Sabujo finlandês
Finlandia FCI 51 - Farejadores de médio porte.

Sabujo finlandês

O Sabujo finlandês ele é amigável, calmo e nunca agressivo. Ele é enérgico na caça e é um rastreador versátil.

Conteúdo

História

Como seu nome implica, o Sabujo finlandês É uma raça de cão nativa da Finlândia. Sua história é a mesma de muitos outros cães, uma vez que foi desenvolvido em resposta à necessidade de um cão de caça perfeitamente adaptado ao seu ambiente.

É o resultado de um programa de melhoramento iniciado no início do século 19 por vários criadores que utilizavam o Foxhound-inglês e vários cães, bem como cães de caça franceses e alemães. O objetivo desses cruzamentos era criar um animal capaz de suportar as temperaturas extremas do inverno finlandês, com excelente resistência em terrenos montanhosos, um latido de trombeta para alertar os caçadores e um olfato particularmente desenvolvido que lhe permitiria se destacar no rastreamento de lebres e raposas. Este programa de melhoramento foi um sucesso, e a cadela que ele deu à luz, chamada Suomenajokoira, ganhou popularidade rapidamente graças às suas admiráveis ​​habilidades de caça e temperamento amigável.

Quando foi fundado Suomen Kennelliitto, A principal organização canina da Finlândia, em 1889, sua primeira iniciativa foi desenvolver uma raça de cão padronizada da Finlândia. Muitos criadores se apresentaram para tentar fazer com que sua produção fosse reconhecida como o padrão a seguir. Três cães foram selecionados na primeira exposição de cães da organização em 1891, e mais oito foram adicionados no ano seguinte. O primeiro padrão de raça de Sabujo finlandês Foi criado em 1893 com base nesses indivíduos. Decidiu-se, entre outras coisas., aceitar apenas fulvo como cor de pelagem. No entanto, esta cor não estabilizou completamente, e os indivíduos de ninhadas sucessivas muitas vezes tinham casacos de outras cores, como preto e branco. Isso forçou o Kennelliitto também reconhecer um casaco tricolor (Griffon, preto e branco) início do século XX, que finalmente se tornou a norma. O padrão evoluiu novamente em pequenos toques depois, mas em suas linhas principais permaneceu o mesmo desde 1932.

O Fédération Cynologique Internationale (FCI) reconheceu a raça em 1954, mas não tinha muitos emuladores. Por exemplo, não foi até mais de 40 anos mais tarde, em 1996, que o United Kennel Club (UKC) ele fez o mesmo. A outra organização de referência nos Estados Unidos, o American Kennel Club (AKC), ainda não deu o passo.

Na verdade, assim como o prestigioso British Kennel Club ou o Canadian Kennel Club (CCC), por exemplo, a maioria das organizações nacionais ainda não reconhece o Sabujo finlandês.

Fora da Finlândia, o Sabujo finlandês permanece totalmente desconhecido para o público em geral.

Por outro lado, o Sabujo finlandês é muito mais popular em sua Finlândia natal, a ponto de aparecer no Top 10 das raças mais comuns no país, o que a torna a raça nacional mais difundida. No entanto, com cerca de 1.000 nascimentos por ano registrados em Suomen Kennelliitto, está em queda livre há várias décadas. Na verdade, no início do século 21, o número era mais do que 2500, e no final do 90 até ultrapassado 4000. Este declínio acentuado é devido ao aumento da urbanização e ao declínio das atividades de caça.

O mesmo desenvolvimento pode ser encontrado em outros países escandinavos que adotaram o Sabujo finlandês, a saber, Suécia e Noruega. Em primeiro, o número de nascimentos registrados a cada ano no Svenska Kennelklubben está agora dentro 400, em comparação com mais do que o dobro no final do 1990. O número de nascimentos registrados no Svenska Kennelklubben agora é pouco mais que 150 por ano, em comparação com mais do que o triplo desse número no final dos anos 1990.

O Sabujo finlandês ainda comumente usado como cão de caça na Finlândia, Suécia e Noruega, mas são praticamente desconhecidos fora da região escandinava.

