Black and tan toy terrier (English Toy Terrier)
Gran Bretañaa FCI 13 . Terriers de companhia

Black and tan toy terrier

Na Grã-Bretanha são cada vez mais raros e no resto da Europa estão desaparecendo.

conteúdo

História

O Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) está intimamente relacionado com o Manchester Terrier. Foi originalmente chamado Black and Tan Terrier e geralmente era ainda maior do que os espécimes atuais. Eles deliberadamente acasalaram com ele Galguinho italiano e apenas os menores cães foram usados ​​para reprodução.

Eles foram originalmente mantidos em Londres como caçadores de ratos. Devido ao seu tamanho, muitas vezes eram colocados no bolso de uma bolsa ou casaco, onde eles deveriam se proteger de batedores de carteira. Na época da Rainha Vitória, era muito popular como cão de colo.

Características físicas

O Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) ele é um cão bem equilibrado, elegante, Compacto, construção nítida e limpa.

Tem um peso corporal de cerca de 3,6 kg. A altura de seu corpo é sobre 30 cm. Com este tamanho, o Toy Terrier inglés É um dos menores representantes do grupo de terriers. Por conseguinte, cai na seção 4 “Terriers enanos”.

Esta raça é caracterizada por um corpo esguio. Todas as quatro pernas são retas e muito delicadas. No entanto, ao mesmo tempo, os representantes desses Terriers são esportivos e musculosos, para que possam acompanhá-lo facilmente em longas caminhadas.

À primeira vista, as orelhas grandes e eretas do cachorrinho se projetam. O focinho do cão é longo e lembra os terriers maiores. Os olhos do Toy Terrier inglés eles estão alertas e acordados. Todos os Black and tan toy terrier eles têm o padrão de cabelo “English Toy Terrier”, o que preto e castanho significam. A maior parte do casaco é preto, mas há marcas de bronzeado em algumas partes do corpo. Então, o cachorro sempre tem marcas de bronzeado no rosto e no peito. A pelagem de um Toy Terrier inglés é curto e liso.

Caráter e habilidades

Hoje, os Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) pertence às raças raras e existem apenas alguns criadores. E isto, embora este pequeno terrier possa ser bem guardado, mesmo em apartamentos na cidade. Ele é muito próximo de sua família e continua a ser um bom guardião, mas tende a latir um pouco. Ele geralmente se dá bem com crianças e é um companheiro incansável. O pequeno terrier também se dá bem com outros cães.

Para o Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) adora longas caminhadas e jogos de bola. Pode até ser um bom companheiro para rodadas de corrida mais curtas e não muito rápidas.

O Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) ainda apresentam características típicas do terrier. Eles são bravos, testarudos, animada, alerta e alegre. Eles aprendem rápido, mas também precisam de consistência inicial. Eles ainda têm um instinto de caça, então, desde o início, você deve trabalhar para direcionar este instinto de uma forma aceitável.

Saúde e expectativa de vida

O Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) tende a ficar um pouco nervoso, mas por outro lado eles são cães bastante saudáveis. Eles podem vir viver de 13 a 15 anos.

Raças aparentadas e parentes

O Black and tan toy terrier (English Toy Terrier) é semelhante a Manchester Terrier, o Galguinho italiano, o Pinscher alemão e o doberman.

Cuidados com o Black and tan toy terrier

Este pequeno terrier tem um casaco fácil de cuidar que nunca precisa ser lavado. Uma vez que o seu Toy Terrier Inglês tem mentido, você pode lavá-lo com água limpa. Você só deve usar shampoo para cães se estiver muito sujo. O uso muito frequente de shampoos destrói a camada protetora natural da pelagem, o que pode causar doenças de pele.

Sua Toy Terrier inglés ele é um cão robusto que normalmente não precisa de uma jaqueta. Em temperaturas muito frias, pode ser útil proteger seu cão com uma jaqueta bem ajustada. Especialmente os cães muito pequenos ficam hipotérmicos quando ficam na neve por um longo período de tempo. O casaco deve caber bem e não atrapalhar o seu cão quando ele corre e brinca.

Cheque seus dentes Toy Terrier Inglês regularmente. Tártaro pode se formar aqui, que, a longo prazo, pode levar a uma inflamação dolorosa dos dentes. Cuidado, uma escova de dentes macia para cães pode ser usada para escovar. Uma pasta de dente para cães é inofensiva e geralmente tem um gosto muito bom para os animais.. Certifique-se de acostumar o seu Toy Terrier inglês lenta e suavemente para escovar os dentes..

A nutrição correta do Toy Terrier Inglês

O Toy Terrier inglés é uma raça muito robusta que se dá bem com a maioria dos alimentos. Devido ao seu pequeno tamanho do corpo, é importante fornecer o Toy Terrier inglés de energia suficiente. Para fazer isso, por exemplo, você pode escolher um tipo de alimento desenvolvido especialmente para raças pequenas. Os cães pequenos têm uma maior renovação de energia do que os cães grandes. Outra forma de alimentação é dar ao cão comida fresca ou comida caseira. Aqui também, deve-se ter cuidado para garantir a ingestão de calorias suficiente..

Alimentar seu Toy Terrier inglés várias vezes ao dia, já que o cão pequeno só pode absorver pequenas quantidades. Embora cães saudáveis ​​geralmente tenham bons dentes, os componentes dos alimentos não devem ser muito grandes.

Porque o Toy Terrier inglés ele é um cachorro adorável, muitas pessoas tendem a mimá-lo. No entanto, muitos alimentos humanos não são adequados para cães. Por conseguinte, seu Toy Terrier inglés só deve ser alimentado com restos de comida se não contiver açúcar ou especiarias.

Acessórios adequados para o Black and tan toy terrier

Você não precisa de muitos acessórios para o seu Toy Terrier inglés para uso diário. Para comida e água, seu cão precisa de pelo menos duas tigelas. A tigela de água deve estar sempre cheia e acessível ao seu cão.

Como o Black and tan toy terrier eles são animais muito delicados, você deve comprar um arnês bem ajustado. Também é importante usar uma linha de chumbo leve. As linhas de puxar são menos adequadas se o seu cão ainda não aprendeu a não puxar a guia. Uma boa alternativa é usar uma cinta de tração leve, que dá ao seu cão liberdade de movimento.

Para o brincalhão Toy Terrier inglés adora aprender. Assim, você pode praticar muitos esportes com ele, que também são adequados para cães muito pequenos. Manequins e outros brinquedos de recuperação são bons para o treinamento. Além disso, vocês Toy Terrier inglés vai se divertir muito com brinquedos para roer, que também apoiam a saúde bucal.

Último mas não menos importante, mas não menos importante, deve fornecer o seu Toy Terrier inglés uma cama de cachorro confortável. Existem várias camas para cães, quase todos eles adequados. Se o seu terrier é permitido no sofá ou na cama, você também pode dar a ele um cobertor de cachorro lá.

É muito importante que você proteja seu Toy Terrier inglés no carro. Um adaptador para as fivelas de cinto pode ser conectado ao arnês. Isso evita pular durante a condução e reduz o risco para o seu cão em caso de acidente. Uma alternativa é acostumar seu cão a uma caixa de transporte. Você também pode levá-lo no trem em uma caixa de transporte se ele estiver acostumado.

Imagens do Toy Terrier Inglês (English Toy Terrier)

Fotos:

1 – INGLÊS TOY TERRIER, NO JV-14 NO UCH X-Pected Dine Mites X-Factor por Feira Sueca da Suécia / CC POR
2 – Toy Terrier Inglês (Black & Assim) por AkselHelp / CC BY-SA
3 – Toy Terrier Inglês por Pastor lil / CC POR
4 – Toy Terrier Inglês por Pastor lil / CC POR
5 – Toy Terrier Inglês por Pastor lil / CC POR
6 – Cão 2013 Helsinque 13-15/12/2013 por Tomasyna / CC BY-SA
6 – Toy terrier inglês por https://pxhere.com/en/photo/883104

Vídeos do Black and tan toy terrier (English Toy Terrier)

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 13
  • Grupo 3: – Terriers
  • Seção 4: – Terriers de companhia. Sem prova de trabalho.
  • Federações:
    • FCI – Grupo 3 – Seção 4 Terriers de companhia.
    • KC – Grupo Brinquedo

    Padrão da Raça FCI Black and tan toy terrier (English Toy Terrier)

    Padrão da Raça FCI Black and tan toy terrier (English Toy Terrier)
    APARSEGURO GERAL: Bem equilibrado, elegante, Compacto, construção nítida e limpa.

    TODESEMPENHO E DESEMPENHO: Cachorro de brinquedo (Brinquedo), com as características dos terriers. Alerta, Deve ser lembrado que historicamente este cão poderia se comportar cruelmente nas tocas de ratos. Nunca muito nervoso.

    CABEZA: É muito tempo, fechar, em forma de cunha, sem colocar muita ênfase nos músculos da bochecha; sob os olhos está muito cheio.

    GIOhN CRANIANA:

    • Cenfurecido: Plano.
    • Parar: Pouco perceptível.

    GIOhN FACIAL:

    • Trufa: Preto.
    • Hocico: O focinho diminui gradualmente para dar a forma de cunha, vista de perfil muito semelhante a olhar de frente. Embora possa dar uma impressão de prognatismo, não é desejável ter uma aparência pontuda.
    • Labios: Bem comprimido.
    • Mandíbulas / Dentes: Mandíbula superior e inferior formam um fechamento perfeito e firme. MANDÍBULAS fortes, com uma mordedura em tesoura perfeita, regular e completa, ou seja, a face interna dos incisivos superiores está em contato próximo com a face externa dos incisivos inferiores e os dentes são colocados perpendicularmente na maxila. Dentes uniformes e fortes. Bochechas: Sem ênfase nos músculos.
    • Ojos: De escuro para preto, sem ter sombras claras na íris. De tamanho relativamente pequeno, forma de amêndoa e posição oblíqua, eles são brilhantes e não proeminente.
    • Obares: Em forma de chama de vela, ligeiramente apontado, posicionado muito alto e na parte de trás do crânio, proporcionalmente muito perto. Um bom ponto de referência para o tamanho pode ser obtido dobrando a orelha para frente, não deve atingir o olho. A partir dos nove meses de idade, orelhas devem estar eretas. Todo o pavilhão auricular deve apontar para a frente. O couro da orelha é fino.

