San Bernardo - Raças de cães | Mascote

Postado por tiadoc | 11 Julho 2011

- Suiza FCI 61

San Bernardo

O San Bernardo É muito carinhosa e tem um sentido inato de alívio, especialmente na neve.

HistóriaCaracterísticas físicasCaráter e habilidadesImagensVídeos
História

O San Bernardo Ele é uma raça de cão cujo nome em outros idiomas.: St. Muito, Bernhardiner, Chien du Saint-Bernard, Saint Bernard Dog.

Segundo historiadores da raça, San Bernardo, descende da antiga molossians Asian, cuja forma ancestral foi e é representada pela Mastim tibetano.

Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Manchester., dirigido por Chris Klingenberg da faculdade de Ciências biológicas, revista 47 San Bernardos crânios doados por agricultores suíços para o Museu de História Natural de Berna, cobrindo um período de 120 anos, de cópias modernas até os cães antigos do tempo que foi inicialmente definido o padrão da raça. Verificou-se que os recursos previstos na norma da corrida de San Bernardo têm tornam-se mais exagerados com o passar do tempo, como criadores de cães que tinham desejado atributos físicos escolheu.

Em relação aos seus antepassados., o moderno são Bernardo tem um crânio mais largo, o ângulo entre o nariz e testa mais pronunciado, e também um solavanco mais significativo sobre os olhos. Essas alterações são descritas exatamente como desejado nos padrões do raça. Claramente, não devido a outros fatores como o crescimento global, que eles não fornecem qualquer vantagem física para o animal, Portanto, podemos ter a certeza de ter evoluído apenas por considerações de criadores seletiva.

Esta pesquisa mostra como a seleção, natural ou neste caso artificialmente influenciados pelo homem, É a força motriz fundamental a evolução da vida no planeta.

No ano 923 nasceu Bernardo de Menthon em Menton, região de Sabóia (França), que ele se tornou arcediago de Aosta, nos Alpes italianos, dedicada a espalhar a fé cristã entre os habitantes dos Alpes. Em um desses passes alpinas foi fundado no ano de 1049 o Hospício de Gran San Bernardo, para ajudar a, Ajuda e abrigo para os caminhantes que estavam a etapa. O Santo, Teólogo e estudioso católico, Ele fazia parte da Ordem cisterciense, ou mais conhecido como Trapista, como os colegas (os monges trapistas) na Suíça tinham como um companheiro de um cão da raça por volta do século XVI.

No grande passo de montanha de Monte St. Bernhard, um. 2.469 metros acima do nível do mar, monges fundados no século XI, um hospício para viajantes e peregrinos. Lá eles gerados, Desde o meados do século XVII, cães de grande montanha para guarda e vigilância. A existência desses cães é documentada graficamente de 1695 escrito em uma crônica sobre o Hospício de ano 1707.

Estes cães logo foram usados como cães de guarda e, especialmente, como cães de resgate para viajantes perderam no nevoeiro e neve.

Há crônicas publicadas em vários idiomas sobre as muitas vidas foram salvas por estes cães no “Morte branca” e histórias de soldados que atravessaram a montanha passam com Napoleão Bonaparte para 1800, no século XIX, Ele se espalhar a fama do cão são Bernardo em toda a Europa.

Já conhecido no momento “Barry Hund“, e o lendário “Barry” Ele se tornou o símbolo do resgate do cão. Os ancestrais diretos do cão são Bernardo foram cães de tamanho grande generalizada, camponeses da região. Estes cães grandes tornou-se apenas algumas gerações, um padrão ideal, na atual corrida.

Após um congresso realizado cinológico internacional a 2 em Junho de 1887, Cão são Bernardo foi oficialmente reconhecido como raça Suíça e a raça padrão tornou-se obrigatório. Desde então, cão são Bernardo foi convertido no “Cão nacional suíço”.

Heinrich Schumacher Holligen, foi o primeiro, em 1867 criação de documentos genealógicos para seus cães. Em fevereiro de 1884 abriu a “Schweizerische Hundestammbuch” (Livro de corridas suíças, SHSB). A primeira entrada foi o cão de St. Bernard “Leon”, seguido por outro 28 anotações de St. Bernard cães. O 15 em Março de 1884 foi fundada a “Schweizerische St. Bernhardsclub” (Clube suíço do cão são Bernardo) em Basileia.

