Pastor-da-ásia-central
Rusia FCI 335 - Molossóides . Montanha

Pastor de Asia Central

O Pastor-da-ásia-central É um gato com pele de cão, sensível e parceiro.

conteúdo

História

O cão Pastor-da-ásia-central (среднеазиатская овчарка o Sredneaziatskaya Ovtcharka, também conhecido como, Volkodav o The Crusher Wolf) é reconhecida pela FCI, como uma raça de cão molossóide Rússia, onde a maioria das cópias.

Os clubes de cinológicos russa concordam que esta é uma das corridas mais populares por todo o país, em muitas ocasiões, Considerando que o número 1 no ranking das raças de cães russa.

O Pastor-da-ásia-central Ele provavelmente se originou em uma área geográfica entre os Montes Urais, o mar Cáspio, Ásia menor, e o noroeste da fronteira da China. O cão pastor da Ásia Central, como misturar com outras raças, ainda, pode ser encontrada em seus países de origem, como Quirguistão, Tadjiquistão, Turcomenistão, Cazaquistão, Afeganistão, Usbequistão e países vizinhos.

Alguns servem como guardiões da pecuária, alguns proteger seus proprietários, e alguns são usados para a luta do cão, É uma tradição nacional em muitos países da região. Cientistas e biólogos de Rússia estudaram a população canina local desde o século XVIII, até agora.

Após a revolução comunista, o governo soviético enfoca as raças de cães de trabalho para o exército vermelho, importados os melhores representantes da raça em conformidade com os requisitos dos cães exército e protetor de Rússia e. Por décadas, Esta prática tem prejudicado a população local. Além de um grande número de vítimas, a introdução de novas raças na região levou a cruzamentos. Com o tempo., cães de raça pura foram esquerda apenas com alguns pastores e entusiastas de corrida, mas em outros lugares, houve um excesso de cruzes.

No entanto, e apesar de todos os, Hoje a população de cães Pastor-da-ásia-central mantém-se estável, em geral, e a reprodução de alguns cães de qualidade verdadeira honra a sua capacidade de trabalho tem sido, independentemente do país de origem.

Na Europa, o Pastor-da-ásia-central é relativamente desconhecido, mas nos países da Ásia Central ainda é usado como cão de trabalho e acompanha os pastores em suas caminhadas nas estepes.

Características físicas

Esta raça tem muitas variedades que diferem no tamanho, a cor, tipos de cabeçalho, e os tipos de peles. Por estas razões é muito difícil estabelecer um padrão oficial da raça.

O Pastor-da-ásia-central é um cachorro de tamanho grande ou médio, de constituição aproximada e musculatura forte. Sua pelagem é composta pela camada superior dura e lisa e pela abundante e densa camada interna. A camada superior pode ser curta (3 – 5 cm) ou um pouco mais (7 – 10 cm). Com uma camada superior mais longa forma uma crina distinta ao redor do pescoço. Devido a um subpêlo bem desenvolvido e a diferentes comprimentos da camada superior, cães se adaptam bem a diferentes condições climáticas.

A cor da pelagem do Pastor-da-ásia-central é muito diverso: vem nas cores branco, Black, cinza, Raposa vermelha, Marrom acinzentado, amarelo palha, sarda, manchado e manchado.

As orelhas são triangulares, baixo e pendente. A cauda é grossa na base e bem alta. A cauda natural é longa e é portada como uma cauda falciforme. O corte de cauda e orelha ainda é praticado nos países de origem.

Embora existam características únicas da raça de cães de raça pura Pastor-da-ásia-central, como sendo extremamente flexível, Isso é muito perceptível nas suas articulações, ter false costelas, o pescoço muito forte e um queixo grande.

Alguns têm uma máscara preta. A cabeça é muito sólida, o pescoço é de inserção baixa, curto, com duplo queixo. O corpo é bastante abrangente e fornecido com boas músculos planos. A caixa torácica aparece muito longa, porque eles têm suas costelas false famosas. As pernas são retas, o movimento típico é um galope.

Ele tem os olhos expressivos, quase humana, revelando sua inteligência inimitável.