    COMELLO: Longo, com graça, ligeiramente arqueado. O decote desce sobre os ombros em uma inclinação graciosa. Queixo duplo é indesejável.

    COMERPO: Compactar, com cabeça e membros fornecidos, produzindo um equilíbrio perfeito.

    • Espalda: Pouco arqueado por trás dos ombros até a região lombar, a linha superior caindo sobre a raiz da cauda.
    • Ele(m)o: Bem acima.
    • Peco: Estreito e profundo com costelas bem arqueadas.

    COLA: Grosso na raiz, afinando em direção à ponta. Baixo, sem chegar abaixo dos jarretes. Cauda portada alta excessivamente é indesejável.

    EXTREMIDADES

    MEMBROS ANTERIORES: Membros anteriores caem direto dos ombros, com os cotovelos perto do peito, fazendo a frente reta. Estrutura óssea muito desejável

    • Ho(m)bros: Bem posicionado para trás.
    • Cotovelos: Bem colado.

    MEMBROS POSTERIORES: Lombo bem arredondado e nádegas ligeiramente arredondadas levam a uma boa angulação do joelho. É indesejável que as extremidades frontais pareçam presas sob o corpo.

    • Corvejones: Posicionado baixo, sem torcer para fora ou para dentro.
    • Pemisto é: Refinado, Compacto, com os dedos bem separados, bem arqueado com unhas negras; os dedos médios dos membros anteriores são mais longos que os outros; as patas traseiras têm a aparência de pés de gato. Pé de lebre é indesejável.

    MOVIMENTO: O movimento ideal é semelhante a um trote prolongado. Etapa de Hackney não desejada. Arrastar também é indesejável. Ação ágil de membros posteriores, combinando facilidade e precisão com um bom empurrão, deve ser fluido para indicar firmeza.

    MANTO

    • Pelo: Espessura, fechado e brilhante. Alta densidade de cabelo curto é necessária.
    • Color: Preto e Tan. O preto deve ter a coloração de ébano, e o fogo deve lembrar a cor castanha firme. As cores não derramam nem desbotam, mas se encontram abruptamente, formando linhas claras e definidas na divisão das cores.

    Os membros anteriores são de cor castanha até a articulação do carpo na frente, seguindo a parte interna e posterior do membro anterior até os cotovelos; pequenas linhas pretas (pinceladas) em cada dedo, e uma marca negra definitiva (marca de polegar) no centro de cada metacarpo, também sob o queixo. Os membros posteriores são bronzeados na frente e por dentro, com uma barra preta que divide a cor castanha no centro das pernas. Muita coloração bronzeada na parte externa dos membros posteriores (breeching o falda) é indesejável. O focinho é bronzeado. A trufa é preta, continuou a cor preta na ponte nasal, formando uma curva sob os olhos até a base da garganta. Tem uma marca de fogo sobre cada olho, e um pequeno em cada bochecha. Mandíbula e garganta também bronzeadas; a linha dos lábios é preta. O cabelo dentro das orelhas é fogo. O bronzeado atrás das orelhas é indesejável. Cada lado do peito tem uma pequena coloração bronzeada, bem como no períneo e sob a raiz da cauda. Manchas brancas são totalmente indesejáveis ​​em qualquer lugar.

    TAMÃO E PESO:

    O peso ideal é 2,7 a 3,6 kg (6 a 8 Português libras).

    A altura ideal na cernelha é 25 a 30 cm (10 a 12 polegadas).

    FALTAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALTAS DESQUALIFICANDO:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    N.B.:

    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    EleAs últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCÍON: Federação Mexicana de Canófila, A.C..

    Nomes alternativos:

      1. ETT, English toy terrier (Inglês).
      2. Toy terrier anglais noir et feu (Francês).
      3. English Toy Terrier (Alemão).
      4. English Toy Terrier (Português).
      5. Terrier miniatura negro y fuego, English toy terrier, Toy Terrier inglés, TERRIER INGLÉS DE JUGUETE NEGRO Y FUEGO (español).

    Skye terrier
    Escocia FCI 75 .Terrier de pequeno porte.

    Skye terrier

    O Skye É um típico Terrier: tenaz duro com uma propensão a casca e escavação.

    conteúdo

    História

    O Skye Terrier é uma das raças mais antigas da Escócia. O terrier Skye era conhecido como as ilhas ocidentais compreendendo o terrier Skye com uma mistura de raças como os seus antepassados, incluindo protótipos Cairn Terrier.

    As referências a um terrier ilha escocesa de Skye volta a muito tempo atrás. Em seu livro do século XVI “Ingleses Dogs”, Johannes Caius escreveu que a Skye Terrier foi “fora das fronteiras bárbaras dos países mais distante norte… o que, por causa do comprimento do cabelo, ele se parece ou rosto ou corpo”. Isso certamente soa como uma descrição da pelagem profusa Skye.

    Os cães foram criados para caçar e matar raposas, texugos e lontras que fazenda de gado ou danos materiais causados ​​ameaçado. Seu longo casaco e seu cabelo facial foram feitos para protegê-los de lesões e tempo chuvoso típico da Escócia.

    Três séculos depois, o Rainha Vitória, amante do cão, Tornou-se interessado na corrida durante uma de suas visitas a Escócia, e os cães se tornaram animais de estimação da moda Noblewomen. Diz-se que mesmo uma duquesa teria vergonha de mostrar sua cara no parque sem a companhia de um Skye. Um retrato de Rainha Vitória com um de seus Skyes, Rona II, Foi pintado por William Nicholson, e outros Sykes apareceu em pinturas Sir Edwin Landseer.

    Sob ameaça de extinção

    Há preocupação de que a raça possa desaparecer completamente, desde durante 2012 Só 44 filhotes nasceram no Reino Unido. O período particularmente mais baixo para esta raça foi em 2005, quando eles se registraram apenas 30 Filhotes. Hoje, esta é a raça canina mais ameaçada dentro da classificação UK Kennel Club de Raças Vulneráveis3, e calcula-se que, se continuarmos assim dentro 40 anos a raça pode se extinguir.

    Sabia?

    Um dos terrier de Skye melhor conhecido e amado era Greyfriars Bobby, que fielmente ele observava o túmulo de seu proprietário, John Gray, durante 14 anos após a morte do homem. A estátua em homenagem a lealdade do cão é visitado Edinburgh para amantes do cão em todo o mundo.

    Características físicas

    O Skye Terrier é um corpo longo cão. Seu comprimento é o dobro do seu tamanho, com cabelos de comprimento bom. Move-se aparentemente sem esforço. seus membros, corpo e mandíbulas são fortes. Sua cabeça é longa e poderosa. Ele tem um corpo longo e sob. As bordas planas ocorrer porque o revestimento que cai em frente.

    O manto é de camada dupla. A camada interior deve consistir de cabelo curto, espesso, macia e felpuda. A camada exterior para o cabelo razoavelmente longo, disco rígido, reta, achatados sem ondulações que nunca deveria evitar o movimento. Na cabeça, o cabelo é mais curto, mais suave e cai sobre os olhos testa assistindo, mas não impedindo a visão. Ele encontra o cabelo dos lados da cabeça, orelhas circundantes como uma franja permitindo apreciar a maneira.

    Sua cor pode ser preto, escuro ou cinzento claro, Griffon, creme, todos com manchas pretas.
    Sua altura ideal é 25 – 26 cm.
    Comprimento da ponta do nariz à ponta da cauda: 105 cm. As fêmeas são ligeiramente menor nas mesmas proporções.

    Deus o abençoe

    O terrier de Skye Eles podem ser afetados por várias condições médicas, incluindo problemas nos olhos (como o glaucoma e o deslocamento da lente), hipotiriodismo, da doença de von Willebrand (um distúrbio da coagulação do sangue), alergias e colite ulcerativa.

    O “claudicação de Skye” o “cojera de cachorro” às vezes ocorre em filhotes entre 3 e 10 meses de idade. Você pode resolver sem tratamento, mas alguns veterinários sugerem que a actividade é restrito. O terrier de Skye Eles também podem ser submetidos a formas genéticas de doença de fígado e rim. O criador de seu cachorro deve estar disposto – Na verdade, ansioso – de revisar os registros de saúde de seus cães e discutir a prevalência destes e de outros problemas de saúde em suas linhas.

    Caráter e habilidades

    O Skye É um Terrier clássico: para negrito, bom, qualquer coisa, as pessoas amigas que sabem, reservado e cauteloso com estranhos. Uma palavra escocesa velha, “inteligente”, Aplica-se também a ele. É um cão inteligente e as pessoas prudentes vai considerar cuidadosamente antes de decidir se concedida suas afeições. No entanto, Uma vez que você é dado, Elas são dadas vida.

    Ele pode não parecer um grande atleta, à primeira vista, mas Skye tem resistência, força e agilidade em abundância. Você vai encontrá-lo, participando na agilidade, obediência e rastreamento, mas é também um sofá dispostos parceiro. Dois ou três passeios 15 minutos ou jogos de dia atender às suas necessidades de exercício, mas ele está disposto a mais jogo se você estiver. Se suas licenças de temperamento, Skye também pode ser uma alegre terapia cão, visitar as pessoas em instalações, tais como asilos e hospitais infantis.