Foto: Sabujo finlandês por RemoteFly, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

Características físicas “Sabujo finlandês”

Atlético, resistente e forte, o Sabujo finlandês ele tem uma silhueta robusta e musculosa e um tamanho médio. O corpo dele é retangular, com peito profundo e costelas bem arqueadas. A cauda é portada baixa; é largo na base e afunila em um ponto no final.

A cabeça é bem proporcionada em relação ao corpo e ligeiramente abaulada. Um detalhe característico da raça é o lábio superior, que cai para os lados da boca formando uma curva em forma de N quando vista de frente. Seus olhos são castanhos escuros com uma expressão calma. As orelhas são grandes, plano, cai e não muito tempo.

O Sabujo finlandês tem uma camada dupla consistindo em um subpêlo curto, densa e lisa na textura e uma camada superior de comprimento médio, direto e bastante difícil. O casaco é tricolor, mistura de preto, fulvo e branco. Especificamente, o pelo é preto, enquanto a cabeça, as partes externas das pernas e ombros são fulvas. Ao mesmo tempo, manchas brancas geralmente estão presentes no focinho, o pescoço, o peito, o ventre, os pés e a ponta da cauda.

Último mas não menos importante, dimorfismo sexual é apenas ligeiramente marcado nesta raça, já que as mulheres são em média mal 3 cm menor que os machos.

Caráter e habilidades “Sabujo finlandês”

O Sabujo finlandês é acima de tudo um verdadeiro cão de trabalho com um instinto predatório altamente desenvolvido e um caráter forte.

Décadas de caça independente os tornaram teimosos e teimosos. Por esta razão, não recomendado para um professor novato: apenas um proprietário experiente e firme pode estabelecer e manter o nível apropriado de autoridade para obter um comportamento aceitável dele.

Isso não diminui suas formidáveis ​​qualidades de caça., uma atividade na qual ele está alerta, energético e durável. É usado principalmente para caçar lebre, raposa e às vezes gato selvagem. Independentemente do clima e do terreno, está sempre lá e nunca poupa seus esforços, capaz de seguir uma trilha por horas em condições climáticas ruins – auxiliado por seu olfato altamente desenvolvido. Ele também é um cão de caça muito vocal., apreciado por seu latido característico, que desempenha um papel fundamental em permitir que seu mestre o siga, mesmo quando ele não está à vista, e alertar da presença de caça.

Para combater sua energia ilimitada durante a caça, o Sabujo finlandês é geralmente calmo e amigável durante os períodos de descanso, especialmente quando eles estão em casa.

Uma vez treinado e socializado, o Sabujo finlandês combina surpreendentemente bem com a vida familiar. Eles são conhecidos por serem muito afetuosos e estão constantemente em busca da companhia humana., formando laços extremamente próximos com seus proprietários. Ele também é um cachorro que adora crianças. No entanto, eles devem ser ensinados a interagir com ele de forma adequada e a respeitá-lo, já que eles podem não gostar de ser maltratados. Em qualquer caso., nunca deixe uma criança pequena sozinha com um cachorro, independentemente de raça.

Seu bom relacionamento com os humanos não se limita ao seu círculo familiar. Geralmente é muito legal com estranhos. Em outras palavras, embora seus latidos estrondosos possam sugerir que ele é um bom cão de guarda, este não é o caso de forma alguma.

O Sabujo finlandês também é sociável com outros cães, especialmente se eles foram bem socializados desde tenra idade. Por conseguinte, é perfeitamente concebível adotar um segundo cão para lhe fazer companhia.

Isso é ainda mais verdadeiro porque sua proximidade com seus mestres facilmente o faz sofrer de ansiedade de separação quando deixado sozinho por muito tempo., uma vez que precisa de muita atenção. A presença de um pequeno companheiro pode ajudar a aliviar o problema.