De acordo com as qualidades de trabalho exigido pelos proprietários, o Pastor moderno da Ásia Central foi levantada em diferentes direções, tentando realçar habilidades específicas. Dentro da área tradicional de origem destes canes, cão de combate foram sempre, mas eles nunca foram tão cruéis e destrutiva como as lutas do tipo Pit Bull Terrier.

Todos os anos os pastores na área se reuniram para organizar lutas de cão de pastor da Ásia Central, Mas ao contrário as lutas sangrentas e cruel do que estamos acostumados a ouvir Notícias, Neste caso eles estavam lutando para a tutoria de um rebanho, e o vencedor foi o cão que eventualmente, foi feito com o comando do mesmo. Ele foi 'dominação' em vez de destruir entre espécies próprias.

Cães raramente foram feridos entre si, Ele causou arranhões menos na maioria dos casos. Só os verdadeiros líderes, Na verdade, Você medías uma verdadeira luta, mas que não era mais comum. A principal tarefa destes cães sempre foi a defesa da tropa aos ataques de vários predadores e cobras venenosas.

O Pastor da Ásia Central, Ele é um dos mais poderoso grupo de cães de guarda de cães de gado, Após o Pastor-do-cáucaso, o Kangal, Akbash, por exemplo.

A altura na Cruz 60 a 65 cm. E pesar 37 a 50 kg.

Caráter e habilidades

Na notícia, as populações rurais continuam a exigir e usar o Pastor-da-ásia-central como cão de guarda de gado, Embora não tão bem como yesteryear.

Estes cães, em diferentes graus, são protetores contra intrusos humanos, eles são muito territoriais, excelente com crianças, deve assegurar-lhes como se foram seu rebanho foram. O amor e respeito para os idosos são algumas de suas características, para proteger todos os pequenos animais de predadores, eles são muito gentis e conectados com os membros da família.

Eles não precisam de qualquer formação complicada para aprender as regras básicas da casa, mas eles são cães muito independentes e um pouco teimosos, o Pastor-da-ásia-central Ele deve ser capaz de trabalhar como uma equipe para proteger ovinos contra predadores, Por conseguinte, Se o animal tem um carácter excessivamente agressivo, outros cães como com pessoas de fora da família, eles não podem ser membros de um Pack, e não seria o teste simples para fins de conformidade com o objectivo da corrida.

O Pastor-da-ásia-central pode vir de linhas de criação que imprimem um caractere muito diferente: Trabalhando, combater, e guardião de gado, e agir em conformidade, independentemente do país de origem.

Variam de acordo com os grupos de classificação diferentes clubes canina, o Rússia Kennel Club classifica o Pastor-da-ásia-central como um cachorro que trabalha, Isso reflecte-se nos resultados excepcionais em obediência, proteção e formação relativas ao exército.

Reprodução moderna dos requisitos principais clubes canino da Rússia, requer registrar cópias de Pastor-da-ásia-central um teste de temperamento obrigatório e um diploma de treinamento credenciado, Além de mostrar a classificação. Nestes ensaios a capacidade do cão fica ajustar e adaptar-se a pastores de guardiões do cão de outros bandos, não ser motivo de conflito entre cães. O FCI classifica Pastor-da-ásia-central no grupo de cães Molossóides.

Embora seja um bom cão viver, Não podemos esquecer que o Pastor da Ásia Central é um cão de proteção de animais, as pessoas e bens, Ele foi criado para resolver problemas simples, é a mentalidade independente, forte, corajoso e responsável.

É um cão grande mas ágil, por vezes descrita como um gato com pele de cão, por esse motivo e tendo em conta sua forte instinto de proteção e territorialidade, Pode não ser uma raça recomendada para um proprietário de principiante.

Sensível e Inteligente, o Pastor-da-ásia-central você responderá melhor a alguém que possa inspirar lealdade em você, além de uma liderança forte.

Formação pesada será contraproducente com esta raça, formação mas respeitosa, reflexiva resultará em um companheiro dedicado e inseparável.

O Pastor-da-ásia-central ele passou uma quantidade considerável de tempo se movendo em sua terra natal, e esse tipo de exercício lento mas constante é o que ele gosta mais.

Com um trabalho a ser feito e um pedaço de propriedade para proteger, é o ponto mais alto da felicidade e sempre ficar de olho em tudo o que acontece.