    Como todos os terrier, Skye tem a mente de seu próprio, mas aprende bem. Treinar este cão sensível com firmeza amar e desfrutar de sua confiança e respeito vai ganhar.

    Classificações de Skye Terrier

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Skye terrier” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    adaptação ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ cão amigável

    2.0 Avaliação
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    necessidade social ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    casa ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    sanita ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    2.0 Avaliação
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    cascas ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    saúde ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ territorial

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    2.0 Avaliação
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    inteligência ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    versatilidade ⓘ

    2.0 Avaliação
    2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    vigilância ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    alegria ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Skye Terrier fotos

    Vídeos Skye terrier

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI:Grupo 3 –> Terriers. / Seção 2 –> Terriers - de pequeno porte. Sem prova de trabalho.
    • FCI 75
    • Federações: FCI , AKC , ANKC , CKC , KC , NZKC , UKC
    • FCI Estádar Skye terrier

    Nomes alternativos:

      1. Skye (Inglês).
      2. Skye (Francês).
      3. Skye (Alemão).
      4. Skye (Português).
      5. Skye (español).

    Fotos:

    1 – Pleple2000 / CC BY-SA
    2 – Pleple2000 / CC BY-SA
    3 – Um terrier Skye no 2019 Kelso Dog Show © Direitos de autor Walter Baxter e licenciado para reuso sob esta licença licença Creative Commons.
    4 – Skye Terrier, Gold Country Kennel Club Dog Show, Grass Valley por Larry Miller – Cintilação

    Galgo afegão
    Afghanistan FCI 228

    Afghan Hound

    comportamento arrogante e secreto, especialmente com estranhos

    Historia do galgo afegão:

    Também conhecido como galgo afegão o Tazi É um cão do Afeganistão.

    A origem desta raça, é possível que você está na corrida Saluki, Eu teria chegado ao Afeganistão através Pérsia. No Afeganistão, o Saluki precisa de um casaco mais apropriado para o clima hostil das montanhas deste país, desenvolvimento a longo revestimento que caracteriza o cão afegão actual. Hoje, sua pele seduzir seus proprietários, independentemente você precisa de cuidados muito especiais.

    A origem do galgo afegão é antiga, com os primeiros registros aproximadamente no ano 1000 a. C., na área onde atualmente é o Afeganistão. Usado como um cão de caça.

    A antiguidade desta corrida é definir, mas os registros mais antigos datam do século XIX. Isso não significa que não existia antes, mas que afegão nômades não se preocuparam em registro de corrida para gravação. A primeira ilustração feita de um Afghan Hound é um ano 1813. Esta raça chegou à Inglaterra em 1920 e não sucedeu, É reconhecido pela Britânico Kennel Club apenas seis anos depois.

    No ano 1880, Quando ele pôs fim à guerra entre afegãos e britânicos, os oficiais do exército britânico levou para casa alguns destes cães, com características como cães de caça em condições duras das montanhas afegãs, eles tinham chamado a sua atenção.

    Na Europa, Greyhound afegão tem mantido sua natural como cão e atividade de caça, tarefa que já estava em sua terra de origem.

    Também, Graças à sua aparência elegante, agilidade e velocidade, Tornou-se empresa e a raça de cão.

    No início, o galgo afegão Ele foi contratado para caçar perseguição de todos os tipos nas montanhas do Afeganistão, como lebres, raposas, Gazelas, Chacais, Lobos, Veados, e até mesmo, leopardos Ptarmigan (É o única grande gato que vive exclusivamente em altas montanhas e está perfeitamente adaptado a este ambiente).

    Outra função da Galgo afegão Ele estava monitorando os campos de tribos nômades e gado, funções que, junto com aqueles relacionados à caça, Esta corrida deu uma enorme popularidade entre os nômades do Afeganistão (Eles mesmo reservavam um dia de festa dedicada a Afghan Hound, que engalanaban-los com colares de flores).

    Galgo afegão
    Afghanistan Great Britain

    FCI 228

    Lebrel Afgano

    Ele se comporta tão orgulhoso e reservados, especialmente com estranhos

    Afghan Hound História

    Também conhecido como Tazi es um perro de caza procedente de Afeganistão.

    A origem desta raça, é possível que você está na corrida Saluki, Eu teria chegado a Afeganistão através de Pérsia. Já em Afeganistão, o Saluki precisa de um casaco mais apropriado para o clima hostil das montanhas deste país, desenvolvimento a longo revestimento que caracteriza Galgo afegão atual, e com que recursos hoje para tantas pessoas que adquirem cães desta raça sem levar em conta que é necessário um cuidado muito especial.

    A origem do Galgo afegão É antiga, com os primeiros registros aproximadamente no ano 1000 a. C., na área onde ele está atualmente Afeganistão. Ele foi usado como um cão de caça.

    A antiguidade da raça ainda tem não foi corroborada por qualquer pessoa, mas os registros mais antigos datam do século XIX, que não significa que não existia antes, mas que afegão nômades não se preocuparam em registro de corrida para gravação. A primeira ilustração feita de um Galgo afegão É o ano 1813. Esta corrida veio a Inglaterra em 1920 e não sucedeu, É reconhecido pela Britânico Kennel Club apenas seis anos depois.

    No ano 1880, Quando ele pôs fim à guerra entre afegãos e britânicos, os oficiais do exército britânico levou para casa alguns destes cães, com características como cães de caça em condições duras das montanhas afegãs, eles tinham chamado a sua atenção.

    Em Europa, o Galgo afegão Ele tem mantido a sua atividade natural Sheepdog e caça, tarefa que já estava em sua terra de origem. Também, Graças à sua aparência elegante, agilidade e velocidade, Tornou-se empresa e a raça de cão.

    No início, o Galgo afegão Ele foi contratado para perseguir a presa de todos os tipos, que estavam nas montanhas Afeganistão, como lebres, raposas, Gazelas, Chacais, Lobos, Veados, e até mesmo, leopardos Ptarmigan (É o única grande gato que vive exclusivamente em altas montanhas e está perfeitamente adaptado a este ambiente).

    Outra função da Galgo afegão foi o monitoramento os campos de tribos nômades e gado, funções que, junto com aqueles relacionados à caça, Eles deram esta corrida uma enorme popularidade entre os nômades Afeganistão (mesmo que eles reservado um dia de celebração dedicada a Galgo afegão, que engalanaban-los com colares de flores).

    As características físicas do galgo afegão

    Aparência geral dá uma impressão de força, dignidade, velocidade e potência. A expressão exótica e oriental é típica da raça, com um olhar direto e examinador.

    O cabeça Tem a longo crânio estreito e não, com o occipital proeminente, o focinho longo, limpar o maxilar e a paragem de luz.

    O olhos Eles são de preferência escuro, quase triangulares e ligeiramente oblíqua para cima. O orelhas Eles são definidos baixo, posição bem atrasada e o animal preso contra a cabeça. O Membro. Eles são retas e de boa ossatura. O cauda ele não deve ser muito curto, adapta-se baixo, Ele forma um anel na ponta e é decorado com algumas mechas curiosas. Em movimento, o animal foi levantado.

    O cabelo É longa e fina nas laterais, extremidades e flancos. Em cães mais velhos é curta e densa na área dos ombros e os rins. Cabeça está há muito tempo pela frente e forma um longo e sedoso.

    Eles são admitidos todos cores.

    O altura ideal os machos cruzados: 68 a 74 cm. e as fêmeas: 63 a 69 cm.

    Corrida: Galgo afegão - Padrão FCI

    CABEÇA

    REGIÃO CRANIANA

    • Crânio: Longo, Não é muito estreito, com uma protuberância occipital bem marcada. Bem proporcionado e coberto com um tufo de cabelo comprido.
    • Links de depressão (Parar): Luz.

    REGIÃO FACIAL:

    • Trufa: De preferência preta; Permite limpar o fígado de cor em cães com casaco.
    • Focinho: Longo, com MANDÍBULAS poderosas.
    • Mandíbulas / Dentes: MAXILARES fortes com uma perfeita, mordida tesoura regular e completo é dizer, os incisivos superiores sobrepõem-se estreitamente a parte inferior e os dentes são colocados verticalmente na maxila. Nível de mordida. Permitido a borda da braçadeira de bitefork com borda.
    • Olhos: De preferência escuro, Embora não sejam os tons de dourado. Quase triangular na aparência, Desde o despertar interno ligeiramente oblíquo para o ângulo do canto externo.
    • Orelhas: Baixa perda de inserção e colocados muito atrás da cabeça, desgastado perto da cabeça, longo e sedoso cobre.

    PESCOÇO: Longo, forte, Mantém a porta cabeça orgulhosa.

    CORPO

    • Voltar: Em linha reta, moderadamente longa, com boa musculatura.
    • Lombo de porco: Em linha reta, bastante curto e amplo.
    • Alcatra: Ligeiramente inclinada para a cauda. Completamente separados e proeminentes ossos do quadril.
    • No peito: Costelas moderadamente saltadas, peito bem profundo.

    CAUDA: Não muito curto. Baixa perda de inserção e formando um anel em sua extremidade. Ela leva elevada durante o movimento. Capa de cabelo em forma de caneta fina.

    MEMBROS

    MEMBROS ANTERIORES:

    • Lâminas: Longo e inclinado, colocado bem atrás, equipado com boa musculatura ainda forte sem parecer pesado.
    • Antebraço: Longo e inclinado.
    • Cotovelos: No perfil vertical, debaixo da Cruz, anexado à caixa torácica, sem desvios para dentro ou para fora.
    • Braços: Em linha reta, equipado com ossos fortes.
    • Metacarpo: Longo e flexível.
    • Pés anteriores: Pés anteriores fortes e muito grandes, tanto em comprimento e largura, coberto de pêlos longos e grossos; dedos arqueados. Almofadas assente bem no solo.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Aparência geral: Poderoso. Com grande comprimento entre o quadril e os jarretes e, comparativamente, distância curta entre o Hock e pé.
    • Joelho: Bem bobina em forma e bem dirigido.
    • Pés de volta: Longo, Embora não tão grande quanto o anterior, coberto de pêlos longos e grossos, dedos arqueados. Almofadas assente bem no solo
    • Esporas: Eles podem ser removidos.

