem proporcionado.

    TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: Toy terrier alerta e inteligente. Animada, caráter equilibrado.

    CABEÇA

    REGIÃO CRANIANA:
    Crânio: Bastante pequeno e plano, não muito proeminente ou redondo.

    REGIÃO FACIAL:
    Trufa: Preto.
    Focinho: Não muito longo.
    Mandíbulas / Dentes: Mordedura em tesoura, uniforme, regular e completa, ou seja, os incisivos superiores caem exatamente na frente dos inferiores, dentes sendo posicionados perpendicularmente e bem implantados nas mandíbulas. As mandíbulas devem estar niveladas.
    Olhos: Médio, Escuro, brilhante, dirigido para a frente com uma expressão muito inteligente. Não proeminente. O contorno dos olhos deve ser escuro.
    Orelhas: Pequeno, Em forma de V, na vertical, não muito longe, capas de cabelo curto. cor de fogo, muito escuro e intenso.

    PESCOÇO: Com grande alcance.

    CORPO: Compactar.
    Voltar: Nível.
    Lombo de porco: Bem sustentado.
    No peito: Costelas moderadamente saltadas.

    CAUDA: Anteriormente, o costume era amputar a cauda.
    Amputada: Comprimento médio com bastante cabelo, cor azul mais escura do que o resto do corpo, especialmente no final da fila. Portada um pouco acima do nível das costas.
    Sem amputar: Com bastante cabelo, cor azul mais escura do que o resto do corpo, especialmente no final da fila. De aguentar um pouco
    mais alto do que o nível de trás, o mais direto possível, tempo suficiente para manter a aparência de bom equilíbrio.

    MEMBROS

    MEMBROS ANTERIORES:
    Aparência geral: Em linha reta, bem coberto com pêlos dourados de fogo intenso com tonalidades mais claras nas pontas do que na raiz; esta cor não excede a altura do cotovelo.
    Ombro: bem definidos.
    Antebraço: Em linha reta
    Pés anteriores: Rodada, unhas pretas.

    MEMBROS POSTERIORES:
    Aparência geral: Membros posteriores, visto por trás, muito direto. Flexão moderada do joelho. Coberto por cabelos de fogo intenso com tons mais claros na ponta. Esta cor não ultrapassa a altura dos joelhos.
    Joelho: Inclinação moderada.
    Pés de volta: Rodada, unhas pretas.

    MOVIMENTO: Grátis com muito esforço; movimento dos membros dianteiros e traseiros direitos, mantendo as costas retas.

    MANTO

    Cabelo: No corpo todo, cabelo moderadamente comprido, completamente reto (não ondulado), brilhante; textura fina e sedosa, não lanoso, nunca deve impedir o movimento. Queda longa na cabeça. Cor intensa de fogo dourado, mais escuro nas laterais da cabeça, base das orelhas e no focinho, onde deve ser muito longo. O bronzeado na cabeça não deve se estender para o pescoço e não deve haver cabelos de cor mais escura misturados com cabelos castanhos.

    Cor: Azul aço escuro (não prata azul) estendendo-se do occipital à raiz da cauda, nunca combinado com leonado, cabelo bronze ou escuro. Cabelo castanho intenso e brilhante no peito. Todos os cabelos castanhos devem ser mais escuros na raiz do que no meio e mais claros nas pontas.

    PESO: Até 3,2 kg.

    FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    · Agressividade ou extrema timidez.
    · Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
    N.B.:
    · Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    · Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.
    As últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCION: Brigida Nestler
    REVISAO TECNICA: Miguel Angel Martinez

    Nomes alternativos:

      1. Yorkie (Inglês).
      2. York (Francês).
      3. Yorkie (Alemão).
      4. york, yorkie (Português).
      5. Yorkie (español).

    Partilhar é preocupar-se!!

    5 1 voto
    Classificação do artigo
    Inscrever-se
    Notificar de
    hóspede

    Este site usa Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados comentário é processado.

    3 Comentários
    O mais novo
    Mais antigas Mais Votados
    Comentários em linha
    Exibir todos os comentários

    Utilização de cookies

    Este web site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência de usuário. Se você continuar navegando você está dando seu consentimento para a aceitação dos cookies acima mencionados e a aceitação de nosso política de cookies, Clique no link para obter mais informações.cookies de plugin

    ACEITAR
    Aviso de cookies
    ações
    3
    0
    Amaria seus pensamentos, por favor comente.x