Saúde do Pastor-da-ásia-central

a raça ainda é considerada muito saudável e extremamente robusta. Os proprietários não devem temer doenças típicas da raça. No entanto, de vez em quando, como em todos os cães grandes, problemas articulares ocorrem, especialmente nos joelhos.

Nutrição do Pastor-da-ásia-central

Embora muitas doenças articulares sejam herdadas, os sintomas geralmente podem ser evitados ou pelo menos aliviados com a ajuda de dieta e postura adequadas. Particularmente na fase de crescimento de cães, deve-se tomar cuidado para que os animais não atiram rápido demais. O crescimento rápido demais devido à ingestão excessiva de proteínas nos meses de crescimento é considerado uma das causas mais comuns de doença articular subsequente. Além de um alimento razoavelmente baixo em proteínas, administrado em pequenas quantidades três a quatro vezes ao dia, cães jovens também devem ser preservados fisicamente durante esta fase. Escadas ou longas caminhadas devem ser evitadas..

Carne como principal componente dos alimentos

Quando o Pastor-da-ásia-central está totalmente desenvolvido, o teor de proteínas dos alimentos pode ser aumentado novamente. O principal componente da comida de cachorro deve ser – como em todos os cães – carne de alta qualidade. Pode ser cozido ou cru ou, se forem utilizadas misturas alimentares produzidas industrialmente, pode ser apresentado na forma seca ou úmida. Independentemente do método de alimentação preferido pelo respectivo proprietário, é importante que o conteúdo e a composição do alimento sejam adaptados às necessidades do cão. De acordo com a idade, sexo, tamanho, nível de atividade e ambiente de vida, a composição dos nutrientes necessários pode variar consideravelmente. Não existe alimento correto para Pastor-da-ásia-central.

Quanta comida o Pastor-da-ásia-central?

A questão da quantidade de alimentos para todos os cães desta raça também não pode ser respondida em geral.. Se a composição do alimento estiver correta, o Pastor-da-ásia-central pode lidar com porções surpreendentemente pequenas. Por conseguinte, duas refeições por dia são geralmente suficientes para um cão adulto, que deve ser dado em horários fixos, se possível. Porções muito grandes, muitos “sanduíches” entre as refeições e a falta de descanso após a alimentação pode aumentar o risco de torção no estômago.

Cuidando de um Pastor-da-ásia-central

Como cachorro nômade, o Pastor-da-ásia-central é bastante pouco exigente, isso se aplica não apenas ao tamanho das porções de alimentos, mas também sob seus cuidados. Casaco de comprimento curto a médio mostra-se muito resistente e requer pouca limpeza. No entanto, deve ser escovado regularmente para remover a sujeira e manter uma estrutura saudável. As garras também devem ser aparadas para evitar ferimentos e dentes, orelhas e olhos devem ser verificados e limpos regularmente.

Educação do Pastor-da-ásia-central

Comprando um Pastor-da-ásia-central deve ser bem considerado – embora isso se aplique a todas as raças de cães, é especialmente verdade para esta raça da Ásia Central. Não é um cão de família no sentido clássico, nem é adequado para uma vida urbana. Este cão independente, amante da liberdade, acha difícil lidar com as condições de vida dos países industrializados europeus.

Para quem esta raça é adequada??

Nas mãos de criadores e criadores que vivem em lugares remotos e isolados, este cão protetor do bando ainda está nas melhores mãos. Também pessoas que moram longe da cidade, possui muito e deseja ter um cão de guarda capaz, podem ser considerados proprietários deste Pastor-da-ásia-central. No entanto, experiência e algum conhecimento em treinamento de cães devem ser pré-requisitos para manter esta raça. Além disso, um proprietário precisa acima de tudo tempo e paciência, porque a socialização e educação desse amigo de quatro patas confiante, que não pensa muito em obediência cega, É trabalho duro. Como os cães da Ásia Central tendem a dominar, eles precisam de um treinador que constantemente estabeleça limites para eles e mostre a eles a empatia necessária (para não ser confundido com vontade de comprometer) que vale a pena confiar e seguir o seu humano.

Pode uma coexistência harmoniosa ter sucesso?