    MOVIMENTO: Fluido e elástico com um estilo muito distinto.

    MANTO

    • Cabelo: Nas costelas, nos membros anteriores e posteriores e os flancos é longo e muito fina textura. Em cães adultos, dos ombros volta e ao longo do monte são curto e apertado. Do cabelo, frente e verso é longo e é uma seção marcada, longo e sedoso (“Top-knot”). O cabelo facial é curto. As orelhas e os membros são bem cobertos de cabelo. Os pasterns podem faltar cabelo. A pele deve apresentar um desenvolvimento natural. Qualquer evidência de cortes ou cortes com tesoura deve ser penalizada..

    Cor: Admitem-se todas as cores.

    TAMANHO:
    Altura ideal na cernelha:

    • Nos machos: 68 a 74 cm.
    • Em fêmeas: 63 a 69 cm.

    FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima mencionados é considerado como falta e a gravidade disto é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    • Cão agressivo ou medroso.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    NOTA: Os machos devem ter dois testículos aparentemente normais completamente a bolsa escrotal.

    TRADUCCION: Brigida Nestler / Versão original: (IN)
    Supervisão técnica: Miguel Angel Martinez

    caráter galgo afegão e as habilidades

    É considerado uma das raças menos inteligentes, posicionado na escala como o número 79 De acordo com s. Cidade, autor de "Inteligência de cães", mas também é caprichoso.

    A Galgo afegão Eu poderia fingir que não sabe seu mestre depois de ter deixado um par de tardes no pátio, ou não ter dado toda a atenção que a demanda. O afegão olhar para você e olhar através de um. ES Digna e distante, com uma certa ferocidade sutil.

    Parecem ser dependente e ligeiramente suspeito. Eles também têm grande força e coragem, antes mesmo de outros animais ferozes como leopardos e lobos.

    Foi tentado usar corrida em Europa para corridas de galgos, mas nunca foi. O problema vem do fato de que os sighthounds afegãos não perseguir a lebre mecânica como faria com qualquer um Greyhound, mas uma verdadeira estratégia de caça que você planeja pegar a lebre: atravessar a área central da pista de corridas e atacar-los ao girar o urso está vindo para o Galgo afegão.

    Observações

    Ele tem lavado muitas vezes (cada 15 días), Porque knots formam-se facilmente.. Anciãos exemplares e fêmeas reprodutoras podem ser distorcidas para ser capaz de cuidar de mais facilmente.

    Imagens do Afghan Hound

    Os vídeos de Afghan Hound

    Tipo e reconhecimentos:

    Nomes alternativos

      1. Afghan Hound, Tazi, Tazhi Spay, Da Kochyano Spay, Sage Balochi, Ogar Afgan, Barakzai Hound, Eastern Greyhound/Persian Greyhound (Inglês).

      2. Lévrier afghan, Tazi (Francês).

      3. Afghanische Windhund, kurz Afghane (Alemão).

      4. Galgo afegão (Português).

      5. Lebrel afgano, Baluchi Hound, Sage Baluchi, Tazi, Ogar Afgan (español).

    Yorkshire Terrier
    Gran Bretañaa FCI 86 . Terriers de companhia

    Yorkshire Terrier

    conteúdo

    História

    O Yorkshire Terrier, chamada Yorkie Para abreviar, vem do norte da Inglaterra e da Escócia. Aqui, serviu durante séculos como um cão versátil para casa e jardim. Seu território foi mais tarde os assentamentos de trabalhadores pobres, que foram construídos em massa com a industrialização. As casinhas eram pequenas, as condições eram apertadas. Não havia espaço para um cachorro grande. Os pequenos terriers se encaixavam perfeitamente aqui e serviram à aldeia por muitos anos como cães de guarda e caçadores. Mantendo ratos e camundongos fora, afastando uma marta ou raposa que queria atacar galinhas ou pombos, ocasionalmente matando um coelho; o Yorkie provou ser um ajudante útil. Diz-se até que o velho Yorkie foi para a toca do coelho para caçar. Apesar de sua aparência bastante delicada, o Yorkshire Terrier é um cachorro completo. Basicamente, é uma raça concisa com um temperamento às vezes teimoso e destemido. Ao mesmo tempo, tem servido como cachorro de colo por mais 150 anos.

    Seu formulário atual como “Yorkshire Terrier” com cabelos muito longos e sedosos é o resultado de um show de criação dirigido. Além disso, seus ancestrais eram normalmente muito maiores do que os atuais ou mesmo os Toy Yorkies.

    Em documentos antigos, mesmo 6 KG como o peso de um Yorkshire Terrier. Como os outros pequenos terriers das Ilhas Britânicas, o Yorkie em última análise, origina-se de um único grande pool de genes desses terriers dos primeiros assentamentos da classe trabalhadora. Somente por meio de separação artificial deliberada, i.e., a separação da ninhada, tornaram-se as muitas raças de terrier que são geneticamente separadas hoje. Já em 1873 o Yorkshire Terrier foi reconhecida como uma raça de cachorro pelo Kennel Club.

    De acordo com registros, o Yorkshire Terrier foi a primeira raça mais popular nos Estados Unidos em 2002. Sua primeira aparição em uma exposição canina ocorreu em torno 1880, e imediatamente ele encontrou ampla aceitação no público. Ele atualmente ocupa o primeiro lugar em raças inglês, e é um dos cães de companhia mais difundidos em todo o mundo.

    Ler maisYorkshire Terrier

    West Highland White Terrier
    Inglaterra FCI 5 . Terrier de pequeno porte.

    West Highland White Terrier

    É um cachorro muito animado, alegre, com grande amor próprio, determinado e independente.

    conteúdo

    História

    O West Highland White Terrier, mais conhecido como Westie, é um antigo terrier de caça escocês. Os pequenos terriers dos quais os Westie eles serviram os seres humanos por muitos anos como cães de guarda e caçadores. Além disso, eles se faziam úteis em casa todos os dias. Manter as casas livres de ratos e camundongos, afugentando uma marta ou raposa que queria se alimentar de galinhas ou pombos à noite, provou ajudantes úteis em casa e no tribunal. A verdadeira força de West Highland White Terrier foi caça à raposa ativa, a marta e a lontra. O pequeno terrier perseguiu esses ladrões sem medo e com toda determinação até o canto mais distante de sua toca., onde eles estavam tentando tirá-los da toca, enquanto os caçadores contavam. Como seus três irmãos escoceses, Skye e Cairn Terrier, o West Highland White Terrier ele é um dos quatro descendentes desses velhos Terrier de caça escocês.

    Como os outros, vem do grande pool genético de todos aqueles terriers escoceses. Somente por criação intencional, i.e., separação artificial, Nasceram quatro raças terrieres geneticamente separadas da Escócia. Seu formulário atual como “West Highland White Terrier” É o resultado de uma criação liderada como um cão companheiro e de exibição dos últimos 100 anos. Até 1924 foi criado e liderado junto com o atual Cairn-Terrier. A cor branca pura é o resultado de uma seleção de características externas desde o momento da criação da amostra. É uma expressão de esforços para tornar esses quatro irmãos originalmente idênticos cada vez mais distinguíveis um do outro.. Em 1907 a raça foi reconhecida pelo Clube britânico do Kennel. Sempre foi uma raça bastante rara na Europa. Que de repente mudou 1990.

    A indústria da publicidade reconheceu o efeito atraente desse pequeno terrier inteligente e feliz. Marcas de alimentos para cães como “César” permanecer inseparavelmente conectado com Westie. O legal Westie tornou-se amplamente conhecido como um meio de publicidade de alimentos para cães e, posteriormente, outros artigos. Muitas pessoas o conheciam como “o cachorro da televisão”. Ele era temporariamente mais conhecido que o Cachorro Salsicha o Pastor alemão. O cenário reprodutivo sério não conseguiu atender à demanda de filhotes de Westie. Isso não poderia ser dito duas vezes por multiplicadores da Alemanha e de toda a Europa. Vendedores duvidosos vendendo maciçamente filhotes no mercado de cães. Isso não foi bom para a raça canina, sua condição física e sua saúde. Ainda hoje muitos desses criadores, principalmente bem disfarçado de “amantes da raça”, brincando na Internet.

    Características físicas

    O West Highland White Terrier é um cão pequeno e administrável, de aparência impressionante e autoconfiança. Ele tem um sobretudo muito grosso com uma camada superior dura, mas não se inclina. Seu subpêlo deve ser cabelo, curto, suave e densa. Seu casaco é resistente às intempéries. Com uma altura na cernelha de cerca de 28 centímetros, pesa entre 6,5 e 8,5 kg. No entanto, o peso ideal não é dado pelo padrão. No entanto, o Westies eles são bastante pesados ​​em relação ao seu tamanho físico. É claro, a cor de um casaco WESTY sempre deve ser branco e branco puro, Afinal de contas, já está em seu nome.

    Após as experiências com o hype da moda, já em 1998 um requisito especial para uma agricultura saudável foi estabelecido na norma, para que qualquer desvio que possa “prejudicar a saúde e o bem-estar do cão”. Uma característica marcante é a cauda do West Highland White Terrier, que o padrão define como: “de 13 a 15 cm de comprimento; coberto de pêlos grosseiros, sem caneta, o mais reto possível, transportado altivamente, mas nem feliz nem curvado nas costas. Uma cauda longa não é desejável, mas em nenhuma circunstância deve ser amputada. A cauda do Westies é um bom reflexo de sua natureza inteligente.