Em qualquer caso., não deve ser um gato, roedor, pássaro ou qualquer outro animal pequeno. Na verdade, mesmo se você estiver acostumada a estar perto dele, é evidente que eu não estaria seguro na presença deles, porque os instintos predatórios do Sabujo finlandês eles podem assumir o controle a qualquer momento. Além disso, é recomendável mantê-lo sempre na coleira durante suas caminhadas diárias, para impedi-lo de correr atrás de pequenos animais que passariam.

O Sabujo finlandês é muito resistente e extremamente ativo, então você precisa de muito exercício todos os dias. Nos dias em que você costumava caçar, sua atividade de rastreamento deve ser uma quantidade adequada de exercício. O resto do tempo, precisa de pelo menos uma hora de exercícios vigorosos por dia: executar, caminhadas longas, etc.

Manter a mente ativa também é muito importante, por isso é aconselhável treiná-lo regularmente para seguir as pistas ou jogar bola. Isso ajuda a manter seu bem-estar mental., além de sua saúde física.

Ser feliz, o Sabujo finlandês precisa de acesso constante a um espaço ao ar livre grande o suficiente para correr livremente. É essencial que a área seja cercada para evitar o Sabujo finlandês perseguir os animais ao redor. Não é adequado para uma pequena casa sem jardim ou em um apartamento. Onde quer que eu more, sua natureza caçadora o faz latir muito e pode ser uma fonte de tensão com potenciais vizinhos.

Educação “Sabujo finlandês”

O Sabujo finlandês ele é inteligente e enérgico, mas é uma raça difícil de treinar. Acostumado desde sua criação a caçar sozinho, ao longo do tempo desenvolveu um caráter forte, independente e teimoso. Ele precisa ter à sua frente um mestre que seja pelo menos tão determinado, i.e., com experiência, capaz de mostrar ao seu cão que ele se decide e de manter uma mão firme em sua educação ao longo de sua vida. Por conseguinte, não recomendado para um professor iniciante, sobre aquele que logo ganharia a mão. Além disso, se é importante que as regras sejam claras e definidas desde o início pelo mestre, é igualmente importante que sejam constantes ao longo do tempo e consistentes de pessoa para pessoa, i.e., que todos os membros da casa os apliquem ao pé da letra.

O Sabujo finlandês é difícil de lidar, mas mostra sensibilidade real, como evidenciado por sua proximidade com sua família. Por conseguinte, punições podem afetar você emocionalmente; é preferível ter uma abordagem positiva para educá-lo, usando técnicas de reforço positivo e, portanto, o uso de recompensas: doces, acariciar, estímulos…

Em qualquer caso., a prática de caça e a habilidade de seguir uma trilha requerem muito pouco treinamento, já que são coisas que ele sabe fazer instintivamente.

No entanto, está fortemente inclinado a querer usar suas habilidades de caça em circunstâncias que não se prestam a isso, por exemplo, correndo em potencial pequenas presas em caminhadas. Ensinar seu cão a lembrar é, portanto, de particular importância com o Sabujo finlandês. No entanto, isso pode ser difícil, porque uma vez que ele é jogado em uma pista, pode ser muito relutante em abandoná-lo, ignorando completamente as ordens de seu dono. Sinta-se à vontade para começar e aperfeiçoar seu treino em um espaço fechado e seguro, como sua casa ou jardim, antes de tentar exercícios ao ar livre..

Além disso, Deve ser lembrado que esta raça foi encorajada desde o início a latir com freqüência e alto. Se não for para ser usado para caça, é possível tentar ensinar seu cão a não latir. No entanto, embora o último possa ser reduzido por meio de treinamento específico iniciado em uma idade muito precoce, é impossível caçar naturalmente, i.e., faça-os desaparecer completamente.

Enfim, como qualquer cão, beneficia de ser socializado desde os primeiros meses, para se tornar um adulto equilibrado que sabe como estar entre os humanos. Além de confrontá-lo com uma ampla gama de situações e estímulos (ruídos, cheiros, etc.), deve ser apresentado sem demora às pessoas que você conhecerá mais tarde na vida (família, amigos, vizinhos, veterinário, etc.), bem como se acostumar a cruzar todos os tipos de humanos, congêneres e representantes de outras espécies. Dado seu instinto de caça, este último ponto não é sem importância: mais acostumado você está com a presença de outros animais, menos probabilidade de caçá-los mais tarde.