O Pastor-da-ásia-central certamente não é um cão de família no sentido clássico, razão pela qual sua manutenção como cão puro da casa e da empresa é absolutamente desaconselhável. Isso não significa que um Owtscharka não pode viver junto com humanos. Em uma família que aprecia seu instinto natural de vigilância e proteção e lhe dá sua tarefa original de vigiar a casa, o quintal e o gado, o Pastor-da-ásia-central é bastante adaptável e orientado para o ser humano. Uma socialização básica, i.e., contato precoce com outras pessoas e animais, é tão importante para a coexistência harmoniosa quanto oportunidades suficientes para administrar e manter a paternidade consistente.

Fotos do Pastor-da-ásia-central

Vídeos do Pastor-da-ásia-central

Tipo e reconhecimentos:

  • CLASSIFICAÇÃO FCI: 335
  • Grupo 2: – Cães de tipo Pinscher e Schnauzer, Molossóides e Cães de Montanha, e Boieiros Suiços.
  • Seção 2.2: – Molossóides, Tipo de montanha.
  • Federações:
    • FCI – Cães do tipo Pinscher e Schnauzer-Molossoide – Cães de Montanha e Boieiros Suiços. Seção 2.2 Molossóides, tipo de montanha.
    • AKC – FSS
    • ANKC – Grupo 6 (cães utilitários)
    • NZKC – Cão utilitário
    • UKC – Cão de guarda

    Padrão FCI da raça Pastor-da-ásia-central

    Padrão FCI da raça Pastor-da-ásia-central
    TRADUCCION: Brigida Nestler / Versão original: (IN)

    Supervisão técnica: Miguel Angel Martinez

    ORIGEM: Rússia. (Regiões da Ásia Central)

    PATROCÍNIO: Rússia.

    DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO OFICIAL

    VÁLIDO: 13.10.2010.

    UTILIZAÇÃO: Cão de guarda e vigilância.

    OLHAR GERAL: O cão pastor da Ásia Central é de

    uma estrutura harmoniosa e grande estatura, moderadamente longa (nunca com um corpo longo ou curto). Corpo robusto e musculoso, volumoso, mas não com músculos visíveis.

    Dimorfismo sexual claramente definido. Os machos são mais espessos e mais corajosos que as fêmeas, com uma cruz mais pronunciada e uma cabeça maior.. A maturidade total é atingida aos três anos de idade.

    PROPORÇÕES IMPORTANTES: O comprimento do corpo excede levemente sua altura na cernelha. Aumento da altura é desejada, mas a estrutura proporcional deve permanecer. O comprimento dos membros anteriores aos cotovelos é 50 – 52% a altura na cernelha.

    O comprimento do focinho é inferior a ½ do comprimento da cabeça, mas superior a 1/3.

    TEMPERAMENTO / COMPORTAMENTO: Autoconfiante, em silêncio, equilibrado, orgulhoso e independente. Os cães têm muita coragem e alta capacidade de trabalho, resistência e um instinto natural de territorialidade. Coragem diante de grandes predadores é uma de suas características

    CABEÇA: Sólido e bem equilibrado com a aparência geral. A forma da cabeça é retangular, vista superior e lateral.

    REGIÃO CRANIANA: Crânio profundo. A antecara é plana e a área do crânio é plana e longa. Occipital bem definido, mas pouco visível devido à musculatura bem desenvolvida. Arco supraorbital moderadamente definido.

    Links de depressão (Parar): Moderadamente definido.

    REGIÃO FACIAL:

    • Trufa: Grande, bem desenvolvido, mas não excedendo o contorno geral do focinho. A cor é preta, mas nos cães brancos e bege a trufa pode ser um pouco mais clara.
    • Focinho: O focinho é rombudo e de comprimento moderado., é retangular visto de cima e os lados afunilam levemente em direção ao nariz. O focinho é volumoso, profundo e bem cheio sob os olhos. Ampla ponte nasal, reto e às vezes ligeiramente afundado. Queixo bem desenvolvido.
    • Lábios: Espessura. Lábio superior apertado, cobrindo o fundo quando a boca está fechada. Preferida a pigmentação preta completa.
    • Mandíbulas / Dentes: As mandíbulas são fortes e largas. Dentes são grandes, branco e próximos um do outro, 42 no total. Incisivos posicionados alinhados. Mordida em tesoura aceita, tesoura e clipe reverso. Caninos bem posicionados. Uma lesão no dente que não afeta o uso da mordida não tem conseqüência.
    • Bochechas: Ossos das bochechas são longos e bem desenvolvidos, sem interferir com a forma retangular reta da cabeça.
    • Olhos: Tamanho médio, forma oval, bem separados, olhando bem à frente. Posicionamento moderadamente baixo. Cor dos olhos de marrom escuro a castanho. A cor mais escura é preferida. As pálpebras são grossas e de preferência com a pálpebra inferior não muito frouxa. A terceira pálpebra não deve estar visível. A borda das pálpebras é preferida totalmente pigmentada. Qualquer que seja a cor do cabelo, as pálpebras devem ser pretas. Sua expressão é confiante e digna.
    • Orelhas: Tamanho médio, Forma triangular, espessura, baixo inserto e pingentes. Seu nível mais baixo ou ligeiramente abaixo dos seus olhos. Orelhas tradicionalmente amputadas, como ilustrado na primeira página, praticado no país de origem e em países onde não é proibido por lei.