Características físicas

San bernardo, é classificada no grupo 2: Tipo de cão Pinscher e Schnauzer, Cães Molosoides e montanha e Boyeros suíço, e outras raças; seção 2; Molosoides, 2.2 Montanha tipo (sem julgamento de trabalho). Do FCI (Federation Cynologique Internationale).

Existem duas variedades do cão de St. Bernard:

  • A variedade de cabelo curto (Cabelo duplo, Stockhaar).
  • A variedade de longa-haired.

Duas variedades são de grande estatura e de uma nobre aparência geral; eles têm um corpo vigoroso, robusto, harmônico e muscular, como uma cabeça imponente com expressão de cuidados faciais.

O recurso Cruz é, mínimo de 70 cm para os machos e 65 cm para as fêmeas. A FCI padrão define um máximo de 90 cm para os machos e 80 cm para as fêmeas (cães superior a altura máxima não não devaluarán se seu aspecto geral é harmônica e seu movimento adequado).

Em geral, o tamanho é definido como:

  • Muito grande“, para ser ideal em San Bernardo, Quando exceder o 86 cm nos machos e a 80 cm nas fêmeas.
  • Grande” Quando vai de 82 um. 86 cm nos machos e 75 um. 80 cm nas fêmeas.
  • Mídia” Quando vai de 78 um. 82 cm nos machos e 70 um. 75 cm nas fêmeas.
  • Pequeno” Quando vai de 70 um. 78 cm nos machos e 65 um. 70 cm nas fêmeas.

"Na"período de ouro de San Bernardo” (1920-1940) muito raramente foram vistas em homens mais baixos riscos para 80 Suíça cm, da Alemanha, nos Países Baixos e os temas não foram tão raro acima o 90 cm.

Também atualmente um bom San Bernardo de acesso para o Campeonato nunca deve ser - com algumas exceções.- abaixo o 80-82 cm e abundante excede esse limite para alcançar acima se o alemão Doge máximo e Wolfhound Irlandês é possível, mas com maior volume, maior comprimento do tronco e mais pesada, curso.

San Bernardo: Padrão FCI

DATA DE PUBLICAÇÃO DO PADRÃO ORIGINAL VÁLIDO: 29/10/2003.

CABEÇA

Como um todo.: Imposição de, massa com uma forte expressão.

REGIÃO CRANIANA

  • Crânio: Forte e todo o. Visto de frente e perfil, que a parte superior do crânio é ligeiramente arqueada. É quando o cão a atenção, a inclusão das orelhas formam uma linha recta com a parte superior do crânio que lado apresenta uma suave curvatura para bochechas altas e fortemente desenvolvidas. A inclinação da testa bem íngreme focinho. A protuberância occipital pouco deve ser acentuada. Os orbitais acima arcos fortemente desenvolvido. Claramente marcado frente Groove começa na testa e se estende em direção ao topo da cabeça. Pele da testa, sobre os olhos, dobras de ligeira de formas que convergem em direção ao sulco central. É quando o cão a atenção, eles geralmente são quase imperceptíveis.
  • Links de depressão (Parar): Pronuncia-se fortemente.

REGIÃO FACIAL

  • Trufa: Largos e quadrados com bem marcaram ângulos, narinas bem abertas. As trufas devem ser pretas.
  • Focinho: Uniformemente larga. Leme nasal em linha reta com uma ligeira constrição no centro.
  • Belfos: Bordas pigmentadas de preto. O belfos da mandíbula superior deve ser altamente desenvolvido, correias dos ombros, mas não demasiado pingentes; eles formam um amplo arco para o nariz. Comissuras devem ser visíveis.
  • MANDÍBULAS/dentes: Fortes maxilares superior e inferior, de largura e o mesmo comprimento.
  • Mordida tesoura ou pinça bem desenvolvida, regular e completa. Ele permite que o leve prognatismo inferior, desde que os incisivos não perder o contato. É tolerada a ausência da PM1 (pré-molares 1) e o M3.
  • Olhos: Médias, eles podem ser marrom escuro a avelã; moderadamente baixo relevo. Expressão educada. As bordas das pálpebras são completamente pigmentadas.
  • Um fechamento completo é desejável, natural. É permitida uma pequena dobra na parte inferior com pouco visível conjuntiva palpebral e um pequeno vinco na pálpebra superior.
  • Orelhas: Médias, inserção alta e larga. Altamente desenvolvido Pavilion. Triângulo macio de lóbulos com ponta arredondada. Parte posterior é ligeiramente separado da cabeça, Enquanto acima deve ser definido para as bochechas.