Saúde “Sabujo finlandês”

O Sabujo finlandês geralmente é robusto e saudável.

Sua densa pelagem oferece excelente proteção contra o frio e as intempéries, mas também contra o calor. Embora precisem de sombra ou mesmo de ar condicionado em dias quentes, o Sabujo finlandês geralmente é capaz de se adaptar a quase qualquer clima.

Os principais problemas de saúde a que a raça está mais sujeita são:

  • Ataxia cerebelosa, geralmente hereditário, que afeta a coordenação dos movimentos e impede que os filhotes afetados se movam. Então é necessário sacrificá-los;

Certas doenças cardíacas:

  • Doença valvular, dirofilariose (Dirofilaria immitis) e cardiomiopatia;
  • Linfoma, um tipo de câncer que afeta os linfócitos, glóbulos brancos que ajudam o sistema imunológico a combater infecções. Os sintomas dependem da localização e do estágio, mas o mais comum é a falta de apetite, perda de peso, fraqueza geral e letargia, e linfonodos aumentados no pescoço. O tratamento com quimioterapia e radioterapia geralmente é iniciado, mas recaídas são comuns;
  • Displasia de quadril e cotovelo, condições ortopédicas marcadas por uma predisposição hereditária, onde os ossos não se encaixam bem. Isso leva a dificuldades de movimento (mancar, etc.);
  • Infecções de ouvido (infecções do ouvido, etc.), favorecido pelo formato inclinado de suas orelhas;
  • Displasia folicular de cabelo preto, uma condição dermatológica rara que causa queda de cabelo preto nas primeiras semanas de vida, a ponto de geralmente desaparecer antes de seu primeiro aniversário. Geralmente não afeta a saúde do cão, mas pode irritar a pele e torná-la suscetível a infecções;
  • Dermatite atópica, uma doença inflamatória da pele causada por uma alergia. Geralmente tem uma causa genética e se manifesta por coceira, arranhar e lamber sistematicamente as patas, axilas e rosto.

Além disso, um indivíduo usado para caça também está mais exposto ao risco de lesões, parasitas, espinhos… É altamente recomendável verificar sempre que você voltar para casa, para ter certeza de que está tudo bem.

Adotando um criador Sabujo finlandês sério e responsável (membro do clube de raça, por exemplo) normalmente permite ter as melhores garantias quanto à boa saúde presente e futura do animal. Deve ser capaz de apresentar um certificado de boa saúde estabelecido por um veterinário, o histórico das vacinas administradas e os resultados dos testes genéticos realizados nos pais e / ou no cachorro em relação a doenças que podem ter uma dimensão hereditária.

Além disso, tal como acontece com todos os cães, deve ser levado pelo menos uma vez por ano a um veterinário para um exame completo de saúde. Isso irá garantir que você se mantenha atualizado sobre suas vacinas e pode levar à detecção precoce de quaisquer problemas.. Ao mesmo tempo, é importante certificar-se de renovar seus tratamentos anti-vermes sempre que necessário. Isso é ainda mais importante, pois você passa muito tempo ao ar livre.

Uso de “Sabujo finlandês”

O Sabujo finlandês é um famoso cão de caça em sua terra natal, onde sempre esteve, e ainda está sendo, costumava caçar coelhos, raposas, gatos selvagens e às vezes até alces. Eles preferem trabalhar sozinhos e são particularmente bons em seguir rastros no ar ou no solo., latindo alto.

Embora o objetivo principal da criação desta raça nunca tenha sido fazer um animal de estimação, se encaixa surpreendentemente bem na vida familiar e às vezes pode ser mantido apenas para esse fim. No entanto, adequado apenas para um professor experiente, quem mora em uma casa com um grande jardim, frequentemente presente, e capaz de atender às suas altas necessidades de atividade física.