    Caráter e habilidades

    O West Highland White Terrier ele é um cara animado, brilhante e confiante. Nele bate o coração de um verdadeiro terrier. O padrão oficial descreve seu caráter da seguinte forma: “Pequeno, Ativo, negrito, robusto, dotado de considerável autoconfiança e um ar de nitidez predatória. Alerta, alegre, corajoso, confiante, mas amigável”. O velho caçador tem uma tendência à independência e excesso de confiança. Ele gosta de se ver como imperador.

    Não se deve apenas aceitar essa característica com um sorriso e um amplo sorriso interior., mas sim aprecio. É claro, essas ambições devem ter limites, mas talvez você nem sempre deva perceber esse limite por nós humanos. O Westies eles são muito leais e carinhosos. Eles amam sua família e são extremamente amigáveis ​​às crianças.. Eles são caracterizados por seu caráter amigável e gentil. Mas eles não são cães de colo. Apesar de seu temperamento ágil, o Westies não está inquieto ou nervoso. Estão alertas, relatando circunstâncias incomuns com latidos animados.

    Westies Maintenance:

    A atitude do Westies não tem problemas. Somente a preparação é obrigatória, aparar especialmente regular. Não possui exigências quanto ao tamanho do piso. Também pode ser mantido bem no chão de uma cidade grande. Apenas um deve permitir-lhe suas caminhadas diárias. Note-se que Westies eles foram cães de caça, cuja herança vive mesmo com o companheiro de hoje. Cães pequenos são muito perseverantes e podem seguir seus donos sem problemas ao caminhar. Deve ser usado para outros animais de estimação da caixa de areia. Se ele West Highland White Terrier é educado de forma consistente e amorosa desde a idade do filhote, então este amigo robusto de quatro patas é um companheiro valioso, que se adapta fácil e voluntariamente a todas as condições de vida de seus cuidadores.

    Formação Educacional de Westie

    A educação de West Highland White Terrier é um capítulo frequentemente subestimado. Embora o filhote pareça tão fofo, especialmente em seus primeiros meses de vida, ele é um verdadeiro terrier muito seguro de si. E esse terrier quer ser educado e guiado. O Westie requer consequências na educação desde a idade adulta. embora pequeno, sonha como a maioria dos terriers em algum canto de seu cérebro de assumir a liderança do rebanho. Você só precisa levar sua educação a sério. Em todos os outros aspectos, sua educação não é problemática. Ele quer e precisa da orientação de seu mestre ou zelador e é um companheiro dócil, amigável e sociável.

    Cuidados com West Highland White Terrier

    O West Highland White Terrier são propensas a erupções cutâneas com a pele seca, e o banho frequente pode exacerbar esses problemas. O banho-los uma vez por mês – ou um intervalo mais longo- normalmente não causam problemas. É aconselhável usar sabão neutro ou xampu para bebê e evitar produtos com substâncias agressivas, exceto médico-veterinária.

    Depois de tomar banho você deverá prestar especial atenção secá-lo muito bem os ouvidos com uma toalha. Se você escovas diariamente ou regularmente, seu cabelo vai manter-se saudável e brilhante.

    Também é aconselhável executar ocasionalmente uma escovação através do arranque de pêlos mortos (conhecido como striping), É um método totalmente indolor que é realizado por uma profissional especialista em estética canina. Esse tipo de arranjo manterá a textura e as características do manto branco do Westie. Também, Ele deve ser limpa-los ouvidos semanalmente com um pedaço de algodão umedecido com água para remover o acúmulo de cera e evitar possíveis infecções.

    Devemos dar atenção especial para limpar com um pano úmido em torno do cabelo focinho após comer ou tendo cavou um buraco. O mesmo, o lagrimales deve ser limpo para evitar o acúmulo de lagañas, Uma vez que um cão ser branco se não cuidar - diligentemente- manter limpo essas peças que vão vestir um feio Brown e irão torná-lo olhar sujo ou negligenciadas. Quando eles são animais de estimação devem lavar com toalhetes molhados para bebês, especialmente a parte da barriga e que para ser um cão com pernas curtas, Se molhar quando eles fazem xixi e acabam pegando uma cor amarela feio.

    Terrier branco de montanhas do Salud del Oeste

    Cubs West Highland White Terrier eles podem ter uma doença chamada “West Osteopatia”, conhecido como “Mandíbula do leão ou Scottie” Ele consiste no crescimento anormal do osso da mandíbula. Esta doença genética é autossômica recessiva na natureza, Isso significa que um cachorro que o presente pais devem ter o gene e transmiti-lo para o cachorro; Infelizmente, a única maneira de saber se alguma cópia playlist contém este gene nasce um filhote de cachorro e tem essa anomalia. Pelo mesmo, Talvez o próprio criador não vai saber que qualquer cópia tem esta falta até a maca é nascida.

    É condição geralmente ocorre quando o cachorro é entre 3 e 6 meses de idade e desaparece para o 12 meses.

    O diagnóstico é geralmente realizado depois de raios-x. Tratamento dos sintomas é fornecer medicamentos para ajudar o cachorro para lidar com este período, permitindo-lhe de comer e usar seu focinho enquanto ele sofre de dor. Corticosteróides são os agentes terapêuticos que são usados com mais freqüência. Doença desaparece espontaneamente quando o período de rápido crescimento. Só em casos muito graves, Não respondem ao tratamento, é eutanásia.

    Nutrição / Alimentação

    A nutrição de West Highland White Terrier geralmente não é problemático, desde que venha de um bezerro sério. Não é incomum que alergias e irritações da pele exijam uma dieta alimentar.

    Expectativa de vida de Westie

    O West Highland White Terrier de educação séria tendem a ter saúde robusta e podem atingir 15 anos em bom estado físico.

    Comprar um West Highland White Terrier

    Existem muitos provedores duvidosos de Westies na Internet. No seu próprio interesse e especialmente no bem-estar dos cães, você deve observar com muito cuidado. É melhor comprar seu filhote Westie localmente de um criador membro da FCI. Aqui você deve prestar atenção especial para que não haja consanguinidade. Ou você pode ir ao abrigo de animais e procurar outros tipos de terriers. Cubs West Highland White Terrier custar em torno de 1.000 EUR.

    Comentários de West Highland White Terrier

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “West Highland White Terrier” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    adaptação ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ cão amigável

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    1.0 Avaliação
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    necessidade social ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    casa ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    sanita ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    cascas ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    saúde ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ territorial

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    inteligência ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    versatilidade ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    vigilância ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    alegria ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Imagens do West Highland White Terrier

    Fotos:

    1 – Tara posando em Simancas (Valladolid) 27 1. 2007
    2 – West Highland Terrier por Antonio Villascusa / CC POR
    3 – Um West Highland White Terrier em Capelle aan den IJssel, Holanda. por Wouter Engler / CC BY-SA
    4 – West Highland White por https://commons.wikimedia.org/w/index.php?title=User:Mateo_Squad&action=edit&redlink=1
    5 – West Highland White Terrier a partir de 1915 por não especificado (exceto aqueles com assinatura na imagem) / Domínio público
    6 – West Highland White Terrier por SheltieBoy / CC POR

    Vídeos do West Highland White Terrier

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 85
    • Grupo 3: – Terriers
    • Seção 2: – Terrier de pequeno porte. Sem prova de trabalho.
  • Federações:
    • FCI – Terriers 2 Terrier de pequeno porte.
    • AKC – Terriers
    • ANKC – Terriers
    • CKC – Terriers
    • KC – Terriers
    • NZKC – Terriers
    • UKC – Terriers

    Padrão de FCI da raça West Highland White Terrier

    Padrão de FCI da raça West Highland White Terrier
    OLHAR GERAL: Estrutura forte; peito profundo e costelas bem desenvolvidas. Nível de volta. Membros traseiros poderosos, com boa musculatura, exibindo em alto grau a combinação de força e atividade.

    TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: Pequeno, Ativo, corajoso, sem medo, possuindo muita auto-estima, expressão travessa, alerta, alegre, negrito, autoconfiante e amigável

    CABEÇA: A distância do occipital aos olhos é ligeiramente maior que o comprimento da região facial. A cabeça está coberta com pêlos abundantes, formando um ângulo reto, o agudo, em relação ao eixo do pescoço. A cabeça não deve ser usada em uma posição estendida.

    REGIÃO CRANIANA:

    • Crânio : Ligeiramente volumoso. Vista lateral, a testa tem uma curvatura suave. O crânio diminui ligeiramente do nível da orelha para os olhos.
    • Links de depressão (Parar): Muito notório, formado por uma formação óssea visível ligeiramente saliente imediatamente acima dos olhos, e uma ligeira cavidade entre eles.

    REGIÃO FACIAL:

    • Trufa: Preto e um pouco alongado, formando um ligeiro contorno com o resto do focinho. A trufa não projeta para frente.
    • Focinho: Afina gradualmente dos olhos ao nariz. O focinho deve estar bem cheio sob os olhos., sem ser côncavo ou cair bruscamente.
    • Mandíbulas / Dentes: Mandíbulas fortes e uniformes. O mais largo possível entre as presas, salvando a expressão travessa. Os dentes são grandes proporcionalmente ao tamanho do cão, com uma mordida em tesoura uniforme, i.e., que os incisivos superiores caem exatamente na frente dos inferiores, dentes sendo colocados perpendicularmente nas mandíbulas.
    • Olhos: Separado, médias, nem arredondado nem grande, o mais escuro possível e colocado bem sob as sobrancelhas grossas que dão ao cão uma expressão afiada e inteligente. Os olhos de cores claras são muito indesejáveis.
    • Orelhas: Pequeno, ereto e realizado com firmeza, terminando em ponta, implantado nem muito perto nem muito distante. Seu cabelo curto e macio (veludo) não deve ser cortado. Sem penas na ponta. Orelhas com ponta arredondada, ampla, longo, grossos ou com muito cabelo são indesejáveis.