    PESCOÇO: O pescoço é de comprimento médio, muito forte, oval transversalmente, conjunto bem musculoso e baixo. O queixo duplo é uma característica da raça.

    CORPO

    • Top de linha: Bem proporcionado e bem sustentado. Na postura, você deve manter a linha superior típica.
    • Cruz: Bem definido, especialmente em homens, músculo, longo e alto, com uma transição bem definida para as costas.
    • Voltar: Direito, Largura, bom muscular; o comprimento é ½ do comprimento da cernelha até a cauda ser inserida.
    • Lombo de porco: Curta, Largura, músculo, levemente arqueado.
    • Alcatra: Moderadamente longo, Banda larga, bem musculado, ligeiramente inclinado para a inserção da cauda. A altura na cernelha excede a altura acima do quadril 1 – 2 cm.
    • No peito: Profundo, longo, Largura, bem desenvolvido, caixa torácica alargada para a posterior. Costela longa falsa. Parte inferior do peito ao nível do cotovelo ou ligeiramente abaixo. O peitoril se estende levemente em frente à articulação úmero / escápula.
    • Linha inferior e barriga: Abdômen moderadamente retirado.

    CAUDA: Espessa na base e inserção um pouco alta. A cauda natural é usada curvada na forma de uma foice ou curvada em um anel solto que começa no último terço. Quando alerta, a cauda sobe ao nível das costas ou ligeiramente mais alta. Tradicionalmente, a cauda é amputada da maneira ilustrada pelo que é praticado no país de origem ou em países onde não é proibido por lei.

    A cola natural tem o mesmo valor que a amputada.

    MEMBROS

    MEMBROS ANTERIORES:

    • Aparência geral: Membros certos de ossos fortes, visto de frente paralelo e não muito perto um do outro. Visto do lado, o antebraço é reto.
    • Ombro: Escápula longa, bem inclinado, formando um ângulo com o antebraço de aproximadamente 100 °. Bem musculado.
    • Antebraço: Oblíquo, longo e forte.
    • Cotovelos: Encaixe apertado sem entrar ou sair. Braço: Direito, osso muito forte, longo, oval transversalmente.
    • Metacarpo: Moderadamente longa, Largura, forte, direitos.
    • Pés anteriores: Grande, arredondado, dedos arqueados, almofadas volumosas e grossas; unhas podem ser de qualquer cor.

    MEMBROS POSTERIORES:

    • Aparência geral: Visto por trás, reto e paralelo, colocados um pouco mais separados do que os anteriores.
    • Coxa: Largura, moderadamente longo e com musculatura forte.
    • Joelho: Sem virar nem para dentro nem para fora. Sua angulação é moderada.
    • Perna: Sempre o mesmo comprimento da coxa.
    • A articulação do jarrete: Moderadamente angulado.
    • Metatarsos: Muito forte e de comprimento moderado, perpendicular. Sem esporas.
    • Pés de volta: Grande, rodada, dedos arqueados, almofadas volumosas e grossas; unhas podem ser de qualquer cor.

    MOVIMENTO: Bem equilibrado e elástico. Corrida com alcance livre dos membros anteriores e forte empurrão por trás. A linha superior permanece firme durante o movimento. Todas as articulações se inclinam sem esforço. As angulações do posterior são mais definidas durante o movimento do que durante a parada..