Último mas não menos importante, o Sabujo finlandês é Fiel, Gentile, amoroso e carinhoso com seus donos: todas as qualidades que podem fazer dele um bom cão de apoio psicológico para seus donos. Sua sensibilidade e vínculo estreito com seus donos lhes permite reagir intuitivamente às emoções de seus donos e oferecer-lhes conforto quando percebem que algo está errado..

Comprar “Sabujo finlandês”

Na Finlândia, o preço de compra de um cachorro de Sabujo finlandês geralmente é entre 600 e 800 EUR. O valor cobrado depende do prestígio do bezerro, a linhagem da qual o animal descende, bem como suas características intrínsecas, especialmente físico, então pode haver diferenças de preço dentro da mesma ninhada.

Como a raça é muito difícil de encontrar fora da Escandinávia, importar do exterior costuma ser a única opção. Neste caso, custos de transporte e administrativos são adicionados ao preço de compra, sem falar no custo de eventual inscrição no registro nacional do país adotado. Além disso, É importante, É claro, garantir que os regulamentos para a importação de cães do exterior sejam seguidos.

Classificações do “Sabujo finlandês”

Coexistência é importante que você tem com seu novo amigo. Plantearte antes de adquirir uma raça de cão “Sabujo finlandês” você sabe alguns fatores. Nem todas as raças de cães são capazes de viver em um apartamento, Você deve levar em conta a sua qualidade, sua necessidade de exercício, sua interação com outros animais de estimação, seu cuidado e se você tiver crianças pequenas, o seu nível de tolerância para com eles.

adaptação ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Ⓘ cão amigável

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

A perda de cabelo ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Nível de afeto ⓘ

Avaliado 5 fora de 5
5 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Necessidade de exercício ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

necessidade social ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

casa ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

sanita ⓘ

Avaliado 1 fora de 5
1 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com estranhos ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

cascas ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

saúde ⓘ

Avaliado 3 fora de 5
3 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

ⓘ territorial

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Amigável com gatos ⓘ

Avaliado 2 fora de 5
2 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

inteligência ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

versatilidade ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Crianças amigável ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

vigilância ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

alegria ⓘ

Avaliado 4 fora de 5
4 fora de 5 estrelas (baseado em 1 Reveja)

Imagens do “Sabujo finlandês”

Sabujo finlandês

Sabujo finlandês

Fotos:

1 – Sabujo finlandês por https://pixabay.com/fi/photos/koira-n%C3%A4lk%C3%A4-pelko-vihainen-5317972/
2 – Sabujo finlandês por https://www.hankikoira.fi/koirarodut/suomenajokoira

Vídeos do “Sabujo finlandês”

Suomenajokoira ajaa kettua

Sabujo finlandês / Hound Finlandês

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 51
  • Grupo 6: – Sabujos Farejadores e Raças Assemelhadas.
  • Seção 1.2: Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

Federações:

  • FCI – Grupo 6: Sabujos, farejadores e raças assemelhadas. – Seção 1.2: Farejadores de médio porte.

Padrão da raça FCI “Sabujo finlandês”

FCI Padrão No. 51 / 14.11.2000 / E
FINNISH HOUND(Hound Finlandês)
TRADUCCION : Federação Canófila Mexicana a.c..
ORIGEM : Finlândia.
DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO : 17.07.1997.

UTILIZAÇÃO :

Cachorro usado para rastrear a caça à lebre e raposa. Seu entusiasmo pela caça não diminui, mesmo nas circunstâncias mais difíceis. Trabalhar independentemente, é um rastreador versátil que persegue sua presa com um latido alto.

CLASSIFICAÇÃO FCI :

Grupo 6 Sabujos, cães rastreadores (excetouandolebreles) e raças afins.
Seção 1.2 Farejadores de médio porte. Com prova de trabalho.