    PESCOÇO: tempo suficiente, de uma maneira que permita a boa posição necessária da cabeça; pescoço musculoso, espessando gradualmente em direção à base, para que possa emergir suavemente dos ombros inclinados.

    CORPO: Compactar.

    • Voltar: Nível.
    • Lombo de porco: Largo e forte.
    • No peito: Profundo; as costelas na metade superior são tão arqueadas que dão uma aparência plana aos lados. As últimas costelas têm profundidade considerável, a distância da última costela ao quadril é longa o suficiente para permitir a livre circulação do corpo.

    CAUDA: 13 – 15 cm, coberto de pêlos grosseiros, sem caneta, o mais reto possível, transportado altivamente, mas nem feliz nem curvado nas costas. Uma cauda longa não é desejável, mas em nenhuma circunstância deve ser amputada.

    MEMBROS

    MEMBROS ANTERIORES:

    Ombro: Inclinando-se para trás com escápulas largas e bem presas na parede torácica. A articulação do ombro posicionada para frente.

    • Cotovelos: Bem posicionado para permitir o movimento livre de membros, paralelo ao eixo do corpo.
    • Antebraço: Membros anteriores curtos e musculares, liso e espesso, coberto com cabelos curtos e duros.
    • Pés anteriores: Os anteriores são mais longos que os posteriores, rodada, fornecido em tamanho, forte, com almofadas grossas e coberto com cabelos curtos, áspero. Os pés traseiros são menores, com almofadas muito grossas. A superfície inferior das almofadas e todas as unhas são preferidas em preto.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Aparência geral: Strong, musculoso e largo no topo; membros posteriores curtos, muscular e tendão.
    • Coxas : Muito musculoso e não muito distante.
    • Joelhos: Bem inclinado.
    • Hock joint: Bem angulado e posicionado sob o corpo, de modo que eles fiquem consideravelmente juntos quando caminham ou em pé. Jarretes retos ou fracos são indesejáveis.
    • Pés de volta: Menor que os anteriores, rodada, fornecido em tamanho, forte, com almofadas grossas e coberto com cabelos curtos, áspero. Os pés traseiros são menores, com almofadas muito grossas. A superfície inferior das almofadas e todas as unhas são preferidas em preto.

    MOVIMENTO: Livre, direto e fácil em todos os tipos de caminhada. Nos membros anteriores, estende-se livremente para a frente dos ombros. O movimento do membro traseiro é livre, forte e unido. Joelhos e jarretes devem estar bem angulados; jarretes posicionados sob o corpo dão um bom empurrão. Movimentos rígidos ou afetados dos membros posteriores e jarretes de vaca são altamente indesejáveis.

    PELE: Livre de doenças cutâneas óbvias.

    MANTO

    • Cabelo: Possui camada dupla. A camada externa consiste em cabelos ásperos, de aproximadamente 5 cm de comprimento, sem ondulações. A camada interna, que parece pêlo, é curto, macio e denso. Pelagem imperfeita não é desejável.
    • Cor: Branco.

    TAMANHO E PESO:

    Altura à Cruz: Aproximadamente 28 cm.

    FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    OBS..:

    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    As últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCÍON: Brigida Nestler / Versão original: (IN) Supervisão técnica: Miguel Angel Martinez

    Nomes alternativos:

      1. Poltalloch Terrier, Roseneath Terrier, White Roseneath Terrier, Westie (or Westy) (Inglês).
      2. Westie (Francês).
      3. Weißer Hochlandterrier, „Westie“, ursprünglich: Poltalloch Terrier, Roseneath Terrier (Alemão).
      4. Westie (Português).
      5. Westie, Westy (español).

    Sealyham terrier
    Inglaterra FCI 74 . Terrier de pequeno porte.

    Sealyham Terrier

    Sua cor branca foi selecionada para que os cães o distinguissem facilmente da presa.

    conteúdo

    História

    Suas origens e história são mais conhecidas do que as da maioria das outras raças terrier..
    O capitão Tucker-Edwards, que viviam em sua propriedade Sealy Ham em Pembrokeshire / País de Gales, Ele começou em meados do século XIX a criar uma raça que se encaixava em suas idéias de um cão adequado para caçar texugos., lontras e martas. No entanto, Nunca ficou claro quais raças estavam realmente envolvidas na criação do Sealyham. O Dandie Dinmont Terrier, o Welsh corgi pembroke, o Bullterrier e o Fox Terrier provavelmente foram usados ​​para obter o cão de caça afiado desejado, negrito, insensível e corajoso.
    Após a morte do capitão em 1891, sua filha e suas amigas continuaram a educação. Em 1910 a raça foi admitida nas exposições do campeonato e, portanto, foi reconhecida como uma raça. Logo esses terrestres galeses vitais e intrépidos causaram uma ótima impressão e a demanda aumentou..

    Qualquer que seja a mistura exata de raças, o capitão teve um sucesso admirável, criando um caçador destemido e trabalhador que também era um companheiro encantador pelo fogo. Os anos entre as guerras mundiais foram o auge da raça na América. O Sealys eles ganharam o prêmio Westminster Best Dog Show três vezes desta vez, entre eles estava o cão show mais famoso da era da Proibição, um Sealy chamado bootlegger. Seu alto perfil foi reforçado por proprietários de alto nível de Hollywood como Humphrey Bogart, Gary Cooper e Cary Grant.

    A popularidade de Sealyham terrier entre os donos de animais diminuiu desde aqueles dias inebriantes, considerando as muitas qualidades da raça. “Eles poderiam ser um dos segredos mais bem guardados dos cães”, diz um amante de Sealyham terrier. Hoje, a raça é um pouco maior e mais afável do que os terrier terrier de primeira geração criados pelo capitão Edwardes. Sua bondade é muito útil como terapeutas em lares e hospitais infantis.

    Características físicas

    Com menos de 31 cm (12 polegadas) no ombro e um peso aproximado de 9 kg (24 libras) , o Sealyham terrier eles não são grandes o suficiente para serem considerados cães de tamanho médio, mas eles estão entre os cães pequenos mais fortes e substanciais.

    A Sealyham terrier típico é bem musculoso, bem torneado, com etapas longas e determinadas. O revestimento impermeável é predominantemente branco, e sua cabeça longa e larga é fornecida com luxuosos pêlos faciais. Apesar de sua reputação de ser o mais grosseiro entre os terriers de pernas curtas, esses terriers são fofos, engraçado, afetuosa, extrovertido e treinável, embora um pouco teimoso. Sua atenção e seu latido de cachorro grande fazem Sealys excelentes cães de guarda. Abençoado com uma natureza adaptável, o Sealys estão dispostos a viver na cidade ou no país.

    Caráter e habilidades

    O Sealies são os terriers típicos, desde que tenham certeza de si e sejam curiosos. No entanto, eles são mais macios e menos barulhentos do que outras raças terrier, o que facilita a convivência com eles.

    O Sealies eles são extrovertidos e amigáveis, mas alerta. Eles tendem a ser reservados com estranhos e são excelentes cães de guarda com um latido impressionante. Eles respondem bem a técnicas de treinamento positivas e aprendem rapidamente, mas seu senso de humor geralmente resulta em um toque inteligente em qualquer comando que eles são solicitados a executar., especialmente se eles têm uma audiência.

    São cães orgulhosos que se consideram membros da família plenos e iguais e esperam ser tratados dessa maneira..

    Como todo cachorro, o Sealies precisa de socialização precoce – exposição a muitas pessoas, Visualizações, sons e experiências diferentes – quando eles são jovens. A socialização ajuda a garantir que o seu cachorro Sealyham Terrier cresça e se torne um cão completo..

    Saúde de Sealyham Terrier

    O Sealyham Terriers não tem problemas de saúde significativos. No entanto, como com qualquer cachorro, existem algumas condições e doenças que Sealyhams eles poderiam ser propensos, como deslocamento de lente e displasia da retina.

    Luxação da lente. A lente do olho pode se mover quando o ligamento de suporte está danificado. Às vezes, pode ser tratado com medicação ou cirurgia, mas em casos graves, pode ser necessário remover o olho.
    Displasia da retina. É uma malformação do desenvolvimento da retina com a qual o cão nasce. A maioria dos casos é leve e não há perda visível da visão. Oftalmologistas veterinários podem fazer testes para determinar se os filhotes são afetados quando têm 7 a 12 semanas de idade. A displasia da retina não deve afetar a capacidade do cão de funcionar como companheiro, mas o Sealyhams afetado não deve ser elevado.
    Embora essas doenças raramente sejam relatadas em Sealyham Terriers, você deve pesquisar criadores e encontrar aqueles que fazem os testes adequados no seu canil para garantir que você obtenha o cão mais saudável possível.

    Cuidados com o Sealyham Terrier

    O tamanho pequeno e a construção robusta do Sealyham terrier faça uma boa escolha para os habitantes da cidade ou do campo. É relativamente ocioso em ambientes fechados e pode se adaptar à vida sem um pátio, contanto que você caminhe diariamente. Se você tem um pátio, deve ser cercado para evitar perseguir outros animais ou caçar.

    O Sealyhams eles são bastante discretos, não estão “ocupado” como a maioria dos terriers. Devido ao seu tamanho, sua lealdade a suas famílias e sua preferência por temperaturas frias, eles têm melhor desempenho como cães domésticos.

    Como a maioria dos terriers, para o Sealies eles gostam de cavar e latir. Este cão é um pensador independente e requer manuseio firme e consistente., mas responde bem ao treinamento com técnicas de reforço positivo, como recompensas alimentares, elogiar e brincar.

    Às vezes o Sealies pode ser difícil treinar em casa, mas paciência e uma programação regular geralmente traz sucesso.