    PELE: Espessura, solto o suficiente para evitar lesões durante o combate contra predadores.

    MANTO

    • Cabelo: Abundante, suave, grossa com cabelos internos bem desenvolvidos. O cabelo na cabeça e na frente dos membros é curto e grosso.. O cabelo na cruz às vezes é mais longo. Os pêlos externos podem ser curtos ou ligeiramente mais longos. Dependendo do comprimento do cabelo externo, pode haver cabelos mais curtos (3 – 5 cm), cobrindo todo o corpo ou cabelos mais longos (7-10 cm) formando uma juba no pescoço, penas atrás das orelhas e na parte de trás dos membros e na cauda.
    • Cor: Todos, exceto azul genético ou marrom genético em qualquer combinação e capa preta em chamas.
    TAMANHO E PESO:

    Altura à Cruz:

    Machos: Fêmeas:

    Mínimo 70 cm.

    Mínimo 65 cm.

    O maior tamanho é desejado, mas a estrutura proporcional permanece.

    Peso:

    Machos: Mínimo 50 Kg.

    Fêmeas: Mínimo 40 Kg-

    FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima é considerado faltando e a gravidade é considerada o grau de desvio do padrão e seu impacto sobre a saúde e o bem-estar do cão.

    • Pequeno desvio da tipicidade da raça.
    • Mulheres com tendências masculinas.
    • Crânio arredondado, focinho estreito, maxilar inferior estreito, nariz pequeno.
    • Colocação ocular oblíqua ou olhos próximos, pálpebras frouxas.
    • Inserção alta das orelhas.
    • Lábios finos ou pendurados.
    • Altura acima da garupa. Garupa ligeiramente curta.
    • Testa estreita.
    • Angulações exageradas da região posterior.
    • Pé aberto e dedos longos.
    • Movimento Hackney, movimento ligeiramente desequilibrado.
    • Cabelo muito curto.

    FALTAS GRAVES:

    • Muito nervoso.
    • Desvios significativos do tipo e estrutura necessários.
    • Aparência de membros longos, Ossos leves, músculos macios.
    • Olhos muito claros ou olhos salientes.
    • Linha superior abaixada.
    • Garupa muito superior à cruz.
    • Garupa estreita, curto e íngreme.
    • Cauda naturalmente curta, cauda quebrada.
    • Metacarpo muito alto, baixa.
    • Posteriores colocados muito afastados sob o corpo.
    • Altura à Cruz 2 cm abaixo do mínimo exigido na norma.

    FALHAS DE DESCALIFICANTES:

    • Agressividade ou extrema timidez.
    • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.
    • Tímido ou superexcitado.
    • Tipo feminino masculino.
    • Mordida prognática o claramente enognática.
    • Olhos de cores diferentes, olhos azuis ou verdes, Bizco.
    • Articulações frouxas.
    • Pêlos de qualquer combinação de marrom genético ou azul genético.
    • Cor de fogo com uma capa preta.
    • Manto ensortijado o suave.
    • Movimento desequilibrado.

    OBS..:

    Machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, bem desenvolvidos e acomodados a bolsa escrotal.

    Apenas cães funcional e clinicamente saudáveis, com a conformação típica da raça, deve ser usado para parentalidade.

    Nomes alternativos:

      1. Alabai, Central Asian Ovtcharka, CAO Aziat (Inglês).
      2. Chien de berger d’Asie centrale (Francês).
      3. Zentralasiatischer Owtscharka (Alemão).
      4. Türkmen Alabaý, mastim-da-ásia-central (Português).
      5. Perro Pastor de Asia Central (español).

    Partilhar é preocupar-se!!

    5 1 voto
    Classificação do artigo
    Inscrever-se
    Notificar de
    hóspede

    Este site usa Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados comentário é processado.

    3 Comentários
    O mais novo
    Mais antigas Mais Votados
    Comentários em linha
    Exibir todos os comentários

    Utilização de cookies

    Este web site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência de usuário. Se você continuar navegando você está dando seu consentimento para a aceitação dos cookies acima mencionados e a aceitação de nosso política de cookies, Clique no link para obter mais informações.cookies de plugin

    ACEITAR
    Aviso de cookies
    ações
    3
    0
    Amaria seus pensamentos, por favor comente.x