BREVE RESUMO HISTÓRICO : No início do século 19 eles existiam na Finlândia, além de cães de campo finlandeses, muitos cães semelhantes às raças europeias. O desenvolvimento do Finnish Hound começou depois que o Finnish Kennel Club foi estabelecido em 1889. O primeiro padrão foi descrito em 1932. Associações de criadores de diferentes regiões do país desempenharam um papel muito importante no desenvolvimento desta raça.. Os cruzamentos realizados no início do século XX, Eles também ajudaram a criar o tronco comum do qual o sabujo finlandês descende. Tem a vantagem de ser um rastreador versátil que persegue sua presa com um latido apaixonado.

OLHAR GERAL :

Cão tricolor de tamanho médio e altura proporcional ao corpo que é visivelmente mais comprido do que alto na cernelha.; ele é de constituição forte, sem ser pesado. A área de apoio quando em pé é tão longa quanto o corpo ou ligeiramente mais longa; visto de frente é tão largo quanto o peito e visto de trás é tão largo quanto visto de frente. As características sexuais devem ser bem marcadas.

PROPORÇÕES IMPORTANTES :

• A relação entre o comprimento do corpo e a altura na cernelha é 1.1 - 1.
• A altura do tórax atinge a metade da altura na cernelha.
• O comprimento do focinho é igual ao comprimento do crânio. O comprimento do crânio é igual a sua largura e profundidade.

TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO :

Ele é um cachorro calmo, energético e amigável, nunca agressivo.

CABEÇA

REGIÃO CRANIANA : Visto de frente, o crânio é proporcionalmente largo e abobadado no topo. A testa é ligeiramente convexa vista dos lados. A linha superior do crânio é paralela à da ponte nasal; o sulco entre os olhos mal é visível; arcos supraciliares e occipital são claramente visíveis.
Links de depressão (Stop) : Os arcos supraciliares acentuam a interrupção da luz, mas bem definido.

REGIÃO FACIAL :

  • Trufa : Bem desenvolvido, preto; grandes janelas móveis.
  • Focinho : É do mesmo comprimento que o crânio, é moderadamente profundo e ligeiramente mais fino; Leme nasal é reto. O lábio inferior forma a linha inferior, que é quase paralelo à linha superior do focinho.
  • Lábios : Bem desenvolvido e pigmentado. O lábio superior é lindamente arqueado. Os lábios e cantos da boca são bem ajustados.
  • Mandíbulas / Dentes : As mandíbulas são fortes. Os dentes são bem desenvolvidos e colocados simetricamente nas mandíbulas. A dentição é normal e completa. Mordedura em tesoura apertada.
  • Bochechas : Moderadamente limpo.
  • Olhos : Médias, não excelente, ligeiramente oval, castanho escuro, bem direcionado para a frente. Expressão calma. As pálpebras são pretas.
  • Orelhas : Eles ficam pendurados com a borda frontal colada na cabeça. Eles são torcidos de modo que a borda posterior esteja voltada para fora e a ponta da orelha quase para frente. Eles são implantados na linha que vai do nariz aos olhos. Eles são planos e alcançam além do meio do focinho quando puxados para frente.

PESCOÇO :

De comprimento moderado, muscular, limpar; linha superior ligeiramente arqueada. Quando o cachorro está de pé, a ponta do nariz está no nível da linha superior do pescoço ou ligeiramente mais alta.

CORPO :

  • Voltar : Comprimento médio, reto e musculoso.
  • Lombo de porco : Bastante curto e forte.
  • Alcatra : Bem desenvolvido, longo e forte, ligeiramente inclinado. Ver Perfil, linha superior das costas continua em uma garupa lindamente arqueada
  • No peito : Longo e profundo, alcança os cotovelos. Costelas bem arqueadas, peitoril claramente visível.
  • Linha inferior : Ligeramente retraída.

CAUDA :

Inserção baixa, ligeiramente curvado, alcança as articulações tíbio-tarsais. É grosso na raiz e afunila em direção à ponta. Em repouso, fica perto dos membros posteriores; durante o movimento você pode levantá-lo, mas não acima do nível da linha superior. O cabelo que cobre a cauda é semelhante ao resto do corpo.