    Preparação do Sealyham Terrier

    O Terriers de Sealyham têm demãos duplas de comprimento médio e resistentes às intempéries. O subpêlo é denso e macio, enquanto a camada superior é dura e magra. Os pêlos ao redor do rosto e do focinho são muito longos, em comparação com o resto do casaco. O Sealyham eles são todos brancos, embora alguns tenham marcas de limão, marrom ou texugo na cabeça e orelhas.

    Para ficar bem, o Sealyham Terriers eles devem ser escovados três vezes por semana para evitar a formação de emaranhados nos cabelos longos da cabeça, pernas e peito. Escovar à mão – arrancando cabelos mortos para estimular o crescimento de novos cabelos – mantém a textura correta do revestimento duro, mas isso pode ser um processo trabalhoso.

    Muitos donos de animais optam por cortar o pelo do cachorro. A desvantagem é que o pêlo se torna muito mais macio e pode lançar mais do que apenas peles nuas, que sai apenas um pouco. Você pode aprender como cortar seu Sealy você mesmo ou você pode levá-lo a um cabeleireiro profissional.

    Outras necessidades de higiene são higiene dentária e cuidados com as unhas.. Escove seus dentes Sealyham pelo menos duas a três vezes por semana para eliminar o acúmulo de tártaro e as bactérias que o acompanham. Diariamente é melhor.

    Cortar as unhas uma ou duas vezes por mês, segundo seja necessário. Se você pode ouvir o clique das unhas no chão, eles são muito longos. Unhas curtas mantêm os pés em boa forma e não arranham as pernas quando o Sealyham pule para cumprimentá-lo.

    Comece a se acostumar com o seu Sealyham terrier tê-lo escovado e examinado quando é um filhote. Manuseie seus pés com frequência – os cães são sensíveis aos pés – e olhe em sua boca e ouvidos.

    Faça da preparação uma experiência positiva, cheia de elogios e recompensas, e estabelecerá as bases para facilitar exames veterinários e outras manipulações quando adulto.

    Imagens de Sealyham Terrier

    Fotos:

    1 – fechar a fotografia de um Sealyham Terrier por Chuck em MA / CC BY-SA
    2 – Cadela do Sealyham Terrier Alice von der Löwenburg por Dr. Sabine Schumann / Domínio público
    3 – Sealyham_terrier no show nacional em Rybnik – Pedra para Pleple2000 / CC BY-SA
    4 – Um Sealyham Terrier (Smith de seis pacotes Snuffy) na floresta por https://commons.wikimedia.org/wiki/User:Ionwind
    5 – Sealyham terrier – Westminster Kennel Club Dog Show, Cidade de Nova York. por Animais Assessor de Brooklyn, E.U.A. /
    6 – Sealyham terrier – Westminster Kennel Club Dog Show, Cidade de Nova York. por Animais Assessor de Brooklyn, E.U.A. /

    Vídeos do Sealyham Terrier

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 74
    • Grupo 3: – Terriers
    • Seção 2: – Terrier de pequeno porte. Sem prova de trabalho.
  • Federações:
    • FCI – Terriers 2 Terrier de pequeno porte.
    • AKC – Terriers
    • ANKC – Terriers
    • CKC – Terriers
    • KC – Terriers
    • NZKC – Terriers
    • UKC – Terriers

    Padrão FCI da raça Sealyham Terrier

    Padrão FCI da raça Sealyham Terrier
    ASPECTO GERAL: É um cão de livre circulação, Ativo, equilibrado, de substância forte em um corpo pequeno. De contorno oblongo, não quadrado.

    TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: É um cachorro vigoroso, ativo e apto para o trabalho. Alerta e corajoso, mas por natureza amigável.

    CABEÇA

    REGIÃO CRANIANA:

    Crânio: Ligeiramente curvado e largo entre as orelhas.

    REGIÃO FACIAL:

    • Trufa: Preto.
    • Focinho: Maxilares temíveis, quadrado e longo.
    • MANDÍBULAS / dentes: Dentes uniformes e fortes, os caninos se encaixam bem e são longos em comparação com o tamanho do cão. Maxilares fortes com mordedura em tesoura regular, i.e., que a face interior dos incisivos superiores é, em contacto estreito com a face exterior dos incisivos inferiores; dentes deve ser definido quadrado nas mandíbulas.
    • Bochechas: Os ossos não são proeminentes.
    • Olhos: Escuro, bem colocado, redondo e médio. Preferencialmente bordas escuras bem pigmentadas, mas não pigmentados são tolerados.
    • Orelhas: Médias, ligeiramente arredondado na ponta e levado para as laterais das bochechas.

    PESCOÇO: Bastante longo, espessura, musculoso e bem colocado nos ombros oblíquos.

    CORPO: Médio longo, flexível.

    • Voltar: Nível.
    • No peito: Tórax largo e profundo, bem descido entre os membros anteriores.
    • Costelas: Bem arqueado.

    CAUDA: Anteriormente o costume época amputar a cauda.

    • Amputada: Médio longo. Espessura, com ponta arredondada. Inserido na mesma linha na parte traseira e tampa ereta. Os quartos traseiros devem exceder a inserção da cauda.
    • Sem amputar: Cauda de comprimento médio para o cão manter um bom equilíbrio. Espessa no afilamento da raiz até a ponta. Idealmente transportado ereto, sem estar excessivamente nas costas e sem ter um modelador ou enrolado. Os quartos traseiros devem exceder a inserção da cauda.

    MEMBROS

    MEMBROS ANTERIORES: Membros curtos, forte e o mais reto possível, compatível com um peito bem abaixado.

    • Ombro: A ponta dos ombros está alinhada com a ponta dos cotovelos.
    • Cotovelos: Bem colado nas laterais do peito.

    MEMBROS POSTERIORES: Especialmente poderoso para o tamanho do cão.

    • Coxas: Espaçoso e musculoso.
    • Articulação do joelho: Bem angulado.
    • Articulação do pé-quente (Hock): Strong, bem angulado, paralelo um ao outro.
    • Pés: Rodada, semelhante ao gato, com almofadas grossas para os pés. Pés virados para a frente.

    VIAGEM / MOVIMENTO: Rápido e vigoroso com muito impulso.

    MANTO

    Cabelo: Camada externa longa, disco rígido, textura semelhante a fio. Camada interna à prova de intempéries.

    Cor: Total branco ou branco com manchas de limão, cor marrom, azul ou texugo na cabeça e orelhas. Manchas pretas excessivamente manchadas são indesejáveis.

    ALTURA E PESO

    A altura na cernelha não deve exceder 31 cm (12 polegadas).

    peso ideal: Machos aproximadamente 9 kg (20 Português libras) .

    Fêmeas aproximadamente 8,2 kg (18 Português libras). A conformação geral, o equilíbrio de formas, tipo e substância são critérios essenciais.

    FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    1. Agressividade ou extrema timidez.
    2. Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    OBS..:

    1. Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    2. Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    As últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCION: Lic. Oscar Valverde Calvo (Costa Rica) e Jorge Nallem (Uruguai).

    Nomes alternativos:

      1. Welsh Border Terrier, Cowley Terrier (Inglês).
      2. Sealyham (Francês).
      3. Sealyham (Alemão).
      4. Sealyham (Português).
      5. Sealyham (español).

    Norfolk Terrier
    Inglaterra FCI 272 . Terrier de pequeno porte.

    Norfolk Terrier

    O Norfolk Terrier é animada, Alegre e adapta-se o campo e a cidade.

    conteúdo

    História

    O Norfolk Terrier ele é um terrier muito pequeno, baixo crescimento. Até 1964 formou uma raça de cães junto com o Norwich Terrier. Ambos diferem apenas na forma de suas orelhas. Enquanto o Norfolk Terrier tem orelhas inclinadas, o Norwich Terrier tem orelhas em pé. No passado, esses cães eram criados juntos e era sempre uma surpresa que os filhotes tivessem orelhas. Porque os juízes das feiras pelo menos sentiram que preferiam os cães com orelhas caídas, eles queriam ter os ouvidos caídos ou inclinados em uma classe própria. No entanto, em pé ou com as orelhas penduradas, eles são terriers maravilhosos, pequenos vivazes que você pode desfrutar. Eles vêm do Oriente Médio da Inglaterra. Lá, esses pequenos terriers serviram ao povo por muitos anos como cães de guarda e caçadores em casa e na corte..

    Mantendo ratos e camundongos, afugentando uma marta ou raposa que queria se alimentar de galinhas ou pombos à noite, provou ajudantes úteis em casa e no tribunal. No entanto, o pequeno Norfolk Terrier não era, como muitos outros terriers um pouco maiores, usado para caça de raposa ativa, a marta e a lontra. Não precisava ir atrás desses predadores. Não teria faltado coragem e determinação. O Norwich Terrier e Norfolk eles foram úteis como um gato, mas muito mais defensivo e eficaz, especialmente quando se trata de combater ratos. Eles também tinham o valor agregado de serem cães de guarda e alarmes de perigo e estavam mais aptos a lidar com situações severas., condições de tempo chuvoso e frio do centro da inglaterra.

    Então esses pequenos terriers já estavam espalhados nas cidades séculos atrás. Como um resultado, foram criados apenas para adequação às suas tarefas. Com orelhas eretas ou caídas, isso não importava. Enquanto suas tarefas se afastavam dos ratos para acompanhar a psique humana, as sutilezas de sua aparência externa também entraram em jogo. Um separou o terrier em duas raças. Em 1954, ambos foram reconhecidos oficialmente pela FCI sob o nome de Norwich Terrier. A variante da orelha com ponta foi reconhecida como uma raça separada em 1962.

    Características físicas

    É um cão pequeno, inteligente, Membro curto., Compacto e robusto; Tem costas curta e sua estrutura e ossos fortes.

    Norfolk Terrier tem uma camada dupla de cabelo: uma camada superior dura, camada de nervuras e a quente e macia.