PESCOÇO: Muito forte e boa. O duplo queixo-pescoço e garganta, moderadamente desenvolvido.

CORPO:

  • Como um todo.: A impressão geral deve ser, gaita, bem musculoso e imponente.
  • Cruz: Bem desenvolvido.
  • Voltar: Ampla, poderoso e forte. A linha superior é reta e nível até a região lombar.
  • Alcatra: Longo, ligeiramente decrescente com uma transição harmoniosa para a inserção da cauda.
  • No peito: Peito moderadamente profundo, com costelas bem suspensa, mas não abarriladas. Você não deve chegar mais cotovelos jusante.
  • Abdômen e linha inferior: Leve para cima, para trás.

CAUDA: De base ampla e forte, Deve ser longo e pesado.

  • A última vértebra deve chegar pelo menos a articulação do jarrete. Em repouso deve pendurar em linha reta ou ligeiramente curvada para cima no último terço. No estado, cuidado pode ser maior.

MEMBROS

Ex-membros:

  • Como um todo.: Visto de frente, posição bastante ampla. Os membros devem ser retos e paralelos.
  • Ombro: Escápula inclinada, musculosos e firmemente conectados ao corpo.
  • Braço: Contanto que a escápula. O ângulo entre a omoplata e o braço não deve ser demasiado aberto.
  • Cotovelo: Colado ao corpo.
  • Antebraço: Em linha reta, Óssea robusta e musculatura seca.
  • Metacarpo: Visto de frente deve ser vertical em sua extensão com antebraço. Visto lateralmente deve ser ligeiramente oblíqua.
  • Pés dianteiros: Larguras, com dedos fortes, conjunto robusto e altamente arqueado.

Membros posteriores:

  • Como um todo.: Moderadamente angulado de trás dos membros e musculado. Visto de trás devem ser paralelo e não em conjunto.
  • Coxa: Robusto, muscular e ampla.
  • Joelho: Bem angulado e não virar para dentro ou para fora.
  • Perna: Bastante longa e oblíqua.
  • Jarretes: Moderadamente angulado e forte.
  • Metatarsos: Visto de volta tão retas e paralelas.
  • Pés de volta: Larguras, com dedos fortes, conjunto robusto e altamente arqueado. As esporas são toleradas se não interferem com o movimento normal.

MOVIMENTO: Harmônica, passos longos. Bom impulso dos membros posteriores. A traseira permanece firme e estável.
Membros anteriores e posteriores devem mover-se em linha reta ao caminhar.

PELES:

  • Cabelo curto (Cabelo duplo): Densa camada exterior, liso e preso ao corpo. Espessura interna NAP. Coxas com franjas dos cabelos não muito notáveis. Cauda com pêlos grossos.
  • Cabelos longos: Camada externa de pêlos de comprimento médio, Lisa. NAP interno abundante. Sobre a anca e garupa, o cabelo pode ser um pouco ondulado. Coxas com franjas de cabelo abundante e patas dianteiras com bandeiras. Rosto e orelhas com cabelo curto. Cauda com abundante cabelo espesso.

Cor: A cor básica é branca com manchas marrons avermelhadas menores ou maiores (cães malhados), para formar um manto contínuo de marrom na parte traseira e flancos ininterrupto avermelhado (cães com manto). Este manto interrompido por veias brancas têm o mesmo valor. O tabby marrom avermelhado é permitido. O marrom-amarelada é tolerado. O marrom escuro na cabeça é muito apreciado. Tolerar alguns ligeiros traços de cor preta no corpo.

  • Importantes marcas brancas: Peitoril, pés, a cauda, Leme nasal, cabeça e nuca.
  • Marcações desejáveis: Colarinho branco.
  • Máscara escura simétrico.