MEMBROS

MEMBROS ANTERIORES :

  • Como um todo. : São bem angulados. Visto de frente, eles são retos e paralelos. Os antebraços são verticais. O ponto mais profundo do peito está ao nível dos cotovelos. Braço e antebraço têm o mesmo comprimento.
  • Ombro : Bastante longo, oblíquo e forte; perto do corpo, mas muito móvel.
  • Braços : Eles têm o mesmo comprimento que as escápulas, claramente inclinado e forte.
  • Cotovelos : Bem direcionado de volta, muito próximos e paralelos ao corpo. : Forte e musculoso com fortes ossos ovais.
  • Metacarpo : Ligeiramente inclinado.
  • Pés anteriores : Ligeiramente oval e alto, com dedos bem arqueados e juntos. Unhas duras, de preferência preto. Pastilhas elásticas, de preferência na cor preta e coberto nas laterais com pele densa.

MEMBROS POSTERIORES :

  • Como um todo. : São fortes, bem angulado, reto e paralelo, visto de trás.
  • Coxa : Comprimento e largura, coberto de músculos fortes.
  • Joelho : Apontar para a frente. A linha anterior do membro posterior tem uma ligeira curvatura.
  • Perna : Moderadamente larga e inclinada, resistente.
  • Articulações do tarso quente : Strong, bastante baixo.
  • Metatarso : Bastante curto e forte, vertical.
  • Pés de volta : Da mesma conformação dos pés anteriores, sempre apontando para frente.

MOVIMENTO :

Corrida leve e eficaz com passadas amplas. A linha superior permanece nivelada e estável durante o movimento. Os membros se movem em paralelo.

PELE :

Espessura, bem colado em todo o corpo sem apresentar rugas.

PELES :

CABELO :

O subpêlo é curto, densa e de textura lisa. A pelagem externa é de comprimento médio, pegada, reta, denso e bastante áspero.

COR :

É tricolor. Possui uma capa preta e uma cor castanha ou intensa na cabeça, partes inferiores do corpo, ombros, coxas e também em algumas outras partes dos membros. Geralmente tem marcas brancas na cabeça, pescoço, Backsplash, partes inferiores dos membros e na ponta da cauda.

TAMANHO :

Altura à Cruz : Machos 55 – 61 cm,mulheres desde 52 – 58 cm.
Altura ideal : Machos de 57 – 59 cm, mulheres desde 54 – 56 cm.

FALHAS :

Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

• Constituição muito leve ou muito pesada.
• Características sexuais incorretas.
• Forma de cabeça claramente triangular.
• Pele solta na cabeça.
• Focinho curto ou pontudo.
• Mordedura em torção ou leve prognatismo superior.
• Corpo quadrado ou muito longo.
• Garupa curta e ao mesmo tempo íngreme.
• pés longos, achatado, dedos separados.
• Pelagem curta e extremamente macia.
• Cor salpicada.
• Cor da pelagem claramente interrompida.
• Muito cabelo grisalho ou cabelo de lobo.
• Altura na cernelha 1 cm maior ou menor que o estabelecido na norma.
• Um pouco tímido ou excessivamente rude perto de outros cães.

FALHAS ELIMINATÓRIAS

• Timidez ou agressividade.
• Total falta de pigmento na trufa.
• Prognatismo inferior o prognatismo superior marcado.
• Cauda quebrada.
• Altura na cernelha mais que 1 cm maior ou menor que o estabelecido na norma.

Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
NOTA : Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

Nomes alternativos:

    1. Finnish Bracke (Inglês).
    2. Chien courant finnois (Francês).
    3. (Suomenajokoira, Finnenbracke, Finsk Stövare) (Alemão).
    4. (em finlandês: Suomenajokoira) (Português).
    5. (en finlandés: Suomenajokoira) (español).
5 1 voto
Classifique a entrada

Partilhar é preocupar-se!!

Inscrever-se
Notificar de
hóspede

Este site usa Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados comentário é processado.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
ações
0
Amaria seus pensamentos, por favor comente.x