    Idealmente, deve-se Pente o cabelo uma vez por semana para remover os pêlos soltos, mortos e impedir que o tapete.

    ES um dos menores cães Terrier, um “Demônio” para o seu tamanho. Afetuoso mas não briguentos, Constituição robusta.

    O amputação da cauda é opcional. Amputação média, implementado em um nível com a linha ereto dorsal e realizada. Cauda de tamanho moderado para dar o cão um equilíbrio global, espessura na base e é sintonizado em direção a ponta, reta como possível, Felizmente realizada, mas não de forma excessiva.

    Sua movimento é natural, baixa e alta pressão. Membros anteriores dirigido para a frente dos ombros. Uma boa angulação dos membros traseiros fornece-lhe uma grande força motriz.

    O Membro subsequente mudança em consonância com as anteriores, com a livre circulação dos quadris, e eles devem dobrar bem nos joelhos e jarretes. Topline nível.

    O cabelo isto é disco rígido, textura rugosa (fio), linha reta e bem conectado ao corpo. Muito tempo e áspero no pescoço e ombros.

    O cabelo é curto e suave na cabeça e orelhas, com exceção de algumas sobrancelhas luz e bigode.

    Sobre a cor, Podemos encontrar todos os tons de avermelhado, trigo, Black and Tan ou cinzento. As manchas ou manchas brancas são indesejáveis, mas permitido.

    O altura ideal para a Cruz é entre 25 e 26 cm.

    Caráter e habilidades

    Norfolk Terrier não deve ser agressivo, apesar de ser capaz de se defender se necessário. Eles, junto com Norwich Terrier e o Border Terrier, tem o temperamento mais suave do grupo Terrier.

    Como companheiro, Eles amam as pessoas e as crianças e eles são bons animais de estimação. Seu nível de atividade é geralmente uma reflexão que o ritmo do seu ambiente.

    Esta raça não deve permanecer ou viver fora, que prosperam com contato humano. Em geral, Norfolk Terrier geralmente não cavar, mas, como qualquer cão, Ele cavará por tédio quando fica sozinho por muito tempo.

    De um modo geral, viver bem com outros animais de estimação quando introduzido como um cão. Ao ar livre, eles são caçadores naturais e têm um forte instinto de presas a pequenos bugs.

    O Norfolk Terrier é um cão auto-confiante, eles são elegantes, eles são a cabeça e cauda ereta. Um Terrier de Norfolk que é tímido ou transportar o rabo entre as pernas é atípica.

    O temperamento típico de Norfolk Terrier é feliz, Alegre e confiante. A maior punição seria ignorada pela família.

    Norfolk Terrier foram criados como cães de celeiro para livrar os estábulos de animais nocivos. Hoje, eles são companheiros domésticos e devem ter uma vontade agradável para viver com o povo.

    A expectativa de vida de um Terrier de Norfolk é de 12 a 15 anos.

    Observações

    Hoje, a procura de Norfolk Terrier é muito mais a oferecer

    Eles são cães que tendem a ter ninhadas pequenas e criadores responsáveis desenvolveram a raça, eles só se reproduzem cães saudáveis que são bom temperamento, linhagem, bom pedigree e que melhor refletem o padrão da raça.

    Norfolk Terrier Educação

    A educação desta raça é um capítulo frequentemente subestimado.. Embora o cachorro já pareça tão fofo, especialmente em seus primeiros meses de vida, ele é um verdadeiro terrier muito seguro de si. E esse terrier quer ser educado e guiado. Por conseguinte, o Norfolk Terrier requer conseqüências na educação desde a idade do filhote. embora pequeno, sonha como a maioria dos terriers em algum canto de seu cérebro de assumir a liderança do rebanho. No fundo, ele se sente solto como um mastim ou um dinamarquês. Então você só precisa levar sua educação a sério. Em todos os outros aspectos, não há nenhum problema. Ele quer e precisa da orientação de seu mestre ou amante e é um companheiro dócil, amigável e sociável, que sempre traz um sorriso em nossos rostos.

    Norfolk Terrier Saúde e Cuidados

    O casaco deve ser preparado regularmente. O Norfolk não conhece uma mudança de casaco. Duas ou três vezes por ano, os cabelos mortos devem ser aparados, i.e., rasgado – mas com moderação.

    O pequeno Norfolk Terrier é uma raça bastante robusta de cachorro.

    Nutrição / Alimentação

    Norfolk Terrier nutrição não tem problemas.

    Expectativa de vida do Norfolk Terrier

    O Terriers de Norfolk eles tendem a ter saúde robusta e uma expectativa de vida média de 15 anos e mais.

    Compre um Norfolk Terrier

    A melhor maneira de comprar seu cachorro Norfolk é comprá-lo localmente de um criador membro da FCI ou dar uma olhada no abrigo. Um cão desta raça custa cerca de 1.000 EUR.

    Norfolk Terrier comentários

    Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Norfolk Terrier” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

    adaptação ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Ⓘ cão amigável

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    A perda de cabelo ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Nível de afeto ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Necessidade de exercício ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    necessidade social ⓘ

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    casa ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    sanita ⓘ

    1.0 Avaliação
    1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com estranhos ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    cascas ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    saúde ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    ⓘ territorial

    3.0 Avaliação
    3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Amigável com gatos ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    inteligência ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    versatilidade ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Crianças amigável ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    vigilância ⓘ

    4.0 Avaliação
    4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    alegria ⓘ

    5.0 Avaliação
    5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

    Norfolk Terrier fotos

    Vídeos do Norfolk Terrier

    Tipo e reconhecimentos:

    • CLASSIFICAÇÃO FCI: 272
    • Grupo 3: – Terriers
    • Seção 2: – Terrier de pequeno porte. Sem prova de trabalho.
  • Federações:
    • FCI – Terriers 2 Terrier de pequeno porte.
    • AKC – Terriers
    • ANKC – Terriers
    • CKC – Terriers
    • KC – Terriers
    • NZKC – Terriers
    • UKC – Terriers

    Padrão FCI da raça Norfolk Terrier

    Padrão FCI da raça Norfolk Terrier
    ASPECTO GERAL: É um dos menores cães terrestres. Crafty, Membro curto., Compacto e robusto; Tem costas curta e sua estrutura e ossos fortes. Cicatrizes honrosas resultantes de deterioração são permitidas.

    TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: Ele é um "demônio" por seu tamanho. Afetuoso mas não briguentos, Constituição robusta. Alerta e corajoso.

    CABEÇA

    REGIÃO CRANIANA:

    • Crânio: Largura, apenas ligeiramente arredondado e largo entre as orelhas.
    • Links de depressão (Parar): Bem definido.

    REGIÃO FACIAL

    • Focinho: Forte e em forma de cunha; seu comprimento é inferior a um terço da distância medida da depressão occipital à depressão frontal-nasal (Parar).
    • Lábios: Em anexo.
    • Mordida / Dentes : Maxilares robustos, dentes fortes e razoavelmente grandes, com dentes saudáveis, mordida completa e em tesoura, isto é, a face interna dos incisivos superiores está em contato com a face externa dos incisivos inferiores; os dentes devem ser colocados perpendicularmente às mandíbulas.
    • Olhos: oval, marrom escuro ou preto, com uma expressão de alerta e um visual inteligente e animado.
    • Orelhas: Médias e em forma de V, ligeiramente arredondado na ponta, levado adiante pelas bochechas.

    PESCOÇO: Comprimento forte e médio.

    CORPO: Compactar, curto, nivelado de volta, costelas bem arredondadas.

    CAUDA: Amputação da cauda anteriormente opcional.

    1. Amputação média, cauda implantada nivelada com a linha dorsal e transportada ereta
    2. Cauda de tamanho moderado para equilibrar o cão

    MEMBROS

    MEMBROS ANTERIORES:

    • Aparência geral: Afiado.
    • Ombro: Bem inclinado para trás e aproximadamente o comprimento do braço.
    • Antebraço: Membros anteriores curtos, poderoso e na vertical.
    • Pés anteriores: Redondo e com almofadas grossas.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Aparência geral: Bem musculoso.
    • Joelho: bem angulados.
    • Metatarso: Jarretes bem descido e reto quando visto por trás, dotado de grande força motriz.
    • Pés de volta: Redondo e com almofadas grossas.

    MOVIMENTO: Natural, baixa e alta pressão. Os membros anteriores são direcionados para a frente a partir dos ombros. Uma boa angulação dos membros traseiros fornece-lhe uma grande força motriz.

    Os membros traseiros estão se movendo em consonância com o anterior, com a livre circulação dos quadris, e eles devem dobrar bem nos joelhos e jarretes. Topline nível.

    MANTO

    • Cabelo: Durado, textura rugosa (fio), reto e perto do corpo. Muito tempo e áspero no pescoço e ombros. O cabelo é curto e suave na cabeça e orelhas, com exceção de algumas sobrancelhas luz e bigode. Higiene excessiva é indesejável.
    • Cor: Todos os tons de vermelho, trigo, Black and Tan ou cinzento. As manchas ou manchas brancas são indesejáveis, mas permitido.

    TAMANHO E PESO: A altura ideal na cernelha é: 25 cm.

    FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

    OBS..:

    • Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.
    • Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    As últimas alterações estão em negrito.

    TRADUCCÍON: Brigida Nestler / Versão original: (IN) Supervisão técnica: Miguel Angel Martinez

    Nomes alternativos:

      1. Norfolk (Inglês).
      2. Norfolk (Francês).
      3. Norfolk (Alemão).
      4. Norfolk (Português).
      5. Terrier de Norfolk (español).

    Utilização de cookies

    Este web site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência de usuário. Se você continuar navegando você está dando seu consentimento para a aceitação dos cookies acima mencionados e a aceitação de nosso política de cookies, Clique no link para obter mais informações.cookies de plugin

    ACEITAR
    Aviso de cookies