TAMANHO:

Altura mínima:

  • Machos: 70 cm.
  • Fêmeas: 65 cm.

Altura máxima:

  • Machos: 90 cm.
  • Fêmeas: 80 cm.
  • Cães exceder a altura máxima não não devaluarán no seu julgar se sua aparência geral for harmonioso e correto de movimento.

FALHAS: Qualquer desvio dos critérios acima mencionados é considerado como falta e a gravidade desta é considerada proporcionalmente o grau de desvio do padrão e suas conseqüências sobre a saúde e bem-estar do cão.

  • Características do sexo não desenvolvida suficientemente.
  • Aparência geral de não-harmônica.
  • Muito curto em relação a altura do membro transversal.
  • Excesso de dobras em cabeça e pescoço.
  • Focinho muito comprida ou muito curta.
  • Pingentes e retornado belfos de mandíbula inferior fora.
  • Falta de dentes (excepto os PM1 e M3) ; dentes pequenos (especialmente os incisivos).
  • Ligeiro prognatismo inferior.
  • Olhos claros.
  • Pálpebras demasiado soltas.
  • Sela de volta ou na tenda.
  • Garupa demasiado alta ou demasiado cair.
  • Cauda enrolada em cima da parte traseira.
  • Ausência de marcas brancas considera-se importante.
  • Curvados ou muito retornados ex-membros fora.
  • Mais tarde, sob a forma de membros da Coop, de “X”, ou também em linha reta.
  • Movimento defeituoso.
  • Cabelos cacheados.
  • Incompleto, ou falta na pigmentação da trufa, belfos, pálpebras e ao redor do nariz.
  • Cor de base errada, pequenos salpicos ou manchas de wetwood cor branco.

MISS PLAYOFFS

  • Cães com medo, agressividade.
  • Prognatismo superior, prognatismo inferior marcado.
  • Olhos azuis.
  • Entrópio, ectrópio.
  • Totalmente branco ou totalmente castanho avermelhado brasão (ausência da cor básica).
  • Casaco de uma cor diferente.
  • Cães que não atinjam a altura mínima.
  • Qualquer cão mostrando sinais comportamentais ou anormalidades físicas claras será desclassificado.

NOTA: Os machos devem apresentar dois testículos de aparência normais, totalmente a bolsa escrotal.

  • Esta norma revista deve ser aplicável a partir de abril 2004.

TRADUCCION: Brigida Nestler.

Caráter e habilidades

San Bernardo é um cão grande, elegante e forte, Extrovertido, sua aparência é amigável, pacífica, é um cão “afável“. Geralmente suave e afectuoso, Ele é muito fiel e dedicado aos seus mestres.

É especialmente indicado para crianças por aqueles que sentem atração especial, assim que recebeu o apelido de “Cão de guarda”. É grande o suficiente para proteger a agressão medido.

É um cão de natureza tranquila, calma mas Alegre, a relação com as crianças é excelente.

Sua empresa e alegria são favoráveis para a saúde. Você precisa de duas coisas fundamentais em cuidados: Limpar os ouvidos e removê-los a laganas.

Eles trazem muito amor da família. É uma raça muito ciumenta com seus proprietários, eles poderiam atacar se eles foram vistos em risco, e amor as crianças.

É um cão que necessitam de cuidados em sua pele, especialmente na cara, os olhos e pálpebras, você precisará exercer (sem exceder) e espaço. Ele precisa receber amor, como todos os animais.

Imagens de San Bernardo
  • Outros nomes: St. Bernhardshund / Bernhardiner / Chien du Saint-Bernard / Saint Bernard Dog.
  • Grupo 2 / Seção 2 – Cães Molosoides e montanha.

Raças de cães: San Bernardo


Deixar uma resposta

Este site usa Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados comentário é processado.

print friendly, PDF e e-mail



raton

Utilização de cookies

Este web site utiliza cookies para que você tenha a melhor experiência de usuário. Se você continuar navegando você está dando seu consentimento para a aceitação dos cookies acima mencionados e a aceitação de nosso política de cookies, Clique no link para obter mais informações.cookies de plugin

ACEITAR
Aviso de cookies
lightbox WordPress